Alimentação

Vitamina para cachorro: veterinária explica em quais situações os suplementos são recomendados!

Descubra se a vitamina para cachorro realmente é necessária!
Descubra se a vitamina para cachorro realmente é necessária!

Quando falamos da alimentação dos nossos peludos, sempre surge aquela preocupação em relação aos nutrientes. A ração é suficiente para que se mantenham fortes e saudáveis ou é necessário inserir uma vitamina para cachorro nessa rotina? A verdade é que depende de muitos fatores e um deles é o estado geral da saúde e a idade do animal. A escolha de uma ração de qualidade é determinante para oferecer todos os nutrientes que ele precisa. Filhotes, cães idosos e cadelas prenhas, por outro lado, podem acabar precisando de um suplemento vitamínico. Para entender melhor em quais situações a vitamina para cachorro é recomendada, conversamos com a Caroline Mouco Moretti, médica veterinária e diretora clínica do Grupo Vet Popular. Veja o que a especialista falou!

Patas da Casa: Qual é o papel da vitamina para cachorro?

Caroline Mouco Moretti: A vitamina nada mais é do que um composto orgânico que auxilia o corpo do animal a ter um pleno funcionamento, auxiliando desde o processo digestivo, crescimento e até o desenvolvimento corpóreo do paciente. Quando oferecida na dieta do anima,ajuda para que o pet tenha uma qualidade de vida melhor.

PC: Vitamina para cadela prenha é necessária?

CMM: É importante que as cadelas em período de gestação tenham uma dieta equilibrada, com a presença de Cálcio, Zinco, Selênio, Ácido fólico, B6 e B12. Esses nutrientes ajudam no desenvolvimento esquelético do feto, produção de leite e ajudam no combate a eclâmpsia, infertilidade, má formação, entre outras situações de risco. Para as fêmeas que se alimentam de ração exclusivamente, nesta fase o mais indicado é substituir para uma mais adequada. O melhor é consultar um médico veterinário.

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Vitamina para cachorro filhote: composição traz nutrientes presentes no leite materno.
    Vitamina para cachorro filhote: composição traz nutrientes presentes no leite materno.

    Mais Lidas

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!
    Alimentação animal

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!

    As frutas para cachorro são ótimas opções de petiscos para agradar o seu amigo de quatro patas. Os pets podem sim tirar proveito da ingestão de determinadas frutas que são liberadas e não fazem mal. Mas afinal, cachorro pode comer banana? Quais os benefícios dessa fruta para cachorros? Qual a quantidade correta? Posso fazer um petisco para cachorro com esses alimentos? Veja as respostas para todas essas dúvidas!

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    Quantas vezes o cachorro deve comer por dia?
    Alimentação animal

    Quantas vezes o cachorro deve comer por dia?

    Cuidar da alimentação do cachorro é uma responsabilidade que merece atenção durante toda a vida do animal. O cão geralmente leva a fama de comilão, e não é à toa: alguns cachorros comem tudo que veem pela frente (ou faz a famosa cara de cachorro pidão para os humanos). É exatamente por isso que é tão importante saber quantas vezes por dia o cachorro deve comer e, principalmente, qual a quantidade certa de ração que deve ser oferecida ao seu amigo de quatro patas. 

    PC: Quais vitaminas são indicadas para quando o animal é filhote e idoso e, geralmente, tem a saúde mais frágil?

    CMM: A vitamina para cachorro filhote é semelhantes àquelas que constituem o leite materno. As rações específicas para filhotes apresentam componentes nutricionais característicos para a faixa etária. Também é preciso avaliar a necessidade de vitamina para cachorro idoso: a presença de radicais livres é muito maior e a demanda para a eliminação deles é muito importante, por isso a necessidade de ácidos graxos essenciais, por exemplo, como o Ômega 3.

    PC: A superdosagem de vitaminas pode causar algum tipo de reação no animal? 

    CMM: Sim, como a maior parte das vitaminas possui em sua apresentação componentes eletrólitos - como, por exemplo, sódio, potássio, cálcio e zinco, o excesso desses produtos pode causar sobrecargas no coração, rins e fígado. Acaba que esse excesso também é expelido, então acaba perdendo o investimento que foi feito no produto.

    PC: O que considerar antes de dar vitamina para cachorro?

    CMM: Uma ração adequada para a raça, porte, estilo de vida e com qualidade já vem com os índices de vitaminas, proteínas e sais minerais que o paciente precisa para ter um bom funcionamento. Por isso, geralmente não há necessidade de inserir uma vitamina. Suplementação e complementação da dieta deve ser realizadas apenas sob prescrição e instrução do médico veterinário.

    Redação: Luana Lopes

    Cachorro é onívoro ou carnívoro? Descubra essa e outras curiosidades sobre a alimentação canina

    Próxima matéria

    Cachorro é onívoro ou carnívoro? Descubra essa e outras curiosidades sobre a alimentação canina

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão
    Cuidados

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão

    Os cães são animais que, na maior parte do tempo, não gostam de ficar sozinhos - afinal, antes de serem domesticados, eles viviam livres em matilhas. Com a vida urbana, muitos cães acabam não recebendo os estímulos adequados para gastar energia e socializar com outros animais e pessoas. Para auxiliar a vida do tutor, que nem sempre consegue estar perto de seu pet durante o dia, existem muitas alternativas. Uma delas é a creche para cachorro: uma acomodação diária em que você pode deixar seu amigo em um lugar totalmente adaptado para cães.

    Tem problema atrasar a vacina do cachorro? Veterinária explica os riscos
    Vacina

    Tem problema atrasar a vacina do cachorro? Veterinária explica os riscos

    A vacina para cachorro é uma das principais formas de proteger o seu amigo de uma série de doenças que, além de serem realmente incômodas para o animal, podem ser fatais em alguns casos. Por isso, manter a carteira de vacinação do seu doguinho em dia é uma ótima maneira de cuidar para que ele se mantenha saudável. Ainda assim, os atrasos podem acontecer em uma série de casos diferente. Para explicar sobre as consequências, como agir quando isso acontece e o porquê das vacinas serem tão importantes, a gente conversou com a veterinária Renata Bloomfield.

    Em quais situações o soro caseiro para cachorro é recomendado?
    Saúde

    Em quais situações o soro caseiro para cachorro é recomendado?

    Você já ouviu falar do soro caseiro para cachorro? Às vezes, quando os nossos cães de estimação ficam doentes, vomitam ou têm diarreia, o corpo pode perder muito líquido. Essa condição pode pôr a vida dos animais em risco, sobretudo se o organismo eliminar mais de 10% do peso corporal em água e sais minerais. Em casos de desidratação, o soro caseiro para cães é um forte aliado para ajudar a aliviar os sintomas.

    Quais são as 5 raças de cachorro mais propensas à obesidade canina?
    Raças

    Quais são as 5 raças de cachorro mais propensas à obesidade canina?

    A aparência de um cachorro mais gordinho pode até ser um motivo de fofura para algumas pessoas, mas a obesidade canina é definitivamente um assunto sério, que pode gerar graves problemas de saúde para o animal. Assim como os seres humanos, um cachorro obeso tem mais riscos de desenvolver problemas cardíacos, diabetes e ter dificuldades nas articulações e quadris. Algumas raças são mais propensas a estar acima do peso do que outras. Há cachorros, por exemplo, que são mais ativos e exigem longos passeios para cansá-los, enquanto outros preferem comer e dormir o dia inteiro. Obviamente, os cães mais preguiçosos têm maior probabilidade de estar acima do peso do que aqueles que são mais agitados.

    Ver Todas >

    Como funciona a ração medicamentosa?
    Alimentação animal

    Como funciona a ração medicamentosa?

    A alimentação é uma das principais formas de cuidar da saúde do cachorro. As rações possuem nutrientes essenciais na quantidade certa para manter o organismo canino funcionando perfeitamente, e por isso é dever de todo tutor escolher a melhor ração para seu amigo de quatro patas. Mas e quando o cãozinho apresenta algum problema de saúde? Será que ele pode consumir qualquer tipo de ração, ou precisa de uma dieta mais específica?

    5 cuidados que todo tutor deve ter com a alimentação do gato
    Alimentação animal

    5 cuidados que todo tutor deve ter com a alimentação do gato

    A alimentação do gato é sempre uma preocupação para os tutores. Afinal, os felinos são animais extremamente exigentes quando o assunto é comida e, por isso, agradar o seu paladar rigoroso nunca é uma tarefa fácil. Não é à toa que é preciso seguir alguns critérios desde a escolha da ração para gato até os petiscos e sachês oferecidos para garantir a saúde e o bem-estar do seu bichano. Como esse é um assunto que geralmente desperta muitas dúvidas nas mães e pais de pet, nós reunimos cinco dicas preciosas sobre os cuidados fundamentais com a alimentação do seu gatinho. Dá uma olhada!

    Gato pode comer queijo? Descubra se o alimento está na lista de itens liberados para os felinos
    Alimentação animal

    Gato pode comer queijo? Descubra se o alimento está na lista de itens liberados para os felinos

    Os felinos têm um paladar bastante rigoroso, mas em alguns casos eles podem acabar se interessando por comida humana. Afinal, a curiosidade faz parte do instinto natural deles. No entanto, saber quais alimentos que gatos podem comer ou não é essencial antes de sair oferecendo qualquer tipo de comida para o seu amigo de quatro patas, como o queijo. Alguns felinos são simplesmente fissurados no alimento, e outros não dão muita bola. Mas será que o gato pode comer queijo ou faz mal? Se for liberado, como oferecer um pouco de queijo para o seu bichano? Vem que a gente te conta tudo que você precisa saber sobre o assunto!

    Alimentação do gato: entenda como funciona o exigente e criterioso paladar dos felinos
    Alimentação animal

    Alimentação do gato: entenda como funciona o exigente e criterioso paladar dos felinos

    Agradar o paladar dos felinos é uma tarefa bem difícil, mas não impossível. Todo mundo sabe que esses animais são mais rigorosos com o que comem e dificilmente se interessam por qualquer tipo de alimento. Não é à toa que cuidar da alimentação do gato exige alguns critérios por parte do tutor, tanto na hora de oferecer petiscos quanto na hora de escolher a melhor ração para gato. Mas por que será que o paladar felino é tão criterioso assim?

    Ver Todas >