close
Caixa de areia

Tudo sobre a areia sílica para gatos

Atualizado · 29 de junho de 2022 · 17h58

Publicado · 29/06/2022 · 17h58

A areia sílica para gatos é um tipo de substrato para o animal fazer suas necessidades na caixinha
A areia sílica para gatos é um tipo de substrato para o animal fazer suas necessidades na caixinha

Quem convive com um felino certamente já ouviu falar da areia sílica para gatos. Esse é um dos vários tipos de substratos que ajudam a preencher a caixinha de areia e auxiliam nas necessidades fisiológicas dos nossos amigos de quatro patas. Mas se antes as pessoas preferiam opções mais econômicas, como a areia de argila, hoje em dia outras opções têm se popularizado entre os gateiros, como o granulado de madeira e a própria areia sílica. Mas o que será que esse material tem de diferente e especial?

Se você ainda não conhece a areia para gato sílica, mas tem curiosidade em saber como funciona esse substrato, é só acompanhar a matéria abaixo. Separamos tudo que você precisa saber, desde as vantagens e desvantagens do produto até a melhor forma de adaptar seu gatinho com a areia sílica. Dá só uma olhada!

O que é areia sílica?

Um dos itens mais importantes que o tutor deve comprar antes de levar um bichano para casa é a caixa de areia para gatos. Junto dela, também cabe ao dono escolher o melhor tipo de preenchimento para o acessório - e é aí que entra a areia sílica, além de outras possibilidades.

Cada tipo de areia para gato tem características particulares que ajudam a transformar o banheirinho do pet em um lugar mais agradável para fazer xixi e cocô. Mas se por um lado algumas opções não são consideradas tão “higiênicas”; por outro, materiais como a areia sílica e os granulados biodegradáveis têm se mostrado alternativas bastante interessantes para cuidar da necessidade dos animais.

A sílica em si é uma composição de dióxido de silício que pode ser produzida de diferentes formas, e a areia sílica para gatos é uma delas. Normalmente essa versão da sílica é comercializada em formatos de bolinhas ou cristais de gel. Apesar de ser um material bastante utilizado na indústria de vidro e cerâmica, a areia sílica é um dos materiais mais apropriados e vantajosos para se pôr na caixa de areia para gatos - e mais adiante você vai entender o porquê.

Como funciona a areia para gato sílica?

A areia para gato sílica é muito prática de usar e facilita muito a vida de quem tem uma vida mais corrida. Ela é conhecida por ter ótimas propriedades absorventes, de forma que o xixi de gato é facilmente absorvido pelo material e deixa de ser um problema - tanto para o animal, quanto para a família. Isso acontece porque os cristais de sílica são constituídos por microporos que agem como se fossem uma esponja, aumentando a capacidade de absorção do líquido. Ou seja, mesmo depois que o animal usa o banheiro, ele continua limpo e evita que qualquer sujeira seja levada para o resto da casa!

Além de evitar os resquícios de xixi, a areia sílica consegue camuflar bem o cheiro da urina do pet e pode ser utilizada por bastante tempo sem a necessidade de troca. Dessa forma, nem mesmo o felino consegue perceber que a areia da caixinha não foi substituída e você não precisa lidar com aquela situação incômoda de um gato fazendo xixi e cocô no lugar errado.

Mas lembre-se: apesar de não exigir uma limpeza ou substituição tão frequente quanto outros tipos de areia para gatos, o tutor deve ter um cuidado especial para remover os dejetos (cocô de gato) diariamente. Também é importante lavar bem a caixinha de tempos em tempos para manter tudo em ordem para o seu bichinho de estimação.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A areia sílica é feita de pequenas bolinhas e cristais em gel com alto poder de absorção
    A areia sílica é feita de pequenas bolinhas e cristais em gel com alto poder de absorção

    Mais Lidas

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente.

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Afinal, um gato vive quantos anos? Não é mistério que a companhia de um bichano muda a vida de qualquer pessoa para melhor, e, se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre. No entanto, isso não é possível e muitos tutores têm dúvidas quando o assunto é a expectativa de vida. Gato, querendo ou não, é como se fosse um filho, e é muito fácil se apegar a esses animais no dia a dia. 

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    Quais são os tipos de areia sílica para gatos?

    Areia sílica em gel - Esse tipo de areia para gato sílica é feito com cristais em gel que não grudam na pata do animal e absorvem bem a urina. Já quando se trata do cocô de gato, o material forma pequenos torrões que facilitam a retirada dos dejetos com uma pá sem a necessidade de colocar uma areia nova no lugar. É o tipo mais comum de areia sílica e é indicado para felinos de todas as idades, de filhotes a idosos.

    Areia sílica com grânulos coloridos - Como o próprio nome sugere, esse tipo consiste em bolinhas coloridas de areia sílica. Geralmente, são encontrados na cor azul, e a grande vantagem dessa versão é que conforme o gato usa a caixa de areia, os grânulos vão perdendo a cor. Ou seja, é uma ótima forma de saber qual é a hora certa de trocar a areia por uma nova, proporcionando uma facilidade e comodidade ainda maior para o tutor.

    Areia micro sílica para gatos - Também conhecida como areia sílica fina para gatos, essa areia não é muito diferente da areia sílica tradicional em gel. O que difere uma da outra é o tamanho dos grânulos, que é menor e mais fino na versão “micro”. Na prática, isso ajuda ainda mais na absorção dos líquidos, inibindo a proliferação de bactérias e deixando os torrões de fezes mais compactos e ressecados, o que torna tudo mais fácil de limpar.

    A areia sílica realmente dura mais tempo?

    Essa é uma dúvida bastante comum quando falamos da sílica para gatos. Muitos argumentam que a durabilidade do produto é o ponto alto do produto, mas será que isso realmente condiz com a realidade? A resposta é sim! A areia sílica, de fato, tem uma resistência maior do que outros materiais e por isso não precisa ser trocada com tanta frequência. Ela aguenta bem até duas semanas (ou mais) sem troca, e o melhor de tudo é que, mesmo sem substituir os grãos diariamente, o gatinho não se sente incomodado porque ela absorve bem todo o líquido e não deixa o cheiro de xixi “dominar” a caixinha (nem a casa!).

    5 vantagens de usar a sílica para gatos

    1) Alto poder de absorção. A sílica para gatos tem uma forma de aspiração rápida e potente. Isso quer dizer que o material consegue absorver inteiramente líquidos, sem deixar qualquer rastro do xixi de gato. É como se o animal sequer tivesse usado a caixinha.

    2) Durabilidade. Como já foi dito, outra grande vantagem da areia sílica é que é possível utilizar o mesmo substrato por um intervalo de tempo de até duas semanas sem qualquer substituição.

    3) Neutraliza maus odores. O cheiro de xixi de gato pode ser bem incômodo, mas com a areia de sílica para gatos você nem sente! Ela é capaz de inibir aquele aroma desagradável e torna tudo muito mais prático.

    4) Praticidade. Quem leva uma vida mais corrida e não tem tempo de limpar e trocar a areia de gato com constância geralmente adora a areia para gato sílica. Por durar bastante tempo, o tutor não tem a preocupação de verificar a caixinha todos os dias e pode fazer isso a cada duas ou três semanas.

    5) Bom custo-benefício. Mesmo sendo um pouco mais cara do que outros tipos de areia, a sílica para gatos é um excelente investimento. Ela rende muito mais do que uma areia comum, e tem um tempo de conservação que é indiscutível.

    Areia de sílica para gatos não precisa ser trocada sempre, mas deve-se retirar os dejetos todos os dias
    Areia de sílica para gatos não precisa ser trocada sempre, mas deve-se retirar os dejetos todos os dias

    E quais são as desvantagens da areia sílica?

    Apesar de tantas vantagens, a areia de sílica para gatos não é isenta de defeitos. Esse tipo de areia tem alguns pontos negativos. Um em especial precisa de bastante atenção por parte dos tutores: a sílica para gatos não pode ser engolida de jeito nenhum pelos animais. As substâncias presentes no substrato são consideradas tóxicas para pets, então é bom ficar de olho no comportamento do gato para corrigi-lo se a curiosidade falar mais alto. Além disso, se houver qualquer suspeita de um gato intoxicado, é fundamental buscar a ajuda de um profissional veterinário.

    Outra desvantagem da areia para gato sílica é justamente o preço. Por durar mais tempo e trazer vários benefícios para o tutor e o pet, a sílica tem um custo mais elevado e pode não ser uma opção tão viável para a família. É importante avaliar os recursos financeiros e pôr na balança se realmente valeria a pena tentar investir nesse tipo de material.

    De quanto em quanto tempo é necessário trocar a areia sílica?

    No geral, a areia sílica para gatos é capaz de segurar bem as necessidades do seu pet por cerca de duas semanas. Porém, há casos em que o material tem uma qualidade tão boa que chega a aguentar de 20 a 30 dias sem trocas. Isso quer dizer que você pode ficar completamente despreocupado com a limpeza e substituição da areia? Não! É importante que, mesmo sem precisar ser trocada integralmente todos os dias ou semanalmente, você faça verificações frequentes da caixinha para saber se está tudo certo com o organismo do seu pet. Tanto o xixi quanto o cocô de gato podem revelar bastante sobre a saúde do animal!

    Além disso, os excrementos deixados pelo animal em forma de torrões também devem ser retirados todos os dias - mas isso não significa que você precisa colocar novos grânulos nem tirar os antigos. Um outro cuidado importante é limpar a caixa de areia regularmente, pois ela também pode acumular certa sujeira e bactérias. Por isso, a sugestão é fazer isso sempre que você for trocar os grãos.

    Como acostumar o gato com a areia sílica?

    A sílica para gatos é um material bem diferente do que os bichanos estão habituados, mas a verdade é que eles não têm qualquer dificuldade em se acostumar com essa areia. Você pode até pensar que os grânulos são desconfortáveis para o pet, já que têm a forma de bolinha e cristais, mas isso não gera qualquer incômodo aos bichanos. No processo de adaptação, observe bem a reação do seu amigo de quatro patas. Caso ele não goste tanto do novo material por algum motivo, é importante considerar voltar para a areia de gato antiga. Mesmo que a areia sílica valha muito a pena, o bem-estar do seu pet sempre deve vir em primeiro lugar!

    Redação: Juliana Melo

    Como fazer o gato beber água? Tudo sobre a hidratação felina e prevenção de doenças

    Próxima matéria

    Como fazer o gato beber água? Tudo sobre a hidratação felina e prevenção de doenças

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais
    Raças

    Saiba tudo sobre o gato Himalaia: origem, características, personalidade, cuidados e muito mais

    O gato Himalaia é, sem dúvidas, uma das raças mais queridinhas e desejadas pelos amantes de felinos. Ele reúne em sua genética a mistura de outras duas raças que são muito populares: o gato Persa e o Siamês. Ou seja, é carisma e fofura em dose dupla! Além disso, esse gatinho tem uma personalidade super dócil e tranquila, sendo a companhia perfeita para quem sempre sonhou em ter um bichinho de estimação. Se esse é o seu caso, ou se você já tem um gato do Himalaia e quer conhecer tudo sobre ele, essa matéria vai te ajudar bastante. 

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça
    Raças

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça

    Com uma beleza extraordinária, o gato Singapura deixa qualquer um babando. Esse felino de pequeno porte é considerado uma das menores raças de gato que existem. Entretanto, suas características físicas singulares não param por aí: os olhos grandes e expressivos são outra particularidade da raça. Além disso, a raça Singapura possui uma personalidade dócil e amigável. Ficou curioso para conhecer mais sobre essa raça de gato?

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)
    Raças

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)

    O Khao Manee tem um grande potencial para ser um dos grandes queridinhos entre os apaixonados por gatos. Com olhos de cores marcantes e pelo branquinho, o felino desta raça possui uma aparência rara que chama atenção e é uma ótima companhia para qualquer família. De origem tailandesa, esse gatinho é super amigável e ama estar ao lado dos seus humanos - e até mesmo de outros animais. Para conhecer mais a fundo o gato Khao Manee, o Patas da Casa separou as principais informações sobre esse bichano incrível. Dá uma olhada!

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato
    Raças

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato

    Já ouviu falar no gato Turkish Van? Também chamado de Van Turco ou o contrário, Turco Van, o animal desta raça é muito cobiçado e especial aos olhos dos amantes de felinos. Extremamente dócil e cativante, não é muito difícil entender por que as pessoas se apaixonam por esse bichano de pelagem felpuda e macia. Mas afinal, que outras características são típicas desta raça de gato? Como é a personalidade dele? Que cuidados são necessários no dia a dia do gatinho? Para desvendar todas essas questões, preparamos uma matéria com tudo que você precisa saber sobre o Van Turco. Dá só uma olhada!

    Ver Todas >

    O que fazer ao levar uma mordida de gato?
    Cuidados dos animais

    O que fazer ao levar uma mordida de gato?

    Levar uma mordida de gato nunca é algo agradável. No entanto, há situações em que a mordida é bem leve e não passa de uma simples “brincadeira” do animal, e há casos em que os dentes de gato causam uma perfuração na pele, quadro que precisa de atenção. Se isso acontecer, uma das maiores preocupações é quanto ao que fazer ao levar uma mordida de gato na mão. Inchaço, vermelhidão e outros sintomas fora do comum devem ligar o alerta, não importa se é um felino caseiro ou de rua. 

    Como cuidar do gato no inverno? Veja o infográfico com várias dicas!
    Cuidados dos animais

    Como cuidar do gato no inverno? Veja o infográfico com várias dicas!

    Não é mistério que, mesmo sendo bem peludinhos, os gatos sentem frio e ficam bem incomodados quando a temperatura baixa. Por isso, no inverno, os tutores devem redobrar a atenção com os felinos, já que esses animais são conhecidos por disfarçarem o que sentem e nem sempre os sinais de um gato com frio são claros. Além disso, saber como aquecer os bichanos é fundamental - e é aí que entram estratégias como a roupa de inverno para gatos. 

    Onde colocar a caixa de areia do gato?
    Cuidados dos animais

    Onde colocar a caixa de areia do gato?

    A caixa de areia para gatos é, sem dúvidas, um dos itens mais importantes na hora de receber um felino em casa. Higiênicos por natureza, esses animais recorrem ao acessório por instinto para fazer as suas necessidades fisiológicas. No entanto, também pode acontecer de você flagrar um gato fazendo xixi e cocô no lugar errado, mesmo com a caixinha disponível. Nesses casos, a localização da caixa de areia pode ser um dos motivos que levam o bichano a agir desta forma.

    Quantas vezes um gato urina por dia?
    Cuidados dos animais

    Quantas vezes um gato urina por dia?

    Você já se perguntou quantas vezes um gato urina por dia? Essa dúvida é muito frequente e com certeza já passou pela cabeça de todos aqueles que vivem com os felinos, sobretudo os tutores de primeira viagem. Saber quantas vezes gato vai ao banheiro é importante para conhecer o comportamento do pet e até mesmo para identificar algo de errado com a saúde dele. 

    Ver Todas >