Gato

Sachê para gatos não é um vilão! Tudo que você precisa saber antes de escolher a melhor ração úmida

Publicado - 30 Março 2023 - 16h40

Atualizado - 29 Maio 2024 - 13h09

O sachê para gatos faz muito sucesso entre os pets e não é pra menos: a ração úmida é muito mais benéfica do que a gente imagina, e, para completar, é um dos alimentos preferidos dos bichanos. Isso quer dizer que oferecer um sachê para gatos de boa qualidade e na quantidade certa pode trazer várias vantagens! Mas, mesmo que seja um aperitivo comum, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre a ração úmida. “Gatos podem comer todo dia? O sachê pode substituir a ração seca? Como escolher o melhor tipo?” são alguns questionamentos comuns. Para saber tudo sobre o assunto, o Patas da Casa preparou uma matéria especial. Confira!

Sachê para gatos pode trazer muitos benefícios

O sachê - ou ração úmida para gatos - não apenas pode, como deve fazer parte da dieta dos felinos. Um dos principais motivos para isso é porque o sachê é a comida que mais se assemelha à alimentação natural da espécie (tanto pela textura quanto pelo aroma e sabor). Ou seja, é algo que os bichanos normalmente gostam bastante e dificilmente resistem!

Além disso, existem opções de sachê para gatos que são super nutritivas e oferecem tudo que o animal precisa para manter uma boa saúde - basta procurar o sachê certo. Outra razão para apostar no alimento úmido é porque, como o próprio nome sugere, ele concentra uma maior quantidade de água e umidade. Os sachês têm até 80% do líquido na composição, enquanto a ração seca tem apenas 10%.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Como os felinos têm dificuldade para manter um nível adequado de hidratação - principalmente por causa da origem desértica deles -, o sachê acaba funcionando como uma estratégia para fazer o gato beber mais água sem ele perceber. Consequentemente, isso ajuda a prevenir diversos problemas de saúde, como a insuficiência renal em gatos , cálculos nos rins, entre outros.

Entenda a diferença entre sachê para gatos como petisco e como alimento completo

A ideia de que sachês para gatos são “maléficos” muitas vezes acontece porque as pessoas não entendem que existem dois tipos de sachês: um que funciona como petisco, e outro que serve como um alimento completo. Nenhum deles é ruim para a saúde dos bichanos e nem são excessivamente calóricos se forem consumidos na quantidade certa. Então não se preocupe achando que o gato vai engordar por comer sachê, por exemplo.

A questão é que o sachê que funciona como petisco para gatos não deve substituir as refeições do animal, por exemplo. Já o sachê que é um alimento completo pode, sim, ser servido sozinho (sempre seguindo uma proporção adequada ao peso do pet). O ideal é sempre ler atentamente as informações da embalagem, para identificar qual o tipo do alimento.

 

Gato comendo ração úmida
Ração úmida: gatos adoram a textura e o sabor do alimento

 

Então quer dizer que a ração úmida para gatos pode substituir a ração seca?

Sim, nos casos em que é identificado como um alimento completo, o sachê para gatos pode substituir a ração seca. Esse tipo de ração úmida costuma ter os nutrientes que o pet precisa na medida certa, como proteínas, gorduras e aminoácidos essenciais. Além disso, existem opções adequadas para a idade, como o sachê para gatos filhotes e adultos, e de acordo com as condições de saúde do animal, como a ração úmida para gatos com problemas renais ou gatos castrados. Ou seja, funciona de maneira bem semelhante à ração para gatos tradicional.

Já o sachê que funciona como mero snack não deve ser a base da dieta animal. Na verdade, o ideal é que ele sirva apenas como um agrado durante as brincadeiras e momentos de descontração com o pet - sempre em pequenas quantidades para não exagerar. Uma boa opção também é usá-lo como recompensa na hora de adestrar gatos.

Como oferecer sachê para gatos?

Dar sachê para gatos filhotes e adultos não é difícil, até porque os bichanos gostam bastante do sabor. O problema é saber a quantidade ideal e não ceder à carinha de pidão dos felinos quando eles querem mais. Geralmente, as orientações sobre a quantidade certa podem ser encontradas no rótulo do produto e levam em consideração o peso do gato. Além disso, você também pode conversar com um profissional de confiança para tirar possíveis dúvidas sobre as proporções.

Dependendo do tipo de sachê escolhido, você pode oferecê-lo sozinho ou acompanhado de ração. Isso mesmo: misturar a ração seca com o sachê para gatos na hora de cuidar da alimentação do seu peludo é uma opção válida, mas nessa hora o ideal é optar pela versão aperitiva e não pelo alimento completo.

A ração úmida que é um alimento completo, se misturada com a ração seca, pode causar um desequilíbrio nutricional no organismo do pet. É como se o gato estivesse consumindo os mesmos nutrientes duas vezes, então não é algo recomendado. Por isso, lembre-se: o sachê para gatos sempre deve ser oferecido sozinho, mas o sachê como aperitivo pode ser oferecido tanto isoladamente quanto junto da ração seca, tornando-a mais apetitosa.

Pode dar sachê para gatos filhotes e adultos todo dia?

Sim, pode dar sachê para gato todo dia! Essa dúvida gera muita polêmica porque algumas pessoas pensam que a ração úmida é muito calórica e pode engordar, mas desde que as porções sejam adequadas e não ultrapassem o limite de calorias diário do animal, não tem nenhum problema em dar sachê para gatos filhotes e adultos todos os dias. Os bichanos, inclusive, ficam bastante felizes com isso!

 

Gatinho filhote comendo em dois potes
O sachê para gatos filhotes deve ser apropriado para a idade do animal

 

Alguns cuidados são importantes com a ração úmida

O paladar dos gatos é criterioso e exigente. Eles não aceitam “qualquer coisa”, e mesmo que eles gostem bastante dos sachês, existem alguns cuidados que precisam ser seguidos na hora de oferecer a ração úmida para gatos. Depois de abertos, os sachês devem ser consumidos imediatamente e o que o gatinho não comer deve voltar para a geladeira. Esse tipo de alimento não pode ficar exposto por muito tempo porque pode oxidar rapidamente. O tempo de conservação do produto pode variar de fabricante para fabricante, então vale ficar de olho nisso.

Além disso, é importante ter em mente que como não existe um atrito do alimento com o dente como na ração seca, o sachê pode favorecer o acúmulo de placa bacteriana. Por isso, o tutor deve ter uma atenção ainda maior com a rotina de escovar os dentes do gato, que deve ser feito de duas a três vezes por semana.

Qual o melhor sachê para gatos?

Isso vai depender do que você procura, mas a gente garante: existem muitas opções no mercado que podem servir perfeitamente para o seu amigo. Procure sempre produtos que não contenham corantes nem conservantes e que sejam apropriados para a faixa etária do animal, assim os gatinhos conseguem aproveitar todos os benefícios que a ração úmida oferece. Se você quer saber qual o melhor sachê para gatos castrados ou com problemas renais, também vale a pena procurar por produtos que sejam específicos para essas condições.

Para quem gosta de colocar a mão na massa, uma outra possibilidade é aprender como fazer sachê natural para gatos. Existem várias receitas na internet que ensinam isso, mas lembramos que o melhor a se fazer é conversar com um veterinário antes. Alguns profissionais, inclusive, podem te guiar e ensinar receitas caseiras com ingredientes confiáveis para pôr em prática. Em todo o caso, existem sachês para gatos de marcas confiáveis nas prateleiras dos pet shops, com a vantagem de serem formulados com a exata quantidade de nutrientes que o pet precisa.

Redação: Juliana Melo

Edição: Luana Lopes

Adoção

8 características do Gato de Pelo Curto Inglês (British Shorthair)

Você conhece o gato de Pelo Curto Inglês? Esse é um felino bastante apreciado por gateiros no geral, principalmente por conta da sua...

Cuidados

Quantos anos vive um gato? 5 perguntas e respostas sobre a idade dos gatos

Uma pergunta que, mais cedo ou mais tarde, todo tutor faz é: quantos anos vive um gato? E a verdade é que se o pet receber todos os ...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

Sarna em cachorro: 5 sinais para identificar a doença de pele e opções de tratamento

A sarna em cachorro é uma das doenças mais conhecidas entre os tutores, mas as características dela ainda geram muitas dúvidas. Prov...

Adoção

8 características do Gato de Pelo Curto Inglês (British Shorthair)

Você conhece o gato de Pelo Curto Inglês? Esse é um felino bastante apreciado por gateiros no geral, principalmente por conta da sua...

Cuidados

Quantos anos vive um gato? 5 perguntas e respostas sobre a idade dos gatos

Uma pergunta que, mais cedo ou mais tarde, todo tutor faz é: quantos anos vive um gato? E a verdade é que se o pet receber todos os ...

Cachorro

"Hachiko - Para Sempre": novo filme inspirado na comovente história do leal cachorro japonês chega aos cinemas

Se você é uma daquelas pessoas que amam um bom filme de cachorro, temos uma boa notícia: um novo longa-metragem chegou aos cinemas n...

Ver todas