Filhotes

Resgatei um gato filhote, e agora? 6 coisas que você precisa fazer imediatamente

Lenon e Fred estavam abandonados na rua, foram resgatados e adotados. Mas o que fazer se isso acontecer com você? Separamos algumas dicas para te ajudar!
Lenon e Fred estavam abandonados na rua, foram resgatados e adotados. Mas o que fazer se isso acontecer com você? Separamos algumas dicas para te ajudar!

Você acabou de resgatar um gato filhote. E agora, o que fazer primeiro? Levar no veterinário? Dar um banho? Que tipo de alimento pode oferecer ao gatinho? O resgate de um animal indefeso vem cercado de dúvidas, principalmente se é a primeira vez que isso acontece com você. Nesse momento, é importante manter a calma e seguir alguns protocolos para garantir a segurança do animal. Para ajudar os resgatistas de primeira viagem, o Patas da Casa conversou com a Daniela Saraiva, que é responsável pelo abrigo Cabana do Picapau, no Rio de Janeiro, e já resgatou e doou mais de 1000 gatos. Confira 6 dicas importantes!

1. Leve o gato filhote ao veterinário para um check up

Parece óbvio, mas muitas pessoas não entendem que ao resgatar um felino devem ir direto ao veterinário, principalmente se você tem outros animais em casa. O médico fará um exame clínico e observará se o gatinho tem alguma ferida, se o olhos apresentam alguma infecção (a conjuntivite é bem comum em gatos filhotes), medirá a temperatura do animal e provavelmente pedirá alguns exames. Além do hemograma, é fundamental que o gato filhote faça um teste de FIV e FeLV (AIDS felina e Leucemia Felina, respectivamente), doenças muito graves e que demandam cuidados específicos. É importante lembrar que um gato positivo para essas doenças não pode conviver com felinos saudáveis.

2. Alimentação do gato filhote: mãe de leite, ração ou alimento próprio para felinos?

A alimentação de um gato filhote requer alguns cuidados. Primeiro, nada de dar leite de vaca para um felino, ok?! O ideal é comprar leites próprios para alimentar gatos filhotes, que podem ser recomendados pelo veterinário e encontrados em pet-shops. O filhotinho precisa ser alimentado de 3 em 3 horas.

No caso de animais com poucos dias de vida, você precisa buscar uma mãe de leite. “Quando o bebê ainda tem os olhos fechados, na primeira semana de vida, é mais difícil que ele sobreviva sem uma mãe de leite”, conta Daniela. Por isso, é importante procurar uma gata que tenha parido recentemente e tentar, de alguma forma, fazer com que ela alimente mais um filhote. Mas tome alguns cuidados com a saúde dos animais: Daniela orienta que juntar um bebê que não é saudável com uma gata que é saudável pode ser bastante arriscado. Por isso, novamente, é super necessário fazer um teste de FIV e FeLV antes de tudo.

Os filhotes começam a se interessar pela ração seca a partir de um mês. A recomendação é que o alimento seja específico para filhotes e de boa qualidade. “Pode começar a oferecer alimentos úmidos também, como patês e sachês para filhotes. Mas com moderação, pois costumam ser muito gordurosos e isso pode resultar numa diarreia”, acrescenta. O ideal é introduzir qualquer tipo de alimento aos poucos.

3. Cuidar de gato: e o banho? É necessário?

Os gatos não costumam gostar de banho e submetê-los a isso pode gerar muito estresse. Se você achar que o filhote está muito sujo, pode fazer a limpeza com um lenço umedecido ou uma toalhinha. Se mesmo assim resolver dar banho, é importante que a água seja morna e secar o gatinho no final. Nunca deixe um filhote com os pelos úmidos, pois isso pode propiciar o desenvolvimento de uma gripe e até mesmo pneumonia.

4. Vermífugo para gatos filhotes deve ser dado após um mês de vida

Alguns passos são necessários antes de dar um vermífugo para um filhote. Com sua experiência em resgates, Daniela é a favor de esperar um pouco, principalmente se ele ainda está nos primeiros dias de vida. “Se o filhote estiver muito debilitado, o vermífugo pode afetar ainda mais a sua imunidade”, conta Daniela. Na primeira visita ao veterinário, converse sobre os procedimentos necessários para introduzir o vermífugo. Nunca dê um remédio para um gatinho sem recomendação: no caso do remédio para vermes, é preciso se basear no peso do animal. 

5. Ensine o filhote recém-nascido a fazer as necessidades sozinho

Ao nascer, o filhote de gato não sabe como fazer suas necessidades - ele só começa a aprender isso quando chega próximo aos 15 dias de vida. Quem estimula os gatinhos é a própria mãe, lambendo a área genital. Na falta dela, é importante que você ajude o filhote a entender isso: basta passar um algodão umedecido em água morna. 

Próximo aos 20 dias de vida, os gatinhos já conseguem usar a caixa de areia sozinhos. É puro instinto e você só precisa deixar uma caixa limpa perto deles. É importante que esse objeto seja da altura ideal para o filhote conseguir entrar e sair sem dificuldades. 

6. Mantenha o filhote de gato sempre aquecido 

Assim que levar o gatinho para casa, prepare um lugar quentinho para ele se aconchegar. “Eles não conseguem manter a temperatura do corpo. Até uns 15 dias de vida, você precisa dar uma atenção especial e mantê-lo sempre bem aquecido”, conta Daniela. Para isso, você pode usar uma bolsa de água morna enrolada em uma toalha. É muito importante verificar bem a temperatura e garantir que o filhote não se queimará. Mantas, travesseiros e muitos paninhos podem ajudar nessa tarefa.

Galeria com gatos filhotes que foram resgatados e hoje estão super bem!

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Esses filhotes de gato estão esperando por um lar na @cabanadopicapau! Adote!
    Esses filhotes de gato estão esperando por um lar na @cabanadopicapau! Adote!
    Luke e Leia foram encontrados com um mês no RJ. Foi no dia do lançamento de "O Despertar da Força", por isso eles foram batizados com os nomes dos personagens da saga.
    Luke e Leia foram encontrados com um mês no RJ. Foi no dia do lançamento de "O Despertar da Força", por isso eles foram batizados com os nomes dos personagens da saga.
    Há pouco mais de um ano, o Chorão entrou embaixo de um carro parado no trânsito. Ele foi resgatado e hoje tem uma família para chamar de sua!
    Há pouco mais de um ano, o Chorão entrou embaixo de um carro parado no trânsito. Ele foi resgatado e hoje tem uma família para chamar de sua!
    A Clara foi encontrada em uma rua quando era muito pequenininha. Obviamente, não resistiram a esse olhar e ela foi adotada!
    A Clara foi encontrada em uma rua quando era muito pequenininha. Obviamente, não resistiram a esse olhar e ela foi adotada!
    Impossível encontrar 5 filhotes na chuva e seguir em frente. Esses irmãos foram bem cuidados e hoje estão lindões: 2 foram adotados e a pessoa que resgatou ficou com os outros 3!
    Impossível encontrar 5 filhotes na chuva e seguir em frente. Esses irmãos foram bem cuidados e hoje estão lindões: 2 foram adotados e a pessoa que resgatou ficou com os outros 3!
    A mãezinha desses filhotes foi resgatada e eles estavam juntos. Felizmente, todos ganharam um novo lar cheio de amor!
    A mãezinha desses filhotes foi resgatada e eles estavam juntos. Felizmente, todos ganharam um novo lar cheio de amor!
    Esses filhotes de gato foram encontrados com rinotraqueíte, uma doença que atinge o sistema respiratório. Foram cuidados, tratados e adotados. Um final feliz!
    Esses filhotes de gato foram encontrados com rinotraqueíte, uma doença que atinge o sistema respiratório. Foram cuidados, tratados e adotados. Um final feliz!
    O Peter e o Nino foram adotados pela mesma família que os resgatou. Quem resiste, não é mesmo?!
    O Peter e o Nino foram adotados pela mesma família que os resgatou. Quem resiste, não é mesmo?!
    Belinha (essa gatinha com nome de cachorro) foi encontrada na rua em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. Ela foi resgatada e adotada.
    Belinha (essa gatinha com nome de cachorro) foi encontrada na rua em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. Ela foi resgatada e adotada.
    Esses filhotes de gato estão esperando por um lar na @cabanadopicapau! Adote!
    Luke e Leia foram encontrados com um mês no RJ. Foi no dia do lançamento de "O Despertar da Força", por isso eles foram batizados com os nomes dos personagens da saga.
    Há pouco mais de um ano, o Chorão entrou embaixo de um carro parado no trânsito. Ele foi resgatado e hoje tem uma família para chamar de sua!
    A Clara foi encontrada em uma rua quando era muito pequenininha. Obviamente, não resistiram a esse olhar e ela foi adotada!
    Impossível encontrar 5 filhotes na chuva e seguir em frente. Esses irmãos foram bem cuidados e hoje estão lindões: 2 foram adotados e a pessoa que resgatou ficou com os outros 3!
    A mãezinha desses filhotes foi resgatada e eles estavam juntos. Felizmente, todos ganharam um novo lar cheio de amor!
    Esses filhotes de gato foram encontrados com rinotraqueíte, uma doença que atinge o sistema respiratório. Foram cuidados, tratados e adotados. Um final feliz!
    O Peter e o Nino foram adotados pela mesma família que os resgatou. Quem resiste, não é mesmo?!
    Belinha (essa gatinha com nome de cachorro) foi encontrada na rua em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro. Ela foi resgatada e adotada.

    Mais Lidas

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena
    Adote um animal

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena

    Se você está pensando em ter um pinscher na sua vida pode estranhar a numeração que normalmente acompanha o nome da raça. O cachorro pinscher é conhecido por ser bem pequeno, mas ainda assim há variações de tamanho: as classificações 0, 1, 2 ou miniatura são super importantes para saber a dimensão aproximada do cãozinho. Além disso, pode ajudar muito na hora de decidir pelo seu novo melhor amigo.

    Como identificar o sexo do gato filhote? Saiba diferenciar machos e fêmeas!
    Adote um animal

    Como identificar o sexo do gato filhote? Saiba diferenciar machos e fêmeas!

    Às vezes, a vontade de adotar um gatinho é tão grande que acabamos nos precipitando e não dando a devida atenção a alguns detalhes muito importantes, como o sexo do filhote. É muito normal achar que adotou uma fêmea e só depois descobrir que o gato, na verdade, é macho. Nós sabemos que não é nada fácil diferenciar o órgão genital do gato logo nos primeiros meses de vida do animal. Se você faz parte deste time, não se preocupe, isso é muito comum!

    Conheça as 10 raças de cachorro mais populares no Brasil!
    Adote um animal

    Conheça as 10 raças de cachorro mais populares no Brasil!

    Não há dúvidas de que os cachorros são os pets mais populares no Brasil. A fama de melhor amigo do homem não é à toa: 44,5% - ou seja, quase metade - dos lares têm pelo menos um cachorro no país, segundo a Faculdade de Medicina Veterinária da USP. Mas será que existe uma raça que é mais popular que as outras?

    Yorkshire: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno (+ galeria com 20 fotos)
    Adote um animal

    Yorkshire: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno (+ galeria com 20 fotos)

    O Yorkshire é um cãozinho muito popular nos lares brasileiros. Pequeno, fofo, esperto e bem brincalhão: companheirismo é uma característica marcante nesses mini-cães, ideais para apartamentos, famílias com crianças ou mesmo pessoas que moram sozinhas e querem um amigo fiel. O Yorkshire Terrier é reconhecido de longe pelas duas cores na pelagem, o tamanho e por sua característica única: as orelhas para cima. Quer saber tudo sobre o cachorro yorkshire? Então continue acompanhando a leitura!

    Vai ficar com o gato filhote ou disponibilizará para adoção?

    Depois de cuidar do filhote de gato, você deve decidir se vai acrescentar o felino à sua família ou se vai disponibilizá-lo para adoção. Se a sua opção for adotar o gato filhote, é importante ter alguns cuidados com ele ao longo da vida. Esse gatinho deve ser vacinado e castrado - verifique com o veterinário se é necessário repetir os testes de FIV e FeLV. É essencial que a casa seja telada para evitar fugas e acidentes. Você, como tutor desse animal, deve garantir  uma alimentação de qualidade e sempre deixar água fresca à disposição, assim como incentivá-lo a se hidratar bastante para evitar problemas renais. Se possível, invista em um espaço gatificado e enriquecido para que o bichano consiga expressar seus comportamentos naturais: prateleiras, nichos, arranhadores e brinquedos são fundamentais para proporcionar mais qualidade de vida a ele. 

    Se você optar por doar o filhote, tenha alguns critérios com os adotantes. Exigir a castração por contrato aos seis meses de vida é uma maneira de garantir que aquele filhote de gato não terá ninhadas no futuro, será mais saudável e viverá mais. Você só deve doar um gatinho para casas teladas, que serão mais seguros, além de informar ao adotante sobre a necessidade de fazer um acompanhamento regular no veterinário, dar vacinas e oferecer cuidados específicos. Nos primeiros meses, você pode pedir que o adotante te mande fotos e vídeos para você ter certeza de que ele está bem e feliz. É sempre gratificante ver os resultados de um resgate!

    Redação: Júlia Cruz

    Nomes para Pitbull: veja uma seleção com 150 nomes para a raça de cachorro

    Próxima matéria

    Nomes para Pitbull: veja uma seleção com 150 nomes para a raça de cachorro

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)
    Raças

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)

    O Khao Manee tem um grande potencial para ser um dos grandes queridinhos entre os apaixonados por gatos. Com olhos de cores marcantes e pelo branquinho, o felino desta raça possui uma aparência rara que chama atenção e é uma ótima companhia para qualquer família. De origem tailandesa, esse gatinho é super amigável e ama estar ao lado dos seus humanos - e até mesmo de outros animais. Para conhecer mais a fundo o gato Khao Manee, o Patas da Casa separou as principais informações sobre esse bichano incrível. Dá uma olhada!

    Boiadeiro de Berna ou Bernese Mountain: tudo o que você precisa saber sobre a raça porte grande
    Grandes

    Boiadeiro de Berna ou Bernese Mountain: tudo o que você precisa saber sobre a raça porte grande

    Se você está pensando em comprar ou adotar um cachorro de raça, precisa conhecer o Bernese Mountain. Esse cãozinho, que também é chamado de Boiadeiro de Berna e Boiadeiro Bernês, tem uma personalidade cativante e que consegue encantar a todos. Ele adora estar perto da sua família, é bastante leal e não é muito agitado como outras raças. Por isso, é um ótimo animal para te acompanhar em diversos momentos do dia a dia. 

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    12 curiosidade sobre o Poodle, um dos cachorros mais populares do Brasil
    Adote um animal

    12 curiosidade sobre o Poodle, um dos cachorros mais populares do Brasil

    Dono de uma personalidade dócil e brincalhona, o Poodle é um dos cachorros mais populares do Brasil. Com diversos tamanhos, tipos de pelagem e cores, essa raça de cachorro também carrega muitas curiosidades que o tornam único. Já deu para perceber que, por estar presente em muitos lares brasileiros, o Poodle é sociável e não dispensa a companhia de seus humanos, né?!

    Boiadeiro de Berna ou Bernese Mountain: tudo o que você precisa saber sobre a raça porte grande
    Adote um animal

    Boiadeiro de Berna ou Bernese Mountain: tudo o que você precisa saber sobre a raça porte grande

    Se você está pensando em comprar ou adotar um cachorro de raça, precisa conhecer o Bernese Mountain. Esse cãozinho, que também é chamado de Boiadeiro de Berna e Boiadeiro Bernês, tem uma personalidade cativante e que consegue encantar a todos. Ele adora estar perto da sua família, é bastante leal e não é muito agitado como outras raças. Por isso, é um ótimo animal para te acompanhar em diversos momentos do dia a dia. 

    Cachorro para idosos: veja as 7 raças mais indicadas
    Adote um animal

    Cachorro para idosos: veja as 7 raças mais indicadas

    Adotar um cachorro é maravilhoso em qualquer fase da vida, mas conforme a velhice se aproxima, é natural que o pique para fazer algumas coisas vá diminuindo. Por isso, encontrar um cãozinho com uma personalidade mais calma e tranquila é fundamental para acompanhar o ritmo na terceira idade. Até mesmo porque uma pessoa idosa dificilmente vai conseguir conter os ânimos de um animal que é muito agitado ou que tem comportamentos destruidores. Então, qual a melhor raça de cachorro para idosos? 

    10 curiosidades sobre o Maine Coon, o maior gato do mundo
    Adote um animal

    10 curiosidades sobre o Maine Coon, o maior gato do mundo

    Se você é um amante de felinos, é bem provável que já tenha ouvido falar no Maine Coon. Os gatos desta famosa raça são considerados os maiores felinos domésticos do mundo, e é por isso que muitos se referem a eles como sendo “gatos gigantes”. Mas o que será que esses grandes bichanos têm, além do tamanho? Existem várias particularidades sobre os gatos da raça Maine Coon que poucas pessoas sabem. 

    Ver Todas >