Gato

Remédio para sarna de gatos: como é feito o tratamento da doença de pele?

Publicado - 30 Março 2022 - 15h34

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

A sarna em gatos é uma doença dermatológica causada por parasitas externos e de fácil transmissão entre felinos - e, em alguns tipos, o gato também transmite a sarna para outras espécies e humanos.. Mas não se preocupe! O tratamento para sarna é considerado simples e também existem formas de prevenir esse problema de pele em gatos. O primeiro passo para tratar a sarna de gato é saber identificá-la, já que existem algumas variações da doença - por isso, reunimos tudo o que você precisa saber sobre essa doença: como ela acontece, como fazer a profilaxia, como saber se o felino está mesmo com sarna e qual o melhor remédio para fazer o tratamento.

Sarna em gatos: O que é e quais são os sintomas?

A sarna em gatos é uma doença dermatológica, assim como a acne felina e a micose. A sarna em gatos é causada por ácaros e pode se manifestar na espécie de diversas formas:

1. Sarna otodécica

Também conhecida como sarna de ouvido, a sarna otodécica é causada pelo ácaro Otodectes cynoti. Ela não é transmissível aos seres humanos, mas pode ser transmitida para cachorros. Por isso é importante deixar o gatinho com sarna separado dos outros para evitar que eles também peguem a doença. Os principais sintomas desse tipo de sarna são a coceira no ouvido e produção excessiva de cera. Se você perceber que seu bichano está coçando demais as orelhas e com a parte externa do canal auditivo com excesso de cera, pode ser sarna otodécica.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

2. Sarna demodécica

A sarna demodécica, também chamada popularmente de sarna negra em gatos, é uma versão da doença dermatológica causada por dois ácaros diferentes: o Demodex cati ou Demodex gatoi. Ela não é transmissível a seres humanos e a principal característica é a coceira em gatos de forma intensa. Esse tipo de sarna costuma afetar a cabeça, orelhas e patas, onde se manifesta na forma de manchas escuras e feridas na pele. Essa é a única sarna que pode ser considerada não transmissível, já que os ácaros existem normalmente na pele dos gatos. No entanto, ela só se manifesta quando o felino está com a imunidade baixa.

3. Sarna notoédrica

A sarna notoédrica - ou escabiose felina - é um tipo sarna de gato é altamente contagiosa e pode ser transmitida para outros animais e seres humanos. Ela é causada pelo ácaro Notoedres cati e causa feridas, coceira e queda de pelos no gato. As lesões surgem em forma de placas avermelhadas, que surgem na região da cabeça e podem se espalhar pelo resto do corpo. Nesse tipo de sarna, o ácaro “cava” túneis nas regiões mais profundas da pele, o que ocasiona uma coceira muito forte e deixa o gatinho bem incomodado.

 

Como tratar sarna em gatos: veja quais são as manifestações da doença a seguirA sarna em gatos otodécica atinge a região do ouvido, causando coceira e muita ceraO gato com sarna demodécica - ou sarna negra - é caracterizado por manchas escuras e feridas na peleA sarna de gato notoédrica provoca queda de pelos, feridas e coceira na pele

 

Remédio para sarna de gato: quais são as opções?

 

Caso você esteja suspeitando que o seu gatinho está com sarna, a primeira coisa a ser feita é levá-lo ao veterinário para que seja examinado. Isso porque cada tipo de sarna descrito anteriormente tem um tratamento diferente. Com o diagnóstico, o profissional vai orientar sobre como tratar a sarna em gatos. Normalmente, o remédio para sarna de gatos é um antiparasitário, que pode ser encontrado em forma de sabonete, comprimido ou pipeta. 

Embora o tratamento para sarna em gatos seja simples, deve ser cumprido à risca, já que se feito de forma incompleta não faz o efeito esperado e ainda pode gerar complicações ao seu gatinho. As feridas na pele do gato, causadas pela coceira excessiva podem infeccionar e causar lesões ainda maiores e com prurido. Por isso, siga todas as instruções que o veterinário passar.

Como prevenir a sarna em gatos?

Existem alguns hábitos que podem ajudar a prevenir que o seu gatinho pegue sarna:

- Evite que o seu felino tenha acesso à rua, assim ele não terá contato com outros gatos e terá as chances de pegar qualquer tipo de sarna drasticamente reduzida. A criação indoor, inclusive, aumenta a expectativa de vida do pet.

- Mantenha o local que o gato vive sempre limpo para dificultar a proliferação no ambiente de ácaros que provocam sarna. Higienizar a caminha do seu gatinho regularmente e manter a caixinha de areia sempre limpa já ajudam bastante na prevenção.

- Utilize um antiparasitário regularmente para evitar qualquer tipo de parasitas em gatos, tanto ácaros quanto pulgas e carrapatos.

- Leve-o regularmente ao veterinário para fazer um check-up e se certificar de que seu gato está saudável e com a imunidade regulada.

Redação: Fernanda Orrico

Edição:  Luana Lopes

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Gato

As 7 raças de gatos que mais amam conviver com crianças - e os benefícios dessa relação são reveladoras

Para quem tem filhos e sempre quis ter um gatinho em casa, a boa notícia é que existem muitas raças de gatos que se dão bem com os p...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Ver todas