Cachorro

Raio X Pug: os problemas de saúde mais comuns que a raça pode ter

Publicado - 12 Fevereiro 2020 - 19h20

Atualizado - 24 Abril 2024 - 10h16

Como tudo o que foge do normal nas redes sociais, há pouco tempo a imagem da ressonância magnética de um Pug viralizou no Twitter. Por causa da estrutura braquicefálica do rosto do animal, a imagem parecia diferente do esperado e surpreendeu muita gente. Mas não é só nos exames de imagem que os animais dessa raça são “diferentes”: o cachorro Pug tem tendência a uma série de problemas de saúde por conta de sua estrutura corporal. Se você tem um desses cãezinhos, deve ficar atento a alguns cuidados para prevenir situações mais sérias. Para você entender melhor, listamos os problemas de saúde mais comuns nos animais da raça Pug. Dá uma olhada!

 

Cão Pug deitado com semblante abatido
O cão da raça Pug costuma ter problemas respiratórios crônicos

 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O Pug, assim como outros animais braquicefálicos, tem tendência a problemas respiratórios

A estrutura facial do Pug é um dos principais motivos da tendência que os animais da raça têm de desenvolver problemas respiratórios. Com o focinho achatado, paladar mole e traqueia e narinas mais estreitas que o normal, eles já apresentam dificuldade para respirar naturalmente. É por isso que, na maioria das vezes, esses animais parecem ofegantes. Além de serem mais afetados por doenças infecciosas, como a gripe canina, eles também ficam facilmente sem ar: os exercícios pesados e a exposição ao calor extremo, por exemplo, não são recomendados para esses animais por causa disso. Em muitos casos, essas atividades que parecem comuns e simples para outros cachorros podem ser a causa da morte de um Pug filhote, adulto ou idoso. 

A obesidade do Pug pode ser uma consequência de seu estilo de vida

A junção de um apetite muito grande com a necessidade de evitar exercícios pesados e a falta de disposição do Pug formam um combo que resulta na alta taxa de obesidade nessa raça de animais. Mesmo o filhote de Pug gosta de comer mais que o normal e, por isso, cabe a você controlar e limitar a quantidade de ração que ele come. O ideal é que o animal tenha uma dieta desenvolvida pelo veterinário que determine o quanto de ração ele pode comer ou, até mesmo, indique um alimento específico, com menos calorias e gorduras, para evitar o problema. As caminhadas leves também deve fazer parte do dia a dia do Pug: com frequência, elas ajudam a evitar o sedentarismo e, consequentemente, a obesidade de um animal da raça de cachorro Pug. 

 

Cão Pug encostando a pata na mão de tutora no meio da natureza
O Pug tem a saúde sensí­vel, mas é um grande companheiro

 

Acne, dermatites e outros problemas dermatológicos também são comuns no Pug

Na região do focinho, que é mais sensível, o Pug adulto e em outras fases da vida tem uma grande probabilidade de desenvolver acne por causa da oleosidade da pele combinada a sujeira de alimentos, por exemplo. O tratamento costuma ser simples, mas em todos os casos deve ser indicado pelo veterinário de confiança. Além da acne, as dobrinhas do corpo do Pug facilitam a infecção de fungos e bactérias e o aparecimento de dermatites e alergias dermatológicas. O ideal é sempre verificar se o animal está bem seco depois do banho ou brincadeiras na água. Mantenha a vacinação, remédio de carrapato e os vermífugos em dia - aliados a uma alimentação balanceada, o sistema imunológico dele ficará mais forte para lidar com alguns problemas. 

Orelha de Pug dobrada: fique atento ao interior da região

Assim como acontece com outras raças de cachorro que têm as orelhinhas dobradas para baixo, o Pug tem maior probabilidade de desenvolver infecções causadas por agentes externos. Os fungos e bactérias se proliferam em ambientes abafados e úmidos, por isso, o ideal é sempre observar o ouvido dele e limpar entre uma e duas vezes por semana, de acordo com a necessidade determinada pelo veterinário. 

O Pug também pode ter doenças oculares como consequência de sua anatomia

Por causa do formato da cabeça, o Pug tem os globos oculares “para fora”. Por causa disso, a probabilidade de ter lesões e úlceras na córnea é bem alta: o animal pode esbarrar em algum lugar ou sofrer algum acidente que prejudique os olhos mais expostos. Também é por causa dessa exposição que eles estão mais propensos a irritações e infecções mais simples. A questão mais séria que a anatomia dele “facilita” é o prolapso do globo ocular, que é quando o olho sai da órbita por causa de uma pancada ou trauma. 

Redação: Ariel Cristina Borges

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Cachorro

Samoieda: saiba como ter um cachorro da raça russa e outras curiosidades sobre a convivência com esse pet

O Samoieda é um dos cachorros mais bonitos que existem! Com uma pelagem branquinha e uma fisionomia que lembra bastante um lobo, a r...

Cachorro

Dogo Argentino: 10 curiosidades para conhecer o cachorro parecido com Pitbull

O Dogo Argentino é um cachorro grande e imponente. Em um primeiro momento, ele pode até assustar quem não conhece, principalmente po...

Cachorro

Pancreatite em cachorro: aprenda a reconhecer 6 sinais da doença que vão ajudar no diagnóstico mais rápido

A pancreatite em cachorro é uma doença que merece a atenção dos tutores. A patologia afeta o pâncreas, órgão essencial para a produç...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Adote um animal

Os nomes para gatos fêmeas mais famosos do momento: 100 dicas para escolher como chamar seu novo pet em 2024

Existem muitas opções de nomes para gatos fêmeas para escolher depois da adoção.  A inspiração para nomes de gatos pode vir de ...

Ver todas