close
Raças

Raio X Pug: os problemas de saúde mais comuns que a raça pode ter

Atualizado · 05 de junho de 2020 · 15h02

Publicado · 12/02/2020 · 19h20

Cachorro Pug: raça pode apresentar alguns problemas de saúde ao longo da vida
Cachorro Pug: raça pode apresentar alguns problemas de saúde ao longo da vida

Como tudo o que foge do normal nas redes sociais, há pouco tempo a imagem da ressonância magnética de um Pug viralizou no Twitter. Por causa da estrutura braquicefálica do rosto do animal, a imagem parecia diferente do esperado e surpreendeu muita gente. Mas não é só nos exames de imagem que os animais dessa raça são “diferentes”: o cachorro Pug tem tendência a uma série de problemas de saúde por conta de sua estrutura corporal. Se você tem um desses cãezinhos, deve ficar atento a alguns cuidados para prevenir situações mais sérias. Para você entender melhor, listamos os problemas de saúde mais comuns nos animais da raça Pug. Dá uma olhada!

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A ressonância magnética desse Pug viralizou no Twitter (@AndyRichter)
    A ressonância magnética desse Pug viralizou no Twitter (@AndyRichter)

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    O Pug, assim como outros animais braquicefálicos, tem tendência a problemas respiratórios

    A estrutura facial do Pug é um dos principais motivos da tendência que os animais da raça têm de desenvolver problemas respiratórios. Com o focinho achatado, paladar mole e traqueia e narinas mais estreitas que o normal, eles já apresentam dificuldade para respirar naturalmente. É por isso que, na maioria das vezes, esses animais parecem ofegantes. Além de serem mais afetados por doenças infecciosas, como a gripe canina, eles também ficam facilmente sem ar: os exercícios pesados e a exposição ao calor extremo, por exemplo, não são recomendados para esses animais por causa disso. Em muitos casos, essas atividades que parecem comuns e simples para outros cachorros podem ser a causa da morte de um Pug filhote, adulto ou idoso. 

    A obesidade do Pug pode ser uma consequência de seu estilo de vida

    A junção de um apetite muito grande com a necessidade de evitar exercícios pesados e a falta de disposição do Pug formam um combo que resulta na alta taxa de obesidade nessa raça de animais. Mesmo o filhote de Pug gosta de comer mais que o normal e, por isso, cabe a você controlar e limitar a quantidade de ração que ele come. O ideal é que o animal tenha uma dieta desenvolvida pelo veterinário que determine o quanto de ração ele pode comer ou, até mesmo, indique um alimento específico, com menos calorias e gorduras, para evitar o problema. As caminhadas leves também deve fazer parte do dia a dia do Pug: com frequência, elas ajudam a evitar o sedentarismo e, consequentemente, a obesidade de um animal da raça de cachorro Pug. 

    O Pug tem a saúde sensível, mas é um grande companheiro
    O Pug tem a saúde sensível, mas é um grande companheiro

    Acne, dermatites e outros problemas dermatológicos também são comuns no Pug

    Na região do focinho, que é mais sensível, o Pug adulto e em outras fases da vida tem uma grande probabilidade de desenvolver acne por causa da oleosidade da pele combinada a sujeira de alimentos, por exemplo. O tratamento costuma ser simples, mas em todos os casos deve ser indicado pelo veterinário de confiança. Além da acne, as dobrinhas do corpo do Pug facilitam a infecção de fungos e bactérias e o aparecimento de dermatites e alergias dermatológicas. O ideal é sempre verificar se o animal está bem seco depois do banho ou brincadeiras na água. Mantenha a vacinação, remédio de carrapato e os vermífugos em dia - aliados a uma alimentação balanceada, o sistema imunológico dele ficará mais forte para lidar com alguns problemas. 

    Orelha de Pug dobrada: fique atento ao interior da região

    Assim como acontece com outras raças de cachorro que têm as orelhinhas dobradas para baixo, o Pug tem maior probabilidade de desenvolver infecções causadas por agentes externos. Os fungos e bactérias se proliferam em ambientes abafados e úmidos, por isso, o ideal é sempre observar o ouvido dele e limpar entre uma e duas vezes por semana, de acordo com a necessidade determinada pelo veterinário. 

    O Pug também pode ter doenças oculares como consequência de sua anatomia

    Por causa do formato da cabeça, o Pug tem os globos oculares “para fora”. Por causa disso, a probabilidade de ter lesões e úlceras na córnea é bem alta: o animal pode esbarrar em algum lugar ou sofrer algum acidente que prejudique os olhos mais expostos. Também é por causa dessa exposição que eles estão mais propensos a irritações e infecções mais simples. A questão mais séria que a anatomia dele “facilita” é o prolapso do globo ocular, que é quando o olho sai da órbita por causa de uma pancada ou trauma. 

    Redação: Ariel Cristina Borges

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Próxima matéria

    Displasia de quadril em cães: o que é, causas, sintomas e tratamentos

    Schnauzer: tamanho, pelagem, saúde e preço... tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Raças

    Schnauzer: tamanho, pelagem, saúde e preço... tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    A raça de cachorro Schnauzer é conhecida pela cabeça em formato quadrado e o bigode característico. Ele é um dos cachorros mais queridos no Brasil e seu temperamento dócil e brincalhão contribui muito para isso. Mas muitas pessoas não conhecem a fundo as principais características do Schnauzer. Por exemplo, você sabia que existem três tamanhos dessa raça? Se você já ama esse cãozinho e está pensando em adotar um Schnauzer, é importante saber o máximo possível sobre a raça antes de tomar a decisão. O Patas da Casa te conta tudo o que você precisa saber sobre a origem do Schnauzer, suas características físicas, temperamento, saúde e até os valores caso você queira comprar um. Confira tudo!

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Schnauzer: o que você precisa saber antes de ter um cãozinho dessa raça?
    Raças

    Schnauzer: o que você precisa saber antes de ter um cãozinho dessa raça?

    Incrivelmente fofo, leal, carinhoso e protetor: o Schnauzer é um dos melhores cães de companhia que você pode ter em casa. Justamente por isso, saber como lidar com ele é essencial para quem tem vontade de dar as boas vindas a um cachorro Schnauzer em casa. Além da necessidade de tosa, algo que fica claro por causa do estilo de pelagem do animal, essa raça também tem outras particularidades que devem ser levadas em consideração antes da adoção ou compra ser confirmada.

    Ver Todas >

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!
    Saúde animal

    Novo coronavírus: cães e gatos podem contrair e transmitir a Covid-19? Esclarecemos as principais dúvidas!

    Cães e gatos podem contrair a Covid-19? Será que gato pega covid de humano? O coronavírus humano tem algum impacto na saúde do gato ou cachorro? Fomos atrás de respostas para todas essas dúvidas!

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!
    Saúde animal

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    A coleira antipulgas é um acessório que faz toda a diferença na vida de quem tem um ou mais cães. Mas você sabia que existem produtos que, além de combater as pulgas, também ajudam a afastar outros problemas indesejados, como carrapatos e mosquitos? É aí que entra a coleira contra leishmaniose! Para quem não sabe, a leishmaniose canina é uma doença transmitida pelo mosquito-palha considerada muito perigosa e que pode debilitar bastante a saúde do animal.

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Ver Todas >