close
Passeio

Qual o melhor horário para passear com cachorro? Veja algumas dicas para melhorar o passeio!

Passear com cachorro requer todo um preparo, dos acessórios a escolha do melhor horário
Passear com cachorro requer todo um preparo, dos acessórios a escolha do melhor horário

Passear com cachorro é uma atividade essencial para cuidar da saúde e bem-estar do seu pet. Esse é o momento em que o cãozinho tem contato com o mundo lá fora e consegue explorar todos os seus sentidos, com direito a muitas experiências incríveis e vários novos aumigos. Mas sabia que existem algumas dicas que podem ajudar a melhorar ainda mais a hora de passear com cachorro? Saber qual é o melhor horário e quanto tempo é necessário para gastar a energia dos doguinhos são coisas que fazem toda a diferença nessa aventura. Veja algumas dicas abaixo!

1) O melhor horário para passear com cachorro é de manhã cedo ou no fim da tarde

Uma dúvida que muitos pais de pet têm é sobre qual o melhor horário para passear com cachorro. O ideal é que os passeios sejam feitos antes das 10h e após as 16h, que é quando a temperatura está mais amena e confortável para os cães. Durante esse intervalo, os raios solares normalmente estão mais intensos e o asfalto acaba ficando muito quente, o que pode desencadear queimaduras na pata do cachorro. O calor excessivo também pode fazer com que o cãozinho fique indisposto ou passe mal ao sair de casa. Então aqui vai a dica: prefira sempre as primeiras horas da manhã ou o fim da tarde para passear com cachorro.

2) Passear com cachorro requer os acessórios certos e até alguns treinamentos de obediência

Mesmo que esse seja um momento de lazer e descontração, alguns acessórios são indispensáveis para passear com cachorro. A coleira com identificação é um dos itens obrigatórios da lista. Imprevistos acontecem, mas para evitar que o cachorro fique perdido é essencial ter esse tipo de coleira com informações como o nome do animal e o telefone do tutor. No caso de parques e áreas livres, o uso da guia longavai dar mais liberdade ao pet sem que o tutor perca o controle da situação. O acessório pode ter tamanhos variados, com versões chegando até 10 metros. A coleira anti-puxão para cachorro é outra alternativa, indicada especialmente para animais que costumam puxar a guia quando saem de casa.

Além disso, não se esqueça de treinar muito bem o seu doguinho para evitar problemas ao passear com cachorro. O animal deve seguir as ordens do tutor e o adestramento é uma das melhores formas de conseguir isso. A socialização é outro ponto que precisa de atenção, principalmente para evitar brigas com outros cães na rua.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Como seu gato reage com a chegada de visitas em casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você está pensando em adotar mais um gatinho. Qual seria a reação do seu felino?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você precisa levar seu gato ao veterinário e na fila ele encontra outro felino. Como ele reage?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato fica incomodado quando as portas de casa ficam fechadas?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta com os outros animais da casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você acabou de chegar em casa depois de muito tempo fora. O seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato deitou em cima da sua cama e dormiu. Qual a sua reação, humano?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta na hora de se alimentar?

Question Header Background

Gato-humano! Seu gato não perde a oportunidade de estar ao seu lado Gato solitário! Seu gato tem uma personalidade mais quieta e reservada Gato-gato!  Seu gato gosta da companhia de outros felinos Gato curioso! Seu gato está sempre em busca de novas aventuras Gato caçador! Seu gato tem os instintos selvagens mais aflorados
    O   melhor horário para passear com cachorro é quando o sol não está tão quente
    O melhor horário para passear com cachorro é quando o sol não está tão quente

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    3) Não esqueça de levar água e alguns petiscos para passear com cachorro

    Garantir a hidratação do seu pet é essencial durante os passeios na rua Como essa é uma atividade que cansa bastante o animal, o ideal é sempre carregar uma garrafinha de água. Além disso, os petiscos também são uma excelente opção para agradar o cãozinho, especialmente se a ideia é fazer um passeio mais longo ou se o cachorro ainda está se adaptando com a rotina fora de casa. 

    4) Quanto tempo posso gastar passeando com cachorro?

    É importante ter em mente que cada animal tem necessidades diferentes quando o assunto é gastar energia, então isso deve ser levado em consideração na hora de passear com cachorro. Raça, porte, idade, condições de saúde e até o comportamento do animal influenciam bastante. É preciso conhecer muito bem o seu amigo de quatro patas para definir exatamente quanto tempo é adequado para gastar a energia do doguinho.

    Cães jovens normalmente são mais energéticos e precisam de mais tempo de exercício físico, então os passeios devem durar de 30 a 60 minutos, dependendo da energia do pet. Se for um cachorro de pequeno porte, a recomendação é variar de 20 a 40 minutos. Já se for um cachorro grande, como o Labrador, o ideal é realizar passeios de 40 a 60 minutos diariamente. Por outro lado, cães idosos ou com limitações, como as raças braquicefálicas, devem fazer passeios leves e de curta duração.

    5) Varie o caminho na hora de passear com o cachorro

    Os cães adoram sair de casa para conhecer novos lugares. Então por que não aproveitar esse lado aventureiro e proporcionar novas experiências para o seu doguinho? Você pode passear com cachorro em um parque perto de casa, mas também pode explorar diferentes ambientes, como ir à praia ou fazer uma trilha. Também existem shoppings e restaurantes pet friendly que são uma forma de deixar o animal ainda mais integrado à sua rotina. Outra ótima opção é procurar por parques para cachorro na sua cidade - o famoso parcão -, onde seu bichinho vai poder fazer várias novas amizades com outros cães. 

    Redação: Juliana Melo

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?

    Próxima matéria

    Border Collie merle: qual a explicação genética para o nascimento de cães com essa característica?

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios
    Cuidados

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios

    Ninguém pode negar: manter uma boa rotina é fundamental para saúde física e mental do ser humano. Mas, além de você, existe outro serzinho que precisa de hábitos diários para garantir um bom funcionamento do seu organismo: o seu cachorro. Ao contrário do que muitos tutores pensam, os cães são animais de rotina e, por isso, mudanças repentinas nos horários podem deixá-los estressados e, até mesmo, depressivos. O horário de passear com cachorro, por exemplo, é um dos que mais impactam o seu bichinho e deve ser o mesmo todos os dias. Para te ajudar nessa e em outras tarefas que envolvem a rotina do seu cãozinho, o Patas da Casa reuniu algumas dicas sobre o assunto. Dá uma olhada!

    Passear com cachorro: 9 motivos para não deixar o passeio de lado
    Passeio

    Passear com cachorro: 9 motivos para não deixar o passeio de lado

    Passear com cachorro é mais que um momento de lazer ou um horário destinado para o animal fazer as necessidades fisiológicas, é um ato de cuidado e amor. Ter um animal requer muita responsabilidade e algumas horas dedicadas para proporcionar mais qualidade de vida a ele. Isso inclui brincadeiras, cuidados com a higiene, visitas ao veterinário, uma alimentação de qualidade e, claro, os passeios. Antes de comprar ou adotar um cachorro, esteja preparado para sair com seu novo amigo pelo menos uma vez por dia.

    Meu cachorro tem medo de passear na rua, o que fazer? Dicas parar preparar o cão para o passeio
    Passeio

    Meu cachorro tem medo de passear na rua, o que fazer? Dicas parar preparar o cão para o passeio

    Todos os cachorros, independente de raça e porte, precisam passear na rua. Além de ser um ótimo exercício físico, ajuda o cachorro a desestressar, liberar energia, socializar com outros cães e estreitar os laços com seus donos. Os cachorros são animais muito sociáveis e ativos e, por isso, a hora do passeio é sempre de muita euforia. Se esse é o caso do seu cachorro, aproveite cada minuto e o leve para dar uma volta na rua sempre que possível. Mas alguns cachorrinhos podem desenvolver o medo de passear. Nesses casos, você precisa ler essa matéria porque nós vamos te ajudar com algumas dicas!

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!
    Adestramento

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!

    Durante muito tempo, cachorro e gato foram declarados inimigos. Algumas pessoas acreditavam que onde havia um cão não poderia ter um gato e vice-versa. Se antes eles não tinham o hábito de conviver, hoje moram juntos e alguns até são inseparáveis. Mas atenção! Nem sempre os animais se entendem de primeira e o processo de adaptação requer tempo e paciência do tutor para que aprendam a respeitar a presença um do outro. Para você que tem um cãozinho e um gatinho e precisa de ajuda para adaptá-los, separamos oito truques para melhorar a convivência. O adestrador Max Pablo, do Rio de Janeiro, deu algumas dicas e também conversamos com a cat-sitter Nathane Ribeiro, que tem três gatos e já precisou adaptá-los com um cão. Veja o que eles disseram!

    Ver Todas >

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer
    Comportamento animal

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer

    O arranhador para gatos é um acessório indispensável na casa de todo felino. Além de ser uma forma de estimular a interação do animal com o ambiente, o arranhador é um brinquedo divertido que ajuda a aliviar o incômodo das unhas crescendo e mantém os instintos primitivos dos pets. Existem vários tipos de arranhadores para gatos, feitos com diferentes materiais e que podem ser indicados de acordo com o padrão de comportamento do seu amiguinho. 

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?
    Comportamento animal

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?

    O cachorro que come fezes é uma situação que pode acontecer por diferentes motivos, mas sempre causa estranhamento entre os tutores. O hábito, também chamado de coprofagia canina, às vezes é encarado como algo engraçadinho, mas precisa de muita atenção. Isso porque a ingestão de fezes a longo prazo pode ser um verdadeiro problema para a saúde do seu amigo de quatro patas, que pode ser facilmente infectado por parasitas, bactérias e outros microrganismos presentes no dejeto.

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?
    Comportamento animal

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?

    O gato Siamês é uma das raças mais populares no Brasil. Já a raça de gato SRD (Sem Raça Definida), o famoso gato vira lata, também não fica para trás. Você com certeza já deve ter se esbarrado por aí com um filhote de gato vira-lata que tem as características do gato Siamês (olhos azuis, pelagem acinzentada e extremidades num tom mais escuro). Esse é um Siamês mestiço, conhecido como Sialata, uma mistura entre os dois. Mas como diferenciar os tipos de gatos siameses e vira-latas? 

    Qual a diferença entre o Pastor Alemão e o Pastor Belga?
    Comportamento animal

    Qual a diferença entre o Pastor Alemão e o Pastor Belga?

    As raças Pastor Alemão e Pastor Belga se parecem tanto que é comum que as pessoas confundam as duas raças de cachorro. Apesar de compartilharem algumas semelhanças, eles são bem diferentes em vários aspectos. Dá até para fazer uma lista de diferenças entre os dois cachorros, mas o ponto principal para conseguir distinguir um do outro é observar os detalhes do corpo de cada um. Tanto as características físicas quanto os aspectos comportamentais desses animais são bastante particulares. 

    Ver Todas >