Ração

Qual a melhor ração para gatos filhotes? Do alimento seco aos sachês, saiba tudo sobre a alimentação do felino

Descubra tudo o que você precisa saber sobre a alimentação de gatos
Descubra tudo o que você precisa saber sobre a alimentação de gatos

Abrir a casa (e o seu coração) para um gato filhote é sempre um marco de transformação na vida de qualquer pessoa. Se você nunca teve um gatinho em outro momento, então, além da empolgação, é normal que você tenha uma série de dúvidas relacionadas ao cuidado com os felinos, principalmente nas questões básicas, como a alimentação. Escolher a melhor ração para gato filhote sem ter muita noção da diferença entre elas e da necessidade dos animais não é assim tão simples e, por isso, o Patas da Casa vai te ajudar: confira, aqui embaixo, tudo o que você precisa saber sobre a alimentação dos bichanos!

Ração seca ou úmida: qual é a melhor opção para gatos filhotes

Na hora de escolher o alimento para o seu gato filhote é comum ficar em dúvida entre as versões seca e úmida da ração. As duas têm nutrientes que podem ser bem aproveitados pelo animal, mas também trazem benefícios diferentes ao organismo dos felinos — conheça mais sobre eles aqui embaixo:

  • Ração seca: uma das principais vantagens da ração seca é a durabilidade, já que elas podem ficar expostas no potinho de ração por bastante tempo sem estragar — assim, são as mais práticas para os donos de gatos filhotes que passam o dia todo fora de casa. Além disso, ela também pode ser encontrada no mercado em versões que atendem diferentes necessidades físicas do seu animal, desde os primeiros meses de vida até a fase adulta.
Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    A ração úmida faz sucesso com os filhotes de gatos
    A ração úmida faz sucesso com os filhotes de gatos

    Mais Lidas

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!
    Alimentação animal

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!

    As frutas para cachorro são ótimas opções de petiscos para agradar o seu amigo de quatro patas. Os pets podem sim tirar proveito da ingestão de determinadas frutas que são liberadas e não fazem mal. Mas afinal, cachorro pode comer banana? Quais os benefícios dessa fruta para cachorros? Qual a quantidade correta? Posso fazer um petisco para cachorro com esses alimentos? Veja as respostas para todas essas dúvidas!

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos
    Alimentação animal

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos

    Mesmo que os gatinhos não tenham aquela gula característica dos cachorros, eles podem amar alguns alimentos. A dúvida, porém, sempre permanece nessa hora: além da ração, sachê e petiscos específicos, o que gato pode comer? A não ser que seu gatinho tenha um problema de saúde, você pode oferecer algumas frutas, legumes e proteínas de vez em quando. Mas atenção! Não são todos os alimentos que os gatos podem comer. O chocolate, por exemplo, está na lista dos itens proibidos pelo risco de intoxicar o seu pet.

    • Ração úmida: como os gatos têm muita resistência a beber água, a ração úmida é uma ótima opção durante toda a vida dele. Sua principal vantagem é ser multifuncional, já que ele também hidrata o felino enquanto o alimenta. Esse cuidado deve existir como forma de prevenção de uma série de problemas de saúde, como a insuficiência renal em gatos. Além disso, ela também também é mais saborosa para o animal e tem a textura ideal para os dentinhos dos filhotes.

    Quantas vezes por dia os gatos filhotes precisam se alimentar

    Assim como acontece com os filhotes de cachorro, os gatos filhotes também precisam comer poucas quantidades de comida mais vezes durante o dia no início da vida. Além disso, é essencial que o felino coma apenas ração para gato filhote nos primeiros meses, já que esse tipo específico de alimento fornece os nutrientes, vitaminas e aminoácidos necessários para o desenvolvimento saudável do animal.

    A taurina (um aminoácido), por exemplo, consegue influenciar na saúde dos olhos e do coração do seu gatinho. Confira, aqui embaixo, a frequência ideal de alimentação para gato filhote, mas não deixe de conferir se essa rotina é funcional para o organismo do seu animal:

    • de dois a quatro meses de idade: quatro vezes por dia;
    • de quatro a seis meses de idade: três vezes por dia;
    • de seis meses a um ano: duas vezes por dia;
    • de um ano em diante: na fase adulta, o gato pode se alimentar uma vez por dia.

    Por quanto tempo você pode oferecer leite para gato filhote

    Os gatos só podem beber leite enquanto são filhotes
    Os gatos só podem beber leite enquanto são filhotes

    Nos dois primeiros meses de vida, o gato filhote deve se alimentar exclusivamente com leite materno. Depois disso, a ração deve ser introduzida no dia a dia — principalmente no caso daqueles que não vão morar junto da mãe. Para facilitar esse processo de transição, você pode oferecer a ração úmida ou a seca umedecida em leite, mas fique atento: depois dos quatro meses de idade é comum que o sistema digestivo dele não seja mais capaz de digerir a lactose. Ou seja: depois disso, o ideal é só oferecer ração para o bichano.

    Gatos castrados se alimentam com uma ração específica

    De acordo com o estado de saúde do seu gato, o tipo de ração ideal muda — e isso já precisa acontecer nos primeiros meses de vida. A melhor ração para gatos castrados, por exemplo, tem redução de calorias sem perder na quantidade de nutrientes, já que, depois da cirurgia, é comum que o corpinho do animal gaste menos energia para se manter e ele sinta menos vontade de se exercitar.

    Se você não tomar cuidado, o gato pode ficar acima do peso. Se ele já cruzou essa linha, não precisa se preocupar: consulte o veterinário para descobrir qual é a melhor ração para gatos obesos e mude a rotina alimentar do animal. Geralmente, essas versões específicas têm uma quantidade menor de carboidratos e gordura.

    Redação: Ariel Cristina Borges

    Vinho e cerveja para cachorro? Entenda como esses produtos caninos funcionam

    Próxima matéria

    Vinho e cerveja para cachorro? Entenda como esses produtos caninos funcionam

    Gato Azul Russo: saiba tudo sobre a raça
    Raças

    Gato Azul Russo: saiba tudo sobre a raça

    Com uma pelagem cinza, o gato Azul Russo - também conhecido como Russian Blue - é dono de uma beleza inconfundível e capaz de conquistar facilmente o coração de qualquer pessoa com sua personalidade doce e calma. A raça é originária da Rússia e considerada bastante rara, mas ainda assim muitas pessoas ao redor do mundo se fascinam pelo Azul Russo e não hesitam em procurar um bichano para chamar de seu. 

    Gato persa: preço, personalidade, alimentação... Saiba tudo sobre a raça
    Raças

    Gato persa: preço, personalidade, alimentação... Saiba tudo sobre a raça

    O focinho achatado e os pelos longos dos gatos persas são reconhecidos de longe pelo amantes da raça. Mas sabia que eles são muito mais do que apenas um rostinho bonito? Os bichinhos também são queridos pela sua personalidade super tranquila e carinhosa com crianças e outros animais. É justamente por isso que a raça é uma das mais populares do mundo! Mas antes de sair procurando por um gato persa para chamar de seu, conheça todos os detalhes e veja se é mesmo a raça que você quer.

    Gato Chartreux: saiba tudo sobre a raça de pelagem cinza
    Raças

    Gato Chartreux: saiba tudo sobre a raça de pelagem cinza

    O Chartreux é uma de raça gato cinza bastante querida entre os apaixonados por felinos. E não é à toa, né? Extremamente dócil e carinhoso, é muito fácil entender o motivo por trás da paixão dos gateiros por esse bichano de pelagem cinza e focinho gordinho, o que lembra bastante um ursinho de pelúcia. No entanto, a características desse gatinho não se resumem apenas à sua aparência. Pensando nisso, reunimos aqui as principais informações sobre a origem, o temperamento, os cuidados e as curiosidades sobre o gato Chartreux. Vem se apaixonar por esse felino com a gente!

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato
    Raças

    Van Turco: saiba tudo sobre essa raça de gato

    Já ouviu falar no gato Turkish Van? Também chamado de Van Turco ou o contrário, Turco Van, o animal desta raça é muito cobiçado e especial aos olhos dos amantes de felinos. Extremamente dócil e cativante, não é muito difícil entender por que as pessoas se apaixonam por esse bichano de pelagem felpuda e macia. Mas afinal, que outras características são típicas desta raça de gato? Como é a personalidade dele? Que cuidados são necessários no dia a dia do gatinho? Para desvendar todas essas questões, preparamos uma matéria com tudo que você precisa saber sobre o Van Turco. Dá só uma olhada!

    Ver Todas >

    Trocou a ração e o gato não quer comer? Confira dicas de como solucionar o problema
    Alimentação animal

    Trocou a ração e o gato não quer comer? Confira dicas de como solucionar o problema

    Se seu gato não quer comer por causa da troca da ração, pode ser que você tenha feito a transição de forma inadequada. Os felinos têm um paladar bastante rigoroso e exigente, então acaba sendo muito difícil agradá-los com qualquer tipo de comida. Portanto, quando um gato se acostuma com um tipo específico de ração, a troca do alimento deve ser feita com muito cuidado. Esse tipo de situação preocupa muito os tutores, pois a alimentação animal é fundamental para manter o pet saudável. 

    Quais são os alimentos que prendem o intestino do cachorro?
    Alimentação animal

    Quais são os alimentos que prendem o intestino do cachorro?

    A saúde do cachorro é sempre uma das maiores preocupações dos tutores. Por isso é importante pesquisar algumas curiosidades para saber como lidar em diferentes situações. O cachorro com diarreia demanda uma atenção maior ainda com a alimentação. Por isso é importante saber que alimentos que prendem o intestino do cachorro. Explicamos abaixo quais os alimentos liberados e dicas de como regular o intestino do cachorro no caso de diarreia.

    Cachorro pode comer pipoca? Descubra se o snack é liberado ou não
    Alimentação animal

    Cachorro pode comer pipoca? Descubra se o snack é liberado ou não

    Você com certeza já se perguntou o que cachorro não pode comer ou se certo alimento é liberado na dieta do pet. Prestar atenção na alimentação do cachorro é uma regra indispensável na rotina, já que muitas comidas podem intoxicar os animais de estimação e até mesmo causar morte. Às vezes fica difícil resistir ao olhar pidão do cachorro, mas é preciso ter consciência.

    Como a alimentação do cachorro interfere na saúde dele?
    Alimentação animal

    Como a alimentação do cachorro interfere na saúde dele?

    Os cães simplesmente adoram abocanhar tudo que encontram pela frente, principalmente quando é algo comestível. No entanto, é importante ficar atento a este hábito porque ele pode ser bastante prejudicial ao organismo dos cães. Aquela velha frase clichê de que a saúde começa pela boca é totalmente verídica, e isso se aplica também no universo canino. Por isso, cuidar da alimentação do cachorro é dever de todo tutor como forma de garantir que o animal vai crescer saudável e livre de problemas. 

    Ver Todas >