Gato

Quais são os vermes em gatos mais comuns?

Publicado - 11 Agosto 2021 - 18h44

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Encontrar um felino com verme de gato é uma situação mais comum do que se pensa. Até mesmo os bichanos que não saem de casa com frequência podem acabar contaminados por esses parasitas. O contágio do gato com verme acontece principalmente por meio do contato com animais e objetos contaminados - que pode ser até mesmo uma simples peça de roupa do tutor. Quando vemos fotos de vermes de gato é possível perceber diferentes formatos e características físicas. Isso acontece porque não há apenas um verme de gato, mas vários. Portanto, é importante saber quais são os tipos de verme de gato mais comuns e como eles afetam a saúde de gato.

O que são os vermes em gatos?

O verme de gato é uma espécie de parasita conhecido pelo corpo sem membros. Os vermes podem habitar nos mais diferentes lugares: na água, na terra e no corpo de outros animais. Os casos mais comuns são de vermes intestinais. Gatos com esse problema apresentam diarreia, vômitos e sangue nas fezes quando o verme se aloja no intestino.

Mas como é verme de gato? O parasita pode ter dois formatos diferentes: vermes redondos e vermes chatos. Os vermes redondos em gatos têm o formato cilíndrico e possuem uma pele firme e estática. Se alojam no intestino e se alimentam do que o animal ingere, causando desnutrição e reações intestinais. Um exemplo é a Ancylostoma spp, que causa a ancilostomose. Já os vermes chatos são bem achatados e têm uma aparência semelhante à de uma fita. Assim como os vermes redondos em gatos, podem causar problemas intestinais. Um exemplo é a tênia, aquele famoso verme branco saindo do gato. A principal forma de transmissão do verme de gato é por meio da ingestão de um hospedeiro, como pulgas e outros animais infectados

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Tipos de vermes em gatos

Dentro das classificações de vermes chatos e vermes redondos em gatos, pode-se reconhecer diferentes tipos de vermes em gatos. Eles são causados por uma variedade de parasitas e podem contaminar de maneiras distintas. Dentre os mais comuns estão:

Tênia em gatos: a tênia corresponde a um grande grupo de vermes chatos. Esse tipo de verme de gato se aloja no intestino e se alimenta de tudo que o felino consome. Além disso, a tênia em gatos possui mecanismos que ajudam a se fixar na parede intestinal. Também é comum ver em fotos de vermes em gatos a tênia em forma de segmentos nas fezes do felino. O contágio da tênia em gatos se dá a partir da ingestão dos ovos do parasita presentes em outro hospedeiro. Um dos tipos de tênia em gatos mais comuns é o Echinococcus, que é uma zoonose - ou seja, também pega em humanos. 

Lombriga: as lombrigas são tipos de vermes de gatos planos que primeiramente se alojam no intestino e, conforme a doença se agrava, podem migrar para outros órgãos. A contaminação pode acontecer de mãe para filho ainda no útero ou pelo contato com a larva em animais ou objetos contaminados. Esse tipo de verme de gato também causa diversos problemas intestinais.

Giárdia: um dos tipos de vermes em gatos mais comuns, a giárdia também é considerada uma zoonose. Causada pelo parasita Giardia lamblia, esse verme de gato contamina o felino depois que ele ingere algo contaminado com a doença. É comum aparecer em água não filtrada, alimentos que não foram bem lavados e objetos compartilhados entre animais infectados.

Verme do coração:dirofilariose felina é um dos tipos de vermes de gatos mais graves que existem. Como o próprio nome diz, o principal órgão afetado é o coração. A transmissão ocorre depois da picada de um mosquito contaminado. A larva passa pela pele, vai para as artérias e chega ao coração, onde causa inflamação e se propaga por todo o corpo através da corrente sanguínea. Como nesse tipo de verme de gato o intestino não é o principal órgão afetado, outros sintomas são mais comuns, como dificuldade respiratória, convulsões, problemas neurológicos, cegueira e falta de coordenação.

Ancilóstomo: o ancilóstomo é um tipo de verme em gatos que causa a ancilostomose. Apesar de ser mais comum em cães, a ancilostomose nos felinos também pode afetar os gatinhos, trazendo problemas digestivos ao animal por se alojar no intestino. A contaminação pode ocorrer ainda no útero - passando de mãe para filho - ou pelo contato com animais e ambientes contaminados. 

verme em gatos: gato doente

Quais são os sintomas de verme em gatos?

 

Se o seu pet estiver com essa condição, os sintomas de verme em gatos vão aparecer e deixar a condição fácil de perceber. Geralmente, o gato com verme apresenta uma série de sintomas que podem ser facilmente identificados pelo tutor. As fezes de gato com verme costumam ser o primeiro sinal, por conta da diarreia e até mesmo a presença de sangue. É possível perceber ainda sintomas de verme de gato na pele, no abdômen e no comportamento do gato. Como a maioria dos tipos de vermes de gatos se alojam no intestino, problemas digestivos são os mais frequentes a serem observados no gato com verme. Sintomas mais comuns são:

  • Diarreia
  • Sangue nas fezes
  • Vômito
  • Perda de peso
  • Verme nas fezes do gato
  • Febre
  • Letargia
  • Inchaço no abdômen
  • Pelo com aspecto seco ou áspero 

Verme de gato pega em humano? Saiba mais sobre o contágio

Uma das grandes dúvidas de quem tem um bichano em casa é se o verme de gato pega em humano. Existem sim alguns tipos de verme de gato que podem ser transmitidos para pessoas. Dentre eles estão o Echinococcus e a Giárdia. Esse contágio do verme de gato para humanos geralmente se dá a partir do contato com objetos contaminados. Por isso, se existe um caso de vermes em gatos - filhotes ou adultos - dentro de casa, é importante cuidar da higiene. Sempre que tocar nos brinquedos ou comedouro do animal infectado, é preciso lavar bastante as mãos, além de limpar bem os objetos e trocar a areia frequentemente. Lembrando que prestar atenção nos sintomas de verme de gato é a melhor maneira de como saber se o gato está com verme. Nos primeiros sinais, leve o gato para uma consulta veterinária e faça a higiene total do ambiente.   

Como é o tratamento para gato com verme e o que fazer para prevenir?

Ao identificar um ou mais sintomas de verme de gato, procure ajuda de um profissional para que o diagnóstico correto seja feito. Geralmente, o tratamento é realizado com o uso de remédio para verme de gato. Porém, em hipótese nenhuma tente automedicar seu animal de estimação. Somente o médico veterinário poderá indicar qual o melhor tipo de tratamento para o gato com verme de acordo com cada situação.

No mais, vale investir na prevenção para seu amigo não sofrer com esses parasitas: a vermifugação do gato é uma ótima medida preventiva nesse caso. Ela evitará que seu animal sequer contraia a doença. Por isso, é importantíssimo manter o vermífugo do pet em dia. A primeira dose deve ser aplicada aos 30 dias de vida, com mais duas doses no intervalo de 15 dias entre elas. Depois, o reforço anual manterá seu pet sempre prevenido do verme de gato. Preste atenção também no local onde seu bichano vive. Em ambientes com menos saneamento básico e mais facilidade de contaminação do verme de gato, podem ser necessárias mais doses para garantir a proteção. 

Redação: Juliana Melo e Maria Luísa Pimenta

Publicada originalmente em: 27/11/2020

Atualizada em: 11/08/2021

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Gato

As 7 raças de gatos que mais amam conviver com crianças - e os benefícios dessa relação são reveladoras

Para quem tem filhos e sempre quis ter um gatinho em casa, a boa notícia é que existem muitas raças de gatos que se dão bem com os p...

Gato

O motivo pelo qual os gatos amassam pãozinho revela um sentimento oculto sobre como eles veem os humanos

O gato amassando pãozinho é uma das características que mais despertam curiosidade sobre o universo felino. Se você não está acostum...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Ver todas