Saúde

Obesidade canina: infográfico te ensina como diferenciar um cachorro obeso de um animal saudável

A obesidade canina é uma condição séria e que pode atrapalhar a mobilidade e bem-estar do animal. O cachorro obeso pode ter muitas razões por trás: predisposição genética, doenças relacionadas, alimentação inadequada, falta de exercícios físicos, entre outros. Além disso, a doença pode interferir em vários sistemas do organismo do cachorro e desencadear outros problemas de saúde. Mas como diferenciar um cachorro no peso ideal de um cachorro gordo? Para te ajudar, o Patas da Casa elaborou um infográfico ilustrando os níveis corporais dos cães e quando é motivo para se preocupar. Confira!

Veja o que define um cachorro muito magro, no peso ideal ou obeso.
Veja o que define um cachorro muito magro, no peso ideal ou obeso.

Mais Lidas

Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
Saúde animal

Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
Saúde animal

Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
Saúde animal

Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
Saúde animal

Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

Como identificar um cachorro obeso?

Não é difícil saber se o cachorro está muito magro ou acima do peso. Basicamente, você precisa observar a estrutura corporal dele de dois ângulos: por cima e de lado. O cachorro gordo, por exemplo, vai apresentar uma camada de gordura bem grossa no tórax e abdômen, que chega até a base da cauda. Já no animal desnutrido, os ossos da região pélvica, costelas e abdômen ficam bem aparentes, sem nenhuma gordura. Veja as características de cada peso corporal:

Muito magro: em um caso de desnutrição, toda a estrutura óssea do cachorro fica bem aparente e elevada. Claramente não há presença de gordura para envolver os ossos. Outros sinais também são perceptíveis, como olhos saltados, fraqueza e dificuldade para se locomover.

Abaixo do peso: ainda um caso de atenção, o cachorro abaixo do peso também fica com a costela e área abdominal visíveis mesmo de longe e sem gordura perceptível. Na região pélvica, os ossos estão mais saltados, de forma menos crítica do que a situação anterior.

Peso ideal: um cachorro saudável vai ter a vitalidade e disposição a seu favor. Seu corpo vai ser esguio, mas sem ossos aparentes, e vai ser possível sentir uma leve capa de gordura ao tocá-lo. A cintura tem uma silhueta bem definida.

Sobrepeso: se você sentir uma camada de gordura mais grossa ao tocar o animal, fique em alerta. O cachorro com sobrepeso ainda terá costelas palpáveis, mas a cintura perde o formato mais delineado.

Obeso: no cachorro obeso, se torna quase impossível diferenciar a cintura e o peitoral, já que têm bastante gordura aparente em todos os ângulos. A distensão abdominal é bem visível. O animal precisa de uma intervenção urgente para perder peso e recuperar sua forma física. Nesse nível, já é possível que ele tenha desenvolvido alguma doença decorrente da obesidade canina e tenha dificuldades para se movimentar.

Como ajudar um cachorro gordo a perder peso?

Por ser um problema bem sério e que pode desencadear outros problemas de saúde, a obesidade canina precisa de um tratamento imediato, que consiste em uma mudança completa do estilo de vida do animal. Antes de tudo, é muito importante levar o cachorro no veterinário para um check-up geral. Só assim será possível fazer um planejamento alimentar e de exercícios bem focado no seu cão: é possível que o animal tenha que fazer a transição para uma ração para cachorro obeso ou um alimento light.

Os exercícios também vão entrar na rotina do bichinho: passear com cachorro é algo imprescindível para qualquer animal. No caso do cachorro gordo, a prática precisa ser intensificada com caminhadas mais longas e mais vezes ao dia (nesse caso, vale até pesquisar um passeador de cães para revezar com você). Dentro de casa, algo muito eficiente é brincar com o cachorro mais vezes e não incentivar a morbidez: invista em brinquedos e jogos para estimular o seu cachorro a correr e se movimentar.

Redação: Luana Lopes

O que é a paralisia súbita da extremidade traseira em gatos? Veterinária explica tudo!

Próxima matéria

O que é a paralisia súbita da extremidade traseira em gatos? Veterinária explica tudo!

Aprenda em 8 passos como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo (infográfico)
xixi

Aprenda em 8 passos como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo (infográfico)

Ter um cãozinho vai muito além dos momentos de diversão e fofura: é preciso também saber como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo. Caso contrário, uma situação que pode se tornar muito comum (e desagradável) é encontrar xixi de cachorro pela casa toda. Felizmente, existem algumas técnicas que são bastante úteis na hora de ensinar o animal a fazer xixi e cocô no local adequado.

Cachorro obeso: como ajudar o animal a perder peso?
Saúde

Cachorro obeso: como ajudar o animal a perder peso?

A obesidade canina é um problema bem comum entre os cães. Assim como em seres humanos, o excesso de gordura pode provocar diversos problemas de saúde - como doenças cardíacas e hepáticas -, além de diminuir a qualidade de vida do animal. Por isso, é importante estar atento aos sinais de que seu cachorro está ganhando peso e começar a pensar em mudanças de hábitos na rotina dele. Quer saber como evitar a obesidade canina e ajudar seu cachorro a perder peso? O Patas da Casa listou 4 dicas para ajudar o seu amigo a emagrecer.

Quais são as 5 raças de cachorro mais propensas à obesidade canina?
Raças

Quais são as 5 raças de cachorro mais propensas à obesidade canina?

A aparência de um cachorro mais gordinho pode até ser um motivo de fofura para algumas pessoas, mas a obesidade canina é definitivamente um assunto sério, que pode gerar graves problemas de saúde para o animal. Assim como os seres humanos, um cachorro obeso tem mais riscos de desenvolver problemas cardíacos, diabetes e ter dificuldades nas articulações e quadris. Algumas raças são mais propensas a estar acima do peso do que outras. Há cachorros, por exemplo, que são mais ativos e exigem longos passeios para cansá-los, enquanto outros preferem comer e dormir o dia inteiro. Obviamente, os cães mais preguiçosos têm maior probabilidade de estar acima do peso do que aqueles que são mais agitados.

Alimentação animal: quais as diferenças entre o paladar do cachorro e do gato?
Alimentação

Alimentação animal: quais as diferenças entre o paladar do cachorro e do gato?

Se você convive com um gato e um cachorro na mesma casa, já deve ter reparado que esses animais têm maneiras bem distintas de se comportar quando o assunto é comida. Isso acontece porque tanto o paladar felino quanto o canino tem lá suas particularidades, e também porque o organismo das espécies têm necessidades nutricionais diferentes, o que influencia no interesse por determinado alimento ou não. 

Ver Todas >

Trombose em cachorro: o que é, quais as causas e como prevenir o problema?
Saúde animal

Trombose em cachorro: o que é, quais as causas e como prevenir o problema?

A maioria dos cães geralmente tem uma boa saúde ao longo de sua vida, principalmente se eles forem bem cuidados. No entanto, ainda assim alguns problemas podem surgir quando menos se espera, como é o caso da trombose em animais. Embora não seja um quadro tão comum, é importante saber tudo sobre a doença, pois dependendo da região que foi atingida, o cachorro pode ter sua qualidade de vida bastante afetada. 

Homeopatia para gatos renais: tratamento traz mais qualidade de vida para felinos com insuficiência renal
Saúde animal

Homeopatia para gatos renais: tratamento traz mais qualidade de vida para felinos com insuficiência renal

A insuficiência renal em gatos é uma doença considerada comum quando falamos dos felinos. Por não ter cura, alguns cuidados especiais e acompanhamento constante durante toda a vida do animal são muito importantes para evitar a evolução do quadro. A homeopatia animal é um dos tratamentos que podem trazer mais qualidade de vida para os gatinhos diagnosticados com a doença. 

Saiba tudo sobre a paralisia de laringe em cães
Saúde animal

Saiba tudo sobre a paralisia de laringe em cães

Entender um pouquinho sobre a anatomia canina é necessário para saber como algumas doenças podem interferir na saúde do cachorro. A paralisia de laringe em cães, por exemplo, é uma condição pouco abordada e que costuma despertar muitas dúvidas nos pais de pet. Como esse quadro se manifesta? Quais são os principais sintomas e como é feito o tratamento? 

Incontinência urinária em cadelas que já foram castradas: entenda o problema de saúde!
Saúde animal

Incontinência urinária em cadelas que já foram castradas: entenda o problema de saúde!

Não é mistério que a castração de cachorro é um dos procedimentos cirúrgicos mais importantes na vida de um cão, não apenas como uma forma de prevenir a gravidez indesejada, mas também por uma questão de saúde. No entanto, além das mudanças comportamentais que podem ser observadas nos animais castrados, a cadela castrada também pode acabar desenvolvendo um outro probleminha após a cirurgia, que é a incontinência urinária em cães. 

Ver Todas >