Adoção animal

O Pinscher é agressivo? Saiba mais sobre essa fama da raça de cachorro pequeno

Publicado - 01 Dezembro 2020 - 18h42

Atualizado - 06 Maio 2024 - 16h54

Diferente da maioria dos cachorros pequenos, que são super fofinhos e afetuosos, o Pinscher carrega uma fama nada agradável por aí, que é a de esquentadinho. Isso acontece principalmente por causa do temperamento da raça, que é super destemido e energético. Afinal, apesar da baixa estatura, esses cães são a prova viva de que tamanho não é documento e eles estão sempre a postos para defender sua família. O problema é quando associam essa imagem de coragem com agressividade. Será que isso é real ou não passa de uma má fama? Desvendamos o que você precisa saber sobre o temperamento desta raça de cachorro pequeno a seguir!

Pinscher é uma raça de cachorro agressiva?

Uma das dúvidas que mais permeiam a cabeça dos amantes de cachorro é se o Pinscher é considerado um animal agressivo, e a resposta para isso é: depende. Ninguém pode negar que esse pequeno cãozinho é dotado de uma forte personalidade. Ele é corajoso, destemido e com uma bravura enorme. O problema é que muita gente acaba confundindo isso com uma certa agressividade, o que está longe de ser inteiramente verdade.

Claro que, assim como qualquer ser vivo, o cachorro Pinscher não é de ferro e algumas situações podem sim incomodá-lo. Nesses casos, a raça pode acabar apresentando um comportamento mais abrupto e com muitos latidos, mas é importante ter em mente que isso nunca vai acontecer repentinamente: sempre vai haver um motivo por trás de um Pinscher estressado. Por isso, é fundamental conhecer o comportamento do seu amigo de quatro patas e entender quais são os gatilhos que despertam esse lado dele.  Ao se sentir ameaçado, por exemplo, o cachorro Pinscher não vai hesitar em mostrar que, mesmo que seja pequeno, ele é totalmente capaz de se defender. Além disso, ele sempre vai estar pronto para proteger quem ama da mesma forma.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Mas lembre-se: esse é um cão que não vai pra cima de ninguém gratuitamente - a questão é que o Pinscher é totalmente adepto do famoso “se me atacar, eu vou atacar”. Portanto, é importante respeitar o espaço do cãozinho - principalmente perto de estranhos, com quem a raça Pinscher tende a ser mais desconfiada.

 

Tutora segurando cão Pinscher preto em praia
A socialização do Pinscher é fundamental para melhorar a relação do cachorro com humanos e outros animais

 

Pinscher: cachorro deve ser adestrado para evitar situações de agressividade?

O adestramento é sempre uma alternativa possível para cães que têm algum tipo de problema comportamental; logo, sim, essa é uma opção que pode ser levada em consideração para melhorar o temperamento de um Pinscher. Assim, o cachorro aprende a respeitar os limites que são estabelecidos e, mesmo que ele se sinta incomodado com alguma coisa, vai ter uma atitude totalmente diferente para demonstrar isso que não seja por meios agressivos, como mordidas. 

No entanto, se você tem contato com o filhote de Pinscher ainda nos primeiros meses de vida, é fundamental investir também na socialização do animal desde cedo. Esse processo ajuda o cachorro a aprender a conviver com diferentes tipos de pessoas e animais., tornando ele mais amigável e tranquilo.

Outras dicas para amenizar o comportamento de um Pinscher estressadinho

Como a raça Pinscher é muito ativa, o tutor precisa investir em uma rotina com bastante atividades físicas e brincadeiras para gastar a energia acumulada do cãozinho. Caso contrário, ele pode se sentir frustrado e acabar desenvolvendo comportamentos nocivos e agressivos como consequência. Por isso, não deixe os passeios de lado com o cachorro Pinscher e procure investir no enriquecimento ambiental para deixar o animal sempre entretido, seja com brinquedos interativos ou com outros acessórios que possam distraí-lo dentro de casa.

Redação: Juliana Melo

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Adote um animal

Fiapo de manga: a nova "raça" de cachorro vira-lata que tem feito sucesso na internet

Há quem diga que vira-lata caramelo representa mais o Brasil do que samba e futebol - não à toa que existem propostas de lei para el...

Cachorro

Cruzamento de cachorro: tudo que você precisa saber sobre o assunto

O cruzamento de cachorro é um assunto que desperta a curiosidade da maioria dos tutores. Enquanto alguns se preocupam em evitar que ...

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Ver todas