Gato

Gato triste e com saudade de outro gato: veja como ajudar o seu bichano a lidar com separações

Publicado - 19 Abril 2021 - 17h59

Atualizado - 10 Maio 2024 - 10h56

Poucas pessoas sabem, mas os gatos sentem saudades e têm diferentes formas de demonstrar isso. Uma situação em que o sentimento pode ser claramente observado é quando dois gatos vivem juntos - mesmo que não sejam irmãos ou mãe e filho -, mas em um determinado momento eles precisam se separar, seja por conta de uma mudança de casa ou porque um deles faleceu.

“Apesar de serem intitulados como independentes, os gatos criam um vínculo afetivo, não só com outros gatos, mas também com outras espécies que ele convive, como seres humanos e até mesmo os cães”, explica a veterinária e comportamentalista animal Renata Bloomfield.

Gatos sentem saudades de outros gatos: Terça e Chico precisaram se separar

A convivência é algo fundamental para aproximar dois gatinhos que não são da mesma família. Depois de um tempo é inevitável: eles acabam criando um vínculo afetivo. Esse foi o caso do Terça e do Chico, que viviam na mesma casa, mas pertenciam a pessoas diferentes e eram super amigos. Até que uma das tutoras precisou se mudar. “O Terça chegou primeiro, já adulto, e quase dois anos depois veio o Chico, filhote, então o Chico cresceu junto com o Terça e eles brincavam bastante, dormiam juntos, se lambiam”, conta Paola Piola, que é dona do Terça.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Embora essa seja uma situação bastante recente, a tutora destaca que já percebeu algumas mudanças: “Ainda estamos vivendo os primeiros dias, mas a maior mudança no comportamento é o miado. O Terça tem miado demais, porque ele não perdeu só o Chico, como também a minha amiga com quem eu dividia apartamento. Ele mia se fica sozinho na sala, se estamos com a porta fechada, mia de manhã cedo. Nos primeiros dias o que eu fiz foi botar ele para dormir comigo no quarto (coisa que eu não fazia), agora tô tentando deixar ele para fora à noite e ignorar os miados. Tem vezes que param, tem vezes que não”.

A explicação para esse tipo de comportamento é simples, conforme Renata explica: “Se são dois gatos que convivem juntos, brincam juntos, eles vão sentir falta um do outro. É uma vida que foi compartilhada até um certo momento e que está sendo separada, já que dificilmente eles vão se ver novamente”. Existem algumas formas de amenizar a separação entre os felinos. Uma das dicas da especialista é o enriquecimento ambiental para gatos: “Isso ajuda o animal a sentir menos a separação, porque serve como estímulo. O uso de feromônios também pode ajudar nesse momento, mas o enriquecimento ambiental ainda é a opção mais indicada.”

 

Gato filhote com semblante desanimado olhando para baixo enquanto recebe raios solares
Gatos podem ficar bastante abatidos com a ausência de outros gatos que costumavam conviver

 

Meu gato não quer comer e está triste, será que é saudade?

Os gatos têm diferentes formas de demonstrar que estão sentindo saudade dos humanos e de outros bichinhos. No caso dos humanos, por exemplo, é possível perceber isso quando o tutor chega em casa e o gato já está na porta pronto para recebê-lo. Mas que outros comportamentos podem indicar esse sentimento de falta? A comportamentalista explica: “Quando os gatos sentem saudades, às vezes eles ficam mais prostrados, mais quietinhos no canto deles. Em outros casos, eles também fazem vocalização e miam bastante. Também pode acontecer do gatinho ficar olhando para a porta e deixar de fazer qualquer atividade quando a pessoa sai de casa. Eles deixam de ir ao banheiro, beber água e se alimentar, e só voltam a fazer isso quando o tutor volta. São sinais de que o gatinho está com muita saudade.”

Luto de gato: como ajudar um animal a superar a ausência do seu amigo?

Diferente do que acontece com os humanos, os felinos não têm a capacidade de distinguir quando o outro gato simplesmente vai embora ou falece. “Isso é indiferente porque o que fica é basicamente o mesmo sentimento da falta e da saudade. Então o animal ir para uma outra casa não deixa de ser um luto porque o contato entre os gatos é interrompido, e eles não vão voltar a se ver”, explica Renata. O melhor jeito de lidar com a situação é oferecer o máximo de estímulos ao felino e observar possíveis alterações comportamentais.

“Os gatos sentem falta do outro gato um pouquinho depois do ocorrido. Ele primeiro vai sentir a falta da presença física, mas o cheiro do outro animal ainda permanece por um tempo, então ele vai sentir que o gato está ali e vai ficar procurando pela casa. Depois que o cheiro do outro gato sai é quando realmente começa o luto, que demora em torno de 21 dias a um mês, mais ou menos”, revela a comportamentalista.

Em alguns casos, o bichano pode apresentar um quadro de depressão, que precisa de bastante cuidado e atenção - independentemente se o outro gato simplesmente se mudou ou faleceu. “É um momento em que o tutor tem que respeitar o luto do gatinho, mas ao mesmo tempo não pode deixar que ele entre em depressão. Se perceber que está afetando tanto a parte de alimentação do animal ou que ele mudou muito o comportamento, vale ir em um veterinário especialista em comportamento para poder ajudar o gatinho de uma forma mais saudável e confortável para ele”, enfatiza Renata.

Redação: Juliana Melo

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Adote um animal

Os nomes para gatos fêmeas mais famosos do momento: 100 dicas para escolher como chamar seu novo pet em 2024

Existem muitas opções de nomes para gatos fêmeas para escolher depois da adoção.  A inspiração para nomes de gatos pode vir de ...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Adote um animal

Os nomes para gatos fêmeas mais famosos do momento: 100 dicas para escolher como chamar seu novo pet em 2024

Existem muitas opções de nomes para gatos fêmeas para escolher depois da adoção.  A inspiração para nomes de gatos pode vir de ...

Ver todas