Gato

Gato com diarreia: 6 doenças associadas ao problema

Publicado - 18 Fevereiro 2021 - 15h37

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

O gato com diarreia é um sintoma que pode significar muitas coisas: desde o efeito da troca de ração do gato até uma doença mais grave, como a leucemia felina. A presença de parasitas no organismo é outro fator que pode causar a diarreia em gatos. Na hora de limpar a caixa de areia, é importante monitorar como estão as fezes do gato. A frequência, textura e outros sinais - como verificar a presença de sangue ou muco - devem ser observados pelo tutor para identificar a gravidade ou não do quadro. Além disso, é importante ficar de olho em outros sintomas, como o gato vomitando ou com febre. Para que você entenda um pouco mais sobre as causas do problema, listamos 6 doenças que têm o gato com diarreia como sintoma comum.  

1) Diarreia em gatos pode ser toxoplasmose

A toxoplasmose em gatos é uma doença infecciosa causada pelo Toxoplasma gondii. A contaminação ocorre principalmente quando o gatinho consome carne de ave ou roedores crua e infectada. Quando o gato é contaminado, o protozoário se aloja no intestino do felino, levando cerca de 15 dias para se reproduzir e eliminar os ovos pelas fezes do gato. 

A diarreia em gatos decorrente da toxoplasmose costuma ser líquida e pode ter a presença de sangue em alguns casos. Além disso, a enfermidade provoca sintomas como vômito, dispneia, tosse, dor muscular, encefalite, imunidade baixa e icterícia (mudança na coloração das mucosas). Se você observar qualquer um desses sintomas em seu pet, a orientação é buscar auxílio de um médico veterinário. A toxoplasmose é uma doença grave, que quando não tratada pode levar à morte. A principal forma de prevenção da toxoplasmose é a criação indoor, visto que quando o gato não sai para rua dificilmente vai ingerir a carne infectada.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

2) Leucemia felina enfraquece o sistema imunológico e deixa o gato com diarreia

A FeLV (vírus da leucemia felina) é uma doença viral que é transmitida por meio de secreções de gatos contaminados ou da mãe infectada para o filhote. A leucemia felina atinge o sistema imunológico, trazendo uma série de complicações para o bichano infectado. Apesar de ser uma doença muito grave, pode ser prevenida com a vacinação - no entanto, antes de aplicar a vacina é necessário testar o gato para confirmar que ele não está infectado pela FeLV.  A diarreia é um sintoma comum da FeLV, principalmente em filhotes de gato, mas ao longo da vida a doença vai apresentando sinais como anorexia, anemia, perda de peso, apatia, problemas respiratórios, estomatites e febre. A doença não tem cura, mas é possível fazer tratamentos complementares para amenizar os efeitos e oferecer mais qualidade de vida ao animal.

3) Além de causar diarreia, panleucopenia felina pode afetar respiração e medula óssea

A diarreia em gatos é um dos sintomas da panleucopenia felina, que também provoca vômito, febre, falta de apetite e sensibilidade na região abdominal. As fezes podem ter a presença de sangue. Normalmente associada à cinomose em cães, por causar efeitos semelhantes, a enfermidade é provocada por um vírus e é extremamente contagiosa - tendo a proliferação facilitada pela aglomeração de gatos. A melhor forma de prevenção da doença é a vacina, que pode ser administrada a partir dos dois meses de vida. Apesar de grave, a panleucopenia felina pode ser tratada com antibióticos, mas casos graves demandam outras terapias mais intensas. 

 

Fique atento se o gato com diarreia apresenta outros sintomas, isso pode ajudar no diagnósticoAs imagens a seguir são fortesA diarreia em gatos com panleucopenia costuma ser líquida e pode apresentar sangueA diarreia líquida é um sintoma dos gatos com FeLVAlém da diarreia em gatos, o astrovírus pode provocar anorexia

 

4) Salmonella em gatos: intoxicação alimentar bacteriana também pode causar diarreia

 

A salmonella é considerada rara nos felinos, mas é preciso que seja detectada rapidamente pelo risco de  ser transmitida para os seres humanos. A diarreia apresentada pela doença costuma vir com sangue, podendo se agravar para uma diarreia crônica intermitente do intestino grosso. Além desse sintoma, a salmonella em gatos provoca desidratação, febre, vômitos, perda de peso, dor abdominal, choque e apatia. A principal forma de contração da doença é com a ingestão de alimentos contaminados, que podem ser carnes bovinas, suínas, de aves, ou até mesmo alimentos como ovo e leite desses animais. Além disso, águas de rios e lagos podem estar contaminadas, assim como frutas e verduras. O diagnóstico é feito com exames laboratoriais. Caso o resultado seja positivo para a doença, o tratamento será feito com antibióticos. A melhor forma de prevenção da doença é evitar que o gato coma carnes e outros alimentos crus.

5) Gato com diarreia: infecção por astrovírus provoca o sintoma

A transmissão do astrovírus ocorre por meio do contato do gato com água, alimentos, fezes e vômitos contaminados. Além da diarreia, a doença provoca apatia, anorexia, perda de apetite, vômitos, dor abdominal, sangue nas fezes e febre. O diagnóstico é feito com um hemograma e outros exames clínicos. O tratamento da enfermidade é feito com terapias de suporte, na intenção de controlar os sinais clínicos. Vale ressaltar que a transmissão do astrovírus ainda pode ocorrer pelas fezes do animal contaminado, mesmo após o fim da diarreia. Por isso é importante separar os gatinhos saudáveis dos infectados até que estejam devidamente curados.

6) Rotavírus é outra doença viral que provoca diarreia em gatos

Apesar de ser considerado raro, o rotavírus em gatos é bem perigoso. A diarreia em gatos do gatinho infectado vem associada de vômito, anorexia e emagrecimento. O rotavírus pode ainda levar o intestino a fazer má absorção. Assim como o astrovírus, essa doença viral pode ser diagnosticada com exames clínicos. 

Redação: Hyago Bandeira

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Comportamento

Meu gato está intimidando meu cachorro: 7 dicas aprovadas por um vet para lidar com a situação

Ter um cachorro e gato convivendo em harmonia em casa é o sonho de qualquer tutor - mas a realidade pode ser bem diferente. Por sere...

Comportamento

Aprenda a interpretar cada miado de gato: foi com essas dicas que consegui me aproximar mais ainda do meu pet

Mesmo que os gatos não saibam falar, a linguagem felina é muito rica e expressiva. Além da postura corporal, o miado de gato tem uma...

Saúde

O que acontece no corpo da gata no cio? Dos miados estridentes aos picos hormonais, veja todas as mudanças que ela enfrenta

Não precisa ser expert no universo felino para conseguir identificar uma gata no cio. Dos miados estridentes aos picos hormonais, o ...

Cachorro

Com ajuda do ChatGPT, mulher cria site para mostrar como os cachorros enxergam de verdade: testamos por aqui!

Você já se perguntou como os cachorros enxergam? Essa é uma dúvida comum entre muitas pessoas, sejam elas tutoras de um pet ou não. ...

Comportamento

"Amor de gato": foi assim que aprendi a interpretar as emoções do meu gatinho e percebi que sou o amor da vida dele

O amor de gato é um sentimento especial e gratificante que os bichanos demonstram por seus donos. Mas ao contrário dos cães, eles ex...

Ver todas