Adestramento

Ensinar cachorro: 6 hábitos que os cães precisam aprender desde cedo

É muito mais fácil educar cachorro quando ele ainda é filhote
É muito mais fácil educar cachorro quando ele ainda é filhote

Depois de adotar um cachorro, é bom ter em mente que nem tudo será diversão. Os aprendizados também devem fazer parte da rotina do animal. Quanto antes os treinos começarem, mais fácil será para o cachorro aprender - e, consequentemente, a convivência com o cãozinho será melhor em todos os sentidos. O adestramento nem sempre precisa ser feito com um profissional: com algumas técnicas simples, é possível ensinar o cachorro em diferentes aspectos, como comer mais devagar ou não puxar a coleira durante os passeios. Veja abaixo 6 hábitos que devem ser ensinados desde cedo para os cães!

1) Ensinar o cachorro a fazer as necessidades no lugar certo

Essa é, sem dúvida, uma das maiores preocupações dos pais de primeira viagem. Por isso, um dos primeiros ensinamentos na rotina de um novo cãozinho é ensinar ele a fazer as necessidades no lugar certo. O processo em si não é difícil, mas exige paciência até que o animal entenda o que precisa fazer na hora do xixi e cocô. Para facilitar o adestramento, é importante prestar atenção aos momentos em que o cachorro está prestes a fazer as necessidades para direcioná-lo para o banheirinho imediatamente - estabelecer uma rotina ajuda bastante nessas horas. Os estímulos positivos também contribuem para o aprendizado, então não esqueça de comemorar sempre que o seu cãozinho “acertar” o lugar.

2) Passear com cachorro: puxar a coleira é um hábito comum entre os filhotes

Passear com o cachorro é algo que deve ser prazeroso tanto para o animal quanto para o tutor. No entanto, é super normal que o cachorro que não sabe como funcionam os passeios passe a puxar a coleira. Para corrigir esse tipo de comportamento e ensinar cachorro a não puxar durante os passeios, Uma boa dica é investir nos acessórios certos para isso: o peitoral antipuxão faz muita diferença para o cachorro que puxa a coleira. Se mesmo assim o problema persistir, outra tática é parar o passeio quando ele fizer isso ou virar na direção contrária. O cãozinho provavelmente vai ficar bastante frustrado, mas com o tempo ele vai entender que o comportamento não é legal e que toda vez que ele puxar, o passeio será interrompido.

3) Ensinar cachorro a não morder as pessoas

Nos primeiros meses de vida, os cachorros desenvolvem a mania de morder tudo que encontram pela frente (inclusive pessoas). Isso acontece principalmente por conta do nascimento dos dentes permanentes, que é um processo que causa muito incômodo na gengiva, mas também pode ser uma forma do cachorro brincar ou chamar a atenção dos humanos. É importante cortar esse hábito o quanto antes ou as mordidas podem ficar cada vez mais intensas e causar machucados. Para isso, é bom ensinar cachorro o significado do “não”, que vai ser uma palavra utilizada para repreender os maus comportamentos, como as mordidas. Brigar ou punir o cãozinho nunca é a solução, mas o poder do "não" já ajuda bastante. Além disso, investir em mordedores para cachorro também é uma boa forma de redirecionar o hábito para objetos apropriados.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    Ensinar cachorro a tomar banho desde cedo vai evitar que ele desenvolva medos desnecessários
    Ensinar cachorro a tomar banho desde cedo vai evitar que ele desenvolva medos desnecessários

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    4) Socializar cachorro desde cedo é fundamental no processo de educação

    A socialização é muito importante em qualquer fase da vida dos cães, mas as dúvidas sobre como socializar cachorros da forma correta são muito comuns. O ideal é que todo o processo aconteça de preferência com o filhote de cachorro, pois assim o animal já cresce acostumado a ver e interagir com diferentes tipos de pessoas, animais e situações. Os passeios são fundamentais para estimular essas interações e fazer o cachorro ter contato com o mundo exterior.  

    5) Ensinar cachorro a comer devagar evitará problemas de saúde

    Se o seu cachorro come muito rápido, é importante cortar o hábito o quanto antes. Se alimentar de um jeito desesperado pode resultar e alguns problemas de saúde que costumam causar muito desconforto abdominal, como a formação de gases. Para evitar que isso aconteça, o cãozinho precisa aprender a comer devagar desde cedo. O uso de um comedouro lento para cachorro no lugar do comedouro tradicional, por exemplo, é ótimo para diminuir o ritmo da alimentação. Também vale a pena dividir a refeição em porções menores ao longo do dia para que o cãozinho não coma tudo de uma vez (sempre respeitando a quantidade indicada para a idade, porte e peso do animal).

    6) Banho em cachorro: é importante acostumar o animal desde cedo

    Os banhos são muito importantes na rotina dos cães, tanto por higiene quanto para prevenir alguns problemas de saúde. Nem todo cachorro é acostumado com esse hábito e pode desenvolver um medo desproporcional da água, tornando o banho em cachorro em uma tarefa complicada. Para facilitar esse processo, o hábito deve fazer parte da rotina do animal desde cedo. Uma boa ideia é tentar associar esse momento a coisas positivas, como elogios, brinquedos e petiscos.

    Redação: Juliana Melo

    Brinquedos para cachorro com barulho: por que eles amam tanto?

    Próxima matéria

    Brinquedos para cachorro com barulho: por que eles amam tanto?

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Cuidar de cachorro: 5 hábitos que você deve acostumar o animal desde cedo
    Cuidados

    Cuidar de cachorro: 5 hábitos que você deve acostumar o animal desde cedo

    Cuidar de cachorro não é tão simples quanto parece, mas também não é nenhum bicho de sete cabeças. No entanto, para facilitar a convivência com o pet, é preciso acostumá-lo com alguns hábitos desde cedo, como escovar os dentes e tomar banho. Caso contrário, o cãozinho pode apresentar certa resistência nessas horas, e todo o processo acaba sendo bem mais trabalhoso. Para te ajudar nessa missão, separamos 5 hábitos essenciais que devem fazer parte da rotina de todos os cães, independente da idade. Veja quais são eles!

    Vira-lata: tudo o que você precisa saber sobre os cães sem raça definida (SRD)
    Adoção

    Vira-lata: tudo o que você precisa saber sobre os cães sem raça definida (SRD)

    O vira-lata é o cachorro mais querido e presente nos lares brasileiros. E não é pra menos, né? Esperto, brincalhão e cheio de amor para dar, ele é um ótimo candidato a transformar a sua casa em um lugar mais divertido e, de quebra, ser um companheiro para todas as horas. Oficialmente chamado de sem raça definida (SRD), o cachorro vira-lata não tem uma origem clara e possui características que o tornam único. O cãozinho SRD desperta muitas dúvidas entre os tutores: quanto tempo vive um vira-lata? 

    Ver Todas >

    Cachorro na janela do carro: por que eles amam tanto?
    Comportamento animal

    Cachorro na janela do carro: por que eles amam tanto?

    É bem provável que você já tenha visto um cachorro na janela do carro curtindo o ventinho no rosto ou até tenha presenciado o seu doguinho fazer isso. Essa é uma situação super comum, principalmente quando os donos decidem viajar com cachorro de carro ou nas idas para o veterinário. Mas já parou para se perguntar por que esses bichinhos gostam tanto de ficar com a cabeça na janela? Será que é só por uma questão de aventura, ou existe explicação por trás do comportamento?

    Como escolher a bolinha para cachorro ideal de acordo com a idade, tamanho e energia do seu pet?
    Comportamento animal

    Como escolher a bolinha para cachorro ideal de acordo com a idade, tamanho e energia do seu pet?

    Quem nunca viu um cachorro correndo atrás de uma bola? A  bolinha para cachorro  é clássica e um dos brinquedos preferidos desses animais. Qualquer cãozinho quando vê uma bola se diverte bastante, principalmente aqueles mais energéticos e ativos. Porém, engana-se quem pensa que toda bolinha é igual, porque há uma infinidade de modelos que podem ser comprados. Não existe um melhor que o outro, mas sim o que é mais adequado para cada tipo de cachorro, levando em conta a idade, tamanho e nível de energia.

    Adestrar gato: como é o processo de aprendizagem dos felinos? (spoiler: é bem diferente dos cães)
    Comportamento animal

    Adestrar gato: como é o processo de aprendizagem dos felinos? (spoiler: é bem diferente dos cães)

    O adestramento de cachorro é super conhecido por aí, mas algumas pessoas não sabem que os gatos domésticos também pode ser treinados. Adestrar gato também promove muitos benefícios à rotina do pet, além de aproximá-lo do tutor e mudar comportamentos inadequados. No entanto, o processo de adestramento do gato é bem diferente do que já estamos acostumados com os cães. 

    Como socializar gatos? 5 segredos para tornar tudo mais fácil
    Comportamento animal

    Como socializar gatos? 5 segredos para tornar tudo mais fácil

    Um dos grandes desafios que vários tutores enfrentam é não saber como socializar gatos corretamente, o que pode desencadear problemas de convivência, como ciúmes e brigas. Normalmente, o período mais indicado para fazer a socialização é quando o gato ainda é um filhotinho, porque ele ainda está se adaptando ao mundo e fica mais fácil de apresentá-lo a novas experiências. 

    Ver Todas >