Saúde

Dermatite canina causa queda de pelos no cachorro? Veterinário dermatologista esclarece todas as dúvidas

A queda de pelo em cães em regiões específicas e de forma pontual pode ser um sinal de dermatite canina
A queda de pelo em cães em regiões específicas e de forma pontual pode ser um sinal de dermatite canina

A queda de pelo em cães pode acontecer por diferentes motivos e nem sempre é motivo de preocupação. A troca de pelagem, por exemplo, é algo totalmente natural para o animal, mas é importante saber diferenciá-la de uma doença dermatológica, como a dermatite canina. O problema pode resultar em um cachorro com queda de pelo. Existem diferentes tipos de dermatites que afetam diretamente a pele e pelagem dos cães, e para esclarecer algumas dúvidas sobre o assunto, o Patas da Casa conversou com o veterinário dermatologista William Klein. Veja o que ele nos contou!

A queda de pelos em cachorro pode ser provocada pela dermatite canina?

Sim, isso é totalmente possível. Segundo o profissional, qualquer doença dermatológica pode ter esse efeito, seja uma dermatite bacteriana em cães ou uma dermatite de origem fúngica ou parasitária. “Essas doenças alteram a barreira cutânea do animal, que por sua vez terá uma resposta importante na manutenção dos folículos pilosos. Como consequência, vai ocorrer uma queda excessiva de pelos no cachorro”, explica.

Ainda assim, muitos tutores se perguntam se existe um tipo de dermatite que causa mais queda de pelo em cães. Sobre isso, William informa: “Não existe uma dermatite específica que faça cair mais pelos, o que define isso é o grau de acometimento do animal em relação à própria doença. Quanto mais avançada a doença, maior a queda de pelo em cachorro”. Logo, isso é algo que pode variar muito de paciente para paciente e que vai depender principalmente da resposta do organismo canino àquela doença.

Conheça alguns tipos de dermatite canina bastante comuns

• Dermatite atópica em cães: A dermatite atópica canina é uma doença de origem genética e que é causada principalmente pelo contato com substâncias alérgenas presentes no ambiente. Pode causar coceira, queda de pelos, lesões na pele e até mesmo rinite alérgica.

Dermatite úmida em cães: Esse quadro refere-se à feridas contaminadas na pele do cachorro que tem um aspecto inflamado e úmido. As causas associadas ao problema são variadas, desde uma infestação por pulgas e carrapatos até a presença de doenças primárias, como a seborreia.

• Dermatite seborreica em cães: Trata-se de um problema comum que ocorre pelo excesso de sebo produzido pelas glândulas sebáceas. Com o aumento da oleosidade, podem surgir descamações esbranquiçadas junto ao pelo do cachorro, além da queda.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    O   shampoo para dermatite canina deve ser indicado por um profissional
    O shampoo para dermatite canina deve ser indicado por um profissional

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Como diferenciar uma queda de pelo em cães normal de um problema de saúde?

    A distinção entre as duas situações não é difícil de ser feita, tudo que o tutor precisa ter é atenção e conhecer muito bem o corpo do seu amigo de quatro patas. “Uma grande dica para diferenciar uma queda fisiológica (normal) de um problema patológico é a observação de falhas na pelagem do cachorro e descamação associada ou não com prurido (coceira)”, revela o especialista. Isso porque, segundo ele, na queda fisiológica a queda de pelo em cachorro acontece de forma uniforme e sem a presença de falhas na pelagem, sendo bem diferente de uma dermatite canina. Além dos pelos caindo excessivamente em regiões específicas, o médico veterinário também alerta para outros sintomas do problema, que são: eritema (manchas vermelhas na pele), coceira excessiva, mau cheiro, pelo opaco e sem brilho.

    Remédio e shampoo para dermatite canina funcionam?

    Depois de identificar um caso de dermatite em cães, os tutores logo vão atrás de alternativas para acabar com o problema de vez. O primeiro passo para recuperar a saúde dos pelos e da pele do animal é marcar uma consulta com um médico veterinário, de preferência especializado em dermatologia. Conforme William destaca, o tratamento vai depender, principalmente, do diagnóstico correto. “A terapia tópica (uso de shampoos para dermatite canina) é muito importante, mas precisa ser prescrita de forma específica para cada problema”, revela. Além disso, também existe remédio para dermatite em cães que pode funcionar de forma complementar ao tratamento tópico, dependendo de cada caso.

    Redação: Juliana Melo

    Epilepsia em gatos: veterinária tira dúvidas sobre o problema de saúde

    Próxima matéria

    Epilepsia em gatos: veterinária tira dúvidas sobre o problema de saúde

    Câncer de pele em cachorro: veterinária esclarece todas as dúvidas sobre a doença
    Saúde

    Câncer de pele em cachorro: veterinária esclarece todas as dúvidas sobre a doença

    Mesmo que o seu amigo de quatro patas seja coberto de pelos, o câncer de pele em cachorro também pode afetá-lo e causar riscos à sua saúde. Bastante comum em animais que passam muito tempo expostos ao sol, a doença pode ter uma série de sintomas diferentes e, justamente por isso, quanto mais informado você estiver sobre a situação é melhor. Para te ajudar, o Patas da Casa conversou com a veterinária e dermatologista de cães, Rafaela Jardim. Veja o que ela explicou aqui embaixo!

    Dermatite atópica canina: qual o melhor tratamento caseiro para o cachorro que está com queda de pelo
    Saúde

    Dermatite atópica canina: qual o melhor tratamento caseiro para o cachorro que está com queda de pelo

    Algumas raças de cachorro, como os Pugs e Bulldog Francês, têm uma propensão maior a desenvolver alergias por causa de sua anatomia, mas se engana quem acha que essas irritações na pele acontecem apenas com eles. A dermatite atópica canina é uma alergia de cachorro e afeta uma série de raças, como Boxer, Labrador, Dálmata, Maltês e Shih Tzu da mesma forma. A coceira é um dos principais sintomas e, por isso, costuma ser um dos primeiros a serem reparados pelos donos. Para te ajudar a identificar a condição no seu animal, o Patas da Casa juntou uma série de informações sobre a dermatite em cachorro: confira mais sobre o assunto aqui embaixo!

    Neoplasia testicular canina: veterinária tira todas as dúvidas sobre o câncer de testículo em cachorros
    Sênior

    Neoplasia testicular canina: veterinária tira todas as dúvidas sobre o câncer de testículo em cachorros

    O câncer em cachorro é a principal causa de morte em cães acima dos dez anos de idade. No caso da neoplasia testicular canina – popularmente conhecida como câncer de testículo –, a doença afeta principalmente cachorros machos idosos não castrados. Além da idade avançada, a presença de testículos não descidos (criptorquidismo) é outro fator que contribui para a formação de tumor de cachorro no sistema genital.

    Papiloma canino: desvendamos as causas, cuidados e tratamentos da verruga em cachorro
    Saúde

    Papiloma canino: desvendamos as causas, cuidados e tratamentos da verruga em cachorro

    O papiloma canino, também conhecido como papilomatose, é uma doença bem comum quando se trata da saúde dos cãezinhos. No entanto, poucas pessoas têm algum conhecimento, de fato, sobre esse tipo de verruga em cachorro. A doença cutânea evolui rápido e isso pode assustar os tutores despreparados. O papilomavírus canino tem relação com a imunidade do cachorro.

    Ver Todas >

    Como aumentar a imunidade do gato? Veja algumas dicas!
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do gato? Veja algumas dicas!

    A preocupação com a saúde dos gatos é inevitável, afinal os bichanos são praticamente como se fossem filhos de quatro patas para os seres humanos. Por isso, além de oferecer uma boa alimentação para esses animais, muitos tutores também procuram por alternativas de como melhorar a imunidade do seu gato para evitar problemas de saúde. Como muitos sabem, a vitamina C é indispensável nessa missão, mas onde ela pode ser encontrada? 

    Quais as doenças mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro?
    Saúde animal

    Quais as doenças mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro?

    O sistema digestivo do cachorro é composto por boca, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso e ânus e cada um desses órgãos possui uma atividade específica durante a digestão dos alimentos. O problema é que, assim como ocorre com os humanos, os cães também podem sofrer com algumas doenças que atingem o sistema digestivo canino e que são causadas por fatores que variam desde a ingestão de alimentos contaminados até quadros de estresse ou ansiedade. 

    Anticoncepcional para gatos: veterinária aponta os perigos da vacina para cio de gato
    Saúde animal

    Anticoncepcional para gatos: veterinária aponta os perigos da vacina para cio de gato

    Já parou para pensar como ocorre o cruzamento entre os gatos? Os machos sempre estão dispostos a acasalar, mas as fêmeas precisam estar no período do cio para aceitar a aproximação. O primeiro cio costuma ocorrer quando o animal atinge a puberdade, que normalmente é entre o 8º e o 10º mês de vida. Esse costuma ser um período bastante delicado para todos, que precisam já que a gata passa por uma grande carga de estresse. 

    Saúde animal

    "Meu cachorro tem muita fome": quando a fome em excesso passa a ser uma compulsão alimentar?

    Quando se trata da alimentação do cachorro, normalmente a situação que mais aflige os tutores é quando o animal não quer comer ração. Contudo, é importante ter muita atenção se o comportamento do seu amigo for o contrário disso, porque às vezes o cachorro comendo muito é um sinal de compulsão alimentar - o que pode trazer prejuízos para a saúde do pet a longo prazo. 

    Ver Todas >