close
Cuidados

Cuidar de cachorro: a baixa umidade do ar afeta os cães? Veja dicas de como minimizar os efeitos!

Atualizado · 10 de novembro de 2020 · 18h37

Publicado · 10/11/2020 · 18h36

A baixa umidade do ar pode deixar o cachorro ofegante e ainda afetar os olhos
A baixa umidade do ar pode deixar o cachorro ofegante e ainda afetar os olhos

Não é novidade que os dias secos podem ser muito ruins para nós humanos. Agora, você sabe como a baixa umidade pode afetar os cachorros? Muitas vezes associado ao calor, os dias de baixa umidade são mais comuns no inverno e no início da primavera, e podem impactar a saúde dos animais com problemas respiratórios e oculares. Cuidar de cachorro nesses períodos é uma tarefa que demanda cuidados específicos. Sabendo disso, o Patas da Casa reuniu informações para você saber como amenizar os efeitos dos dias secos para a melhor saúde e bem-estar de seu melhor amigo.

Como o tempo seco afeta a respiração do cachorro?

A baixa umidade do ar pode deixar o cachorro ofegante e com crises respiratórias, com aumento da secreção nasal e até sintomas de gripe. A situação aumenta ainda mais o risco do cachorro contrair traqueobronquite canina, que se não tratada pode levar ao desenvolvimento pneumonia canina. Já os cachorros braquicefálicos - que são aquelas raças que têm os focinhos achatados, como o Pug e Bulldog - precisam de atenção redobrada nessa época. Isso porque os cãezinhos que possuem a condição já têm a respiração dificultada no dia a dia e podem sentir de forma mais intensa ainda os afeitos do tempo seco.

Os filhotes de cachorro também sofrem com a baixa umidade do ar, já que estão em fase de desenvolvimento e o sistema respiratório deles é mais sensível.  

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Cachorro ofegante e com sintomas de gripe são situações comuns nas épocas mais secas
    Cachorro ofegante e com sintomas de gripe são situações comuns nas épocas mais secas

    Mais Lidas

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente.

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Afinal, um gato vive quantos anos? Não é mistério que a companhia de um bichano muda a vida de qualquer pessoa para melhor, e, se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre. No entanto, isso não é possível e muitos tutores têm dúvidas quando o assunto é a expectativa de vida. Gato, querendo ou não, é como se fosse um filho, e é muito fácil se apegar a esses animais no dia a dia. 

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    Baixa umidade do ar pode deixar os olhos do cachorro ressecados

    Além dos problemas respiratórios, a baixa umidade do ar também compromete a saúde ocular dos cachorros. Nesses períodos, os cães tendem a ficar com os olhos vermelhos, lacrimejando ou com sinais de ressecamento. Coçar os olhos é a forma que o animal encontra para aliviar o desconforto, o que pode provocar lesões e até mesmo levar bactérias para os olhos. É por isso que os casos de conjuntivite canina e outras infecções podem ser comuns na época mais seca do ano. Fique atento também a sintomas como boca seca, cansaço e desidratação.

    Cuidar de cachorro: como amenizar os efeitos da baixa umidade do ar?

    • A hidratação nesses períodos é essencial para que o pet não sofra tanto com os efeitos do tempo seco. Leve sempre água para os passeios. Em casa, deixe água fresca disponível para o cachorro e a troque várias vezes ao dia.
    • Nos locais de descanso do cãozinho, deixe bacias com água e toalhas molhadas. Isso também vai ajudar com o cachorro com calor, deixando o ambiente mais refrescante. Os umidificadores de ar ajudam muito nessas situações.
    • Durante as épocas de tempo seco, a inalação com soro fisiológico também pode ser feita, principalmente em cães que já possuem problemas respiratórios. 
    • Cuide dos olhos do cachorro. Observe se a região está ressecada e, se for o caso, faça limpezas regulares utilizado um algodão molhado com solução fisiológica. Verifique com o veterinário do cachorro se será necessário utilizar algum colírio específico.
    • Além disso, é preciso manter sempre a vacina da gripe canina (e todas as outras) em dia. Fique atento a qualquer sinal de tosse e secreção nasal. Caso necessário, não deixe de consultar o médico médico veterinário de confiança.

    Redação: Hyago Bandeira

    Conheça 8 plantas que gatos podem comer!

    Próxima matéria

    Conheça 8 plantas que gatos podem comer!

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios
    Cuidados

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios

    Ninguém pode negar: manter uma boa rotina é fundamental para saúde física e mental do ser humano. Mas, além de você, existe outro serzinho que precisa de hábitos diários para garantir um bom funcionamento do seu organismo: o seu cachorro. Ao contrário do que muitos tutores pensam, os cães são animais de rotina e, por isso, mudanças repentinas nos horários podem deixá-los estressados e, até mesmo, depressivos. O horário de passear com cachorro, por exemplo, é um dos que mais impactam o seu bichinho e deve ser o mesmo todos os dias. Para te ajudar nessa e em outras tarefas que envolvem a rotina do seu cãozinho, o Patas da Casa reuniu algumas dicas sobre o assunto. Dá uma olhada!

    Bullmastiff: origem, características e cuidados... conheça a raça de cachorro do Reino Unido
    Raças

    Bullmastiff: origem, características e cuidados... conheça a raça de cachorro do Reino Unido

    A raça Bullmastiff é um cachorro grande e robusto, mas que não deixa a desejar no temperamento afetuoso e gentil. Esse cãozinho britânico, que surgiu no século XIX, conquista as pessoas por onde passa. Sempre em alerta, ativo, companheiro e fiel aos tutores, o Bullmastiff estará sempre pronto para proteger a família e seu território. Por não ser uma raça de cachorro tão comum no Brasil, elaboramos um guia com todas as informações que você precisa saber sobre o Bulmastiff, que também é chamado por Bulmastife e Bulmastife Boxer. 

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados
    Grandes

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados

    Se você sempre sonhou em ter um cachorro grande dentro de casa, a raça Boxer certamente é uma opção que não vai te decepcionar. Por trás da aparência robusta e que pode ser considerada até um pouco intimidante para alguns, existe um cãozinho companheiro e com muito amor para oferecer aos seus humanos. Conheça um pouco mais sobre o comportamento da raça, cuidados com a saúde e quanto custa um cachorro Boxer.

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande

    Um cachorro Dálmata é facilmente reconhecido graças a sua aparência particular e também ao filme “101 Dálmatas”, desenho que se tornou muito popular na década de 60 e que faz um grande sucesso até hoje. Mas o que esse cãozinho tem de tão especial, além das suas famosas manchas? Para quem sempre quis ter um Dálmata para chamar de seu, chegou o momento de desvendar tudo sobre essa raça de cachorro grande: características físicas, temperamento, personalidade, que cuidados são necessários, preço e como é a saúde desse animal. Vem que a gente te conta!

    Ver Todas >

    Como construir um canil para cachorro adequado?
    Cuidados dos animais

    Como construir um canil para cachorro adequado?

    Quando falamos de canil para cachorro, o primeiro lugar que nos vem à mente são os abrigos para animais. Porém, canil para cachorro também é o nome dado a um cantinho feito especialmente para seu pet se divertir em uma área externa. Essa é a melhor solução para quem não pode deixar o doguinho dentro de casa ou quer oferecer um cantinho para ele no quintal. Qualquer cão se beneficia desse modelo de casinha para cachorro - grande, pequeno, de raça ou vira-lata. 

    Pata de cachorro: veja como amenizar o cheiro de
    Cuidados dos animais

    Pata de cachorro: veja como amenizar o cheiro de "chulé" do seu cãozinho

    Existem diferentes causas para o chulé em cachorro mas, seja qual for o motivo, o cheiro de “salgadinho” na pata de cachorro pode incomodar bastante quem vive com o pet. Muitos tutores não sabem o que fazer quando o cachorro tem chulé, mas a verdade é que o problema pode ser amenizado de maneiras mais simples do que você imagina. O Patas da Casa te explica como limpar pata de cachorro corretamente e dá dicas de produtos (como o hidratante para patas de cachorro) que vão ajudar - e muito - a acabar com o odor. Confira!

    Gato com medo de ir ao veterinário: como preparar o pet dias antes da consulta?
    Cuidados dos animais

    Gato com medo de ir ao veterinário: como preparar o pet dias antes da consulta?

    O gato estressado ou com medo de ir ao veterinário é muito comum, principalmente quando o animal não está acostumado a sair de casa ou ficar “preso” na caixinha. Os felinos gostam de se sentir no controle do ambiente e são muito apegados com a rotina, então qualquer pequena mudança - como uma simples ida ao veterinário - pode deixar o gato com medo e irritado. 

    Tudo sobre o cocô de cachorro
    Cuidados dos animais

    Tudo sobre o cocô de cachorro

    Poucos tutores têm consciência disso, mas é muito importante observar o cocô de cachorro sempre que ele evacua. O aspecto das fezes revela várias coisas sobre a saúde dos nossos amigos de quatro patas, e por isso devemos ter um cuidado especial na hora de retirá-las e jogá-las fora. Existem vários tipos de fezes de cachorro, com coloração e textura distintas, e saber o que cada tipo significa é necessário para saber quando o animal está saudável ou precisa ir ao veterinário.

    Ver Todas >