Adestramento

Comportamento canino: como fazer um cachorro parar de comer a ração dos outros animais da casa?

Cachorro pode comer ração de gato? Entenda mais sobre esse comportamento canino
Cachorro pode comer ração de gato? Entenda mais sobre esse comportamento canino

Quem tem mais de um pet provavelmente tem que lidar com o intrigante comportamento do cachorro de comer a ração dos outros animais da casa, seja com o cachorro comendo a ração do gato, ou o cachorro grande comendo a ração do filhote e vice-versa. Muitos tutores ficam sem saber o que fazer com esse comportamento de cachorro, que pode ser comum. Para saber como resolver essa situação e sanar todas as dúvidas sobre o assunto, o Patas da Casa conversou com a veterinária Renata Bloomfield. Vem dar uma olhada no que ela contou!

Comportamento canino: chave para o cachorro parar de comer ração de outros animais é a organização

A melhor maneira de evitar que um cachorro coma a ração dos outros é o tutor se organizar na hora de oferecer a comida para os pets. A indicação da médica veterinária Renata Bloomfield é a de estipular um horário para que o cachorro coma. Caso ele não coma neste horário estipulado, o tutor deve tirar a ração do pote. Assim o doguinho irá perceber que, caso ele se preocupe com a comida dos outros animais, acabará ficando sem a dele. Este é um bom início para que ele deixe de comer a ração alheia. A veterinária ainda explica a importância dos tutores prestarem a atenção na quantidade de alimento oferecido. “A quantidade tem que ser certinha porque se deixar a mais, acaba sendo prejuízo para a família. Porque um já comeu sua parte, ainda vai comer a do outro, ou seja, é uma quantidade desnecessária e você só faz o animal engordar. É bom que você tenha um controle e deixe seu cachorro mais saudável”, afirma.

Cachorro comendo a ração errada: comportamento do cachorro pode desencadear um problema de saúde?

Esse comportamento canino pode desencadear problemas de saúde. Principalmente nos casos em que os doguinhos acabam comendo alguma ração terapêutica, podendo ser gastrointestinal, renal, hipoalergênica e outras rações especiais. Quando um cão saudável come uma ração diet, por exemplo, ele não está consumindo todos os nutrientes que ele precisa. Algo similar acontece com os cães que necessitam de uma alimentação especial e comem a ração do animal saudável: eles acabam não tendo a nutrição que realmente precisam. Renata ressaltou que essas rações são caras e esse comportamento canino, além de prejudicar o tratamento, faz com que as pessoas acabem jogando o dinheiro investido fora. Por isso, é importante se organizar e estipular um horário para que os cães façam a alimentação. “Quando se tem o horário e o tempo certo pra comer, eles não irão pensar duas vezes e vão comer naquele momento”, completa a veterinária.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Comportamento do cachorro: organização do tutor na hora da alimentação é essencial para que o cachorro para de comer a ração de outros animais
    Comportamento do cachorro: organização do tutor na hora da alimentação é essencial para que o cachorro para de comer a ração de outros animais

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Qual a melhor maneira do cachorro saber qual é a ração dele?

    Segundo Renata, é difícil que o cachorro saiba qual é a ração dele, já que, afinal de contas, ele só quer comer. Mas a organização do tutor na hora da alimentação dos pets é a peça chave para que eles percebam isso. A veterinária deu a dica de indicar o local de cada com um X ou colocar panos de cores diferentes indicando a ração de cada um. No início é normal que mesmo assim um cachorro queira comer a ração do outro. Contudo, é importante não brigar com o cachorro, mas orientá-lo, indicando qual ração é a dele. “Dar aquela policiada no início vale a pena e mais pra frente eles começam a entender e fazer essa associação”, conta Renata. A veterinária ainda indica a caixinha de transporte, onde cada animal come ali dentro, impedindo que o outro chegue tão perto. Não deixe de considerar também as técnicas de adestramento de cães.

    Cachorro pode comer ração de gato?

    As rações de gato são mais saborosas e palatáveis. Elas tem outro tipo de composição e, caso o cachorro coma com frequência, ele pode acabar ficando obeso. “Para corrigir isso você pode pegar a ração do gato e colocar em cima de uma prateleira ou algum móvel. É legal para o gato pois ele vai fazendo exercício para chegar até a comida. Você estimula ele a pular e o cachorro não alcança. O ideal é não deixar ração sobrar, nem pro gato nem pro cachorro. Até porque a comida fica velha e acaba perdendo seus nutrientes se ficar exposta”, indicou a médica veterinária.

    Cachorro filhote pode comer ração de cachorro grande?

    O metabolismo do cachorro filhote é mais rápido. Por causa disso, as rações para cães filhotes são mais calóricas, tendo mais nutrientes de um modo geral. Quando um cachorro filhote come a ração de um cachorro adulto e vice-versa eles acabam não aproveitando aquilo que estão comendo.

    Mas e se a ração acabar e você só perceber de noite, sem opção para comprar no momento? “Se um dia ou outro acabar a ração de um e você dar a do outro não tem problema, mas fazer disso uma regra pode acarretar um problema nutricional”, conclui Renata. 

    Redação: Hyago Bandeira

    Brincadeiras para cachorro:

    Próxima matéria

    Brincadeiras para cachorro: "posso deixar meu pet brincar com gravetos que ele encontra na rua?"

    Comportamento canino: como socializar cachorros com outros cães?
    Adestramento

    Comportamento canino: como socializar cachorros com outros cães?

    A socialização de cães é uma das maiores preocupações dos donos de animais em geral. Saber que você pode levar o seu cachorrinho para locais públicos sem que ele fique agressivo ou amedrontado na presença de outros animais é o ideal, tanto para você, quanto para ele. Mesmo assim, por causa do instinto de liderança e territorialismo, muitos deles têm dificuldades para se relacionar em ambientes como esse. Por isso, o que não faltam são táticas e truques que você pode colocar em prática para ajudar no comportamento do seu cachorrinho. Confira, aqui embaixo, as dicas do Patas da Casa!

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?
    Adoção

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?

    A chegada de um novo cachorro é motivo de muita alegria e, ao mesmo tempo, de observar o comportamento dos animais que já moram na casa. Adotar cachorro filhote é sempre uma experiência inusitada, pois os pequenos não têm vícios de comportamento e são quase uma “caixinha de surpresas”: nunca sabemos qual postura ele vai assumir conforme for crescendo. É comum, porém, que o recém-chegado comece a imitar o cão que já mora no local. Afinal, esse novo membro precisa entender que ali, naquela família, existem regras. O veterano da casa já sabe disso e pode auxiliar o novo filhote a se comportar do jeito que a família deseja.

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Ração

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    Comportamento canino: entenda os diferentes tipos de personalidade e aprenda a identificar o padrão do seu pet
    Adestramento

    Comportamento canino: entenda os diferentes tipos de personalidade e aprenda a identificar o padrão do seu pet

    Assim como os humanos, os cães também tem um jeitinho próprio de se comunicar com o mundo ao seu redor. É algo que faz parte da personalidade deles e, por isso, é importante entender alguns aspectos do comportamento canino para estreitar a relação com esses animais. Será que você tem um cachorro mais destemido ou medroso? Comunicativo ou tímido? Amigável ou agressivo? 

    Ver Todas >

    Como é a personalidade do Bulldog Inglês?
    Comportamento animal

    Como é a personalidade do Bulldog Inglês?

    Dentre tantas raças de cachorro que existem, uma das mais adoráveis e cativantes certamente é o Bulldog Inglês. “Mas eles não são mal humorados?” - é o que muitos se perguntam, principalmente por causa da carinha de rabugento típica da raça. A verdade é totalmente diferente disso: qualquer pessoa que tem a chance de conviver com um cachorro Bulldog Inglês sabe bem como esses animais podem ser amorosos e brincalhões. 

    Casco para cachorro faz mal? Quando é indicado? Quais os cuidados?
    Comportamento animal

    Casco para cachorro faz mal? Quando é indicado? Quais os cuidados?

    Roer e morder são necessidades naturais dos cães. Esse hábito também é associado à saúde mental, já que os mordedores próprios ajudam o animal a relaxar. Além disso, disponibilizar os brinquedos ideais para cachorro morder evita que o animal desconte sua energia nos móveis e objetos da casa, principalmente quando ele é filhote. O casco para cachorro é uma opção muito utilizada para redirecionar as mordidas, mas o "brinquedo" divide opções: o objeto prejudica o cachorro de alguma forma?

    Por que o olho de gato brilha no escuro? Veja essa e outras curiosidades sobre o olhar felino
    Comportamento animal

    Por que o olho de gato brilha no escuro? Veja essa e outras curiosidades sobre o olhar felino

    Quem nunca se perguntou se o gato enxerga no escuro ou até mesmo se assustou com o olho felino brilhando à noite? O olhar de gato é cheio de particularidades, assim como outras partes do seu corpo. Pais de primeira viagem podem estranhar essas alterações no olhar que são comuns em todos os felinos. Para esclarecer de uma vez por todas essas dúvidas, o Patas da Casa reuniu uma série de curiosidades que vão te ajudar a entender melhor por que a pupila do gato muda de acordo com o ambiente e como os gatos enxergam no escuro. 

    Passear com cachorro: como deixar o pet menos ansioso ao ver a coleira e guia?
    Comportamento animal

    Passear com cachorro: como deixar o pet menos ansioso ao ver a coleira e guia?

    Passear com cachorro é uma das melhores formas de gastar energia dos animais domésticos. Os cães adoram sair de casa, fazer novos amigos e passar um tempo de qualidade com o tutor. O problema é que normalmente a hora do passeio desperta a agitação sem fim nos cãezinhos. Alguns, inclusive, não podem ver a coleira e a guia que já começam a pular e correr pela casa. 

    Ver Todas >