close
Saúde

Complexo gengivite-estomatite felina: entenda mais sobre a inflamação oral que atinge os gatos

Atualizado · 18 de novembro de 2020 · 17h22

Publicado · 18/11/2020 · 17h22

O   complexo gengivite-estomatite felina é um problema que atinge a boca do gatinho. Saiba como a doença se manifesta!
O complexo gengivite-estomatite felina é um problema que atinge a boca do gatinho. Saiba como a doença se manifesta!

Ter um gatinho não é só diversão: é preciso também saber cuidar da saúde do animal. Alguns problemas podem surgir quando menos se espera, e cabe ao tutor saber como identificá-los e o que fazer nesses momentos. É provável que você nunca tenha ouvido falar do complexo gengivite-estomatite felina (também chamado de gengivite-estomatite-faringite felino), não é mesmo? Não confunda com a estomatite em gatos: esse problema, na verdade, trata-se de uma inflamação oral que pode atingir a boca dos felinos, e que precisa de cuidados específicos. Para esclarecer as principais dúvidas sobre a doença, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Mariana Lage-Marques , que é especialista em odontologia pela USP e atende no Centro Veterinário Pet Place . Veja só o que ela nos contou!

Complexo gengivite-estomatite felina: o que é e quais as causas do problema?

Atualmente conhecida como gengivo-estomatite felina, esse complexo se refere a uma doença crônica que causa um processo inflamatório grave na região da gengiva e orofaringe do animal, segundo a profissional. A orofaringe, por sua vez, se localiza perto das amígdalas na boca de gato.

Já sobre as causas, Mariana explica: “Trata-se de uma doença multifatorial, ou seja, que pode ser desencadeada por vários fatores”. De uma maneira geral, pode-se dizer que esta é uma reação da boca à presença das bactérias que ficam na superfície do dente. No entanto, a veterinária alerta que o animal também pode apresentar predisposição por conta de alguns fatores etiológicos virais, como calicivírus, herpes vírus, além de FIV e FeLV. “Pacientes que são positivos para algum desses vírus também são mais predispostos a desenvolverem o complexo gengivo-estomatite felina”.

Gato doente: fique de olho nos sintomas do complexo gengivo-estomatite felina

Para identificar esse tipo de doença na boca de gato, o tutor deve se atentar aos seguintes sinais: “Dor, dificuldade de apreensão do alimento, sangramento oral, saliva espessa e grossa e halitose”, conta a veterinária. Esses são os principais sintomas da inflamação, sendo que a halitose se caracteriza pelo cheiro ruim na boca de gato (mau hálito). Ao perceber alguma dessas alterações na saúde oral do seu amigo, é necessário procurar o auxílio de um médico veterinário, de preferência especializado em odontologia, para receber o diagnóstico correto.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Boca de gato: um dos sintomas do complexo gengivo-estomatite felino é o mau hálito
    Boca de gato: um dos sintomas do complexo gengivo-estomatite felino é o mau hálito

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Que tratamentos são indicados para o complexo gengivo-estomatite felina?

    De acordo com a veterinária, existem pelo menos dois tipos de tratamento para esse quadro: o conservador e o cirúrgico. No caso do tratamento conservador, existem algumas medicações que podem ser associadas à limpeza dos dentes, onde o profissional de odontologia veterinária faz a remoção da carga bacteriana e do tártaro, além da extração dos dentes comprometidos. Os medicamentos utilizados geralmente são anti inflamatórios, imunossupressores e antibióticos.

    Já na opção cirúrgica, é feita a retirada do excesso de tecido inflamatório associado com a extração dos dentes. “A extração dentária tende a melhorar de forma significativa o processo inflamatório. As chances de melhora são de até 60% nos pacientes que fazem a extração dos dentes. Inicialmente, extraímos dos caninos para trás, e se for necessário, depois extraímos também os caninos e incisivos”. Ainda assim, a veterinária alerta que esse tipo de inflamação tende a ter grande dificuldade de resolução, mesmo com tratamento.

    Boca de gato: cuidar da saúde oral do animal pode ajudar na prevenção

    Como não se sabe exatamente qual é a causa da doença, uma vez que ela é multifatorial, não é possível estabelecer um método de prevenção que seja totalmente eficaz. Contudo, a médica veterinária chama a atenção para um cuidado que pode ajudar bastante nesse momento: manter a saúde oral do gatinho em dia. Mas então, como fazer isso? “Realizando a escovação dentária e utilizando alguns artifícios para que o animal se adapte mais facilmente ao processo de escovar os dentes sem que isso se torne um estresse. A limpeza oral, diminuindo a inflamação e a doença periodontal, e isso por si só já ajuda”. Para facilitar essa adaptação, o tutor pode oferecer recompensas para o bichinho como tentativa de educar o pet nesse momento. Pode ser com carinho ou até mesmo levando o brinquedo preferido do pet para distraí-lo.

    Redação: Juliana Melo

     

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Próxima matéria

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Pancreatite em gatos: entenda mais sobre a doença que atinge os felinos
    Saúde

    Pancreatite em gatos: entenda mais sobre a doença que atinge os felinos

    Uma das doenças gastrointestinais mais sérias e conhecidas entre os humanos também possui a sua versão no universo felino: a pancreatite em gatos tem uma ação bastante similar no corpo dos nossos bichanos e também precisa de tratamento imediato para não causar danos à saúde do gato. É claro que isso se torna motivo de preocupação para os gateiros, mas não se assuste! A pancreatite felina tem tratamento e é possível diminuir o avanço da doença com alguns cuidados simples. 

    Insuficiência renal em gatos: veterinária tira todas as dúvidas sobre essa doença grave que atinge os felinos!
    Saúde

    Insuficiência renal em gatos: veterinária tira todas as dúvidas sobre essa doença grave que atinge os felinos!

    A insuficiência renal em gatos é uma doença que pode ser muito comum quando falamos de felinos. Sem cura, o problema precisa de acompanhamento constante e cuidados especiais para evitar complicações. Apesar de ser uma doença grave, o gato com problema renal pode ter qualidade de vida. Para tirar as dúvidas sobre a insuficiência renal em gatos, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Izadora Souza, do Rio de Janeiro. Vem conferir!

    Dente de gato: tudo que você precisa saber sobre a saúde bucal dos felinos
    Cuidados

    Dente de gato: tudo que você precisa saber sobre a saúde bucal dos felinos

    Você sabe quando os gatos trocam de dente? Quantas vezes é necessário escovar os dentes do gato? Ou com quanto tempo nasce os dentes dos gatos filhotes? Embora a dentição felina seja esquecida por alguns tutores, a região é uma das partes mais importantes dos nossos bichanos. O dente de gato exerce um papel fundamental na alimentação e ainda influencia no comportamento do pet.

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça
    Raças

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça

    Com uma beleza extraordinária, o gato Singapura deixa qualquer um babando. Esse felino de pequeno porte é considerado uma das menores raças de gato que existem. Entretanto, suas características físicas singulares não param por aí: os olhos grandes e expressivos são outra particularidade da raça. Além disso, a raça Singapura possui uma personalidade dócil e amigável. Ficou curioso para conhecer mais sobre essa raça de gato?

    Ver Todas >

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento
    Saúde animal

    Como tirar tártaro de cachorro? Entenda como funciona o procedimento

    Demorar para tirar tártaro de cachorro pode causar problemas sérios à saúde. O tártaro nada mais é que o acúmulo de sujeira nos dentes que forma uma placa bacteriana. Com ela, o dente do cachorro passa a sofrer com dor, sensibilidade e inflamações na gengiva causadas pelas bactérias ali presentes. O problema é que o tártaro em cachorro se alastra rapidamente, podendo causar perda dos dentes, infecções graves e até mesmo atingir outros órgãos. Mas afinal, como tirar tártaro de cachorro? O Patas da Casa conversou com Mariana Lage-Marques, médica veterinária especialista em odontologia. 

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina
    Saúde animal

    Gato obeso: saiba quais as consequências da obesidade na saúde felina

    O gato obeso pode ser incrivelmente fofo e apertável, mas isso não quer dizer que ele não precisa de cuidados e atenção com a saúde. A verdade é que a obesidade felina - que muitas vezes não é perceptível para os tutores - acaba abrindo portas para uma série de problemas mais sérios. Por isso, saber identificar quando o animal está acima do peso é importante para buscar orientação profissional e ajudar o gato obeso a perder peso.

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença
    Saúde animal

    Pneumonia em gatos: veterinário explica tudo sobre a doença

    A pneumonia em gatos - ou pneumonia felina - é uma doença respiratória que pode se desenvolver por vários motivos. Às vezes uma queda na imunidade é suficiente para o problema atingir os peludos, mas na maioria dos casos ele deriva de uma simples gripe que não foi tratada do jeito certo. Por isso, a atenção com o gato gripado deve ser enorme! Quanto antes for diagnosticado e tiver o tratamento adequado, menores são as chances de você ter um gato com pneumonia.

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?
    Saúde animal

    Como é feito tratamento de câncer em cachorro?

    Receber o diagnóstico de câncer em cachorro é um momento muito triste para qualquer tutor. A doença é agressiva e traz diversas complicações à saúde do animal. Além de os sintomas do câncer de cachorro serem bem intensos, o tratamento também é bastante delicado e requer atenção especial. A quimioterapia em cães é o tratamento mais conhecido, mas existem outras formas de tratar a doença. 

    Ver Todas >