Adestramento

Como treinar o Rottweiler para evitar comportamentos agressivos? Veja as dicas de um adestrador!

Rottweiler: o porte grande não impede que o cachorro tenha uma ótima relação com crianças e outros animais
Rottweiler: o porte grande não impede que o cachorro tenha uma ótima relação com crianças e outros animais

A fama de bom guardião dos cães da raça Rottweiler é notória, assim como os estereótipos que envolvem o seu temperamento difícil e agressivo. Na verdade, o porte robusto e a aparência intimidadora desse cachorro grande escondem um animal tranquilo, protetor e muito leal ao seu tutor. Isso quer dizer que, se um Rottweiler for bem treinado, ele consegue ser dócil, carinhoso e um excelente companheiro para a família, incluindo as crianças. 

Os esforços para criar um filhote de Rottweiler podem ser desafiadores, especialmente para tutores de primeira viagem. Pensando nisso, o Patas da Casa conversou com o adestrador inglês Noel O’Mahony, que há mais de 34 anos educa cãezinhos no Rio de Janeiro. Confira as dicas que ele deu!

Rottweiler: personalidade do animal está ligada à maneira como ele é criado

Como quase todos os cães de guarda, o Rottweiler carrega a fama de ter um comportamento agressivo. Isso, no entanto, segundo o adestrador Noel, acontece mais pela falta de treinamento do que pela natureza do animal em si. “A personalidade dos Rottweilers está conectada à educação que é oferecida a eles, especialmente no primeiro ano de vida. Se um animal dessa raça for criado para ser um guardião do lar, responsivo às ameaças de maneira agressiva, ele poderá manter esse comportamento pelo resto da vida”, explica o profissional. 

Por isso, é fundamental trabalhar a disciplina de um Rottweiler filhote para que ele não manifeste sinais de agressividade. “Se ele for acostumado desde jovem a se relacionar com outras pessoas e animais de estimação, ele tem tudo para ser um cachorro como outro qualquer: carinhoso, fiel e ligado à sua família”, conclui Noel. 

Qual é o papel do tutor na educação de um cachorro Rottweiler?

Noel destaca que o empenho do tutor de um cão da raça Rottweiler é uma peça imprescindível na construção da personalidade do animal de estimação: “às vezes, uma pessoa não tem a intenção de ter um cachorro agressivo, mas algumas situações e comportamentos, como estimular a territorialidade, podem levar estresse e agressividade ao bichinho”. 

Qual é a importância do adestramento de um cachorro Rottweiler para evitar comportamentos agressivos?

Tudo que nós desejamos é que nossos cães sejam capazes de conviver com pessoas e outros animais de estimação. O Rottweiler, assim como a maioria dos cachorros, precisa aprender habilidades sociais para aceitar elementos externos e saber se comportar em ambientes que ele não conhece. E o adestramento de cães é um dos melhores caminhos para manter um Rottweiler pacífico em casa. 

“Os cães dessa raça podem ser agressivos mas, como disse anteriormente, isso depende de como eles são criados. Como qualquer cachorro de grande porte, é muito importante começar a treinar o animal desde filhote para mostrar como você quer que ele se comporte. Se não houver o treinamento, o Rottweiler pode querer dominar todas as pessoas da casa”, afirma Noel.

 

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Por trás da aparência do Rottweiler, existe um cão dócil, companheiro, inteligente e muito brincalhão
    Por trás da aparência do Rottweiler, existe um cão dócil, companheiro, inteligente e muito brincalhão

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele
    Comportamento animal

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele

    Se você tem um felino em casa, com certeza já deve ter se questionado como saber se seu gato te ama. Pelo fato dos felinos serem muito reservados, e às vezes independentes, fica mais difícil decifrar o amor de gato - diferente dos cães, que expressam isso de um jeito eufórico e quase exagerado. Os bichanos demonstram afeto pelos humanos de um jeito delicado e único, com atitudes que podem até passar despercebidas.

    Quando iniciar exatamente o adestramento de um Rottweiler?

    Os donos de um filhote de Rottweiler devem se planejar para contratar um adestrador de cães. “A melhor fase para um cachorro ser adestrado é entre seis meses a 1 ano e meio de idade. Para realizar os exercícios na rua com segurança, é importante que o animal esteja com vacinação e vermifugação em dia”, recomenda o especialista. Vale lembrar que o Rottweiler está na lista das 10 raças de cachorro mais inteligentes, então a tarefa de educá-lo não será difícil, desde que sejam aplicadas as técnicas corretas. 

    Há um limite para um cachorro da raça Rottweiller aprender?

    Assim como ocorre com os seres humanos, os cães também passam por fases de desenvolvimento até se tornarem adultos. Segundo Noel, o limite para um animal aprender é o começo da adolescência, que nas raças maiores, como o Rottweiler, vai dos 14 aos 18 meses. “Quanto mais velho for o cão, mais difícil será eliminar os vícios de relacionamento e comportamento adquiridos”, relata Noel. 

    Há algum método para reconhecer que um Rottweiler está sendo agressivo?

    Para reconhecer sinais de um Rottweiller bravo, Noel dá uma dica: “um bom experimento é comprar um osso natural, oferecer ao filhote e retirar o agrado após alguns minutos. Se ele rosnar ou tentar morder a sua mão, é melhor você chamar um profissional de adestramento para fazer uma avaliação, mesmo que o filhote de Rottweiler ainda não tenha seis meses. Não há nada pior que um cachorro rosnar e ameaçar um ataque cada vez que uma pessoa se aproximar da comida dele”, afirma o adestrador. 

    Obediência do Rottweiler: cachorro adestrado poderá seguir as ordens de qualquer pessoa?

    Muitos tutores de Rottweiler e outros cães de guarda têm dúvidas sobre como funciona a obediência aos comandos de treinamento. Há um receio de que um cão adestrado obedeça a estranhos, colocando, assim, o local que eles deveriam ficar de guarda em risco. O profissional esclarece que isso não acontece com um cachorro bem treinado: “O animal adestrado só vai obedecer ao membro da família que ele identifica como seu líder. A obediência dos cães está ligada a um sentido de lealdade”.

    Posso treinar o Rottweiler por conta própria?

    Adestrar cachorro de grande porte, principalmente um cão de guarda como o Rottweiler, é uma tarefa que demanda tempo, além de não ser  uma das mais fáceis. O recomendado é buscar o serviço de um profissional com experiência. 

    No entanto, caso você opte por não contratar um adestrador ou esteja querendo reforçar o adestramento do seu filhote de Rottweiler, Noel dá algumas dicas de treinamento: “com cerca de dois meses de idade, o cão já consegue entender alguns comandos básicos. Comece com treinos rápidos para não entediar o bichinho. Escolha suas próprias palavras de comando e recompense o animal assim que ele seguir as suas orientações. É importante também evitar os treinos quando o seu Rottweiler estiver sonolento. À medida que ele for crescendo, aumente o tempo de treinamento”. 

    Adepto do adestramento sem castigo, Noel diz que “cada cão tem um tempo diferente de aprendizado, assim como cada dono também. Não é possível estabelecer um tempo fixo para que este processo se desenvolva”. No site e nas redes sociais do adestrador, é possível ver vídeos com a rotina e dicas de treinamento para os tutores. 

    Quais os cuidados na hora de escolher um filhote de Rottweiler?

    A escolha do criador é um ponto relevante para garantir que a saúde psicológica do filhote de Rottweiler seja boa desde o nascimento. “É sempre interessante procurar um criador de confiança. Em um canil profissional e responsável, é possível conhecer os pais do filhote e verificar o temperamento deles. Isso é especialmente importante quando você está buscando um cão de guarda”, recomenda Noel.

    Redação: Guilherme Segal

    Você tem um gato fujão? Veja dicas de como manter o pet dentro de casa

    Próxima matéria

    Você tem um gato fujão? Veja dicas de como manter o pet dentro de casa

    Pitbull: como deve ser o adestramento da raça para evitar comportamentos agressivos?
    Adestramento

    Pitbull: como deve ser o adestramento da raça para evitar comportamentos agressivos?

    A fama negativa do pitbull nem sempre corresponde à realidade! Embora seja visto por muitas pessoas como um cão potencialmente perigoso, o pet tem um temperamento brincalhão, leal e bastante inteligente. Os cuidados recebidos durante a criação e a influência do tutor são fatores importantíssimos para determinar as características comportamentais e o nível de agressividade do animal.

    Como cuidar de cachorro para evitar que ele fique doente? Veja 7 dicas essenciais!
    Saúde

    Como cuidar de cachorro para evitar que ele fique doente? Veja 7 dicas essenciais!

    A possibilidade de um cachorro doente é o pesadelo de todo tutor. Nossos cães são companheiros fiéis que dependem de nós para ter uma vida plena e saudável. Por isso, é importante conhecer os problemas de saúde mais comuns que afetam os bichinhos, seus principais sintomas e métodos de prevenção. Para manter o seu cão sempre feliz e seguro, é fundamental fornecer água e alimentação adequadas, manter uma rotina de exercícios, cuidar da limpeza do ambiente e visitar o veterinário regularmente.

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa
    xixi

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa

    Muitos cachorros domésticos são acostumados a fazer suas necessidades apenas na rua. Alguns tutores preferem acostumar os amiguinhos peludos assim por questões de higiene e limpeza e aproveitam para passear com os animais na hora de fazer xixi e cocô. Mas, nesse período de isolamento social e quarentena, pode não ser uma boa ideia levar seu cão para a rua. Uma alternativa para isso é acostumar seu cachorro a fazer as necessidade dentro de casa, em um local selecionado por isso. Para quem não sabe como fazer isso, o Patas da Casa conversou com o Max Pablo, passeador e adestrador de cães, que contou 5 dicas para fazer a adaptação.

    Cachorro brigando na rua? Veja as dicas de um adestrador para corrigir esse comportamento
    Adestramento

    Cachorro brigando na rua? Veja as dicas de um adestrador para corrigir esse comportamento

    Ao se deparar com uma briga de cachorro, é fundamental que os tutores tenham uma ação rápida e precisa para não resultar em um dos animais (ou até mesmo os donos) feridos. Por instinto, é comum que os cães, principalmente os machos, se estranhem durante o passeio na rua. A razão por trás do comportamento é muito variada e pode ter relação com dominância, falta de socialização e até mesmo a presença de alguma cadela no cio por perto. 

    Ver Todas >

    Cachorro protetor: quando o instinto deixa de ser saudável para o animal e a família?
    Comportamento animal

    Cachorro protetor: quando o instinto deixa de ser saudável para o animal e a família?

    Ter um cachorro protetor pode ser bem útil às vezes, já que não importa o que aconteça, você sabe que seu amigo de quatro patas vai estar lá pronto para te defender e avisar se houver algo de errado. No entanto, alguns cães acabam exagerando na superproteção e, nesses casos, o comportamento do cachorro pode começar a se tornar problemático para quem convive com ele. 

    Devo investir em um arranhador para gatos com andares e outros acessórios?
    Comportamento animal

    Devo investir em um arranhador para gatos com andares e outros acessórios?

    São tantas opções de arranhadores para gatos nas prateleiras dos pet shops que fica até difícil escolher o melhor para o seu bichano, né? O arranhador vertical é um dos mais populares. Entre os modelos, alguns têm andares que simulam um "prédio felino", com tocas, redes e outros acessórios para o animal explorar à vontade. Mas será que realmente vale a pena investir em um arranhador vertical para gatos com andares? 

    Como evitar que o seu gato destrua as plantas de casa?
    Comportamento animal

    Como evitar que o seu gato destrua as plantas de casa?

    Se você tem plantas e gatos em casa, com certeza já deve ter se deparado com o animal tentando brincar ou morder uma folha. Embora seja carnívoro, o gato come planta para desintoxicar o organismo ou até mesmo para se divertir. Além de causar destruição, é preciso tomar cuidado com as plantas tóxicas para gatos. Algumas espécies bem comuns em jardins, quintais e vasinhos podem até mesmo matar o bichano. 

    Quando o psicólogo de cachorro é necessário?
    Comportamento animal

    Quando o psicólogo de cachorro é necessário?

    Assim como os humanos, os cães também podem passar por momentos que mexem muito com a saúde mental e emocional deles. Isso pode acontecer, por exemplo, durante os períodos de adaptação a um novo lar ou até mesmo em casos onde o animal passa muito tempo sozinho. Para ajudá-los a passar por isso, hoje é possível encontrar um psicólogo para cachorro - termo popular que, na prática, se refere a comportamentalistas caninos ou psicólogos comportamentais e treinadores de cães.

    Ver Todas >