Nem todo mundo sabe como falar com gatos, mas já adiantamos que entender o mínimo de linguagem corporal felina ajuda bastante nesse aspecto. Mesmo que os bichanos não sejam capazes de se comunicar com palavras, o movimento das orelhas, do rabo e até mesmo o gato piscando os olhos são uma forma de comunicação da espécie. Além disso, pode-se dizer que o gato entende o que a gente fala e até “responde” com alguns comportamentos. Quer aprender a falar com gatos? Veja algumas dicas a seguir!

1) Aprenda a linguagem felina para entender como os gatos se comunicam

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

A linguagem dos gatos engloba vários comportamentos diferentes. Basta saber o que significa o olhar, postura, vocalização e movimento do rabo de gato e das orelhas do animal. Se um gato está feliz, por exemplo, ele pode ficar com as orelhas levemente curvadas para frente, cauda para cima e pelos baixos e emitir sons como um leve miado ou ronronados. Já se ele estiver nervoso e pronto para atacar, a mudança é bem perceptível: o gato fica com os pelos eriçados, dentes à mostra, emite grunhidos, fica com um olhar fixo e orelhas eretas e viradas para trás.

2) Piscar os olhos lentamente é uma forma de falar com gatos

Muita gente se pergunta como os gatos se comunicam com seus donos. Além da postura corporal e dos miados de gato, um comportamento “inusitado” que faz os bichanos criarem uma conexão especial com os donos é a hora de piscar os olhos. No entanto, não é qualquer piscadela que funciona: é importante que as piscadas sejam feitas de forma lenta para ter a resposta esperada do animal.

De acordo com uma pesquisa, o piscar de olhos significa que o gato está sorrindo para a pessoa. Se ele faz isso lentamente é porque se sente confortável e relaxado na situação. Além disso, é mais provável que um gato “responda” uma pessoa que pisca lentamente para ele do que uma pessoa que pisca rápido.


Como os gatos se comunicam com seus donos: usar petiscos ajuda a estreitar as relações
Como os gatos se comunicam com seus donos: usar petiscos ajuda a estreitar as relações

3) Gato entende o que a gente fala, e o tom de voz influencia nisso

Gatos atendem pelo nome - mas só quando eles querem - e são capazes de entender o que falamos, só que não da mesma maneira que muitos pensam. Eles não têm a habilidade cognitiva de entender tudo o que é dito, mas sabem quando a gente está falando diretamente com eles, por exemplo. Além disso, eles são capazes de reconhecer o próprio nome porque se torna um som familiar.

Segundo um estudo, a capacidade de perceber quando um humano fala com um gato se deve ao tom de voz que é utilizado nessas ocasiões. Na hora de falar com um pet, a maioria das pessoas usa uma sonoridade específica e diferente de quando fala com humanos, sendo mais “fofa” e até parecida com a “voz de bebê”. Por isso, essa também é uma maneira de como se comunicar com gatos.

4) Utilize reforços positivos para aprender como se comunicar com gatos

Acredite: o gato entende o que a gente fala, mas ele só vai prestar atenção de fato quando for algo do interesse dele. Ou seja, se tiver recompensas envolvidas - como um petisco ou sachê para gatos -, pode ter certeza que o bichano vai ser o primeiro a responder o que você deseja. Essa pode ser uma boa estratégia para ensinar o seu gatinho a fazer algo novo ou até para brincar com ele nos momentos de descontração.

5) Adestrar gatos é possível, e você pode ensiná-los a usar botões de comando

Você já deve ter desconfiado que os gatos são animais bastante inteligentes, né?! Bom, isso é verdade e o que poucos sabem é que os bichanos são totalmente aptos para o adestramento, igual aos cães. É isso mesmo: adestrar gatos é uma possibilidade, e pode servir para estimular e até melhorar a comunicação entre o animal e o tutor.

Além de ensinar comandos básicos como dar a pata e sentar, uma maneira de falar com gatos é ensinando os animais a usarem os famosos “botões de comandos”. No geral, é comum ver cachorros usando o acessório, mas os gatinhos também podem entrar nessa brincadeira!

Redação: Juliana Melo

Edição: Luana Lopes