Gato

Como é o acasalamento de gatos? Saiba tudo sobre a reprodução felina!

Publicado - 03 Maio 2022 - 19h06

Atualizado - 17 Abril 2024 - 12h26

A reprodução dos gatos é um tema que não pode ser deixado de lado pelos tutores. Para proteger os bichanos de problemas que podem surgir nessa fase, como fugas e brigas, é fundamental entender quanto tempo dura o cio de gato, com quantos meses o gato pode cruzar e outros detalhes sobre o acasalamento de gatos. Continue lendo!

Cio de gata: como as fêmeas se comportam quando querem acasalar

O cio das gatas é bem discreto fisicamente. Não há sangramento ou inchaço, como acontece com as cachorras. Mas há uma linguagem corporal bem característica: a bichana passa a se esfregar mais em objetos, pessoas e outros gatos, se mostrando mais carinhosa que o habitual. O apetite pode diminuir e o andar torna-se mais gracioso, quase como um rebolado. A gatinha pode deixar a cauda de lado e a coluna curvada, em posição de cópula.

Ciclo estral: gata tem ciclo reprodutivo influenciado pela temperatura e luminosidade do ambiente

O primeiro cio costuma ocorrer até o 9º mês de vida da gata, mas pode variar de acordo com o ambiente, a presença de outros gatos e até a raça da felina (gatas com pêlos mais longos demoram mais a entrar no cio). Daí em diante, novos ciclos de cio se repetem por toda a vida. A frequência vai depender do desfecho do cio: se haverá ou não o acasalamento e a fecundação. Cada ciclo se divide em quatro fases:

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

cio de gata: gata sentada com rabo de lado
<strong>Há uma linguagem corporal bem característica entre as gatas no cio, que inclui a cauda de lado e a coluna curvada.</strong>

Proestro: a fêmea começa a demonstrar interesse pelo sexo oposto, alterando sua personalidade e caprichando nos miados, mas ainda não permite a monta. Esse período dura de 1 a 3 dias.

Estro: no cio propriamente dito, as manifestações de desejo pelo cruzo ficam mais intensas e a gata permite que o acasalamento aconteça, caso encontre um macho. Essa fase demora aproximadamente uma semana.

Interestro: período de 7 dias que ocorre quando não há fecundação e a gata passa por uma espécie de repouso sexual. É normal que ela rejeite machos nessa época.

Anestro: a ausência de ciclo costuma acontecer em épocas mais frias e de dias mais curtos, como o inverno. 

Diestro: quando a gata ovula e não fica prenha, pode ocorrer uma espécie de falsa gravidez assintomática. Isso acontece porque as gatas só ovulam quando acasalam. Mas se por algum motivo não houver fecundação (um gato castrado também pode cruzar!), o ciclo é iniciado novamente, a partir do proestro. 

Cio de gato acompanha os sinais emitidos pelas fêmeas

O gato macho não possui um período de cio específico, como acontece com as fêmeas. Quando o animalzinho entra na puberdade, o que acontece entre 8 ou 10 meses de vida, ele se torna capaz de copular sempre que detecta os sinais de cio de uma fêmea. Pode haver uma queda na libido durante o outono e o inverno, quando os dias são mais longos e frios, mas ainda assim o gato é capaz de responder a esses estímulos. Ele permanece em idade fértil até completar 7 anos.

Reprodução do gato: como identificar sinais que mostram que o felino quer cruzar

O gato macho responde aos “chamados” da fêmea para cruzar mostrando inquietação e até alguma agressividade. Isso porque, em um ambiente natural, geralmente a fêmea escolhe instintivamente cruzar com o gato mais poderoso do bando. E aí, mesmo em um ambiente doméstico, é esperado que o gatinho passe a urinar em locais diferentes, para marcar território. Um comportamento mais agressivo com outros gatos - seus concorrentes - também pode ser observado, além de uma maior propensão à fuga.

Pênis de gato adulto possui espículas e quase nunca fica exposto

O órgão genital do gato geralmente fica bem escondido dentro do prepúcio, na base da barriga. O gato só expõe o pênis completamente - em condições normais de saúde - em duas situações: para fazer sua própria higiene ou para acasalar. Portanto, se seu gatinho tem andado por aí com o pênis visível, o melhor é levá-lo ao veterinário para averiguar o motivo, ok?

Uma particularidade do pênis de gato são as espículas, pequenos espinhos que surgem quando o animal atinge a idade reprodutiva. Comuns também em outros mamíferos e em primatas, esses espinhos provocam dor na gata durante o acasalamento - um dos motivos dos barulhos emitidos pelas fêmeas durante a cópula. A reação natural da fêmea, nesse momento, é fugir do incômodo. A resposta dos machos é prática e pouco amigável: eles mordem as costas das gatas até que a relação termine, garantindo a fertilização. Especialistas acreditam que essas espículas têm a função de estimular a ovulação nas fêmeas. É por isso que o acasalamento de gatos é tão barulhento!
 

gato no cio deitado de barriga para cima
<strong>Gato no cio: o bichano só expõe o pênis completamente - em condições normais de saúde - em duas situações: para fazer sua própria higiene ou para acasalar.</strong>

Miado de gato no cio fica mais frequente! Saiba como acalmar machos e fêmeas

Os gatos usam o miado como forma de comunicação em diversas situações, e quando buscam acasalamento não poderia ser diferente. Gatas no cio miam para atrair os machos, vocalizando de forma alta e constante até encontrar seu parceiro. Os gatos costumam retribuir, mostrando alterações no miado assim que ele percebe uma fêmea no cio ao seu redor. A “sinfonia de miados” tem uma razão para existir, mas pode incomodar bastante os tutores e seus vizinhos.

A forma mais eficaz e segura de evitar essas alterações de comportamento é castrando os gatos antes do primeiro cio ou entre um cio e outro. Mas para controlar a reação natural dos felinos, opções como chás calmantes caseiros, como camomila, podem funcionar. Sprays de feromônios felinos são bastante eficientes também, conferindo uma sensação de bem-estar aos bichanos. Já o catnip, nessa situação, é uma incógnita: a erva do gato pode tanto tranquilizar quanto estimular os felinos. Na dúvida, converse com um veterinário de sua confiança!

Acasalamento de gatos e os filhotes: como evitar uma nova ninhada

A reprodução de gatos é natural, mas pode se tornar um problema quando o tutor não tem intenção de criar todos os filhotes e não encontra adotantes dispostos. A gestação da gata dura, em média, de 9 a 10 semanas. Muitas pessoas se perguntam “Depois de parir, quanto tempo o gato entra no cio?” e a resposta é: apenas 1 mês! Portanto, se você quer saber quantas ninhadas um gato tem por ano, saiba que é possível que ocorram de 3 a 4 gestações.

Em relação a quantos gatos nascem na primeira ninhada, não é possível afirmar com certeza. Assim como há gestações de apenas um filhotinho, em alguns casos é possível que nasçam até dez gatinhos em um mesmo parto. Não há como prever, mas uma vez que a gata esteja prenha, é importante fazer exames de imagem para ter a informação correta e saber quando o parto terminou. 

gata grávida recebendo carinho do dono
<strong>Gata grávida: assim como há gestações de apenas um filhotinho, em alguns casos é possível que nasçam até dez gatinhos em uma mesma ninhada.</strong>

A solução mais segura para evitar ninhadas é a castração, tanto em fêmeas quanto em machos. Mas se o cio chegou sem aviso, uma boa solução é tentar isolar os gatos em ambientes diferentes. Até mesmo gatos irmãos podem cruzar, o que não é geneticamente recomendado, mas é bem comum. É melhor prevenir!

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Cuidados

Areia de mandioca para gatos: veterinária destrincha tudo sobre a areia do momento, benefícios e indicações

De um tempo para cá, a procura pela areia de mandioca para gatos cresceu consideravelmente. Devido a esse movimento dos consumidores...

Cachorro

Cruzamento de cachorro: tudo que você precisa saber sobre o assunto

O cruzamento de cachorro é um assunto que desperta a curiosidade da maioria dos tutores. Enquanto alguns se preocupam em evitar que ...

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Ver todas