close
Saúde

Coleira contra leishmaniose: como funciona?

Atualizado · 16 de junho de 2021 · 18h51

Publicado · 16/06/2021 · 18h51

Coleira antiparasitária previne a leishmaniose?
Coleira antiparasitária previne a leishmaniose?

Você provavelmente já conhece a coleira antiparasitária, mas sabia que alguns modelos têm ação contra a leishmaniose? O acessório indicado para doença é usado para afastar parasitas e insetos como o mosquito-palha, que é o vetor da leishmaniose canina. A doença está entre uma das maiores preocupações dos pais de pet, uma vez que se trata de um quadro capaz de debilitar bastante o organismo do cãozinho, podendo até mesmo levar à morte. Mas será que a coleira para leishmaniose é mesmo uma boa medida preventiva? Como funciona esse tipo de coleira e quais os prós e contras do acessório? Tiramos todas essas dúvidas a seguir, confira!

Como funciona a coleira para cachorro antipulgas, carrapatos e leishmaniose?

A leishmaniose canina é transmitida exclusivamente pelo mosquito-palha. Ele precisa picar um animal infectado para contrair o protozoário Leishmania, que é o agente causador da doença. Depois disso, ele se torna um vetor da leishmaniose e pode contaminar outros animais (e até humanos) com uma nova picada.

Para evitar a doença, a coleira leishmaniose foi desenvolvida com o objetivo de manter os mosquitos afastados, assim como outros parasitas. Ela libera substâncias pelo corpo do animal que agem como repelentes, protegendo o seu cãozinho por um período pré-estabelecido. Os princípios ativos que são utilizados nessas coleiras normalmente são deltametrina ou a combinação de imidacloprida e flumetrina, que afastam os mosquistos. Vale destacar que a coleira leishmaniose também costuma combater pulgas e carrapatos. Ou seja, são três benefícios em um único produto!

Qual raça de gato você é?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

O que você mais gosta de fazer nos momentos de lazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se você pudesse se descrever com uma palavra, quais das opções a seguir escolheria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Alguém te chamou para sair para um lugar inusitado, o que você pensa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica depois de dormir pouco na noite anterior?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você viajou e se perdeu em uma cidade que não conhece muito: o que passa pela sua cabeça?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Quais dessas características você procuraria em um pet?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

O que seus amigos próximos pensam sobre você?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você gosta de curtir as férias?

Question Header Background

Sua personalidade aventureira combina com o Bobtail Japonês! Você é divertido assim como o gato Siamês! Sua personalidade ranzinza combina com o gato Maine Coon! Você é preguiçoso como um gatinho Persa!
    A coleira contra leishamaniose é uma medida eficaz para proteger os cães do mosquito-palha
    A coleira contra leishamaniose é uma medida eficaz para proteger os cães do mosquito-palha

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Por que investir em uma coleira contra leishmaniose?

    coleira para cachorro indicada para prevenir a leishmaniose costuma ser eficiente na função de afastar o mosquito-palha. Isso por si só já é um ótimo motivo para investir nesse tipo de acessório, principalmente em regiões endêmicas (normalmente lugares úmidos e com muita vegetação). Além disso, a praticidade da coleira conta muito: basta colocá-la ao redor do pescoço do pet que ele estará devidamente protegido por alguns meses (é importante verificar a duração antes da compra).

    É importante ficar atento às contra indicações do produto, que normalmente não é muito indicado para filhotes de cachorro com menos de três semanas. Reações alérgicas causadas pelos componentes presentes na coleira de leishmaniose podem ocorrer - não é regra, mas pode acontecer principalmente em animais mais sensíveis ou com histórico de alergias.

    Também é possível prevenir a leishmaniose em cães por meio da vacina, que deve ser aplicada logo no primeiro ano de vida do animal e é dividida em três doses. A imunização precisa ser reforçada anualmente.

    Coleira para leishmaniose: preço vai variar de acordo com o fabricante

    Existem algumas opções de coleira de leishmaniose que podem ser facilmente encontradas no mercado. No entanto, o preço vai depender do período de proteção do produto e principalmente do fabricante. Os modelos mais baratos costumam custar entre R$75 e R$100, com proteção que varia de três a seis meses. Após esse período, é recomendado trocar a coleira por uma nova. 

    Por outro lado, existem modelos mais caros e igualmente eficazes. A principal diferença é que as chances de reações alérgicas são menores, e a durabilidade é maior, chegando a oito meses de proteção contra parasitas - encontradas pelo preço de R$150 a R$200.

    Redação: Juliana Melo

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    Próxima matéria

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    Veterinário online é uma boa ideia? Como funciona? Veja como profissionais e tutores se adequaram na pandemia
    Saúde

    Veterinário online é uma boa ideia? Como funciona? Veja como profissionais e tutores se adequaram na pandemia

    Já pensou em ter uma consulta com um veterinário online? Embora seja um serviço relativamente recente, esse tipo de atendimento chegou para facilitar a vida dos tutores. O grande diferencial é que, com a possibilidade de um veterinário gratuito online, fica muito mais fácil tirar eventuais dúvidas sobre o comportamento e cuidados com o animal sem precisar sair de casa.

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?
    Saúde

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?

    A giárdia canina é uma doença infecciosa causada por um protozoário que pode acometer cães, gatos e seres humanos. Essa zoonose ocorre quando o cachorro ingere cistos do protozoário, que podem estar presentes na água e alimentos. Além disso, como os cachorrinhos são animais que usam a boca para diversas funcionalidades, é possível que o pet colete o parasita lambendo um brinquedo, bebendo água de uma poça ou mastigando algum objeto. Ficar de olho em como prevenir a doença é muito importante, visto que a giárdia em cães é transmitida para outros animais com facilidade. 

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?
    Passeio

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?

    Viajar com cachorro é uma experiência incrível, mas que precisa de atenção. O primeiro passo é procurar por um hotel pet friendly - isto é, um hotel ou pousada que aceita animais de estimação - para que tudo seja perfeito. Existe hotel que aceita cachorro, mas que tem algumas limitações como quantidade de pets por quarto e que tem restrições quanto ao porte do animal (a maioria costuma aceitar apenas animais pequenos ou, no máximo, de porte médio). No entanto, também existem hotéis totalmente pet friendly que são praticamente o paraíso na terra para os nossos amiguinhos de quatro patas.

    Qual o uso correto da coleira para leishmaniose?
    Saúde

    Qual o uso correto da coleira para leishmaniose?

    A coleira contra leishmaniose é um dos melhores métodos preventivos contra a doença tão temida. Causada pelo protozoário Leishmania, a leishmaniose visceral canina é transmitida pela fêmea do mosquito-palha. Um cachorro picado pelo mosquito infectado adquire a doença. A leishmaniose é uma das zoonoses mais temida pelos tutores, que pode deixar o cãozinho bem debilitado, fraco e com lesões pelo corpo. Se não tratada logo no início, as chances do cachorro morrer com a doença aumentam bastante.

    Ver Todas >

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?
    Saúde animal

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?

    A giárdia canina é uma doença infecciosa causada por um protozoário que pode acometer cães, gatos e seres humanos. Essa zoonose ocorre quando o cachorro ingere cistos do protozoário, que podem estar presentes na água e alimentos. Além disso, como os cachorrinhos são animais que usam a boca para diversas funcionalidades, é possível que o pet colete o parasita lambendo um brinquedo, bebendo água de uma poça ou mastigando algum objeto. Ficar de olho em como prevenir a doença é muito importante, visto que a giárdia em cães é transmitida para outros animais com facilidade. 

    Sarna em gatos: o que é e o que fazer?
    Saúde animal

    Sarna em gatos: o que é e o que fazer?

    A sarna em gatos é um dos problemas de pele mais comuns que podem afetar o bichano. Causada por ácaros que ficam na pelagem dos felinos, a doença também pode acometer cachorros e até mesmo humanos. O gato com sarna sofre bastante com coceiras e problemas na pele. Felizmente, existe tratamento de sarna em gatos capaz de eliminar os parasitas e garantir conforto ao peludo. 

    Tosse de cachorro: o que pode ser?
    Saúde animal

    Tosse de cachorro: o que pode ser?

    O cachorro com tosse é algo que pode assustar muitos tutores, principalmente quando acontece de forma recorrente e não tem um motivo aparente. O sintoma indica algum incômodo no sistema respiratório canino e pode estar associado a diferentes causas que variam desde problemas mais simples, como um engasgo na hora de comer, até algo mais sério, como doenças cardíacas e vermes pulmonares.

    O que o anticoncepcional para gatos pode causar?
    Saúde animal

    O que o anticoncepcional para gatos pode causar?

    O anticoncepcional para gatos é usado por muitos tutores como alternativa à castração. A injeção é vista por muitas pessoas como um método mais barato e menos invasivo de impedir o cio de gata. Mas é comum surgir a dúvida sobre o anticoncepcional para gatos: quando aplicar é recomendado? A verdade é que o anticoncepcional para gatas traz muitos problemas à saúde e nunca é a solução para o cio de gato. O Patas da Casa te explica quais os perigos da injeção anticoncepcional para gatos e porque a castração é a melhor opção. Confira!

    Ver Todas >