Comportamento

Cama para gatos: 4 objetos que podem ser transformados em uma caminha para o seu bichano

Cama para gato: o Chicó ama sua caixa de papelão e tira várias sonecas nela
Cama para gato: o Chicó ama sua caixa de papelão e tira várias sonecas nela

Cuidar de gato é pensar também na hora do descanso desses animais. Todo mundo sabe que os felinos passam boa parte do dia dormindo, e não existe hora nem local certo para isso. Muitas vezes eles se apropriam do sofá da sala ou até se escondem entre as prateleiras para tirar uma sonequinha. Mas nenhum lugar é melhor do que uma cama para o gato descansar. Ela precisa ser confortável e aconchegante, e o melhor de tudo é que não é preciso gastar muito para ter uma dessas em casa. Na verdade, alguns objetos do dia a dia podem facilmente se transformar na caminha perfeita. Mas calma, estamos aqui para te ajudar: dá só uma olhada nas dicas que a gente separou para fazer a cama de gato perfeita.

1) Um caixote é uma ótima opção de cama para gato

Quer algo simples, mas que seja aconchegante e feito na medida certa para acomodar seu peludinho? Pois então a cama para gato com caixote de madeira é tudo que você estava procurando! E o melhor de tudo: você não vai precisar gastar (quase) nada para isso. Sabe aquela feirinha de frutas e verduras que tem perto da sua casa? Lá é um ótimo lugar para começar a procurar por caixotes desse tipo a um preço bem acessível, ou até mesmo de graça, dependendo do local. Depois de conseguir o material, é bem simples aprender como fazer cama de gato: basta higienizar e lixar todo o caixote (esse é um passo muito importante para retirar as temidas farpas, que podem ferir seu bichano). Por fim, é só pintá-lo do jeitinho que você quiser e decorá-lo com almofadas, cobertores e brinquedinhos. Voilá: está pronta a cama para gato!

2) Cama: gato vai adorar ter um cantinho para descansar feito de papelão

O amor e fascínio dos felinos pelas caixas de papelão é muito real! Então, por que não criar uma versão de cama para gato com esse material? Para a felicidade geral dos bichanos, isso é totalmente possível! E o melhor de tudo: por se tratar de um item reciclável, o tutor nem precisa gastar muito com isso.

Com a quantidade certa de papelão, tudo que você precisa fazer é medir e cortar tudo do tamanho certo para montar uma toca de gato. Outro ponto positivo é que a cama para gato de papelão pode ser facilmente customizada e decorada com pinturas e cortes! Mantas, almofadas e qualquer acessório que seja do agrado do seu bichano são sempre bem-vindos para levar mais conforto para a caminha.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    As camas para gatos podem ser feitas de diferentes materiais, como caixotes de madeira
    As camas para gatos podem ser feitas de diferentes materiais, como caixotes de madeira
    Também é possível fazer uma cama para gato com caixa de papelão mais improvisada. A Aurora e o Luke adoraram!
    Também é possível fazer uma cama para gato com caixa de papelão mais improvisada. A Aurora e o Luke adoraram!
    As camas para gatos podem ser feitas de diferentes materiais, como caixotes de madeira
    Também é possível fazer uma cama para gato com caixa de papelão mais improvisada. A Aurora e o Luke adoraram!

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    3) Faça uma cama para gato com uma simples camiseta

    Pode parecer brincadeira, mas com uma camiseta é possível fazer algumas opções de camas para gatos. Exemplos disso são a toca e a rede para gatos. No caso da toca, tudo que o tutor precisa é de uma camisa, um pedaço de papelão, dois cabides e fita crepe. Os cabides serão responsáveis por formar os “arcos” da toca, enquanto o papelão servirá de base. A camiseta vai cobrir toda essa estrutura e você deve deixar a gola esticada na parte da frente para o bichano entrar e sair da toca. Simples, né? 

    Já para quem prefere uma redinha, não tem mistério: com uma camiseta de tecido resistente, uma fita de nylon e uma tesoura você aprende rapidinho como fazer cama para gato nesse modelo. Geralmente, recomenda-se que as redes sejam instaladas nos pés de uma cadeira ou de algum móvel. Assim, esse passa ser um novo local para o seu bichano descansar.

    4) Cama para gato de crochê deixa tudo ainda mais especial

    Por último, uma boa ideia de como fazer fazer uma cama para gato é com crochê! Essa é para quem gosta de se aventurar ainda mais com técnicas de DIY, mas é um modelinho super acessível e que com certeza vai agradar seu bigodudo. A única coisa que você precisa é de agulhas específicas para a técnica, linhas, tesoura e fita métrica, pois você vai precisar medir o formato da cama de gato. Para quem já está familiarizado com o mundo do crochê e tricô, não vai ser nenhum bicho de sete cabeças. Já para os iniciantes, a dica é ver os diversos tutoriais disponíveis na internet para aprender os pontos básicos. Quando estiver mais confiante da técnica, é hora de se arriscar a fazer uma cama para o seu gato!

    Redação: Juliana Melo

    5 dicas para educar um cachorro desobediente

    Próxima matéria

    5 dicas para educar um cachorro desobediente

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)
    Raças

    Khao Manee: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de gato tailandesa (e muito rara!)

    O Khao Manee tem um grande potencial para ser um dos grandes queridinhos entre os apaixonados por gatos. Com olhos de cores marcantes e pelo branquinho, o felino desta raça possui uma aparência rara que chama atenção e é uma ótima companhia para qualquer família. De origem tailandesa, esse gatinho é super amigável e ama estar ao lado dos seus humanos - e até mesmo de outros animais. Para conhecer mais a fundo o gato Khao Manee, o Patas da Casa separou as principais informações sobre esse bichano incrível. Dá uma olhada!

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa
    Raças

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa

    O Ragamuffin é uma raça de gato muito amável e carinhosa. Não muito conhecido no Brasil, o gato ragamuffin se originou a partir do cruzamento com felinos da raça Ragdoll. É considerado um gato gigante e pode chegar até os 9kg. O "Ragamuffin cat" pode ter a pelagem e olhos de diferentes cores. Uma característica marcante é o jeito brincalhão e o fato de amar colo. O Ragamuffin é ideal para famílias com crianças e outros animais.

    As 5 doenças de gato mais graves que podem atingir os felinos
    Saúde

    As 5 doenças de gato mais graves que podem atingir os felinos

    Ter um bichinho em casa vai muito além dos momentos de diversão e das trocas de carinho com o seu amigo de quatro patas. Por isso, cuidar de um gatinho também significa saber identificar quando há algo de errado com a saúde dos felinos. Dentre as doenças mais comuns - e graves - que podem afetar o bichano, estão a FIV, FeLV e a PIF felina. Além delas, a clamidiose e a insuficiência renal em gatos também precisam de atenção, já que podem trazer graves consequências se não forem tratadas ou devidamente controladas. Mas não precisa se desesperar: o Patas da Casa reuniu as principais informações sobre cada uma dessas doenças de gatos domésticos para que os tutores fiquem bem atentos. Chega mais!

    Cama para gato: veja as opções e saiba como escolher a melhor para o seu bichano
    Cuidados

    Cama para gato: veja as opções e saiba como escolher a melhor para o seu bichano

    As camas para gato são a maneira perfeita de deixar o seu bichano confortável. Eles dormem diversas vezes ao dia, chegando a passar de 12 a 16 horas cochilando. Uma rotina de fazer inveja! Por mais que a gente se sinta honrado quando o gatinho escolhe o nosso colo para dormir, é importante ter um local só dele, onde o felino para descansar. Existem diversos modelos de cama de gato que você pode comprar, inclusive é possível fazer uma em casa. Antes de comprar, leve em consideração alguns pontos, como o tamanho do felino, se ele gosta de se esconder e a idade dele. Para te ajudar, nós separamos algumas dicas de como escolher quais os modelos de camas para gatos mais comuns e como incentivá-los a usarem elas.

    Ver Todas >

    Quer ter um cachorro surfista? Saiba como iniciar, os cuidados que deve ter e acessórios indispensáveis
    Comportamento animal

    Quer ter um cachorro surfista? Saiba como iniciar, os cuidados que deve ter e acessórios indispensáveis

    Existem cachorros que amam nadar e brincar na água, então qualquer passeio em trilhas com cachoeiras, praias ou mesmo uma piscina vira uma grande festa. Mas você sabia que existe cachorro que surfa? Os esportes com cachorro são uma ótima forma de estreitar laços entre o tutor e o animal e o surf é uma modalidade que pode fazer muito bem ao animal. Sem falar que os cachorros surfistas chamam atenção pela fofura e habilidade na prancha.

    Por que os gatos
    Comportamento animal

    Por que os gatos "mamam" no cobertor? Descubra se o comportamento é prejudicial ou não

    Não é difícil encontrar um gato que tenha a mania de ficar mordendo o cobertor, como se estivesse se alimentando da mamãe gata (e os cães também podem apresentar o mesmo comportamento). Um gato mordendo cobertor pode ser considerado um momento muito fofo para alguns gateiros, mas outros tutores podem se perguntar se esse comportamento do felino é prejudicial ou revela alguma vulnerabilidade do bichano. 

    Como ganhar a confiança de um cachorro? Veja dicas para se aproximar de cães desconhecidos
    Comportamento animal

    Como ganhar a confiança de um cachorro? Veja dicas para se aproximar de cães desconhecidos

    Adotar um cachorro é sempre um desafio tanto para os humanos, que precisam adaptar a casa para receber o novo hóspede, quanto para o cãozinho, que ainda precisa de um tempo para se acostumar com o ambiente e com sua nova família. No caso de cães abandonados e que foram resgatados por ONGs ou outras instituições, ganhar a confiança do doguinho nem sempre é uma tarefa fácil - principalmente se tratando de um cachorro medroso ou traumatizado. 

    Cachorro castrado fica mais calmo? Veja as diferenças de comportamento antes e depois da cirurgia
    Comportamento animal

    Cachorro castrado fica mais calmo? Veja as diferenças de comportamento antes e depois da cirurgia

    A castração de cachorro é muito indicada pelos profissionais da medicina veterinária. Entretanto, muitos tutores ainda sentem muito receio de realizar a cirurgia pelas mudanças de comportamento do cachorro castrado. Não é mito que algumas mudanças comportamentais ocorrem após a castração, tanto para machos quanto para fêmeas. Mas afinal, o que muda no cachorro castrado?

    Ver Todas >