Cuidados

Cachorro com medo de fogos: como acalmar o animal + técnica de amarrar o pano

Saiba como ajudar o seu cachorro que tem medo de fogos
Saiba como ajudar o seu cachorro que tem medo de fogos

Não é raro cachorro ter medo de fogos de artifício ou qualquer outro barulho muito forte e repentino. Em épocas de festas de fim de ano, carnaval e final de campeonatos de futebol, os animais podem sofrer bastante com os estouros. Não é à toa que o Revéillon é o período com o maior índice de fugas de cachorrinhos. E não existe uma regra, esse medo pode acometer qualquer raça e qualquer porte.

Além de ser um barulho muito alto até mesmo para humanos, para os cachorros é muito mais incômodo, pois eles escutam 4 vezes mais que nós. Ou seja, eles conseguem ouvir sons que não conseguimos captar e os demais são potencializados. Esse é um dos motivos dos fogos serem tão apavorantes para os cachorrinhos. Para ajudar nessas situações, existem alguns treinamentos, truques, dicas e até mesmo remédio para acalmar cachorro com medo de fogos.

Dica 1: acostume seu cão com o barulho dos fogos

Todos os dias coloque, em volume baixo, o barulho dos fogos. No YouTube já existem vários canais específicos para cachorros que disponibilizam vídeos de dessensibilização do barulho dos fogos. Dessa forma, ele pode se acostumar com os sons e não sofrer tanto quando for real. Com o passar dos dias, aumente o volume, mas sempre deixando em uma frequência que seja confortável para o pet. Aproveite esse treinamento e associe os fogos a algo positivo como petiscos, brincadeiras e carícias.

Dica 2: use o truque do pano para ajudar a acalmar o cachorro

Em dias que você consegue prever os fogos, existe uma técnica chamada Tellington Touch, que consiste em enrolar um pano no corpo do cachorro para diminuir o estresse. O método leva esse nome porque foi criado pela canadense Linda Tellington-Jones, especialista em comportamento animal. É importante usar esse truque quando o cachorro puder ficar sob a supervisão de um humano. Isso porque, no caso de um momento de desespero, a tira de tecido pode se enganchar em algum lugar e causar um efeito oposto do desejado. Para fazer no seu cachorrinho, veja a ilustração abaixo:

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    Dica 3: utilize florais

    Converse com seu veterinário sobre o medo do seu cachorro e veja a possibilidade de dar um floral para o seu pet. Em muitos cachorros, o efeito é bastante positivo! A vantagem de utilizar florais é que pode ser aliado às demais dicas e não tem contraindicações.

    Dica 4: medicação para casos graves

    Após testar todas as técnicas e nenhuma funcionar com seu cachorro, o veterinário deve ser procurado para que possa orientar o dono quanto ao melhor tratamento, podendo até mesmo prescrever calmantes. Em hipótese nenhuma ofereça o medicamento sem a orientação do profissional, ok?

    Cuidados com cachorro em situações de fogos de artifício

    Cachorros que sentem medo e ficam desesperados podem ter atitudes inesperadas mesmo sendo adestrados. Por isso, alguns cuidados podem ser indispensáveis nessas situações. Veja abaixo:

    • Não deixe o cachorro preso com correntes: quando desesperados, eles podem tentar se soltar a acabar se machucando gravemente, podendo até mesmo se enforcar na coleira;
    • Não deixe o seu cachorro sozinho: a presença dos donos ou de outro adulto de confiança do cachorro pode ajudar a acalmá-lo e evitar acidentes;
    • Não agarre o seu cachorro durante os fogos: dessa forma, mesmo sem querer, você acaba reforçando o medo dele;
    • Mantenha as portas, janelas e portões fechados: na hora do desespero, eles podem ficar desorientados e acabar fugindo;
    • Deixe o cachorro transitar pela casa: não obrigue o cachorro a ficar em um cômodo. Deixe que ele decida o local em que se sente mais seguro.
    Veja como usar a técnica do pano para amenizar o medo de fogos
    Veja como usar a técnica do pano para amenizar o medo de fogos
    Quais os benefícios de tosar cachorro no calor?

    Próxima matéria

    Quais os benefícios de tosar cachorro no calor?

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão
    Adoção

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão

    Ter um cachorro em casa é uma experiência incrível para mães e pais de pet, mas os momentos de alegria vêm acompanhados de muitas responsabilidades… e gastos (muitos gastos). Ração, vacina, brinquedos, remédios e veterinário são os principais custos que você precisa ter frequentemente com o animal. É justamente por isso que, antes de comprar ou adotar um pet, é preciso pensar nos gastos que isso vai demandar - e que devem entrar no orçamento da família. Para te ajudar a bater o martelo e decidir se consegue ou não arcar com um amigo de quatro patas, montamos um guia completo com uma média dos gastos que você provavelmente terá. Chega mais!

    Cachorro medroso: é possível evitar que o animal desenvolva medo na vida adulta?
    Adestramento

    Cachorro medroso: é possível evitar que o animal desenvolva medo na vida adulta?

    Lidar com um cachorro medroso é uma situação que muitas vezes deixa os tutores um pouco perdidos. Nem sempre é fácil fazer com que o pet se sinta melhor diante das situações que ele tem medo, principalmente para quem nunca vivenciou nada parecido antes. Mas será que é possível fazer com que os cães não sintam medo na fase adulta? Quais são os motivos por trás de um cachorro com medo do dono, de estranhos, outros animais e até mesmo de objetos ou barulhos do dia a dia, como os trovões? 

    5 técnicas de relaxamento para acalmar o seu pet na quarentena
    Cuidados

    5 técnicas de relaxamento para acalmar o seu pet na quarentena

    Em tempos de quarentena e isolamento social, quem tem um bichinho em casa certamente deve estar se perguntando em como acalmar cachorro e gato durante esse período. Afinal, ficar em casa pode ser um grande problema para os animais que estão acostumados com os passeios diários. Mas e se nós disséssemos que é possível resolver isso? Existem diferentes formas de evitar que o seu cãozinho ou gatinho sofra com estresse e ansiedade dentro de casa. Yoga para cachorro e calmante natural para gatos são algumas delas. Quer saber quais são as outras? Confira a lista que separamos a seguir!

    Cuidar de cachorro: 5 hábitos que você deve acostumar o animal desde cedo
    Cuidados

    Cuidar de cachorro: 5 hábitos que você deve acostumar o animal desde cedo

    Cuidar de cachorro não é tão simples quanto parece, mas também não é nenhum bicho de sete cabeças. No entanto, para facilitar a convivência com o pet, é preciso acostumá-lo com alguns hábitos desde cedo, como escovar os dentes e tomar banho. Caso contrário, o cãozinho pode apresentar certa resistência nessas horas, e todo o processo acaba sendo bem mais trabalhoso. Para te ajudar nessa missão, separamos 5 hábitos essenciais que devem fazer parte da rotina de todos os cães, independente da idade. Veja quais são eles!

    Ver Todas >

    Cachorro pode dormir no ar condicionado? Descubra se faz mal ou não!
    Cuidados dos animais

    Cachorro pode dormir no ar condicionado? Descubra se faz mal ou não!

    O verão é uma época um pouco complicada para os cães. Ao mesmo tempo em que os dias ensolarados permitem mais passeios, mergulhos na piscina e muita diversão, as altas temperaturas também podem fazer com que o cachorro sofra com o calor. Por isso, além de dar bastante água para os peludos nessa época, muitos tutores se perguntam se o cachorro pode dormir no ar condicionado ou se isso pode ser prejudicial para a saúde do animal de alguma forma. 

    Como cuidar da unha do cachorro inflamada?
    Cuidados dos animais

    Como cuidar da unha do cachorro inflamada?

    A unhas do cachorro fazem parte da anatomia das patinhas e, além de ajudarem na sustentação do animal ao se movimentar, funcionam como um mecanismo de defesa. Mas assim como as unhas dos humanos, os cães também precisam de cuidados específicos nessa região, já que as unhas crescem rápido. A unha de cachorro inflamada ou encravada pode causar muito incômodo e dor, necessitando até mesmo de algum procedimento mais complexo dependendo da gravidade da inflamação.

    Meia antiderrapante para cachorro idoso: veja como o item promove mais segurança para o pet
    Cuidados dos animais

    Meia antiderrapante para cachorro idoso: veja como o item promove mais segurança para o pet

    O cachorro idoso precisa de cuidados específicos para ter uma velhice com mais qualidade de vida. Assim como a rampa e escada, a meia ou sapato antiderrapante para cachorro idoso deixa o pet mais seguro nessa fase. Mas o item realmente é necessário? Assim como os humanos, o cachorro idoso vai perdendo massa muscular com o tempo, tornando a locomoção mais difícil e até mesmo facilitando quedas e fraturas. 

    4 dicas infalíveis de como acostumar gato na casa nova
    Cuidados dos animais

    4 dicas infalíveis de como acostumar gato na casa nova

    A mudança de casa é uma das coisas mais estressantes na vida de um gato. Muito apegados à rotina, os bichanos se veem de uma hora para outra longe dos cômodos e das coisas que conhecem. A explicação para essa dificuldade de adaptação é simples: os gatos ainda possuem muitos instintos e características da fase selvagem, por isso são bem territorialistas. Para eles, o território que têm seu cheiro é o lugar em que sente seguro e sem ameaças para desenvolver suas habilidades. 

    Ver Todas >