Comportamento animal

Cachorro com calor: como deixar o animal mais confortável no verão?

Publicado - 08 Dezembro 2021 - 18h39

Atualizado - 15 Maio 2024 - 20h20

Assim como acontece com os humanos, as altas temperaturas do verão deixam o cachorro com calor. No entanto, os efeitos nos pets pode ser bem mais desconfortável: se não receberem certos cuidados, podem apresentar desidratação e até hipertermia. Não sabe como identificar um cachorro com calor? Aintomas como sede excessiva, ofegância e boca seca são alguns sinais. Além disso, o comportamento do cachorro no calor muda bastante, pois os dias quentes os deixam mais cansados, apáticos e até mesmo com falta de apetite. Porém, é possível deixar o cachorro com calor mais confortável no verão: basta seguir algumas dicas que o Patas da Casa separou para você. Confira!

Cachorro no calor precisa ter sempre água à disposição

O cachorro no calor precisa se hidratar com frequência e, por isso, é importante deixar sempre água fresquinha à disposição do animal. Se houver pouca ingestão de água no cachorro com calor, sintomas de desidratação podem começar a aparecer, como cachorro ofegante, boca seca e apatia. Portanto, deixe o potinho de água sempre cheio. Uma dica é colocar um cubinho de gelo dentro do pote para deixar a água geladinha por mais tempo. Além disso, aproveite o momento que o cachorro sente calor para realizar brincadeiras que envolvam água, como ir à piscina ou à praia e brincar de mangueira. Vai ser divertido e refrescante tanto para o tutor, quanto para o cachorro com calor!

Cachorro com calor no passeio: escolha sair no início ou fim do dia

Passear com o cachorro é essencial para a saúde e bem-estar do pet. No verão, porém, é preciso ter cuidado com os horários das saídas com o cachorro. Calor demais pode deixar o animal cansado, desidratado e, em alguns casos, até mesmo com queimaduras causadas pelo sol quente. Por isso, evite sair entre 10h e 16h, período em que o sol está mais forte. O ideal é nos dias de calor, passear com o pet bem de manhãzinha ou já no final do dia, quando as temperaturas estão mais amenas. Além disso, procure lugares frescos e com sombra, como parques com muitas árvores.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Cachorro preto peludo deitado em gramado perto de pote de água com pedras de gelo dentro
Fique de olho no seu cachorro! Calor pode ser amenizado ao colocar cubos de gelo no pote de água

 

Alimentação do cachorro: calor pode ser aliviado com petiscos refrescantes 

Os dias muito quentes podem afetar até mesmo a alimentação do cachorro, pois é normal que o calor em excesso deixe o pet sem apetite. Muitas vezes, o cão prefere comer apenas à noite ou então vomita após as refeições, já que o metabolismo tende a desacelerar quando as temperaturas estão altas. Porém, o animal não pode ficar sem comer e a solução são os alimentos refrescantes. Para um cachorro com calor, vale oferecer picolé de frutas, gelo e até mesmo água de coco. Além disso, prefira a ração úmida, que é mais fácil de ser digerida.  

Cachorro precisa ficar em lugares arejados 

Não é só na rua que o animal de estimação sofre com as altas temperaturas. O cachorro sente calor dentro de casa também e precisa de alguns cuidados para ficar confortável durante o dia. É muito importante deixar as janelas abertas e o ventilador ou ar condicionado ligado. Isso faz com que o ar circule melhor, deixando o clima mais fresco. Uma outra dica para o cachorro com calor no verão é estimular o animal a deitar em superfícies frias, como um chão de piso gelado. Se o seu cachorro sente calor em excesso, talvez valha a pena investir em um tapete gelado para cachorro, que ajudará a amenizar a temperatura. 

Cachorro peludo sente mais calor? Entenda porque a tosa nem sempre é indicada para os peludos no verão

É comum acharmos que cachorro peludo sente mais calor. Por isso, muitos tutores pensam que tosar cachorro com calor é uma ótima ideia no verão. Porém, isso não é necessariamente verdade - pelo contrário: muitas raças, como o Chow Chow, possuem uma pelagem dupla que, na verdade, protege o pet do calor! Isso acontece porque o pelo é um isolante térmico que mantém o animal protegido das altas temperaturas. Além disso, o cachorro transpira pelo focinho, coxins e língua (por isso ele fica com língua para fora nos dias quentes). Ou seja, a ideia de que cachorro peludo sente mais calor é um mito, já que a transpiração não acontece através da pele. Tosar cachorro no verão em raças como Spitz Alemão, Akita e outras com pelagem dupla, pode, na verdade, favorecer queimaduras e alopecia canina. Já para raças como Poodle Shih Tzu e Yorkshire, a tosa para cachorro com calor no verão é benéfica. O ideal é sempre conversar com o veterinário antes de sair cortando os pelos do animal.

Redação: Maria Luísa Pimenta

Cachorro

Dogo Argentino: 10 curiosidades para conhecer o cachorro parecido com Pitbull

O Dogo Argentino é um cachorro grande e imponente. Em um primeiro momento, ele pode até assustar quem não conhece, principalmente po...

Cachorro

Pancreatite em cachorro: aprenda a reconhecer 6 sinais da doença que vão ajudar no diagnóstico mais rápido

A pancreatite em cachorro é uma doença que merece a atenção dos tutores. A patologia afeta o pâncreas, órgão essencial para a produç...

Adote um animal

Cachorro pequeno: essas são as 10 menores raças de cachorro do mundo todo

Ter um cachorro pequeno em casa é sinônimo de fofura e alegria. Como são menores, esses doguinhos se adaptam mais facilmente ao espa...

Comportamento

Gato miando: 8 segredos que não te contaram sobre a principal forma de comunicação dos felinos

Qualquer pai de pet está acostumado a ouvir o gato miando em casa pelos mais diversos motivos. Às vezes é fome, vontade de receber c...

Cachorro

Dogo Argentino: 10 curiosidades para conhecer o cachorro parecido com Pitbull

O Dogo Argentino é um cachorro grande e imponente. Em um primeiro momento, ele pode até assustar quem não conhece, principalmente po...

Cachorro

Pancreatite em cachorro: aprenda a reconhecer 6 sinais da doença que vão ajudar no diagnóstico mais rápido

A pancreatite em cachorro é uma doença que merece a atenção dos tutores. A patologia afeta o pâncreas, órgão essencial para a produç...

Adote um animal

Cachorro pequeno: essas são as 10 menores raças de cachorro do mundo todo

Ter um cachorro pequeno em casa é sinônimo de fofura e alegria. Como são menores, esses doguinhos se adaptam mais facilmente ao espa...

Comportamento

Gato miando: 8 segredos que não te contaram sobre a principal forma de comunicação dos felinos

Qualquer pai de pet está acostumado a ouvir o gato miando em casa pelos mais diversos motivos. Às vezes é fome, vontade de receber c...

Ver todas