Brinquedos

Brinquedos para cachorros: um guia completo com todas as opções para divertir o seu amigo

Os brinquedos para cachorro são uma alternativa incrível para entreter o animal em diversos momentos do dia.
Os brinquedos para cachorro são uma alternativa incrível para entreter o animal em diversos momentos do dia.

Os cachorros normalmente têm um espírito aventureiro e brincalhão bem típico deles: qualquer coisinha já vira motivo para festa e eles não precisam de muito para se divertir. Não é à toa que os bichinhos conseguem transformar um simples graveto - ou aquele chinelo velho largado pela casa - em um brinquedo super interessante. Porém, apesar da capacidade de tornar tudo em brincadeira, o tutor precisa levar em consideração que nem tudo que o cãozinho encontra pela frente é algo que ele pode mexer ou brincar. Já pensou se ele engole uma peça por acidente e se engasta? É por isso que existem certos brinquedos para cachorro, que são mais os indicados e seguros para divertir o seu amigo de quatro patas: bolinha, mordedor e até mesmo alguns brinquedos educativos e recicláveis podem entrar nessa lista. Veja as melhores opções para agradar o seu cãozinho!

Como escolher os melhores brinquedos para cachorro?

Antes de comprar um brinquedo para o seu amigão, você deve entender a personalidade dele. Ele é um animal mais tranquilo ou agitado? Gosta de destruir tudo que vê pela frente ou é mais cuidadoso? É mais velho, filhote ou adulto? Todas essas questões são importantes na hora de escolher os melhores brinquedos para cachorro. Para cãezinhos que ainda estão no estágio inicial da vida, por exemplo, mordedores são uma boa opção para ajudar a fortalecer o desenvolvimento dos dentes. Para saber qual é o brinquedo ideal para presentear o seu amigo, confira algumas alternativas!

1. Brinquedos educativos: uma opção divertida e com muito aprendizado

Hoje em dia existe uma série de brinquedos que ajudam a desenvolver a inteligência dos animais. Conhecidos pela sua interatividade, esses brinquedos estimulam a mente dos cães à medida que oferecem certas recompensas durante as brincadeiras - como é o caso da bolinha que libera ração. A ideia dos brinquedos educativos é justamente fazer com que o cachorro exercite a memória e desenvolva um raciocínio lógico para alcançar aquilo que deseja no momento - o que normalmente envolve alimentos como estímulo.

2. Bolinha (colorida ou não) para cachorro é o brinquedo dos sonhos

• Bolinha de tênis: Esse tipo de bolinha pode ser encontrado com bastante facilidade, já que é um dos brinquedos para cachorro mais clássicos. As bolas normalmente são vendidas separadamente ou em kits que contém 4. É um modelo resistente e que dura bastante tempo, dependendo do porte e da personalidade do cãozinho. Ou seja, é o brinquedo ideal para cães de todos os portes - mas com um cuidado especial com os cachorros grandes ou que são mais destrutivos.

• Bolinha de borracha: As bolas de borracha também são outro modelo que pode ser encontrado com facilidade no mercado pet e com um ponto muito positivo: elas estão disponíveis em vários tamanhos e cores para deixar o seu amigão bem feliz! As bolinhas coloridas sempre chamam a atenção dos cachorros e algumas  vêm com um apito interno para atraí-los mais ainda - é importante supervisionar a brincadeira para não correr o risco do animal engolir nada. Se o seu companheiro de quatro patas gosta de acabar com todos os brinquedos, talvez esse tipo de bolinha não dure muito.

• Bolinha de pelúcia: Esse é o tipo de bolinha ideal para cachorros mais tranquilos e caseiros. Por ser de pelúcia, é uma bola que tende a sujar com mais facilidade e o mais recomendado é que ela seja usada apenas em ambientes internos. Além do mais, cachorros mais agitados e que gostam de destruir não se dão bem com esse tipo de brinquedo porque ele pode ser danificado muito facilmente e não representam um “desafio” para o animal. Também é importante ter em mente que, ao destruí-los, eles correm o risco de engolir o material que fica dentro da bolinha, podendo trazer certos problemas para a saúde do seu amigo.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças muito independentes Golden Retriever e Yorkshire são cães que gostam de curtir a companhia dos humanos Border Collie e Jack Russell Terrier são cheios de energia e amam aventura
    Os cachorros adoram uma bolinha colorida para se divertir e existem várias opções para isso
    Os cachorros adoram uma bolinha colorida para se divertir e existem várias opções para isso
    A clássica bolinha de tênis para cachorros tem um material mais resistente
    A clássica bolinha de tênis para cachorros tem um material mais resistente
    Como os cachorros adoram morder as bolinhas, o ideal é procurar um material mais resistente
    Como os cachorros adoram morder as bolinhas, o ideal é procurar um material mais resistente
    Bolinha para cachorro: sempre supervisione a brincadeira para o animal não engolir pedaços
    Bolinha para cachorro: sempre supervisione a brincadeira para o animal não engolir pedaços
    Os cachorros adoram uma bolinha colorida para se divertir e existem várias opções para isso
    A clássica bolinha de tênis para cachorros tem um material mais resistente
    Como os cachorros adoram morder as bolinhas, o ideal é procurar um material mais resistente
    Bolinha para cachorro: sempre supervisione a brincadeira para o animal não engolir pedaços

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele
    Comportamento animal

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele

    Se você tem um felino em casa, com certeza já deve ter se questionado como saber se seu gato te ama. Pelo fato dos felinos serem muito reservados, e às vezes independentes, fica mais difícil decifrar o amor de gato - diferente dos cães, que expressam isso de um jeito eufórico e quase exagerado. Os bichanos demonstram afeto pelos humanos de um jeito delicado e único, com atitudes que podem até passar despercebidas.

    3. Lançador de bola para cães: veja como brincar com seu cachorro

    Se o seu cachorro é fissurado em pedir para você jogar a bolinha e correr para buscar, um lançador de bola para cães pode ser o brinquedo ideal para ele. A gente sabe como é cansativo ter que arremessar o objeto diversas vezes, e nem sempre o tutor está com tanta disposição para esse tipo de brincadeira. Por isso, o lançador pode ser uma ótima alternativa para que o seu cachorro se distraia e se divirta. 

    Mas é preciso ter cuidado na hora de apresentar o novo brinquedo para o seu amigo. Como ele não sabe como funciona, pode acabar se machucando com uma bolada sem querer. Além disso, esse tipo de aparelho é recomendado para ambientes externos, onde não corre o risco de a bolinha acertar um móvel ou utensílio. Ah, e nada de deixar que isso substitua a interação que você tem com o cãozinho, hein? Por mais que o cachorro se distraia com o novo brinquedo, é sempre bom tirar um tempinho do seu dia para se dedicar ao parceiro de quatro patas.

    4. Piscina de bolinha para cachorro: vale a pena investir?

    Se você tiver um espaço apropriado para isso, vale sim! Os cachorros já são naturalmente encantados por bolinhas, coloridas ou não, então uma piscina cheia delas é sinônimo de paraíso para eles. Com tantas bolinhas à disposição, não tem como o cãozinho não gostar de um presente desses. Mas vale lembrar que essas piscinas normalmente vêm com bolas de plástico que são mais frágeis que as demais, então o risco dessa brincadeira resultar em várias delas furadas é grande. O ideal é que, caso o tutor decida presentear o seu parceiro de quatro patas com uma piscina de bolinhas, todo o momento da diversão seja supervisionado.

    5. Mordedor para cachorro ajuda a aliviar o estresse

    Os mordedores para cachorro podem variar de forma, tamanho e material, mas sempre são uma ótima escolha para entreter o seu amigo de quatro patas. É um brinquedo que normalmente é introduzido quando o cachorro é filhote, já que serve como estímulo para fortalecer os dentes que estão nascendo e evita que ele use seus móveis para aliviar a coceira na gengiva. Os mordedores de plástico e de borracha tendem a ser destruídos mais facilmente por cães maiores e mais velhos, mas podem ser uma boa opção para os pequenos. Entretanto, é importante ter muito cuidado caso eles sejam danificados de alguma forma, já que o animal pode acabar engolindo uma parte do brinquedo ou até se machucando.

    No caso de filhotes, os mordedores para cachorro ajudam a aliviar o desconforto dos dentinhos nascendo
    No caso de filhotes, os mordedores para cachorro ajudam a aliviar o desconforto dos dentinhos nascendo
    A piscina de bolinha para cachorro é o sonho de todo pet (e de seus donos também)
    A piscina de bolinha para cachorro é o sonho de todo pet (e de seus donos também)
    Os brinquedos para cachorro de pelúcia são companhias inseparáveis dos cães que passam mais tempo sozinhos
    Os brinquedos para cachorro de pelúcia são companhias inseparáveis dos cães que passam mais tempo sozinhos
    Alguns brinquedos para cachorro estimulam habilidades cognitivas do animal
    Alguns brinquedos para cachorro estimulam habilidades cognitivas do animal
    No caso de filhotes, os mordedores para cachorro ajudam a aliviar o desconforto dos dentinhos nascendo
    A piscina de bolinha para cachorro é o sonho de todo pet (e de seus donos também)
    Os brinquedos para cachorro de pelúcia são companhias inseparáveis dos cães que passam mais tempo sozinhos
    Alguns brinquedos para cachorro estimulam habilidades cognitivas do animal

    6. Brinquedos recicláveis divertem o seu cachorro e ajudam o meio ambiente

    • Pneu mordedor: Sabe aquele pneu velho que você tem guardado e não tem muita utilidade? Ele pode se tornar um ótimo brinquedo para cachorro - principalmente para aqueles que adoram morder as coisas! Além de ser uma estratégia mais econômica na hora de presentear o seu parceiro, você ainda vai estar ajudando o meio ambiente. Você só vai precisar de um pneu, uma ferramenta para furar o pneu e uma corda para pendurá-lo em algum lugar depois de pronto. É um brinquedo simples, que não demanda muito tempo e que vai deixar o seu amigo muito feliz. É muito indicado para cachorros grandes e gigantes!

    • Corda: Com uma corda, você pode fazer uma série de brinquedos recicláveis diferentes para o seu cãozinho. O cabo de guerra, por exemplo, é uma opção de brincadeira bem legal para aqueles que gostam de “medir” a força. Além do mais, outras alternativas também são ensinar o seu amigo a pular corda ou transformá-la em uma corda trançada, sendo um brinquedo muito parecido com o que costumamos encontrar nos petshops.

    • Garrafa pet com ração: Esse é um outro brinquedo para cachorro que também é muito econômico e ainda ajuda o seu amigo de quatro patas a se alimentar de uma maneira divertida. Para isso, basta uma garrafa pet, algo para fazer furos nela e grãos de ração. O ideal é fazer poucos furos (dois ou três, no máximo), já que a ideia da brincadeira é fazer com que o animal brinque e se exercite com a garrafa ao mesmo tempo que recebe a comida como recompensa. É uma ótima maneira de estimular o cão a se divertir sozinho.

    7. Brinquedos de pelúcia para cachorro

    Para cachorros que precisam passar muito tempo sozinhos e são mais carentes, os brinquedos de pelúcia são uma boa companhia. Eles ajudam o cãozinho a se sentir mais acolhido e conseguem acalmá-lo quando não há ninguém por perto. Para animais mais agressivos talvez isso não funcione muito bem, já que eles podem acabar destruindo os brinquedos - o mesmo vale para cadelas não castradas, que podem ter gravidez psicológica e se apegarem ao bichinho de pelúcia como cria.

    Redação: Juliana Melo

    Descubra em infográfico como o rabo de cachorro funciona na linguagem corporal canina!

    Próxima matéria

    Descubra em infográfico como o rabo de cachorro funciona na linguagem corporal canina!

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão
    Adoção

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão

    Ter um cachorro em casa é uma experiência incrível para mães e pais de pet, mas os momentos de alegria vêm acompanhados de muitas responsabilidades… e gastos (muitos gastos). Ração, vacina, brinquedos, remédios e veterinário são os principais custos que você precisa ter frequentemente com o animal. É justamente por isso que, antes de comprar ou adotar um pet, é preciso pensar nos gastos que isso vai demandar - e que devem entrar no orçamento da família. Para te ajudar a bater o martelo e decidir se consegue ou não arcar com um amigo de quatro patas, montamos um guia completo com uma média dos gastos que você provavelmente terá. Chega mais!

    Brinquedos para gatos: um guia completo com todas as opções para divertir o seu amigo felino
    Brinquedos

    Brinquedos para gatos: um guia completo com todas as opções para divertir o seu amigo felino

    Os brinquedos para gatos são objetos muito importantes na vida do felino: ajudam a estimular seus instintos naturais, gastam energia, promovem bem-estar e ainda estreitam a relação com os donos. Não importa se a escolha será uma bolinha para gatos ou um arranhador de papelão, é importante não deixar esses acessórios fora da rotina do animal. Confira uma lista com todos os brinquedos de gato!

    Dente de cachorro: um guia completo sobre a anatomia, troca de dentes e cuidados	com a saúde bucal do pet
    Cuidados

    Dente de cachorro: um guia completo sobre a anatomia, troca de dentes e cuidados com a saúde bucal do pet

    Apesar de não serem muito lembrados no dia a dia, os dentes de cachorro exercem um papel super importante na vida do animal: alimentação, brincadeiras e comportamentos são influenciados por eles. Para começar, é com essa parte do corpo que os cães (principalmente os bebês) conhecem muitas coisas no mundo. Quando ainda são cachorros filhotes, aprendem sobre limites: se morder o irmãozinho e ele reclamar, é porque precisa diminuir a força e morder com carinho - ele vai lembrar disso por toda a vida. O processamento dos alimentos que o cachorro come fica por conta deles também.

    Como acabar com carrapato em cachorro: um guia completo para se livrar do problema
    Carrapato

    Como acabar com carrapato em cachorro: um guia completo para se livrar do problema

    Quem tem um cãozinho em casa sabe que o carrapato de cachorro é uma das principais ameaças ao bem estar do animal. Além de ser super incômodo para o seu amigo, ele ainda pode transmitir diferentes doenças que debilitam e podem até ser fatais. Por isso, é sempre bom saber a melhor forma de prevenir e como acabar com carrapatos em cachorros — assim, você já vai estar preparado se o parasita resolver fazer uma visita à sua casa. Dá uma olhada nos truques e dicas que nós separamos aqui embaixo!

    Ver Todas >

    Comportamento canino: como fazer um cachorro parar de comer a ração dos outros animais da casa?
    Comportamento animal

    Comportamento canino: como fazer um cachorro parar de comer a ração dos outros animais da casa?

    Quem tem mais de um pet provavelmente tem que lidar com o intrigante comportamento do cachorro de comer a ração dos outros animais da casa, seja com o cachorro comendo a ração do gato, ou o cachorro grande comendo a ração do filhote e vice-versa. Muitos tutores ficam sem saber o que fazer com esse comportamento de cachorro, que pode ser comum. Para saber como resolver essa situação e sanar todas as dúvidas sobre o assunto, o Patas da Casa conversou com a veterinária Renata Bloomfield. Vem dar uma olhada no que ela contou!

    Seu gato come barata e outros bichinhos? Veja quais os perigos desse hábito do bichano e como evitar
    Comportamento animal

    Seu gato come barata e outros bichinhos? Veja quais os perigos desse hábito do bichano e como evitar

    Todo tutor se preocupa com a saúde do gato. Não é à toa que muitos investem em uma alimentação de qualidade e sempre procuram a melhor ração para dar aos bichanos. No entanto, parece que às vezes mesmo com as melhores comidas à sua disposição, os gatos insistem em procurar outros bichinhos para se alimentar. Baratas, ratos e até mesmo passarinhos acabam sofrendo nas mãos de um gato caçador. Mas por que isso acontece? Esse comportamento pode trazer prejuízos para o organismo do felino? Como evitar gato comendo rato, barata e outros bichos? Para tirar as principais dúvidas sobre o assunto, preparamos uma matéria especial para você. Veja a seguir!

    Por que o cachorro
    Comportamento animal

    Por que o cachorro "cisca" depois de fazer as necessidades? Entenda esse comportamento canino!

    De todos os comportamentos do cachorro mais inusitados, um que chama bastante atenção é o ato de “ciscar” depois de fazer xixi e cocô, principalmente na rua. Alguns doguinhos nascem sabendo fazer isso, já outros cachorros filhotes podem adquirir esse comportamento observando cachorros adultos. Em todos os casos, é algo que desperta muita curiosidade nos tutores.

    Como recolher o cocô de cachorro sem agredir o meio ambiente? Veja opções sustentáveis!
    Comportamento animal

    Como recolher o cocô de cachorro sem agredir o meio ambiente? Veja opções sustentáveis!

    Passear com cachorro na rua é essencial para saúde e o bem-estar do doguinho. Mas o que fazer com o cocô de cachorro? Certamente deixar na rua não é a forma mais educada. Você deve estar se perguntando: existe algum problema com os saquinhos de plástico? A resposta é sim! Acontece que esses materiais demoram muito tempo para se decompor no meio ambiente. Por isso, uma possível solução é buscar opções mais sustentáveis na hora de descartar o cocô de cachorro. 

    Ver Todas >