Higiene

Banho seco para cachorro vale a pena? Saiba em que situações pode ser útil

Banho seco é a melhor opção de higienização do animal em dias mais frios!
Banho seco é a melhor opção de higienização do animal em dias mais frios!

Dar banhos regularmente no seu cachorro é algo necessário para a manutenção da higiene do animal. Não tem nada melhor do que dar um abraço no seu amigo e sentir aquele cheirinho bom, não é mesmo? O problema é que quando chegam os dias de temperaturas mais baixas manter essa frequência em dia acaba sendo difícil porque, assim como os humanos, o cachorro também pode sentir frio. Nesses e em outros casos, muita gente tem apostado no banho a seco para cachorro. Você conhece essa opção? Dá uma olhada aqui embaixo e descubra como pode ser útil no dia a dia! 

O que é o banho a seco para cachorro?

Como o próprio nome deixa claro, o banho a seco para cachorro é exatamente a limpeza da pele e dos pelos do animal com produtos que não precisam de enxágue, ou seja: você não precisa molhar o cãozinho em nenhum momento. Em pet shops e outras lojas especializadas você consegue encontrar produtos que servem para esse fim. Geralmente, eles são disponibilizados em spray, mas você também consegue encontrar versões em pó e outros formatos. Além de limparem bem, eles deixam o cachorro cheiroso, o que é um ótimo quebra-galho em situações específicas.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    O banho seco não pode substituir completamente o banho tradicional do cachorro
    O banho seco não pode substituir completamente o banho tradicional do cachorro

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    Como dar banho a seco em cachorro? 

    Depois de comprar o produto específico para o banho a seco que você achar mais adequado para o seu cachorro, o ideal é fazer um teste para saber se o animal não vai ter alergia ao produto. Aplique numa parte pequena do corpo do animal e espere 24 horas para checar se ele não teve nenhuma reação. Se tudo permanecer normal, você pode usar o produto tranquilamente com esse passo a passo: 

    Passo 1: escove o pelo do animal para desfazer qualquer nó — principalmente nos animais de pelagem longa;

    Passo 2: aplique o shampoo seco em todo o corpo do animal (menos na cabeça) e espere o tempo de ação. Nesse momento, alguns produtos pedem que você esfregue a pele do cachorro com as mãos ou uma toalha. Fique atento às instruções do fabricante do produto que você escolher;

    Passo 3: depois do tempo de ação, escove os pelos do animal novamente para retirar todos os resíduos de shampoo do corpo dele. Pronto: seu cachorro já vai estar cheiroso e limpinho!

    Quando o banho a seco em cachorro é uma boa opção?

    A principal utilidade do banho a seco em cachorro aparece no inverno. Animais maiores, que costumam ficar no quintal e não podem tomar banho com água quente no banheiro de casa costumam passar essa temporada sem serem limpos adequadamente. Nesse caso, o banho a seco acaba sendo uma ótima saída, já que você não corre o risco de expor o animal ainda molhado a temperaturas baixas — o que, além de incômodo, pode causar doenças como a gripe. 

    Além desse momento, cachorros que estão doentes, passando por um período pós operatório ou com machucados que estão sendo tratados podem se beneficiar do processo de banho a seco. Se o seu cãozinho não se encaixa em nenhuma dessas situações, mas não é o maior fã de água (ou seja: dar banho nele é sempre complicado), você pode apostar nos sprays de banho a seco como uma forma de manter ele limpo por mais tempo, intercalando com os banhos tradicionais. No fim das contas, o processo acaba sendo mais prático e pode ser repetido com mais frequência, já que não retira completamente a gordura da pele do animal — que também é importante para a proteção do cachorro. Ainda assim, o banho tradicional com água e shampoo não pode ser descartado, já que ele limpa o animal completamente. 

    Redação: Ariel Cristina Borges

    5 partes do corpo do gato que todo tutor precisa prestar atenção

    Próxima matéria

    5 partes do corpo do gato que todo tutor precisa prestar atenção

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena
    Pequenos

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena

    Para quem sempre sonhou em ter um cachorro de raça pequeno, o Boston Terrier é a companhia certa! Embora ele ainda seja muito confundido com o Bulldog Inglês, o cãozinho desta raça tem qualidades únicas e excepcionais. Amigáveis, brincalhões e com muita energia, os cachorros da raça Boston Terrier são muito fáceis de lidar no dia a dia e amam agradar seus tutores. Além disso, eles são super adaptáveis e conseguem conviver bem em praticamente qualquer lugar. 

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante
    Grandes

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante

    Uma das raças de cachorros gigantes mais famosas é a do Dogue (ou Dog) Alemão, que também é conhecida como cão Dinamarquês. O motivo para isso é simples: trata-se da mesma raça do famoso personagem de desenho animado Scooby Doo. Mas a verdade é que o cão Dogue Alemão vai muito além do seu tamanho e aparência robusta: ele é um amigo de quatro patas extremamente leal, dócil e carinhoso. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    Veja em infográfico 6 dicas para escovar os pelos do gato
    Cuidados dos animais

    Veja em infográfico 6 dicas para escovar os pelos do gato

    Manter a pelagem de gatos saudável requer uma série de cuidados. Um deles - e talvez o mais importante - é a escovação, que deve ser feita regularmente com uma escova específica para isso, principalmente nas épocas em que a queda de pelo em gatos fica mais intensa, como na primavera. O hábito ajuda a remover os pelos mortos e desembaraçar possíveis nós na pelagem. Mas você sabe como fazer isso da maneira certa? Vários fatores influenciam na hora de escovar o pelo de gato, desde a escolha do melhor acessório até o sentido certo da escovação.

    Cachorro comendo capim: esse comportamento é normal?
    Cuidados dos animais

    Cachorro comendo capim: esse comportamento é normal?

    Se o seu cachorro come capim, você provavelmente já parou para se perguntar o motivo desse comportamento, né? Muitos tutores se preocupam com esse hábito, mas a verdade é que na maioria das vezes isso não quer dizer nada demais. Muito pelo contrário, o cachorro comendo capim é algo totalmente natural e instintivo para os cães, então não costuma fazer mal - desde que seu consumo seja moderado. 

    Cachorro vira-lata filhote: quais os cuidados mais importantes durante essa fase?
    Cuidados dos animais

    Cachorro vira-lata filhote: quais os cuidados mais importantes durante essa fase?

    Quem não ama filhotes de cachorro? Quando é um filhote de vira-lata então, não tem quem resista! Esses cachorros, também conhecidos como cães sem raça definida (SRD), têm um espaço especial no coração dos brasileiros, considerado por muitos um patrimônio nacional. Felizmente, cada vez mais as pessoas têm vontade de adotar um cachorro vira-lata filhote. Porém, existem alguns cuidados importantes que devem ser tomados nessa fase. 

    Cocô de cachorro: qual a importância de sempre recolher as fezes durante o passeio?
    Cuidados dos animais

    Cocô de cachorro: qual a importância de sempre recolher as fezes durante o passeio?

    Recolher o cocô de cachorro durante o passeio é um ato de cidadania e a oportunidade de inserir os pets cada vez mais na sociedade. Passear com cachorro ao ar livre é sempre muito divertido e saudável para o pet, mas não recolher fezes do animal é, além de uma falta de respeito com os pedestres, um fonte de inúmeras doenças - para cães, outras espécies de animais e até para os humanos. 

    Ver Todas >