Raças

As raças de cachorro mais teimosas e difíceis de educar

Conheça algumas raças de cachorros difíceis de adestrar!
Conheça algumas raças de cachorros difíceis de adestrar!

Assim como a socialização, o adestramento é essencial para que o seu cachorro cresça educado e consiga conviver com outras pessoas e animais sem problemas. Com algumas raças, esse processo acontece com a maior facilidade do mundo, mas com outras a situação é diferente: quando a teimosia fala mais alto, responder aos comandos e obedecer ordens se tornam tarefas complicadas para o seu amigo. O adestramento se torna algo que pede paciência de tutor e algumas repetições de ordens. Para você saber o que te aguarda quando estiver prestes a adotar um cachorro, nós listamos algumas das raças mais teimosas. Dá uma olhada!

1) O Beagle é bem agitado e levado

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    O Beagle resiste ao treinamento por ser muito agitado
    O Beagle resiste ao treinamento por ser muito agitado

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    O Beagle é um sonho de cachorro: sociável, dócil, amoroso e brincalhão, vai ser uma ótima companhia em diferentes momentos, mas para equilibrar, ele é naturalmente bem levado. Mesmo que seja inteligente, a teimosia também se faz presente na personalidade e ele costuma resistir um pouco ao adestramento. Isso também acontece porque como o Beagle é muito agitado, manter o foco num lugar só acaba não sendo a coisa mais fácil do mundo para ele. 

    2) O Chow Chow é reservado e independente

    O Chow Chow pode não ter muita paciência para aprender comandos e truques
    O Chow Chow pode não ter muita paciência para aprender comandos e truques

    Mesmo que pareça um urso de pelúcia por fora, o Chow Chow é um pouco mais arisco e reservado por dentro. Por ser independente e teimoso, ele não está tão acostumado a fazer o que não quer — e os novos comandos e truques entram nessa lista. Ainda assim, o adestramento e a socialização são essenciais para que ele cresça tranquilo e não acabe ficando agressivo com o tempo. Utilize os estímulos positivos e tenha paciência com o Chow Chow!

    3) O Husky Siberiano ainda tem um pouco dos lobos dentro de si

    O Husky Siberiano gosta de fazer as coisas por si próprio
    O Husky Siberiano gosta de fazer as coisas por si próprio

    A independência é uma das principais características do Husky Siberiano e a dificuldade em educar os animais dessa raça começa aí. O treinamento deles deve ser iniciado enquanto ainda são filhotes, já que, quanto mais cedo, mais fácil vai ser de convencer o Husky a acatar ordens e comandos. Junte o treinamento a atividades físicas para estimular o interesse desse animal, que é super atlético.   

    4) O Dachshund só é frágil na aparência

    O Dachshund é agitado e tem a personalidade forte
    O Dachshund é agitado e tem a personalidade forte

    Mais conhecido como salsichinha, o Dachshund é, assim como os outros animais nessa lista, super independente. Fazer com que ele abaixe a cabeça para o adestramento é difícil. Ele também é agitado e tem a personalidade forte: o combo perfeito para dar trabalho no adestramento, mas nada que um pouco de persistência não resolva. 

    5) O Jack Russell Terrier é um furacão num corpinho pequeno

    O Jack Russell Terrier é daqueles cachorros que não param nunca
    O Jack Russell Terrier é daqueles cachorros que não param nunca

    Um dos animais mais agitados que você pode encontrar, o Jack Russell Terrier não para quieto. O principal problema na hora de adestrar esse cachorro é justamente esse: ele não consegue manter o foco em uma coisa só porque está constantemente agitado. Junto do adestramento para controlar a personalidade dominante, ele precisa de exercícios físicos constantes para gastar energia e, assim, conseguir responder ao treinamento. 

    6) O SharPei é desconfiado e reservado

    O SharPei não pode te enganar com a cara de fofinho: ele é super na dele e independente
    O SharPei não pode te enganar com a cara de fofinho: ele é super na dele e independente

    Uma coisa com o dono, outra coisa com estranhos: esse é o SharPei. Territorialista, ele não costuma receber tão bem estranhos e crianças — justamente por isso precisa ser adestrado e socializado desde cedo. O que complica esse processo é a independência e a teimosia do animal. Ainda assim, por ser apegado aos tutores, com um pouco de persistência e paciência esse desafio é vencido. 

    Redação: Ariel Cristina Borges

    5 dicas para educar um cachorro desobediente

    Próxima matéria

    5 dicas para educar um cachorro desobediente

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena
    Pequenos

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena

    Para quem sempre sonhou em ter um cachorro de raça pequeno, o Boston Terrier é a companhia certa! Embora ele ainda seja muito confundido com o Bulldog Inglês, o cãozinho desta raça tem qualidades únicas e excepcionais. Amigáveis, brincalhões e com muita energia, os cachorros da raça Boston Terrier são muito fáceis de lidar no dia a dia e amam agradar seus tutores. Além disso, eles são super adaptáveis e conseguem conviver bem em praticamente qualquer lugar. 

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante
    Grandes

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante

    Uma das raças de cachorros gigantes mais famosas é a do Dogue (ou Dog) Alemão, que também é conhecida como cão Dinamarquês. O motivo para isso é simples: trata-se da mesma raça do famoso personagem de desenho animado Scooby Doo. Mas a verdade é que o cão Dogue Alemão vai muito além do seu tamanho e aparência robusta: ele é um amigo de quatro patas extremamente leal, dócil e carinhoso. 

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande

    Um cachorro Dálmata é facilmente reconhecido graças a sua aparência particular e também ao filme “101 Dálmatas”, desenho que se tornou muito popular na década de 60 e que faz um grande sucesso até hoje. Mas o que esse cãozinho tem de tão especial, além das suas famosas manchas? Para quem sempre quis ter um Dálmata para chamar de seu, chegou o momento de desvendar tudo sobre essa raça de cachorro grande: características físicas, temperamento, personalidade, que cuidados são necessários, preço e como é a saúde desse animal. Vem que a gente te conta!

    Ver Todas >

    Quer ter um cachorro surfista? Saiba como iniciar, os cuidados que deve ter e acessórios indispensáveis
    Comportamento animal

    Quer ter um cachorro surfista? Saiba como iniciar, os cuidados que deve ter e acessórios indispensáveis

    Existem cachorros que amam nadar e brincar na água, então qualquer passeio em trilhas com cachoeiras, praias ou mesmo uma piscina vira uma grande festa. Mas você sabia que existe cachorro que surfa? Os esportes com cachorro são uma ótima forma de estreitar laços entre o tutor e o animal e o surf é uma modalidade que pode fazer muito bem ao animal. Sem falar que os cachorros surfistas chamam atenção pela fofura e habilidade na prancha.

    Por que os gatos
    Comportamento animal

    Por que os gatos "mamam" no cobertor? Descubra se o comportamento é prejudicial ou não

    Não é difícil encontrar um gato que tenha a mania de ficar mordendo o cobertor, como se estivesse se alimentando da mamãe gata (e os cães também podem apresentar o mesmo comportamento). Um gato mordendo cobertor pode ser considerado um momento muito fofo para alguns gateiros, mas outros tutores podem se perguntar se esse comportamento do felino é prejudicial ou revela alguma vulnerabilidade do bichano. 

    Como ganhar a confiança de um cachorro? Veja dicas para se aproximar de cães desconhecidos
    Comportamento animal

    Como ganhar a confiança de um cachorro? Veja dicas para se aproximar de cães desconhecidos

    Adotar um cachorro é sempre um desafio tanto para os humanos, que precisam adaptar a casa para receber o novo hóspede, quanto para o cãozinho, que ainda precisa de um tempo para se acostumar com o ambiente e com sua nova família. No caso de cães abandonados e que foram resgatados por ONGs ou outras instituições, ganhar a confiança do doguinho nem sempre é uma tarefa fácil - principalmente se tratando de um cachorro medroso ou traumatizado. 

    Cachorro castrado fica mais calmo? Veja as diferenças de comportamento antes e depois da cirurgia
    Comportamento animal

    Cachorro castrado fica mais calmo? Veja as diferenças de comportamento antes e depois da cirurgia

    A castração de cachorro é muito indicada pelos profissionais da medicina veterinária. Entretanto, muitos tutores ainda sentem muito receio de realizar a cirurgia pelas mudanças de comportamento do cachorro castrado. Não é mito que algumas mudanças comportamentais ocorrem após a castração, tanto para machos quanto para fêmeas. Mas afinal, o que muda no cachorro castrado?

    Ver Todas >