close
Saúde

Alergia em gato: quais os tipos e como evitar?

Atualizado · 24 de fevereiro de 2022 · 12h36

Publicado · 24/02/2022 · 12h36

A alergia em gato é uma condição extremamente desconfortável para o gato e pode ter diversas causas
A alergia em gato é uma condição extremamente desconfortável para o gato e pode ter diversas causas

A coceira em gatos muitas vezes está relacionada a quadros alérgicos. Um dos motivos que torna essa condição tão frequente é a variedade de tipos de alergia em gato. Em todos os casos, porém, os problemas de pele em gatos são bem incômodos e desconfortáveis para o pet. Quer saber quais são os sintomas que o gato com alergia apresenta? Conhecer seus tipos e como evitar cada um deles? Então confira a matéria que o Patas da Casa preparou a seguir para tirar todas as suas dúvidas sobre alergia em gatos! 

Tipos de alergia em gato: conheça as mais comuns 

A alergia em gatos é causada por uma reação do organismo a algum agente externo. Por isso, existem diferentes possíveis causas para uma alergia. Gatos com o sistema imunológico enfraquecido ficam ainda mais expostos e propensos a desenvolver o problema. Dentre os tipos de alergia em gatos mais comuns, podemos destacar: 

Alergia em gatos por alérgenos no ambiente: assim como acontece com os humanos, alguns alérgenos expostos no ambiente podem incomodar o bichano e causar alergia. Dentre os mais comuns que deixam o gato com alergia podemos citar poeira, ácaros, fungos e pólen (este último principalmente na primavera).

Alergia em gatos de origem alimentar: alguns alimentos têm substâncias que não são bem recebidas pelo organismo. Ao ingeri-las, o corpo apresenta uma reação como forma de combater esse componente que está fazendo mal. A alergia em gato de origem alimentar normalmente ocorre quando há a ingestão de proteínas que o corpo não consegue reconhecer. O organismo reage principalmente por meio de coceira e diarreia, além disso existem casos de gatos vomitando ração decorrente da alergia alimentar. Além das proteínas, conservantes ou qualquer outra substância também podem causar alergia em gatos. 

Alergia em gatos por pulgas: o gato com alergia a pulga é muito comum em regiões de muita mata ou com pouco saneamento. Porém, também acontece em regiões urbanas e requer atenção. O gato com alergia a pulga tem uma reação à saliva do parasita que entra em contato com seu corpo por meio da picada do inseto. Essa saliva causa a alergia em gatos, trazendo muita coceira e vermelhidão no local. Além do gato com alergia a pulga, também existe gato com alergia a carrapato ou outros insetos, sofrendo com as mesmas reações após a picada. 

O gato com alergia apresenta muita coceira e vermelhidão na pele

A alergia em gatos apresenta alguns sinais que podem variar de acordo com o tipo de alergia de gato. No geral, o gato com alergia na pele sente bastante coceira. A pele também sofre com descamações vermelhidão e queda de pelo. Além disso, é comum ocorrer perda de apetite e, consequentemente, perda de peso. Assim, o bichano entra em um ciclo: por conta da alergia, gato não come e, sem nutrientes, sua imunidade enfraquece fazendo a alergia piorar e causando ainda mais lesões na pele. No caso de uma alergia em gato de origem alimentar, o bichano também pode apresentar, além desses sintomas, diarreia e vômito. 

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    O gato com alergia na pele apresenta coceira, descamações, vermelhidão e queda de pelo
    O gato com alergia na pele apresenta coceira, descamações, vermelhidão e queda de pelo

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Alergia em gatos: como tratar cada tipo da doença?

    Ao identificar um quadro de alergia em gatos, como tratar? O primeiro passo é levar o animal ao veterinário para ser diagnosticado. O especialista vai avaliar o gato com alergia na pele e perguntar se há outros sintomas. Se for constatado um gato com alergia à pulga, por exemplo, o médico receitará remédio ou uma coleira antipulgas para acabar com a infestação do parasita. Nesse caso de alergia em gatos, como tratar requer também a eliminação total das pulgas do ambiente em que o pet vive.

    No caso de um componente alimentar ser a causa da alergia, o gato deverá passar por mudanças na dieta. É preciso identificar que substância está causando a reação no corpo e removê-la da alimentação. Além disso, podem ser receitados medicamentos para aliviar a coceira causada pela alergia. Gatos que sofrem com alérgenos presentes no ambiente também podem precisar de medicamentos e shampoos para gatos prescritos pelo médico.

    É possível evitar a alergia em gato com alguns cuidados na rotina

    Sem dúvidas, um gato com alergia é um problema desconfortável. Felizmente, é possível evitar que a alergia de gato se manifeste com alguns cuidados bem simples. O corpo do gato com alergia a pulga, por exemplo, só vai reagir se houver a presença do parasita no ambiente. Por isso, a melhor forma de evitar o problema é com medidas de prevenção contra pulgas, como o uso de coleira antipulgas e a limpeza frequente da casa. Um gato com alergia alimentar também não manifestará a doença se o componente causador da alergia não fizer parte da sua dieta. Já para evitar a alergia em gatos causada por alérgenos do ambiente, também é essencial manter a higiene da casa para evitar acúmulo de poeiras, fungos e ácaros. Por fim, seja qual for o tipo de alergia, o gato com imunidade baixa terá mais chances de desenvolver o problema. A alimentação do gato balanceada e as visitas frequentes ao veterinário são fundamentais para evitar que a alergia em gato se manifeste.

    Bônus: como saber se tenho alergia a gato?

    A alergia a gatos também é bastante comum. Nesse caso, o contato com felinos pode provocar uma reação no organismo dos humanos. Muitas pessoas são sensíveis ao contato frequente com os pelos do gato, principalmente por causa da saliva do felino presente na pelagem, já que os gatinhos têm costume de se lamber. Mas como saber se tenho alergia a gato? Fique atento aos sinais:

    • Coceira
    • Espirros
    • Lacrimação
    • Secreção nasal
    • Garganta seca

    Redação: Maria Luísa Pimenta

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Próxima matéria

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno
    Saúde

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno

    Há quem pense que todos os cães enfrentam o mesmo tipo de problemas ao longo da vida, mas não é bem assim. Algumas raças de cachorro têm detalhes muito característicos na anatomia que favorecem o desenvolvimento de condições específicas. Uma prova disso são os casos de alergias em Pugs: por causa das dobrinhas e rugas que têm pelo corpo, eles acabam tendo uma propensão maior a desenvolver diferentes tipos de dermatites alérgicas. Por isso, ao dar as boas-vindas a um Pug na sua casa, o ideal é que você saiba o que pode causar essas alergias e como reagir caso o seu animalzinho apareça com algo do tipo. Hoje, o Patas da Casa vai ao seu socorro: descubra, aqui embaixo, mais sobre esse problema!

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar
    Cuidados

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar

    Quem se pergunta como cuidar de um cachorro ou gato por estar dando as boas-vindas a um desses animais em casa em breve vai descobrir que a adaptação do ambiente é mais do que necessária. Buscando a segurança e o conforto do seu novo amigo, é normal instalar telas de proteção e liberar um cantinho para a cama e a ração dele, mas muita gente passa direto pelas plantas: algumas espécies bem comuns em jardins, quintais e vasinhos são tóxicas quando ingeridas e podem até ser fatais.

    Arranhador vertical ou horizontal: saiba quais os tipos e descubra o preferido do seu gato
    Brinquedos

    Arranhador vertical ou horizontal: saiba quais os tipos e descubra o preferido do seu gato

    Se você tem um gato de estimação sabe que é mais do que comum que eles arranhem móveis. Isso faz parte do seus instintos naturais, porque garante que eles alonguem os músculos e afiem suas garras. Mas a gente sabe que ninguém deseja que eles realizem essa ação na mobília, porque podem danificá-la. Por isso a melhor alternativa é oferecer para eles arranhadores de gatos. Existe uma grande variedade de formatos e tamanhos. Eles podem ser encontrados em qualquer pet shop. No entanto, é importante encontrar o modelo certo para facilitar a adaptação do seu filho de quatros patas. Se você está em dúvida em qual é o melhor arranhador para o seu felino, continue lendo que vamos explicar.

    Ração para gatos: quais os melhores tipos para filhotes, castrados, idosos ou com insuficiência renal
    Ração

    Ração para gatos: quais os melhores tipos para filhotes, castrados, idosos ou com insuficiência renal

    Alimentação é uma das principais preocupações dos donos de gatos. Não só pela quantidade, mas também qualidade. Assim como humanos, cada fase da vida do felino precisa de nutrientes que auxiliem no desenvolvimento do animal, no bem estar e na qualidade de vida. A proporção correta de vitaminas, sais minerais, proteínas e fibras são essenciais para a longevidade do seu gatinho. Para ajudar, vamos especificar os diferentes tipos de ração presentes nos pet shops, supermercados e lojas especializadas.

    Ver Todas >

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro
    Saúde animal

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro

    A doença do carrapato é uma das mais temidas pelos pais e mães de pets - e com razão. O contágio acontece quando um carrapato infectado com o parasita pica um cãozinho saudável. Pouco tempo depois, os sintomas da doença do carrapato já começam a aparecer. Um dos motivos do porque essa doença é tão perigosa é o fato de seus sintomas serem muito variados e se agravarem rapidamente. A doença do carrapato tem cura, mas quanto mais o tratamento demora a ter início, mais complicado fica. 

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele
    Saúde animal

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele

    A caspa em cachorro é uma das manifestações que acontece quando há alguma deficiência nutricional ou higienização inadequada do animal. Avistou algumas casquinhas brancas se soltando abaixo dos pelos do seu pet? Então continue lendo para saber tudo sobre cachorro com caspa e como livrar seu melhor amigo desse incômodo.

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?
    Saúde animal

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?

    A saliva do cachorro, assim como a nossa, tem diversas funções. Porém, quando há alterações na consistência e aparência da saliva, ou quando ela se torna muito abundante, é melhor ficar alerta: esse pode ser um sintoma de que algo não vai bem com a saúde do cachorro. Descubra agora como identificar a salivação anormal no seu melhor amigo.  

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Uma pergunta comum a todos os pais de pet que não gostam de ver o filho de quatro patas doente é como aumentar a imunidade do cachorro. Assim como acontece com os humanos, o sistema imunológico canino é como se fosse um mecanismo interno de defesa que ajuda a proteger os animais contra várias doenças. Isso quer dizer que qualquer alteração ou queda na imunidade deixa o organismo vulnerável, e pode afetar significativamente a saúde do cachorro.

    Ver Todas >