Petiscos

Receita de biscoito para cachorro: aprenda a fazer petiscos naturais para o seu amigo

 Biscoito para cachorro: é muito fácil preparar em casa. Veja algumas dicas!
Biscoito para cachorro: é muito fácil preparar em casa. Veja algumas dicas!

Não existem dúvidas de que uma das maiores paixões dos cães são os petiscos. Seja em formato de osso, palito ou bifinho, o alimento serve para agradar o seu amigo ou recompensar durante os treinos. Além dos petiscos prontos encontrados em pet shops, você também pode preparar essas delícias em casa (e eles vão adorar do mesmo jeito). Frutas e legumes podem incrementar as receitas, mas antes de preparar o biscoito natural para cachorro é importante selecionar os ingredientes permitidos para animais. Veja algumas dicas de como fazer biscoito para cachorro e deixe o seu cãozinho ainda mais feliz com esse mimo!

Biscoito natural para cachorro: quais ingredientes utilizar?

Muitos são os benefícios dos petiscos, mas é fundamental que você tome alguns cuidados na hora de escolher os ingredientes para a receita de biscoito para cachorro. O alimento natural do seu cãozinho deve conter elementos específicos que não comprometam a saúde do animal. Abacate, chocolate, macadâmia e uvas, por exemplo, são alguns dos itens proibidos para o seu melhor amigo. Para fazer o biscoito de cachorro, o ideal é investir em legumes e carboidratos, como cenoura, batata doce, banana, abóbora, espinafre, entre outros. Evite utilizar sal, açúcar, óleos e fermento nos preparos. Os biscoitos naturais para cachorro precisam ter uma textura que facilita a mastigação e ser muito saborosos. Desta forma, você economiza, seu cãozinho fica feliz e ainda terá um benefício para a saúde.

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
      Os cães amam petiscos, mas é importante ficar atento com a quantidade desse tipo de alimento
    Os cães amam petiscos, mas é importante ficar atento com a quantidade desse tipo de alimento

    Mais Lidas

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!
    Alimentação animal

    Cachorro pode comer banana? Descubra os benefícios da fruta e como inserir na alimentação do seu peludo!

    As frutas para cachorro são ótimas opções de petiscos para agradar o seu amigo de quatro patas. Os pets podem sim tirar proveito da ingestão de determinadas frutas que são liberadas e não fazem mal. Mas afinal, cachorro pode comer banana? Quais os benefícios dessa fruta para cachorros? Qual a quantidade correta? Posso fazer um petisco para cachorro com esses alimentos? Veja as respostas para todas essas dúvidas!

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos
    Alimentação animal

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos

    Mesmo que os gatinhos não tenham aquela gula característica dos cachorros, eles podem amar alguns alimentos. A dúvida, porém, sempre permanece nessa hora: além da ração, sachê e petiscos específicos, o que gato pode comer? A não ser que seu gatinho tenha um problema de saúde, você pode oferecer algumas frutas, legumes e proteínas de vez em quando. Mas atenção! Não são todos os alimentos que os gatos podem comer. O chocolate, por exemplo, está na lista dos itens proibidos pelo risco de intoxicar o seu pet.

    Como fazer biscoito para cachorro: confira 3 receitas deliciosas para colocar em prática

    Apesar de existirem diferentes opções de petiscos nos pet shops, fazer os snacks do seu cachorro em casa também é uma opção válida. Pensando nisso, separamos três receitas simples, práticas e deliciosas para deixar o seu cãozinho super feliz e agradecido pelos mimos. 

    1) Biscoito para cachorro de batata

    Para essa receita de biscoito de cachorro simples, você vai precisar de apenas dois ingredientes: 300g de farinha de trigo integral e 100g de purê de batata-doce. Comece misturando os dois ingredientes aos poucos. Se necessário, adicione um pouco de água para equilibrar a massa. Em seguida, abra a mistura e corte os biscoitos nos formatos que você preferir. Leve-o ao forno a 180ºC por 20 minutos e pronto!

    2) Biscoito para cachorro de cenoura

    Separe os seguintes ingredientes: 2 xícaras de farinha de aveia, 1 cenoura média cozida, 1 colher de chá de azeite oliva, 1 colher de sopa de manteiga sem sal e 1 ovo. Para começar, bata a cenoura no liquidificador com os outros ingredientes, exceto a farinha, até criar uma consistência de purê. Aos poucos, vá adicionando a farinha até conseguir uma massa homogênea. Abra a massa e corte os biscoitos. Por fim, coloque em uma assadeira e leve ao forno por 10 minutos. O seu cãozinho vai amar!

    3) Biscoito de beterraba

    Tenha em mãos os seguintes ingredientes: 2 beterrabas raladas, 1 xícara de água, 1 ovo, 3 xícaras de chá de farinha de aveia, 1 colher de chá de azeite de oliva e 1 colher de sopa de manteiga sem sal. Comece a receita batendo a beterraba ralada no liquidificador com todos os ingredientes, exceto a farinha. Em seguida, despeje em uma vasilha e vá juntando a farinha aos poucos até a massa desgrudar das mãos. Enfarinhe levemente a mesa e abra a massa com rolo. Para finalizar, corte os biscoitos e asse em forno baixo por 15 minutos ou até dourarem. 

    Redação: Úrsula Gomes

    Cachorro vegetariano? Descubra se cães podem ou não seguir uma dieta sem carnes

    Próxima matéria

    Cachorro vegetariano? Descubra se cães podem ou não seguir uma dieta sem carnes

    Aprenda em 8 passos como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo (infográfico)
    xixi

    Aprenda em 8 passos como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo (infográfico)

    Ter um cãozinho vai muito além dos momentos de diversão e fofura: é preciso também saber como ensinar cachorro a fazer as necessidades no lugar certo. Caso contrário, uma situação que pode se tornar muito comum (e desagradável) é encontrar xixi de cachorro pela casa toda. Felizmente, existem algumas técnicas que são bastante úteis na hora de ensinar o animal a fazer xixi e cocô no local adequado.

    Pata de cachorro: anatomia, cuidados e curiosidades... saiba tudo sobre essa parte do corpo do seu amigo
    Cuidados

    Pata de cachorro: anatomia, cuidados e curiosidades... saiba tudo sobre essa parte do corpo do seu amigo

    A saúde do cachorro depende de muitos cuidados com o corpo do animal - inclusive com as suas patinhas! São elas que dão todo o suporte necessário para que o cãozinho possa correr, brincar e pular, do jeitinho que eles gostam. Entretanto, muitos tutores não dão a devida atenção a pata de cachorro, e isso pode acabar desencadeando uma série de problemas na região, trazendo muito desconforto para o seu amigo de quatro patas. Pensando nisso, reunimos tudo que você precisa saber sobre essa parte do corpo dos cães: desde cuidados e doenças que podem atingir o local, até curiosidades e truques (como ensinar o cachorro a dar a pata, por exemplo). Confira!

    Sintomas da doença do carrapato: veja os mais comuns e aprenda a identificar se seu cachorro está doente!
    Carrapato

    Sintomas da doença do carrapato: veja os mais comuns e aprenda a identificar se seu cachorro está doente!

    O carrapato é um dos principais parasitas que ameaça o dia a dia e a saúde de cachorros criados em casa. Além da infestação ser incômoda para o animal, ele também pode transmitir a doença do carrapato — que, na verdade, pode se manifestar no corpo do animal de quatro formas diferentes. Os sintomas da doença do carrapato são a primeira forma de identificar o que está acontecendo com o seu cachorrinho. Para esclarecer todas as dúvidas sobre a doença do carrapato em cachorro, nós conversamos com a veterinária Renata Bloomfield, do Rio de Janeiro. Dá uma olhada no que ela explicou aqui embaixo!

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?
    Adoção

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?

    A chegada de um novo cachorro é motivo de muita alegria e, ao mesmo tempo, de observar o comportamento dos animais que já moram na casa. Adotar cachorro filhote é sempre uma experiência inusitada, pois os pequenos não têm vícios de comportamento e são quase uma “caixinha de surpresas”: nunca sabemos qual postura ele vai assumir conforme for crescendo. É comum, porém, que o recém-chegado comece a imitar o cão que já mora no local. Afinal, esse novo membro precisa entender que ali, naquela família, existem regras. O veterano da casa já sabe disso e pode auxiliar o novo filhote a se comportar do jeito que a família deseja.

    Ver Todas >

    Ração de gato: quantas vezes por dia você deve alimentar seu bichano?
    Alimentação animal

    Ração de gato: quantas vezes por dia você deve alimentar seu bichano?

    Cuidar da alimentação do gato é, certamente, uma das tarefas mais difíceis para os gateiros de plantão. Diferente dos cães, os felinos possuem um paladar extremamente criterioso e não costumam comer tudo o que veem pela frente. Justamente por isso, é importante ter em mente quantas vezes por dia o gato deve comer e, principalmente, qual a quantidade certa de ração e sachê para gatos que deve ser oferecida ao seu bichano. 

    Como escolher o melhor comedouro de cachorro a partir do comportamento dele?
    Alimentação animal

    Como escolher o melhor comedouro de cachorro a partir do comportamento dele?

    Cuidar da alimentação do cachorro não se trata apenas de escolher a melhor ração para o seu doguinho: é preciso pensar também no local em que você vai disponibilizar o alimento. O comedouro para cachorro é um acessório indispensável na rotina desses animais, e é possível encontrar diferentes modelos no mercado de pets. Tem os mais tradicionais, que são basicamente potes para preencher com a ração mesmo, e tem aqueles que são mais modernos, como o comedouro lento para cachorro. 

    Gato pode comer ovo? Descubra se o alimento é liberado ou não!
    Alimentação animal

    Gato pode comer ovo? Descubra se o alimento é liberado ou não!

    Quando o assunto é alimentação dos gatos, é comum que os tutores tenham dúvidas sobre o que pode ou não fazer parte da dieta do bichano. Afinal, ter em mente quais são os alimentos liberados para os felinos é fundamental antes de sair oferecendo qualquer tipo de comida ao seu pet, como o ovo. Assim como os cães, existem alguns felinos que são simplesmente apaixonados pelo alimento, enquanto outros não dão a mínima.

    Armazenar a ração de cachorro do jeito errado favorece a infestação de insetos?
    Alimentação animal

    Armazenar a ração de cachorro do jeito errado favorece a infestação de insetos?

    Cuidar da alimentação do cachorro vai muito além de escolher a melhor ração para o seu amigo de quatro patas, e inclui também saber guardar o alimento direitinho para evitar qualquer tipo de problema. O que poucas pessoas sabem - e percebem - é que a ração para cães favorece bastante a infestação de insetos e parasitas se for armazenada de forma incorreta. Outros fatores que influenciam nesse processo são a exposição do alimento ao sol e umidade. 

    Ver Todas >