Caixa de areia

Qual a melhor areia para gatos e como descobrir a preferência do seu bichano?

A areia de gato pode ser feita com diferentes materiais
A areia de gato pode ser feita com diferentes materiais

Todo mundo sabe que os gatos são animais extremamente higiênicos. Não à toa que eles têm até um cantinho específico para fazer suas necessidades: a caixa de areia para gatos. Se você ainda não tem experiência com os felinos, é importante saber que a escolha da areia de gato ideal também faz parte dos cuidados com o animal. Existem várias opções no mercado pet e nem sempre os felinos se adaptam a todos os tipos. Então, como decidir qual a melhor areia para gatos? Para te ajudar a desvendar essa questão, reunimos as principais informações sobre cada tipo de areia de gato - desde o granulado de madeira até a areia higiênica tradicional - e vamos te ajudar como descobrir a preferida do seu bichano. 

Caixa de areia: gato pode se adaptar melhor a um tipo de areia higiênica específico

Escolher a melhor areia para gatos vai depender também da preferência do felino. Às vezes o que nós consideramos “melhor” não é o que eles acham. Por isso, se você optou por um tipo de areia higiênica para gatos e viu que o seu bichano insiste em continuar fazendo suas necessidades fora da caixinha, talvez seja a hora de tentar substituir por outro material. Uma dica no início é colocar duas caixas de areia com preenchimentos diferentes para ver se o felino escolhe aquela que é melhor para ele. Já se o problema continuar persistindo, é importante buscar entender o motivo para o gato fazendo xixi e cocô no lugar errado. Às vezes é uma questão da caixinha estar mal localizada, mas em alguns casos isso também pode indicar algum problema de saúde, como doenças urinárias.

Areia higiênica com granulado de argila ou areia: os modelos mais tradicionais

Os materiais mais comuns de serem encontrados nos pet shops são as areias higiênicas feitas com granulado de argila ou da própria areia mesmo, mas também podem ser encontradas com outros ingredientes. Esses tipos de areia de gato costumam ser mais baratos. A desvantagem é que essas areias não são biodegradáveis e, por isso, não devem ser descartados de qualquer maneira. A areia higiênica para gatos com base de argila costuma formar torrões quando entra em contato com a urina do animal, o que facilita bastante a limpeza da caixinha. Já a com base de areia forma uma espécie de lama depois que o gato faz xixi e pode trazer alguns contratempos, já que tende a sujar a pata dos bichanos e ele pode levar a sujeira para dentro de casa.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    Granulado de madeira, argila ou areia para gato silíca: qual é o tipo mais adequado para seu bichano?
    Granulado de madeira, argila ou areia para gato silíca: qual é o tipo mais adequado para seu bichano?

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    Granulado de madeira para gatos: saiba as vantagens desse material

    O granulado de madeira para gatos é outra opção acessível que pode ser utilizada na caixa de areia. O principal benefício desse material é que ele é biodegradável e, portanto, é uma ótima escolha para quem busca opções sustentáveis. Então, depois de usado, ele pode ser facilmente descartado sem causar qualquer impacto ao meio ambiente. O granulado de madeira para gatos é feito com grãos de pinus. Esse tipo de areia de gato não oferece qualquer risco à saúde do seu amigo de quatro patas. Além disso, outra grande vantagem do granulado de madeira é que ele também funciona como um inibidor de odores no ambiente onde a caixa de areia está posicionada. E não para por aí: essa é uma opção relativamente barata e que tem uma durabilidade muito boa, já que um pacote de 2kg pode render o mesmo que um pacote de 15kg de areia comum. 

    Areia para gato sílica é um pouco mais cara que as outras opções

    Esse tipo de areia higiênica para gatos é um dos mais recomendados por causa da sua praticidade. O modelo é um pouco mais caro do que os demais, mas compensa pelo fato de que a areia para gato sílica possui maior poder absorção e tem propriedades que neutralizam os odores das fezes e urina do gato. Inclusive, por se tratar de um material absorvente, é uma areia que pode ser utilizada por até duas semanas sem ser necessária qualquer substituição, diferente das demais. Como essa areia higiênica tem maior duração e não precisa ser trocada o tempo todo, o investimento pode compensar. Mas atenção: cuidado para seu gatinho (ou até mesmo um cachorro que gosta de mexer na caixa de areia) não ingerir o material, pois os componentes da sílica podem causar uma intoxicação.

    Areia higiênica para gatos: quais evitar?

    Ao entrar em um pet shop e se deparar com a areia higiênica, muita gente pode acabar pensando que, devido a sua aparência, ela poderia ser facilmente substituída pelas areias que são utilizadas em obras. Cuidado! Em hipótese alguma pense fazer essa substituição, pois as areias higiênicas são formuladas especificamente para garantir que o seu gatinho não vai sofrer nenhum tipo de contaminação. Além do mais, um outro modelo que também deve ser evitado é a areia perfumada, que pode acabar desagradando o seu amigo de quatro patas e fazer com que ele não use a caixinha.

    Redação: Juliana Melo

    Vantagens e desvantagens do jornal para cachorro

    Próxima matéria

    Vantagens e desvantagens do jornal para cachorro

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!
    Adestramento

    Cachorro e gato juntos: 8 truques para melhorar a convivência e 30 fotos para você se apaixonar!

    Durante muito tempo, cachorro e gato foram declarados inimigos. Algumas pessoas acreditavam que onde havia um cão não poderia ter um gato e vice-versa. Se antes eles não tinham o hábito de conviver, hoje moram juntos e alguns até são inseparáveis. Mas atenção! Nem sempre os animais se entendem de primeira e o processo de adaptação requer tempo e paciência do tutor para que aprendam a respeitar a presença um do outro. Para você que tem um cãozinho e um gatinho e precisa de ajuda para adaptá-los, separamos oito truques para melhorar a convivência. O adestrador Max Pablo, do Rio de Janeiro, deu algumas dicas e também conversamos com a cat-sitter Nathane Ribeiro, que tem três gatos e já precisou adaptá-los com um cão. Veja o que eles disseram!

    Meu gato deita na caixa de areia: saiba como descobrir o motivo e o que fazer para evitar
    Caixa de areia

    Meu gato deita na caixa de areia: saiba como descobrir o motivo e o que fazer para evitar

    A caixa de areia é um dos principais utensílios que você precisa ter assim que recebe um gatinho em casa. Além de ser o único lugar onde o felino faz xixi e cocô, o acessório também é um sinal da personalidade organizada e higiênica que é comum nesses animais. Justamente por isso, quando seu gato começa a passar mais tempo do que o necessário na caixa de areia, deitando no recipiente e, às vezes, até dormindo por ali, você pode ter certeza que alguma coisa está errada! Descubra, aqui embaixo, o que pode estar causando esse comportamento e como você pode ajudar seu gato a parar de deitar na caixa de areia!

    Caixa de areia de gato em apartamento: saiba qual o melhor lugar para colocar o sanitário felino
    Caixa de areia

    Caixa de areia de gato em apartamento: saiba qual o melhor lugar para colocar o sanitário felino

    A caixa de areia é só um objeto, mas para novos donos de gatos ela pode envolver uma série de dúvidas que ninguém sonhou em ter antes de ter um felino. Desde qual tipo de areia escolher até o tamanho e o formato do objeto, tudo isso influencia na forma como o gato vai usar a caixa. Como não poderia ser diferente, o lugar onde você coloca o sanitário do seu gatinho é primordial para que ele faça o xixi e cocô no lugar certo — principalmente se você mora em apartamentos e tem um espaço limitado. Hoje, o Patas da Casa vai te ajudar a resolver essa questão: dá uma olhada aqui embaixo!

    Caixa de areia: sílica, madeira ou granulado, qual o melhor tipo para meu gato?
    Caixa de areia

    Caixa de areia: sílica, madeira ou granulado, qual o melhor tipo para meu gato?

    A caixa de areia é um dos primeiros acessórios que você precisa comprar quando um gato se torna o novo integrante da família. Super higiênicos e inteligentes, os felinos precisam de um local específico para as necessidades por instinto: se vivessem na natureza, eles esconderiam seus dejetos para se proteger de predadores e não espantar as presas. No dia a dia do gatinho que vive na casa ou apartamento, isso acontece com a areia e, justamente por ser algo tão importante para ele, é comum ter dúvidas sobre qual é a melhor opção disponível no mercado. Aqui embaixo, nós vamos te ajudar escolher entre sílica, madeira ou granulado para a caixa de areia: dá uma olhada!

    Ver Todas >

    Como viajar com cachorro de ônibus? Veja as regras e cuidados importantes!
    Cuidados dos animais

    Como viajar com cachorro de ônibus? Veja as regras e cuidados importantes!

    Nada parte mais o coração de um tutor do que ter que viajar e não poder levar o seu filho de quatro patas junto. Afinal, os cães fazem parte da nossa família e uma das melhores coisas é poder compartilhar esses momentos com eles. Mas sabia que com o planejamento certo é super possível viajar com cachorro? Existem várias opções viáveis e uma delas é a viagem de ônibus. 

    Cachorro com medo de trovão: veja algumas dicas para acalmar o pet
    Cuidados dos animais

    Cachorro com medo de trovão: veja algumas dicas para acalmar o pet

    Não é incomum encontrar um cachorro com medo de chuva e de trovão. O barulho da tempestade gera em alguns cães um sentimento tão grande de insegurança que eles perdem o controle de suas próprias emoções. Toda aflição provocada pelo perigo que o som da chuva e trovão representa pode influenciar no comportamento do cãozinho, como tentativa de fuga, destruição e até agressividade. É importante observar como o cãozinho reage nessas situações e buscar formas de reverter o medo que ele sente. 

    Lhasa Apso tosado: veja os cortes mais indicados para a raça de cachorro
    Cuidados dos animais

    Lhasa Apso tosado: veja os cortes mais indicados para a raça de cachorro

    Manter os pelos do cachorro bonitos e saudáveis é dever de todo tutor, principalmente para quem é dono de raças mais peludinhas, como o Lhasa Apso. Por isso, alguns cuidados básicos do dia a dia - como a escovação, banho e tosa - são indispensáveis, tanto por uma questão de higiene, como também para deixar o cãozinho com uma boa aparência. No caso do Lhasa Apso, a tosa pode sofrer diferentes modificações e o cachorro pode usufruir de tipos de cortes e penteados para todos os gostos. Quer conhecer um pouco mais sobre os tipos de tosa para Lhasa Apso? É só dar uma olhada na matéria que preparamos a seguir!

    Banho em gato: entenda de uma vez por todas porque não é recomendado
    Cuidados dos animais

    Banho em gato: entenda de uma vez por todas porque não é recomendado

    Já parou para se perguntar se pode dar banho em gato? Esse é um assunto bastante polêmico e que desperta muita dúvida na maioria dos tutores (principalmente nos pais de primeira viagem). Como muitos sabem, os felinos são animais que cuidam da sua própria higiene e fazem a autolimpeza diariamente com a própria língua, então em muitos casos os médicos veterinários não indicam o banho em gato.

    Ver Todas >