Saúde

Qual a explicação para as "sardas" nos gatos laranjas? Em quais casos oferecem perigo à saúde?

Já reparou que o gato laranja costuma ter pontinhos pretos no nariz e boca? Entenda o que as manchinhas significam!
Já reparou que o gato laranja costuma ter pontinhos pretos no nariz e boca? Entenda o que as manchinhas significam!

Já reparou que alguns felinos podem apresentar pintinhas pretas perto do nariz, parecidas com sardas, e também na boca? Essa é uma situação mais comum do que se pensa, principalmente quando se trata de um gato amarelo. No entanto, a maioria dos tutores costuma estranhar a presença dessas pintas e passa a se questionar se isso poderia ser um problema de saúde, como algum tipo de câncer de pele. Então, como é possível diferenciar uma situação “normal” de um quadro mais preocupante? Veja só o que nós descobrimos a respeito do assunto a seguir!

Gato amarelo com pintinhas pretas: saiba mais sobre esta condição

É claro que todo tutor sempre quer ver seu bichano bem e saudável, então qualquer alteração no corpo de um gato laranja filhote, adulto ou idoso acaba se tornando motivo para preocupação. No entanto, quando se trata das famosas “sardas” pretas - que não são sardas, inclusive, pois elas não ficam mais intensas na presença do sol -, muitas dúvidas podem surgir. Será que é câncer ou alguma grave doença?

Bom, segundo a veterinária dermatologista Priscila Alves, nem sempre esses pontinhos pretos oferecem riscos à saúde do animal. “As sardas são comumente vistas nos lábios e focinho de gato amarelo e são chamadas de lentigo, e são absolutamente benignas. Mas caso seja identificada alguma forma de pigmentação elevada (se passar o dedo e sentir a mancha), com crescimento acelerado, com algum tipo de secreção ou sangue ou que esteja incomodando ou doendo, o animal deve ser levado ao veterinário para avaliação”, orienta.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Gato ruivo está mais propenso para desenvolver lentigo, as famosas "sardinhas"
    Gato ruivo está mais propenso para desenvolver lentigo, as famosas "sardinhas"

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Gato laranja: raça do animal pode influenciar no surgimento do lentigo? 

    Não existe nenhuma comprovação científica de que a raça do gato influencia no aparecimento das manchas. O que se sabe é que um gato ruivo tem maior predisposição para desenvolver essas pintas, mas isso não necessariamente está associado a raças específicas, e sim com a cor dos pelos do bichano. De qualquer forma, é importante ficar atento a essas anomalias, pois gatos que ficam muito tempo expostos ao sol também podem acabar sofrendo com manchas e queimaduras que muitas vezes são confundidas com o lentigo, mas que na prática são situações bem diferentes e que precisam de maior atenção. Se houver qualquer dúvida em relação a isso, é sempre bom consultar um médico veterinário para maiores esclarecimentos e para verificar como anda a saúde do gato.

    Não é só o gato laranja que pode ter pintinhas pretas pelo corpo

    Embora seja mais comum de encontrar um gato ruivo com essas “sardinhas”, isso não é uma exclusividade destes felinos. Gatos com outros padrões de cores - como os tricolores e gatos brancos - também podem apresentar as mesmas pintas em volta do nariz. Então, não se preocupe se esse for o caso do seu bichano, porque assim como acontece com o gato laranja, esses pequenos pontinhos geralmente são benignos e não representam ameaças à saúde. Mas, claro, caso haja qualquer alteração mais preocupante - como relevo, por exemplo -, o tutor deve procurar o auxílio de um médico veterinário (de preferência especializado em dermatologia) para saber se existe algum risco.

    Redação: Juliana Melo

    Quais as características da panleucopenia felina que merecem atenção?

    Próxima matéria

    Quais as características da panleucopenia felina que merecem atenção?

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!
    Saúde

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!

    O plano de saúde para gatos pode ser uma ótima alternativa para quem tem um felino em casa! Os pets fazem parte da família e, como qualquer ente querido, demandam atenção e cuidados especiais. No caso dos gatinhos, essa série de precauções inclui check-ups anuais, vacinas e visitas frequentes ao consultório veterinário. Manter essa rotina saudável não precisa, necessariamente, ser um peso no orçamento.

    Como apresentar um novo filhotinho a um gato adulto que já mora na casa? Veja as dicas de alguns tutores
    Histórias reais

    Como apresentar um novo filhotinho a um gato adulto que já mora na casa? Veja as dicas de alguns tutores

    Resolver adotar um gato filhote é sempre uma grande aventura. Os filhotes preenchem qualquer ambiente com muita alegria e amor. Mas, além de aprender como cuidar de gatos filhotes, quem já tem um gato adulto ou idoso em casa precisa pensar muito bem em como introduzir o novo membro na família. O processo de adaptação nem sempre é fácil, e é fundamental saber como conduzir essa apresentação da melhor forma possível, respeitando o espaço de cada um e torcendo para que eles se deem bem. 

    Gato cego: 7 cuidados essenciais para garantir a segurança e bem-estar do bichano em casa
    Cuidados

    Gato cego: 7 cuidados essenciais para garantir a segurança e bem-estar do bichano em casa

    Adotar um gatinho requer algumas adaptações em casa para criar um ambiente seguro e confortável para o animal, onde ele possa expressar seus comportamentos naturais e descansar sempre que quiser. Agora quando o bichano precisa de cuidados especiais, como é o caso do gato cego, a situação se torna mais delicada ainda. Será que é preciso tomar precauções extras para mantê-lo em segurança? Como ajudar o gatinho a viver melhor? Como proporcionar a ele um ambiente mais adaptado? Para te ajudar a deixar sua casa pronta para receber o seu novo amigo da melhor forma e em um ambiente seguro, confira 7 dicas e cuidados indispensáveis para lidar com um gato cego.

    Balinês: características, personalidade, saúde e curiosidades... conheça mais sobre essa raça de gato
    Raças

    Balinês: características, personalidade, saúde e curiosidades... conheça mais sobre essa raça de gato

    Pelos longos, finos e lisos: essas são as características mais comuns do gato Balinês. Facilmente confundido com o gato Siamês, o bichano desta raça também possui cores claras e manchas em determinados pontos do corpo e os famosos olhos azuis. O companheirismo tem tudo a ver com a sua personalidade: bastante adaptável, o gato Balinês é perfeito para quem busca um gatinho alegre e brincalhão. Para saber mais sobre essa raça, preparamos um guia com as principais informações. Dá uma conferida!

    Ver Todas >

    Alopécia canina: saiba mais sobre a queda de pelos em Dachshunds
    Saúde animal

    Alopécia canina: saiba mais sobre a queda de pelos em Dachshunds

    O Dachshund, popularmente conhecido como o cachorro salsicha, é uma raça que está presente em vários lares brasileiros e ao redor do mundo. São cães alegres, divertidos e que melhoram a energia de qualquer lugar. No entanto, quem tem um cachorro dessa raça deve ficar atento a alguns problemas de saúde que são bastante comuns, como a alopecia canina. 

    O que é a paralisia súbita da extremidade traseira em gatos? Veterinária explica tudo!
    Saúde animal

    O que é a paralisia súbita da extremidade traseira em gatos? Veterinária explica tudo!

    Se você observou seu gato com dificuldade de andar com as patas traseiras, é importante ficar atento. Quando o gato arrasta patas traseiras pode parecer uma situação corriqueira e que não traz nenhum risco para a saúde do felino, mas a verdade é que esse é um tipo de paralisia em gatos que pode, sim, ser bastante prejudicial para o seu bichano. 

    Trombose em cachorro: o que é, quais as causas e como prevenir o problema?
    Saúde animal

    Trombose em cachorro: o que é, quais as causas e como prevenir o problema?

    A maioria dos cães geralmente tem uma boa saúde ao longo de sua vida, principalmente se eles forem bem cuidados. No entanto, ainda assim alguns problemas podem surgir quando menos se espera, como é o caso da trombose em animais. Embora não seja um quadro tão comum, é importante saber tudo sobre a doença, pois dependendo da região que foi atingida, o cachorro pode ter sua qualidade de vida bastante afetada. 

    Homeopatia para gatos renais: tratamento traz mais qualidade de vida para felinos com insuficiência renal
    Saúde animal

    Homeopatia para gatos renais: tratamento traz mais qualidade de vida para felinos com insuficiência renal

    A insuficiência renal em gatos é uma doença considerada comum quando falamos dos felinos. Por não ter cura, alguns cuidados especiais e acompanhamento constante durante toda a vida do animal são muito importantes para evitar a evolução do quadro. A homeopatia animal é um dos tratamentos que podem trazer mais qualidade de vida para os gatinhos diagnosticados com a doença. 

    Ver Todas >