Cachorro

Quais as fases do cio de uma cadela e os cuidados necessários em cada uma?

Publicado - 10 Julho 2020 - 17h26

Atualizado - 29 Abril 2024 - 12h36

Que a cadela no cio requer alguns cuidados especiais não é novidade para ninguém! Além de trazer mudanças físicas, como o sangramento, o período pode influenciar no comportamento da sua cachorrinha e fazer com que ela fique um pouco mais arisca e agressiva devido aos hormônios. Mas você sabe como ocorre esse processo? Quantas fases ele pode ter? Ou como identificar quando a cachorra está no cio? Para esclarecer de uma vez por todas essas e outras dúvidas, o Patas da Casa montou um guia completo para você entender tudo sobre o assunto. Veja só!

“Minha cadela está no cio?” Veja os principais sintomas do período

As fases do cio na cadela são completamente diferentes do período fértil de uma mulher, por exemplo. Por isso, é muito comum que existam dúvidas sobre quanto tempo dura o cio de uma cadela, de quanto em quanto tempo a cadela entra no cio e, principalmente, sobre o que acontece no corpo dela nessa fase. O primeiro cio costuma ocorrer entre os primeiros seis meses e um ano de vida da cachorra, mas pode variar de acordo com a raça do animal. Cadelas de porte grande, por exemplo, podem levar até dois anos para passar pelo processo pela primeira vez. Quanto aos sintomas, os principais são aumento de volume da vulva, vermelhidão e sangramento na região e lambedura genital. A atração excessiva por cães machos também pode indicar que a sua pet está no cio.

Fases do cio: saiba como identificar cada um delas

De maneira geral, o cio da cadela é composto por quatro fases e dura cerca de três semanas, com algumas variações para menos ou mais tempo. Para entender melhor sobre o assunto, nós reunimos as principais características de cada uma dessas fases e quanto tempo dura o cio de acordo com cada etapa: 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

1) Proestro: esta é denominada a fase inicial da estimulação hormonal do ciclo estral. Nela, ocorre a liberação dos feromônios e, por isso, os machos já são atraídos pelo cheiro da cadela, mas ela ainda não os aceita. Durante o período, é possível identificar algumas mudanças físicas, como aumento da vulva e secreção levemente avermelhada. A duração costuma ser de 5 a 10 dias;

2) Estro: a segunda fase, também conhecida como estro, é responsável pela ovulação. Por isso, se você se pergunta em que fase do cio a cadela engravida, saiba que é este o momento de tomar os devidos cuidados para prevenir uma gravidez indesejada. Neste momento do ciclo, é comum que o comportamento animal mude consideravelmente. A cadela pode se mostrar especialmente carinhosa, inquieta e com muita vontade de sair por aí. O estro costuma durar entre 3 e 10 dias; 

3) Diestro: esta fase é responsável por garantir a manutenção da gestação. Por isso, a sua duração pode variar entre 56 e 90 dias, variando de acordo com a fecundação ou não. Vale lembrar que essa fase ocorre mesmo nas cadelas que não cruzaram ou não tiveram fecundação. Justamente por isso, é comum que muitas cachorras desenvolvam a gravidez psicológica durante essa etapa. Quanto aos sinais, a sua cachorrinha pode  recusar relações sexuais e comer de maneira excessiva. 

4) Anestro: é caracterizado como o intervalo entre as fases principais do ciclo estral. Para as cadelas que ficaram grávidas, a etapa termina com o parto, dando início ao anestro. Já para as cadelas que não tiveram fecundação, o anestro não costuma demonstrar nenhum sinal evidente na troca da fase anterior. A duração média dessa etapa costuma ser de 3 a 10 meses.

 

Cachorro pequeno amarelo latindo com semblante irritado
Durante as fases do cio, é possí­vel que a cadela apresente um comportamento mais agressivo.

 

Os cuidados que você deve ter durante as fases do cio da cadela

Depois de identificar uma cadela no cio, é fundamental que o tutor entenda que o período virá acompanhado de mudanças físicas, hormonais e, principalmente, comportamentais. Por esse motivo, alguns cuidados podem e devem ser tomados para garantir o bem-estar do animal. É bem provável que, devido ao sangramento na vulva, a cadela precise fraldas ou calcinhas que atuam como um absorvente. Para Giulia, tutora da Luna e da Lola, esses acessórios foram a melhor opção para controlar as gotinhas de sangue espalhadas pela casa. “Quando preciso sair e não posso monitorá-las, costumo usar a calcinha específica para cio. Mas evito utilizá-la por um longo período para que elas possam fazer suas necessidades livremente”, explica. 

Não é raro que algumas cadelas apresentem uma postura mais agressiva e irritadiça durante o cio, como é o caso de Luna e Lola. “A Luna fica bastante agressiva e, por isso, sempre mantenho elas separadas durante esse período para evitar possíveis brigas”, conta. Nesse caso, é importante que o tutor não brigue com o animal. Além disso, é necessário ficar atento à região da vulva da cadela. Isso porque o inchaço combinado ao excesso de lambeduras pode causar inflamações e comprometer a saúde do animal. Em caso de dúvidas, é importante consultar um médico veterinário o quanto antes. Por fim, lembre-se: se você não quer que a sua cadela engravide, a melhor opção é castrá-la no primeiro ano de vida. A esterilização evita os transtornos causados pelo cio e previne doenças graves, como a piometra canina e o câncer nas mamas. 

Redação: Úrsula Gomes

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Cachorro

Samoieda: saiba como ter um cachorro da raça russa e outras curiosidades sobre a convivência com esse pet

O Samoieda é um dos cachorros mais bonitos que existem! Com uma pelagem branquinha e uma fisionomia que lembra bastante um lobo, a r...

Cachorro

Dogo Argentino: 10 curiosidades para conhecer o cachorro parecido com Pitbull

O Dogo Argentino é um cachorro grande e imponente. Em um primeiro momento, ele pode até assustar quem não conhece, principalmente po...

Cachorro

Pancreatite em cachorro: aprenda a reconhecer 6 sinais da doença que vão ajudar no diagnóstico mais rápido

A pancreatite em cachorro é uma doença que merece a atenção dos tutores. A patologia afeta o pâncreas, órgão essencial para a produç...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Adote um animal

Os nomes para gatos fêmeas mais famosos do momento: 100 dicas para escolher como chamar seu novo pet em 2024

Existem muitas opções de nomes para gatos fêmeas para escolher depois da adoção.  A inspiração para nomes de gatos pode vir de ...

Ver todas