Brinquedos

Quais as vantagens do mordedor para cachorro filhote?

Mordedor para cachorro filhote ajuda no desenvolvimento do animal. Entenda mais!
Mordedor para cachorro filhote ajuda no desenvolvimento do animal. Entenda mais!

Quem tem filhotes de cachorro em casa precisa pensar em tudo que é importante para acomodar o novo companheiro de quatro patas. O cãozinho precisa de uma cama bem aconchegante para descansar, uma ração específica para filhote, bebedouro para ficar sempre hidratado, roupinhas para se aquecer e… brinquedos, claro! O mordedor para cachorro, inclusive, é um dos acessórios mais requisitados e populares entre os filhotinhos. Mas afinal, quais são as vantagens que esse brinquedinho oferece? Vem que a gente conta tudo que você precisa saber sobre o brinquedo!

Mordedor para cachorro: por que investir no brinquedo?

Quer mimar o seu doguinho com um baita presente? É só dar um mordedor! Cachorro adora esse tipo de brinquedo, principalmente os filhotinhos. Mas por que será que eles são tão apegados a isso? A resposta é muito simples: os cães nessa idade ainda estão em fase de desenvolvimento da arcada dentária, e o processo de troca de dentição é algo que costuma incomodá-los bastante.

O que acontece é que os primeiros dentes que nascem na boca do cãozinho são temporários. Eles surgem por volta da segunda ou terceira semana depois do nascimento e costumam cair depois que o cachorro completa quatro meses de vida, dando lugar aos dentes permanentes. Por isso, uma boa forma de amenizar esse impacto é com um mordedor para cachorro filhote. Assim, o cãozinho consegue aliviar todo o incômodo que sente sem precisar ficar roendo os móveis da sua casa.

Além disso, o mordedor de cachorro também ajuda a fortalecer os músculos da mandíbula do animal, estimula a produção de saliva, elimina pequenos restos alimentares que podem ficar presos nos dentes e ainda por cima satisfaz o instinto caçador que os cachorros têm. Só vantagem, né?

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Mordedor de cachorro: é possível encontrar vários modelos para os filhotes
    Mordedor de cachorro: é possível encontrar vários modelos para os filhotes

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele
    Comportamento animal

    Amor de gato: 10 formas do seu bichano dizer que você é muito importante para ele

    Se você tem um felino em casa, com certeza já deve ter se questionado como saber se seu gato te ama. Pelo fato dos felinos serem muito reservados, e às vezes independentes, fica mais difícil decifrar o amor de gato - diferente dos cães, que expressam isso de um jeito eufórico e quase exagerado. Os bichanos demonstram afeto pelos humanos de um jeito delicado e único, com atitudes que podem até passar despercebidas.

    Existem modelos diferentes de mordedor de cachorro!

    Variedade é o que não falta quando falamos no mordedor para cachorro filhote! O brinquedo pode ser encontrado nos mais diferentes formatos, estilos, cores e até mesmo materiais. Basta encontrar qual é o mais apropriado para o seu cãozinho e para a fase de vida em que ele se encontra. Os mordedores de plástico e de borracha, por exemplo, geralmente não são muito bem recepcionados por cachorros grandes e que têm hábitos destrutivos, mas são ótimas opções para os filhotinhos. Quando eles crescerem, no entanto, pode ser uma boa ideia trocar o mordedor usado por um novo, dependendo da raça. Um exemplo disso é o mordedor para cachorro Pitbull quando fica adulto, que deve ser feito com materiais reforçados, como o nylon ou tecidos que sejam mais resistentes. Esteja sempre atento a esses pontos e a qualquer sinal de desgaste do brinquedo, faça a troca por um novo.

    Mordedor escova para cachorro ajuda seu cãozinho a manter a higiene dental

    Além do mordedor de cachorro tradicional, o que também faz muito sucesso entre os pais de pet é o mordedor escova para cachorro! E não é difícil entender porque as pessoas gostam tanto desse acessório: além de ser uma ótima forma de aliviar o estresse do seu cãozinho, também ajuda a manter a saúde bucal dele em dia. Prático, o mordedor escova para cachorro possui um reservatório onde o tutor pode colocar um pouquinho de creme dental de cachorro. Assim, os dentes do animal são escovados conforme ele vai mordendo o brinquedo. Claro que o ideal é que o mordedor não esteja o tempo todo com a pasta de dente, mas o acessório ajuda a manter a saúde bucal do cãozinho. 

    Aprenda como fazer mordedor de corda para cachorro de maneira simples e prática!

    Fazer um mordedor de cachorro sem sair de casa é muito simples: tudo que você vai precisar é de uma ou mais camisetas velhas que não vão fazer falta e uma tesoura. Agora que você já tem a lista de materiais, siga o passo a passo de como fazer mordedor de corda para cachorro a seguir (o brinquedo é indicado para filhotes e precisa de supervisão para que ele não engula pedaços do tecido):

    1) Corte a camiseta fazendo tiras verticais do mesmo tamanho. Como se trata de um filhote de cachorro, o ideal é ter pelo menos 9 tiras. Faça isso com todas as camisetas; 

    2) Pegue três tiras e comece o processo de trançá-las. Não se esqueça de finalizar com um nó nas duas extremidades quando terminar;

    3) Repita o processo com as outras tiras, sendo sempre de 3 em 3;

    4) Pegue as três tranças, e faça uma nova trança com elas. Novamente, não deixe de finalizar com um nó nas extremidades;

    5) Prontinho! Você tem um mordedor pronto para o filhote de cachorro.

    Redação: Juliana Melo

    Cachorro feliz: veja em infográfico as coisas que mais despertam os hormônios da felicidade no seu pet

    Próxima matéria

    Cachorro feliz: veja em infográfico as coisas que mais despertam os hormônios da felicidade no seu pet

    Parque para cachorros: quais as vantagens e cuidados que você deve ter?
    Passeio

    Parque para cachorros: quais as vantagens e cuidados que você deve ter?

    Não é difícil encontrar um parque para cachorros nos grandes centros urbanos, o que só prova o quanto esses animais se tornaram essenciais na nossa vida. Felizmente, nos últimos anos, esses companheiros passaram a ter mais espaço ainda na sociedade: é cada vez mais comum encontrar restaurantes, shoppings e outros espaços públicos que são “pet friendly”, isto é, que não restringem o acesso dos animais. O parcão, que é um lugar destinado a eles, é o local ideal para o seu cão socializar, brincar bastante, gastar energia e fazer novos amigos de quatro patas.

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão
    Cuidados

    Creche para cachorro: entenda o serviço, quando é necessário e quais são os benefícios para o seu cão

    Os cães são animais que, na maior parte do tempo, não gostam de ficar sozinhos - afinal, antes de serem domesticados, eles viviam livres em matilhas. Com a vida urbana, muitos cães acabam não recebendo os estímulos adequados para gastar energia e socializar com outros animais e pessoas. Para auxiliar a vida do tutor, que nem sempre consegue estar perto de seu pet durante o dia, existem muitas alternativas. Uma delas é a creche para cachorro: uma acomodação diária em que você pode deixar seu amigo em um lugar totalmente adaptado para cães.

    Vacina para cachorro: quando o filhote pode tomar, quais as primeiras doses... Tudo sobre a prevenção!
    Vacina

    Vacina para cachorro: quando o filhote pode tomar, quais as primeiras doses... Tudo sobre a prevenção!

    Assim que adotamos ou compramos um filhote de cachorro - ou até mesmo um animal mais velho -, precisamos saber o histórico de vacinas. Os pequeninos podem ainda não ter recebido a primeira vacina do cachorro. Já os maiores podem ter tomado algumas doses. “A partir dos 45 dias de vida, após a vermifugação, os filhotes de cães devem ser vacinados. Normalmente são feitas a Óctupla ou Déctupla Canina”, explica a veterinária Jackeline Moraes Ribeiro, do Rio de Janeiro.

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno
    Saúde

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno

    Há quem pense que todos os cães enfrentam o mesmo tipo de problemas ao longo da vida, mas não é bem assim. Algumas raças de cachorro têm detalhes muito característicos na anatomia que favorecem o desenvolvimento de condições específicas. Uma prova disso são os casos de alergias em Pugs: por causa das dobrinhas e rugas que têm pelo corpo, eles acabam tendo uma propensão maior a desenvolver diferentes tipos de dermatites alérgicas. Por isso, ao dar as boas-vindas a um Pug na sua casa, o ideal é que você saiba o que pode causar essas alergias e como reagir caso o seu animalzinho apareça com algo do tipo. Hoje, o Patas da Casa vai ao seu socorro: descubra, aqui embaixo, mais sobre esse problema!

    Ver Todas >

    Como encontrar um cachorro perdido? Veja as dicas de quem passou pela experiência
    Comportamento animal

    Como encontrar um cachorro perdido? Veja as dicas de quem passou pela experiência

    Um cachorro desaparecido tem chances de ser encontrado, principalmente se estiver com uma coleira de identificação e os tutores agirem imediatamente na busca. Os cães são animais ágeis e a fuga é uma situação que pode ocorrer por diferentes motivos - em viagens, passeios ou até com aquela porta entreaberta ao receber uma visita. Foi o que aconteceu com o cãozinho Caju, que fugiu depois da família se envolver em um acidente de carro na região de Curitiba.

    Pode passear com cachorro nos dias de muito calor? Qual a melhor forma de fazer isso?
    Comportamento animal

    Pode passear com cachorro nos dias de muito calor? Qual a melhor forma de fazer isso?

    Passear com cachorro é um momento que estreita laços e ainda faz bem para a saúde, tanto do animal quanto do tutor. Cães precisam de exercícios na rotina para gastar energia e evitar quadros de estresse e ansiedade. Apesar de ser um momento muito prazeroso e necessário, é preciso ter cuidado com a saúde e a segurança do seu animal, principalmente nos dias de muito calor. 

    Gato na janela: veja acessórios e produtos que deixam a experiência do bichano mais segura e confortável
    Comportamento animal

    Gato na janela: veja acessórios e produtos que deixam a experiência do bichano mais segura e confortável

    Quem tem gato em casa sabe bem que esses animais adoram ficar nas alturas! As janelas são praticamente os lugares preferidos da casa para os gatinhos. De lá eles conseguem ver o movimento da rua sem perder nada que acontece dentro de casa. Para que esse hábito do bichano fique mais agradável e seguro, nada melhor do que personalizar esse espaço para que ele se torne mais “gatificado” ainda.

    Você sabe a história por trás do meme do vira-lata caramelo? Conheça da cachorrinha Pipi
    Comportamento animal

    Você sabe a história por trás do meme do vira-lata caramelo? Conheça da cachorrinha Pipi

    Pipi é o nome da vira-lata caramelo que já faz parte do cotidiano brasileiro há um tempo e virou praticamente uma celebridade na internet. Mas você sabe como ela virou meme e qual a história por trás da imagem? O Patas da Casa foi atrás da história e entrevistou a Vanessa Brunetta, tutora da Pipi, a vira-lata caramelo que estampa uma das montagens mais famosas com a cédula de R$ 200. 

    Ver Todas >