Gato

Por que seu gato tem medo de fogos? Entenda os riscos para a saúde dele

Publicado - 20 Dezembro 2022 - 12h12

Atualizado - 27 Abril 2024 - 10h20

Saber como proteger seu gato dos fogos é uma tarefa imprescindível para que as festas de fim de ano não sejam uma tortura durante a queima de fogos. Acontece que toda essa luz e barulho são muita informação para os bichanos processarem, sem contar que podem ser prejudiciais, pois eles enxergam e ouvem muito mais que os humanos. Mas saiba que não é difícil acalmar um gato com medo de fogos! O que fazer nessas horas pode ser bem simples e a matéria a seguir te explica melhor sobre o assunto.

Audição apurada é um dos motivos que deixam gatos com medo de fogos

Os gatos são criaturas com ouvidos aguçados. Enquanto ouvimos frequências de até 20.000Hz, eles alcançam incríveis 65.000Hz. Ou seja, eles detectam ruídos que não somos capazes de ouvir. Agora, estamos acostumados a ouvir sons de até 55 decibéis por dia. Mas durante a queima de fogos, esses decibéis triplicam para 150 a 175. Lembra que os gatos escutam melhor que a gente? Então. Se para nós esse som já é alto, imagine para eles.

Mas não para por aí. Eles também enxergam sete vezes mais que os humanos e a capacidade de captar luz também é muito maior (por isso eles passam boa parte do dia com a pupila retraída). E a forte claridade é outro motivo para deixar os gatos com medo de fogos.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Gatos com medo de fogos sofrem riscos de acidentes

Toda essa confusão de luz e som deixa o gato com medo e os riscos que os fogos de artifício trazem para saúde do gato são imensuráveis. Enquanto alguns se tornam agressivos devido à inquietação, outros ficam tão agitados que até se machucam. Mas lesões e ansiedade não são os únicos problemas e eles também podem desenvolver uma infecção urinária devido ao forte estresse. Até mesmo um infarto pode ocorrer.

Infelizmente, muitos gatos ficam tão desorientados que fogem de casa, e por não saber para onde ir, sofrem graves acidentes nas ruas, correndo risco de morte. Então, saber como proteger seu gato dos fogos pode evitar qualquer tragédia.

gato com medo de fogos olhando para a câmera assustado

Gato com medo de fogos: o que fazer para identificar o problema

Não é muito difícil perceber um gato com medo de fogos. Nessas horas, eles costumam se esconder debaixo da cama ou dentro do guarda-roupa, os olhos ficam arregalados com as pupilas dilatadas e a postura é retraída, com o bichano se encolhendo. O gato arrepiado também quer dizer que ele se sente ameaçado. Já o miado do gato com medo é mais longo e alto, parecido com um choro de bebê. Se percebeu o felino com alguma dessas atitudes durante uma queima de fogos, não hesite em acolher ele.

Veja formas de como proteger seu gato dos fogos

Pode ser assustador ver um gatinho tão aflito, mas como acalmar o gato com medo de fogos é mais simples do que parece. O primeiro passo começa com o tutor, que deve permanecer calmo. Os felinos são sensíveis e identificam as emoções dos donos, então se você ficar agitado, eles vão perceber e ficar ainda mais nervosos.

Tente acostumá-lo aos rojões dias antes do evento, colocando vídeos de fogos para ele assistir. Dessa forma, a queima será algo habitual. Se possível, faça associações a coisas boas, como carinho ou petisco. Reservar um ambiente da casa com uma boa acústica, colocar algodão no ouvido do gato, ligar o rádio ou a TV, também são ótimas opções. Se preferir, consulte a possibilidade de um floral para gatos com um veterinário para acalmá-lo.

Nessas horas, também é comum o gato se esconder e você deve respeitar o esconderijo dele. Mas se quiser ajudar, separar uma caixa de papelão para gatos com medo de fogos também é uma boa. O importante é deixar o bichano em um local sem rota de fuga, então invista em tela de proteção para gatos.

Redação: Erika Martins

Edição: Mariana Fernandes

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Adote um animal

Esses são os gatos mais caros do mundo - e filhote de um deles pode custar mais de R$600 mil

Os gatos de origem genética rara e aparência exótica conquistam cada vez mais o coração dos gateiros. Além de encantadores na aparên...

Comportamento

Sem cerimônia, cachorro bate na porta do vizinho e entra na casa para chamar amiga canina para brincar

A socialização é um processo muito importante para que o cãozinho aprenda a conviver com outras pessoas e animais, e também faça alg...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Ver todas