Ao contrário do que muitos podem pensar, os gatos são animais que podem, sim, ser amáveis e carinhosos com os seus donos - eles só têm um jeitinho bastante próprio de demonstrar isso. O que acontece é que, diferente dos cães, os felinos são mais reservados e menos expansivos nessas demonstrações de afeto, mas quando é hora de receber carinho, eles gostam (e às vezes até procuram por isso). O problema é que não são todos os lugares do corpo do animal que são indicados para as carícias. Alguns tutores podem até achar que o gato gosta de carinho na barriga, por exemplo, mas essa é a região mais contraindicada para isso. A seguir, te explicamos o porquê.

Afinal, por que gatos não gostam de carinho na barriga?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Se você já tentou fazer carinho na barriga do gato e ele te arranhou e mordeu em seguida, não se preocupe. Isso não quer dizer que o seu bichano não te ama mais ou que ele está chateado com você. Na verdade, a maioria dos gatos não gostam de carinho na barriga, e é justamente por isso que eles reagem dessa forma. Mas por que isso acontece? Simples: é na região do tórax e da barriga que estão localizados os órgãos vitais do animal, então geralmente os gatos evitam expor essa região ao máximo.

Quando os bichanos se sentem seguros e confortáveis dentro do seu lar, eles podem até deitar de barriga para cima, deixando essa parte do corpo totalmente vulnerável e desprotegida. No entanto, isso não é um convite para carinho, na maioria das vezes. Pode até ter um gato ou outro que gosta de ter a barriga acariciada, mas geralmente são exceções. Antes de tocar lá, observe como o animal se comporta. Se ele não se sentir incomodado, é porque está gostando; mas caso perceba que ele não gostou, é importante parar imediatamente para não deixar o gato irritado ou estressado com a situação.


O gato não gosta de carinho na barriga, mas na cabeça sim!
O gato não gosta de carinho na barriga, mas na cabeça sim!

Gato não gosta de carinho na barriga, mas tem outros lugares para acariciar os bichanos sem medo

Agora que você já sabe por que gato não gosta de carinho na barriga, deve estar se perguntando como fazer carinho no seu pet sem deixá-lo aborrecido, certo? Bom, geralmente os felinos gostam muito de receber carícias nas costas e na cabeça, mais especificamente entre as orelhas, perto dos olhos e no queixo. Ao optar pela cabeça, porém, é necessário ter certo cuidado com os bigodes do gato, que são outra região bastante sensível e que pode causar incômodo ao pet. Para que o momento seja ainda mais proveitoso, o tutor deve fazer carinho no gato sempre com movimentos leves e delicados, sem muita pressão e no sentido do crescimento dos pelos do animal.

Identificar o melhor momento para fazer carinho no gato também é parte do processo

Ainda que você tenha um gato carinhoso, é importante ter em mente que nem sempre os bichanos estão dispostos a receberem carícias. Como todos sabem, esses animais prezam bastante pelo próprio espaço, e para ter uma boa convivência com eles, os humanos precisam respeitá-lo. Então a melhor forma de saber qual é o melhor momento para fazer carinho no seu pet é observando a linguagem corporal do gato: se ele quiser carinho, provavelmente vai começar a passear entre as suas pernas, ronronar ou chamar sua atenção de alguma forma. O ato de amassar pãozinho no colo do tutor também costuma ser um convite para isso, como se os gatos dissessem: “ei, humano, pare tudo que você está fazendo e me dê um pouco de carinho!”. 

Redação: Juliana Melo