Saúde

Pneumonia em cachorro: causas, como se desenvolve, perigos e tratamento

A pneumonia em cachorro pode ser fatal se não for tratada da maneira correta: descubra mais sobre a doença!
A pneumonia em cachorro pode ser fatal se não for tratada da maneira correta: descubra mais sobre a doença!

Assim como a gripe canina e a gastroenterite, a pneumonia em cachorro é uma doença dos animais que tem um equivalente na versão humana. Causada pela proliferação de bactérias no pulmão do animal, ela pode causar complicações respiratórias — cachorro espirrando muito e tosse de cachorro  são comuns — e outros sintomas. Se  não for tratada corretamente, a pneumonia pode ser fatal. Para evitar esse tipo de problema com o seu amigo, nós conversamos com o veterinário Gabriel Mora de Barros, do grupo Vet Popular. Dá uma olhada no que ele explicou!

Patas da Casa: Quais são os sintomas da pneumonia em cachorro? 

Gabriel Mora de Barros: Os sintomas de pneumonia em cachorro não são muito diferentes dos nossos. O termo significa que os pulmões estão comprometidos por processos inflamatórios e infecciosos. Esses processos geram produção de muco, que é um alimento muito bom para bactérias. Elas interagem com esse muco e geram o catarro. Fica difícil de respirar e vira e mexe o animal espirra e tosse, soltando a secreção de coloração amarelada esverdeada. Portanto, dificuldade respiratória e produção de catarro já são dois sinais clínicos do cachorro com pneumonia.

Animais que estão com o nariz/focinho entupidos não conseguem sentir muito bem o cheiro do alimento. Esse fator, mais o da debilidade pela pneumonia, podem fazer com que ele não coma, piorando bastante o organismo. Aquela história de que “se você não come bem, o melhor remédio do mundo não vai fazer o efeito desejado” é verdade. Precisamos ter um bom aporte de nutrientes no nosso organismo para que tudo faça efeito, inclusive as medicações. E isso vale para os cachorros. Febre também é um achado comum, já que se trata de uma infecção. Distúrbios gastrointestinais podem ocorrer pelo processo inflamatório e pelo jejum prolongado, caso haja demora de tratamento do animalzinho. 

PC: O que causa a pneumonia em cachorro? É certo considerar que ela é uma gripe em cachorro que se desenvolveu e ficou pior?

GMB: A pneumonia normalmente é ocasionada por uma bactéria oportunista que se instala no pulmão do animal e se desenvolve, gerando muco e catarro e fazendo o organismo do animal tentar combater aquela secreção. A gripe dos cães (tosse dos canis) pode evoluir para uma pneumonia se não for diagnosticada e tratada no período inicial. Por isso a importância de levar ao médico veterinário quando houver qualquer um desses sinais mencionados acima.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    A pneumonia em cachorro faz com que ele fique mais abatido e quietinho
    A pneumonia em cachorro faz com que ele fique mais abatido e quietinho
    A pneumonia em cachorro tem os espirros como um dos principais sintomas
    A pneumonia em cachorro tem os espirros como um dos principais sintomas
    A pneumonia em cachorro faz com que ele fique mais abatido e quietinho
    A pneumonia em cachorro tem os espirros como um dos principais sintomas

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    PC: Como funciona o tratamento da pneumonia em cachorro? 

    GMB: O tratamento deve ser iniciado após o diagnóstico da pneumonia, feito com exames de sangue e raio X do pulmão. Ele é feito com a medicação suporte para aquele determinado caso (anti-inflamatórios, analgésicos, antibióticos), de acordo com a necessidade e avaliação clínica do animal, que identifica se é possível melhorar com remédios por via oral ou se é necessária a internação para aplicação de antibióticos na veia. O uso de remédio caseiro para curar pneumonia de cachorro não é recomendado. 

    PC: A pneumonia em cachorro pode ser fatal? 

    GMB: A pneumonia se agrava quando, na tentativa de combate do organismo, as bactérias acabam entrando na corrente sanguínea do animal. Isso pode gerar infecções generalizadas que são muito graves. Algumas vezes, quando o animal já está muito debilitado, os antibióticos podem não funcionar adequadamente e a infecção não cessa, causando a morte. Quando o médico veterinário percebe que a pneumonia está presente e em estágio mais avançado, indica a internação desse paciente para receber medicações injetáveis que fazem efeito mais rápido e conseguem ser aplicadas várias vezes ao dia, tentando ao máximo combater as bactérias da circulação e do pulmão.

    PC: Existe alguma forma de prevenir a pneumonia em cachorro?

    GMB: Nem sempre é possível prevenir a pneumonia. Há um quadro patológico de gripe dos cães que pode ser evitado com a vacina anual de gripe canina, que diminui a probabilidade do animal adquirir essa doença e, consequentemente,  também há menor possibilidade de evolução para a pneumonia. Porém, alguns tipos de animais que estão com a imunidade baixa ou que ficam em locais que tem presença de bactérias muito resistentes podem gerar pneumonia e esta não pode ser prevenida. O ideal é que se faça um controle da imunidade desse cachorro com frequência por meio de exames periódicos e que ele não fique em locais que podem ser foco de proliferação de bactérias.

    Redação: Ariel Cristina Borges 

    Epilepsia em gatos: veterinária tira dúvidas sobre o problema de saúde

    Próxima matéria

    Epilepsia em gatos: veterinária tira dúvidas sobre o problema de saúde

    Papiloma canino: desvendamos as causas, cuidados e tratamentos da verruga em cachorro
    Saúde

    Papiloma canino: desvendamos as causas, cuidados e tratamentos da verruga em cachorro

    O papiloma canino, também conhecido como papilomatose, é uma doença bem comum quando se trata da saúde dos cãezinhos. No entanto, poucas pessoas têm algum conhecimento, de fato, sobre esse tipo de verruga em cachorro. A doença cutânea evolui rápido e isso pode assustar os tutores despreparados. O papilomavírus canino tem relação com a imunidade do cachorro.

    Como é a saúde do Husky Siberiano? A raça de cachorro tem propensão para desenvolver alguma doença?
    Saúde

    Como é a saúde do Husky Siberiano? A raça de cachorro tem propensão para desenvolver alguma doença?

    É praticamente impossível resistir ao charme de um Husky Siberiano. A raça tem uma forte presença, com pelos brilhantes e um olhar penetrante que às vezes até chega a intimidar. Mas quem pensa que eles são cães agressivos devido à semelhança com lobos se engana. No fundo, o Husky Siberiano (filhote ou adulto) é um super companheiro, carinhoso e bastante apegado a sua família. O problema é que a raça pode ter alguns probleminhas de saúde no decorrer da sua vida, mesmo que ele receba todos os cuidados necessários. A seguir, separamos as principais doenças que podem acometer a saúde do cachorro Husky.

    Catarata em cachorro? Descubra como a doença se desenvolve e como é feito o tratamento
    Saúde

    Catarata em cachorro? Descubra como a doença se desenvolve e como é feito o tratamento

    Da mesma forma como acontece com os humanos, a catarata em cachorro é uma doença que, gradativamente, vai afetando a qualidade da visão do animal. Ela pode ser causada por uma série de motivos diferentes, mas apenas um deles pode ser prevenido. Outro detalhe que é único sobre a catarata em cachorro é o tratamento: a cirurgia. Para te ajudar a saber um pouco mais sobre essa doença que atinge tanto os cachorros idosos quanto os mais jovens, nós conversamos com o veterinário oftalmologista Pedro Mancini do Hospital Vet Popular. Dá uma olhada!

    Convulsão em cachorro: o que é, perigos, sintomas e tratamento da epilepsia canina
    Saúde

    Convulsão em cachorro: o que é, perigos, sintomas e tratamento da epilepsia canina

    Uma condição de saúde que envolve muito mais do que apenas o que pode ser visto no momento da crise, a convulsão em cachorro é capaz de assustar até o pai de pet mais experiente. Enquanto no momento dos tremores o ideal é apenas esperar que eles passem, depois disso a visita ao veterinário é essencial para que o animal seja diagnosticado e tratado de forma correta. Para esclarecer algumas dúvidas sobre o problema, nós conversamos com a veterinária Débora Nunes, do Rio de Janeiro.

    Ver Todas >

    Como aumentar a imunidade do gato? Veja algumas dicas!
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do gato? Veja algumas dicas!

    A preocupação com a saúde dos gatos é inevitável, afinal os bichanos são praticamente como se fossem filhos de quatro patas para os seres humanos. Por isso, além de oferecer uma boa alimentação para esses animais, muitos tutores também procuram por alternativas de como melhorar a imunidade do seu gato para evitar problemas de saúde. Como muitos sabem, a vitamina C é indispensável nessa missão, mas onde ela pode ser encontrada? 

    Quais as doenças mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro?
    Saúde animal

    Quais as doenças mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro?

    O sistema digestivo do cachorro é composto por boca, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso e ânus e cada um desses órgãos possui uma atividade específica durante a digestão dos alimentos. O problema é que, assim como ocorre com os humanos, os cães também podem sofrer com algumas doenças que atingem o sistema digestivo canino e que são causadas por fatores que variam desde a ingestão de alimentos contaminados até quadros de estresse ou ansiedade. 

    Anticoncepcional para gatos: veterinária aponta os perigos da vacina para cio de gato
    Saúde animal

    Anticoncepcional para gatos: veterinária aponta os perigos da vacina para cio de gato

    Já parou para pensar como ocorre o cruzamento entre os gatos? Os machos sempre estão dispostos a acasalar, mas as fêmeas precisam estar no período do cio para aceitar a aproximação. O primeiro cio costuma ocorrer quando o animal atinge a puberdade, que normalmente é entre o 8º e o 10º mês de vida. Esse costuma ser um período bastante delicado para todos, que precisam já que a gata passa por uma grande carga de estresse. 

    Saúde animal

    "Meu cachorro tem muita fome": quando a fome em excesso passa a ser uma compulsão alimentar?

    Quando se trata da alimentação do cachorro, normalmente a situação que mais aflige os tutores é quando o animal não quer comer ração. Contudo, é importante ter muita atenção se o comportamento do seu amigo for o contrário disso, porque às vezes o cachorro comendo muito é um sinal de compulsão alimentar - o que pode trazer prejuízos para a saúde do pet a longo prazo. 

    Ver Todas >