close
Saúde

Plano de saúde para cachorro, poupança, cartão de crédito... como se programar com os gastos emergenciais?

Atualizado · 17 de dezembro de 2020 · 16h57

Publicado · 17/12/2020 · 16h57

Cachorro doente: saiba a melhor forma de se programar para gastos emergenciais
Cachorro doente: saiba a melhor forma de se programar para gastos emergenciais

Adotar ou comprar um cachorro com certeza traz muita felicidade, mas a criação do pet também vem com uma série de responsabilidades. Os gastos cotidianos com ração, vacinas, brinquedos e veterinário já costumam ser altos. Para além desses gastos frequentes, ainda pode ocorrer alguma situação demanda uma despesa emergencial. Geralmente o que mais demanda esse tipo de gasto são os problemas de saúde e, nesse sentido, o plano de saúde canino pode ser um bom investimento preventivo. Mas será que vale a pena? Você sabe a melhor maneira de se planejar para as despesas emergenciais com seu amigo de quatro patas? O Patas da Casa reuniu algumas informações sobre o assunto para sanar algumas dúvidas.

Cachorro doente: como lidar com despesas emergenciais de saúde?

Cães já geram muitos custos constantes com as coisas básicas, como ração e brinquedos, mas é interessante ter uma reserva adicional para imprevistos, como emergências de saúde, que podem ter um valor bem alto. Segundo uma pesquisa do SPC Brasil, 30% dos tutores de cachorro já deixaram de comprar algo para si mesmos por conta do animal de estimação. Para não passar por situações de desespero e dívidas com um cachorro doente, faça uma tabela com os gastos mensais. Diante desse orçamento veja se é possível destinar uma porcentagem a mais, todo mês, para guardar para situações de emergência. Com isso, você pode evitar comprometer negativamente o seu orçamento, já que está construindo, de certa forma, uma pequena poupança para seu pet.

Qual raça de gato você é?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

O que você mais gosta de fazer nos momentos de lazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se você pudesse se descrever com uma palavra, quais das opções a seguir escolheria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Alguém te chamou para sair para um lugar inusitado, o que você pensa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica depois de dormir pouco na noite anterior?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você viajou e se perdeu em uma cidade que não conhece muito: o que passa pela sua cabeça?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Quais dessas características você procuraria em um pet?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

O que seus amigos próximos pensam sobre você?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você gosta de curtir as férias?

Question Header Background

Sua personalidade aventureira combina com o Bobtail Japonês! Você é divertido assim como o gato Siamês! Sua personalidade ranzinza combina com o gato Maine Coon! Você é preguiçoso como um gatinho Persa!
    Plano de saúde animal: preço pode variar e chegar até R$ 800
    Plano de saúde animal: preço pode variar e chegar até R$ 800

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Vale a pena contratar um plano de saúde canino?

    Existe uma grande variedade de tipos de plano de saúde para cachorro. É importante pesquisar bem o plano de saúde animal, já que o preço pode variar muito dependendo dos benefícios. É possível encontrar convênios a partir de R$ 50 e outras opções que podem chegar a até R$ 800 mensais. Existem desde opções que cobrem apenas exames e consultas mais simples até aquelas que contam com internações e cirurgias. A vantagem do plano de saúde de cachorro é ter sempre disponível um serviço de qualidade em casos de emergência. Você deve avaliar se o contrato de um convênio se encaixa nas necessidades de seu pet e também do seu orçamento. Lembre-se que, sem um convênio, os gastos com um veterinário podem ser bem mais altos.

    Cachorro doente: o que fazer se não me planejei para eventualidades?

    As emergências podem ser algo muito angustiante, principalmente quando isso envolve a saúde de nosso melhor amigo de quatro patas. Segundo a pesquisa do SPC Brasil que analisou o perfil do consumidor pet, 14% dos tutores já ficaram com o nome sujo por conta de gastos com o animal de estimação. Para evitar que isso ocorra, antes de ver o parcelamento das despesas no cartão de crédito como única opção, veja se existe algum atendimento gratuito disponível em sua cidade. Em algumas universidades, é possível encontrar atendimento veterinário gratuito (ou por preço popular) para animais. Outra coisa muito importante: não esqueça de sempre ter uma atitude preventiva com seu pet. Deixe sempre a vacinação em dia, mantenha uma boa alimentação, exercícios físicos e não se esqueça da vermifugação e ações contra parasitas.

    Redação: Hyago Bandeira

    Quais são as raças de cachorro braquicefálico? Shih Tzu, Bulldogs, Pug e muito mais

    Próxima matéria

    Quais são as raças de cachorro braquicefálico? Shih Tzu, Bulldogs, Pug e muito mais

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados
    Grandes

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados

    Se você sempre sonhou em ter um cachorro grande dentro de casa, a raça Boxer certamente é uma opção que não vai te decepcionar. Por trás da aparência robusta e que pode ser considerada até um pouco intimidante para alguns, existe um cãozinho companheiro e com muito amor para oferecer aos seus humanos. Conheça um pouco mais sobre o comportamento da raça, cuidados com a saúde e quanto custa um cachorro Boxer.

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão
    Adoção

    Quanto custa manter um cachorro? Um guia completo com a média de gastos mensais com um cão

    Ter um cachorro em casa é uma experiência incrível para mães e pais de pet, mas os momentos de alegria vêm acompanhados de muitas responsabilidades… e gastos (muitos gastos). Ração, vacina, brinquedos, remédios e veterinário são os principais custos que você precisa ter frequentemente com o animal. É justamente por isso que, antes de comprar ou adotar um pet, é preciso pensar nos gastos que isso vai demandar - e que devem entrar no orçamento da família. Para te ajudar a bater o martelo e decidir se consegue ou não arcar com um amigo de quatro patas, montamos um guia completo com uma média dos gastos que você provavelmente terá. Chega mais!

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante
    Grandes

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante

    Uma das raças de cachorros gigantes mais famosas é a do Dogue (ou Dog) Alemão, que também é conhecida como cão Dinamarquês. O motivo para isso é simples: trata-se da mesma raça do famoso personagem de desenho animado Scooby Doo. Mas a verdade é que o cão Dogue Alemão vai muito além do seu tamanho e aparência robusta: ele é um amigo de quatro patas extremamente leal, dócil e carinhoso. 

    Shiba Inu: tudo sobre a saúde, características, personalidade e cuidados com a raça de cachorro
    Raças

    Shiba Inu: tudo sobre a saúde, características, personalidade e cuidados com a raça de cachorro

    O Shiba Inu é uma raça de cachorro de origem japonesa. De porte pequeno a médio, o Shiba não ultrapassa os 15kg e tem energia moderada - ou seja, um cachorro ideal para apartamentos. A raça Shiba tem uma personalidade independente, mas também carinhosa. Por outro lado, essa raça de cachorro tem um instinto protetor bem aguçado. 

    Ver Todas >

    Mordida de cachorro: o que fazer ao ser atacado por um cão?
    Saúde animal

    Mordida de cachorro: o que fazer ao ser atacado por um cão?

    Levar uma mordida de cachorro é sempre uma situação inesperada. Seja de um animal desconhecido ou do seu próprio pet, um ataque pode ser muito perigoso. Pela mordida, o cachorro pode transmitir muitas doenças ao homem, sejam infecções mais brandas ou doenças graves, como a raiva. Como não podemos prever que um cão vai nos atacar, é importante estar sempre preparado. 

    Pancreatite canina: como é a recuperação da doença?
    Saúde animal

    Pancreatite canina: como é a recuperação da doença?

    Quando o cachorro desenvolve pancreatite canina, é muito importante começar a tratar desde cedo. A doença é considerada uma das mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro, além de uma das mais graves. A pancreatite no cachorro acomete o pâncreas e debilita todo o sistema digestivo, trazendo sintomas bem desconfortáveis ao animal. A demora no diagnóstico pode acabar levando o animal a óbito. O cachorro com pancreatite canina precisa iniciar o tratamento o quanto antes para conseguir se recuperar. 

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?
    Saúde animal

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    A pasta e a escova de dente para gatos são os principais aliados para a boa higiene bucal dos felinos. Escovar os dentes do gato evita doenças, previne o mau hálito e preserva os dentinhos. Seja quando o gato troca de dente ou quando já é um bichano idoso, a dentição felina requer cuidados especiais em todas as fases da vida. Saber como escovar os dentes do gato corretamente é o primeiro passo para garantir a higiene bucal, além de uma alimentação balanceada. 

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?
    Saúde animal

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?

    A giárdia canina é uma doença infecciosa causada por um protozoário que pode acometer cães, gatos e seres humanos. Essa zoonose ocorre quando o cachorro ingere cistos do protozoário, que podem estar presentes na água e alimentos. Além disso, como os cachorrinhos são animais que usam a boca para diversas funcionalidades, é possível que o pet colete o parasita lambendo um brinquedo, bebendo água de uma poça ou mastigando algum objeto. Ficar de olho em como prevenir a doença é muito importante, visto que a giárdia em cães é transmitida para outros animais com facilidade. 

    Ver Todas >