Saúde

Infecção urinária em cães: quais são as causas, sinais, complicações e como tratar o problema?

Infecção urinária em cães: fazer xixi em lugares não habituais está entre um dos sintomas do problema
Infecção urinária em cães: fazer xixi em lugares não habituais está entre um dos sintomas do problema

A infecção urinária em cães é um quadro mais frequente do que se pensa quando falamos da saúde do cachorro. Também conhecida como infecção do trato urinário (ITU), a doença geralmente é causada por bactérias, mas também pode acontecer devido a presença de fungos e vírus no organismo do animal. Para entender um pouco mais sobre a infecção urinária em cães (tratamento, causas e sintomas da doença), o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Natalia Seoane, que é do hospital VET Popular . Veja só o que ela nos contou sobre esse problema a seguir!

Afinal, o que é a infecção urinária em cães?

Embora seja frequentemente confundida com a cistite devido aos sintomas, que são parecidos, é importante ter em mente que a infecção urinária em cães é um quadro totalmente diferente e que, portanto, têm causas e tratamentos distintos. “A infecção do trato urinário (ITU) ocorre devido ao manejo ou procedimento inadequado no sistema urinário, através de doenças que se manifestam ao mesmo tempo, colonização e multiplicação de bactérias na mucosa do trato urinário e também devido a predisposição de algumas doenças primárias, como por exemplo, diabetes mellitus e doença renal crônica”, explica a veterinária. Por isso, é importante a identificação do tipo de infecção antes de iniciar qualquer tipo de tratamento, visto que a causa e gravidade do quadro são variáveis.

Infecção urinária em cães: as causas por trás do problema

Bem como a veterinária destaca, as causas da infecção urinária em cães podem ser diversas. Às vezes, uma simples reação medicamentosa pode ser a causa do problema. Já em outros casos, a baixa imunidade ou alguma alteração na composição da urina pode estar por trás da infecção. Além disso, fatores como obesidade, presença de cálculos urinários, pólipos ou neoplasias também podem estar associados ao problema. Uma dieta desbalanceada, o sedentarismo, a baixa ingestão de água e até mesmo o envelhecimento natural do cãozinho também são possíveis causas para essa doença.

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Remédio para infecção urinária em cães sempre deve ser prescrito pelo médico veterinário
    Remédio para infecção urinária em cães sempre deve ser prescrito pelo médico veterinário

    Mais Lidas

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena
    Cachorro

    Pinscher 0, 1, 2 ou miniatura: entenda os tamanhos desse cachorro de raça pequena

    Se você está pensando em ter um pinscher na sua vida pode estranhar a numeração que normalmente acompanha o nome da raça. O cachorro pinscher é conhecido por ser bem pequeno, mas ainda assim há variações de tamanho: as classificações 0, 1, 2 ou miniatura são super importantes para saber a dimensão aproximada do cãozinho. Além disso, pode ajudar muito na hora de decidir pelo seu novo melhor amigo.

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Cachorro

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cachorro

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Cachorro

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Infecção de urina: cachorro pode apresentar diferentes sintomas

    Assim como as causas podem variar, os casos de infecção urinária em cães também podem ter diferentes sintomas. Segundo Natalia, os cachorros podem ser assintomáticos e não manifestar nenhum tipo de sintoma, ou sintomáticos, apresentando um ou mais sinais de que está com esse problema de saúde. Para identificar se o cachorro está doentinho, o tutor pode verificar os seguintes sintomas:

    • Aumento na frequência da urina em pequenos volumes

    • Dificuldade em urinar

    • Incontinência urinária

    Fazer xixi em lugares que não são habituais

    • Urina com presença de sangue, turva ou malcheirosa

    • Sede excessiva

    Perda de apetite

    • Prostração

    • Febre

    Cachorro: infecção urinária deve ser diagnosticada por profissional

    Ao suspeitar que seu cãozinho está com infecção urinária, cachorro deve ser levado imediatamente ao veterinário para passar por uma série de exames para, então, confirmar o diagnóstico da doença. “O profissional vai realizar um bom exame físico e deverá solicitar exames de sangue, urina, cultura e antibiograma; além de exames de imagem como ultrassonografia abdominal e radiografia abdominal quando houver suspeita de cálculos urinários, por exemplo”, explica Natalia. 

    Infecção urinária em cães: tratamento pode ser feito com medicamentos ou cirurgia

    Com a confirmação do quadro pelo veterinário, chega a hora de iniciar o tratamento do seu amigo de quatro patas. Para cuidar da infecção urinária em cães, medicamento pode ser uma alternativa, desde que seja prescrito pelo médico. Se a causa da doença for bacteriana, por exemplo, o antibiótico para infecção urinária em cães é recomendado. Além disso, outros remédios que podem fazer parte do tratamento do animal são anti-inflamatórios e analgésicos para dor e desconforto. Caso o remédio para infecção urinária em cães não funcione, e a causa do problema seja mais severa, a veterinária conta que intervenções cirúrgicas também podem ser indicadas.

    Para que o tratamento seja ainda mais eficaz e com menor tempo de recuperação, o ideal é que a infecção urinária em cães seja descoberta logo no início. “Não tratar ou tratar inadequadamente trará complicações graves principalmente as infecções nos rins, sepse, abcessos renais, perda da função dos rins, resistências bacterianas e óbito do animalzinho”, alerta Natalia.

    Infecção urinária em cães: tratamento caseiro pode ajudar?

    Muitas pessoas recorrem à internet na hora de tentar ajudar o seu amigo de quatro patas, mas esse não é o ideal. Lembre-se que, mesmo que você queira tratar o cachorro com infecção urinária com alternativas naturais, é sempre importante ter o acompanhamento de um veterinário no caso. Conforme Natalia ressalta, as dietas caseiras até podem ajudar o animal, mas, antes de serem implementadas, é necessário passar por uma avaliação com um nutrólogo veterinário, que é especialista em nutrição animal. Como o profissional é capacitado para isso, ele deve receitar uma dieta balanceada de acordo com a necessidade de cada paciente.

    Prevenção da infecção urinária em cães requer alguns cuidados

    Quer prevenir que seu amigão tenha esse tipo de problema? A veterinária conta que é totalmente possível evitar a infecção urinária em cães com algumas medidas. “O cãozinho deve ter sempre acesso a água limpa e fresca para beber e urinar com frequência, além de uma dieta sempre balanceada. Cuidado com os petiscos, alimentos ricos em sódio e de má qualidade”, orienta. Além disso, vale ressaltar que é sempre fundamental procurar o auxílio de um profissional e nunca automedicar o seu pet (principalmente os antibióticos), já que isso pode acabar desencadeando uma série de problemas de saúde no animal.

    Redação: Juliana Melo

    Conheça todos os tipos de coleira para cachorro e como usar: modelos, funções e adestramento

    Próxima matéria

    Conheça todos os tipos de coleira para cachorro e como usar: modelos, funções e adestramento

    Doença renal em cães: quais são as raças de cachorro com mais predisposição para o problema?
    Saúde

    Doença renal em cães: quais são as raças de cachorro com mais predisposição para o problema?

    Assim como acontece com os humanos, a doença renal em cães é um problema bastante delicado e que, no geral, surge silenciosamente. Por isso, é importante redobrar a atenção com o seu amigo de quatro patas, principalmente se ele fizer parte de algumas das raças de cachorro que têm maior predisposição para essas doenças, como o Poodle, o Beagle ou o Golden Retriever. Para te ajudar a entender um pouco mais sobre o assunto, preparamos uma matéria com os principais tipos de doença renal que atingem os doguinhos e quais são as raças mais afetadas por cada um desses problemas. Tire suas dúvidas e saiba como identificar um cachorro com insuficiência renal a seguir!

    Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?
    Alimentação

    Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?

    A alergia alimentar em cães é uma resposta exagerada do sistema imunológico a determinados agentes invasores presentes na ração de cachorro e outros alimentos. O cachorro com alergia alimentar pode se tornar alérgico a diversos tipos de comidas, incluindo aquelas que já fazem parte do consumo do dia a dia há anos. Geralmente, os fatores mais comuns que geram alergia em cachorro são a presença de corantes nas rações e o tamanho da proteína processada. 

    Gato mancando: quais as causas e como tratar?
    Saúde

    Gato mancando: quais as causas e como tratar?

    Perceber um gato mancando é uma situação que preocupa diversos tutores. Geralmente, o sintoma indica o gato com dor. Seja por causa de algum machucado na pata ou porque o animal está com algum problema mais sério, como um traumatismo, é preciso analisar a situação e procurar entender as causas por trás disso. O gato mancando pata dianteira ou traseira pode indicar diferentes problemas, e para cada um deles existe um tratamento específico.

    Hiperadrenocorticismo em cães: o que é, quais os sintomas e como tratar? Saiba tudo sobre a doença endócrina
    Saúde

    Hiperadrenocorticismo em cães: o que é, quais os sintomas e como tratar? Saiba tudo sobre a doença endócrina

    Assim como os humanos, os cachorros também podem desenvolver um quadro de hiperadrenocorticismo. Também chamada de Síndrome de Cushing, a doença acontece quando a hipófise, glândula responsável por produzir hormônios que regulam o funcionamento da parte endócrina do organismo, passa a não funcionar corretamente. A hiperadrenocorticismo é popularmente conhecido por atingir cachorros idosos e, por isso, seus sintomas podem ser facilmente confundidos com o envelhecimento natural dos animais. Sendo assim, é importante ficar atento aos sinais do seu cãozinho e sempre investigá-los. Para entender melhor o assunto, o Patas da Casa conversou com a veterinária Gabriela Teixeira, que contou tudo sobre o hiperadrenocorticismo em cães. Confira!

    Ver Todas >

    Filhote de cachorro chorando: 5 motivos que explicam o choro nas primeiras semanas de vida
    Cachorro

    Filhote de cachorro chorando: 5 motivos que explicam o choro nas primeiras semanas de vida

    Quem é mãe ou pai de pet sabe bem: não há nada mais doloroso do que o som de filhote de cachorro chorando. A vontade é de pegar o bichinho no colo e frisar diversas vezes que você nunca vai deixar nada de mal acontecer a ele. Mas essa é uma situação que pode acabar se tornando repetitiva nas primeiras semanas de vida de um cãozinho, principalmente se ele for acolhido em um novo lar. Então, a preocupação se torna inevitável: qual será o motivo por trás dos filhotes de cachorro chorando? 

    Batimentos cardíacos de cachorro: qual a frequência considerada normal e como medir?
    Cachorro

    Batimentos cardíacos de cachorro: qual a frequência considerada normal e como medir?

    Todo mundo sabe que os cães são donos de um enorme coração, sempre dispostos a dar muito amor e carinho para quem quiser receber. Contudo, é sempre importante ficar atento a possíveis alterações no coração de cachorro, e saber como medir os batimentos cardíacos do animal pode ajudar bastante nessas horas. Mas então, como analisar isso da forma correta? Qual é a frequência considerada normal quando se trata dos batimentos cardíacos de um cachorro?

    Como funciona a memória dos cães? Veja essa e outras curiosidades sobre o cérebro do cachorro
    Cachorro

    Como funciona a memória dos cães? Veja essa e outras curiosidades sobre o cérebro do cachorro

    Já parou para se perguntar como funciona o cérebro do cachorro? Essa é uma questão que pode intrigar muitos tutores, já que esses animais muitas vezes nos surpreendem com alguns comportamentos. Afinal, não dá para negar que, embora irracionais, os cães conseguem ser muito inteligentes! Eles são capazes de aprender vários tipos de comandos e muitas vezes parecem nos entender como ninguém. Então, como será que funciona a memória e o cérebro de cachorro?

    Quais são as raças de cachorro que vivem mais tempo?
    Cachorro

    Quais são as raças de cachorro que vivem mais tempo?

    No mundo canino, a proporção da idade do cachorro é totalmente diferente do que conhecemos entre os humanos. A média de vida de um cãozinho é de 10 a 13 anos, mas isso pode mudar de acordo com o tamanho, raça e cuidados que o animal recebeu ao longo da vida. No entanto, algumas raças de cachorro são conhecidas pela alta expectativa de vida. Um fator absolutamente genético! 

    Ver Todas >