Grandes

Golden Retriever e alergias na pele: quais são as causas e tipos mais comuns?

O Golden Retriever tem predisposição genética para ter problemas de pele. Veja as doenças mais comuns!
O Golden Retriever tem predisposição genética para ter problemas de pele. Veja as doenças mais comuns!

Todo mundo adora o Golden Retriever. Conhecido por sua lealdade, inteligência, obediência e espírito brincalhão, ele é praticamente o cachorrinho perfeito; um companheiro para todas as horas. Não é à toa que a raça Golden conquistou o coração das famílias e está na lista dos cachorros mais populares do Brasil. Apesar de não exigir cuidados exagerados, o Golden Retriever enfrenta algumas doenças específicas que os tutores devem ficar de olho, como as alergias de pele.

Às vezes, uma coceira é encarada apenas como um comportamento normal ou hábito, mas o desconforto também pode sinalizar um problema mais grave. Descubra, a seguir, as alterações dermatológicas mais comuns que podem afetar o cachorro Golden Retriever. E lembre-se: quanto mais informação você tem, mais cedo pode procurar ajuda médica para tratar o seu amigão de pelos dourados.

O Golden Retriever e as doenças de pele

Segundo a Morris Animal Foundation, uma das maiores organizações de financiamento para pesquisas veterinárias do mundo, as doenças de pele são um dos motivos mais comuns pelos quais os cães são levados ao veterinário. O problema dermatológico mais frequente é a otite externa, seguida pela dermatite úmida aguda, atopia e dermatite de contato. Felizmente, muitas condições de pele são fáceis de tratar, mas algumas são mais invasivas e exigem tratamentos específicos prolongados.

O Golden Retriever é uma das raças de cachorro com mais predisposição genética para ter problemas de pele. O seu subpelo denso e longa pelagem formam um habitat perfeito para as parasitas e bactérias causadoras de doenças. Além das incômodas coceiras, as alergias podem gerar pele escamosa, vermelhidão e até infecções graves, como a piodermite canina. Aqui estão as principais fontes dos problemas de pele em cães:

  • Mofo;
  • Sujeira;
  • Pólen e outros alérgenos ambientais;
  • Alimentos;
  • Pulgas, ácaros e carrapatos;
  • Ar quente ou frio;
  • Fungos e bactérias.

Dermatite úmida aguda: raça de cachorro Golden é mais predisposta a ter a doença

A dermatite úmida aguda é um problema de pele caracterizado por manchas infectadas, vermelhas, úmidas e doloridas. Mais comuns em cães de pelo comprido, como o Golden Retriever, essa condição geralmente é causada por algo muito menor (picadas de inseto, pulgas e outros parasitas, por exemplo). Quando um cão começa a se coçar, lamber ou morder a área afetada, o ponto quente tende a aumentar de tamanho e se agravar rapidamente.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças muito independentes Golden Retriever e Yorkshire são cães que gostam de curtir a companhia dos humanos Border Collie e Jack Russell Terrier são cheios de energia e amam aventura
    Dermatite atópica canina e piodermite estão entre as doenças de pele que mais atingem a raça Golden
    Dermatite atópica canina e piodermite estão entre as doenças de pele que mais atingem a raça Golden

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Cachorro ofegante: quais problemas o sintoma pode indicar?
    Saúde animal

    Cachorro ofegante: quais problemas o sintoma pode indicar?

    Encontrar o cachorro ofegante não é uma questão incomum na vida dos tutores. Normalmente, os peludos ficam mais cansados depois de um longo passeio ou brincadeiras, mas quando não houve nenhum estímulo é preciso ficar atento. Observe alguns sinais do cachorro ofegante: língua pra fora pode indicar calor ou cansaço, agora se o sintoma estiver acompanhado de tremores ou cachorro com dificuldade de respirar, o ideal é levá-lo imediatamente ao veterinário. Para saber como diferenciar e se há necessidade de buscar ajuda médica, nós conversamos com Ricardo Duarte, que é docente do curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário FMU, de São Paulo.

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Piodermite canina: doença pode gerar coceira intensa e queda de pelos

    A piodermite canina, ou pioderma, é uma infecção bacteriana que afeta os folículos capilares e a pele dos Goldens. A doença também pode ser chamada de impetigo se o problema aparecer em um Golden Retriever filhote. As manifestações mais comuns associados ao pioderma são as pápulas ou pústulas que se formam na pele do animal.

    Esses caroços são muito parecidos com as espinhas dos humanos, com um centro branco preenchido com pus. A pioderma em cães geralmente tem uma causa subjacente por trás, como alergia ou hipersensibilidade a pulgas, ácaros, alimentos ou fatores ambientais. Além de coceira intensa, os cães afetados pela piodermite podem ter queda de pelos, vermelhidão, descoloração e descamação da pele.

    Dermatite de contato irritante: causa está relacionada ao contato físico com algumas substâncias

    Há dois tipos de dermatite de contato – alérgica e irritante – e, embora sejam tecnicamente duas doenças diferentes, os sintomas e os tratamentos são muito semelhantes. A dermatite de contato irritante é um problema que pode ocorrer se o seu Golden Retriever entrar em contato físico com alguma substância que cause irritação à sua pele. Os agentes irritantes mais comuns são detergente, shampoo, sabão, solvente, cera, subprodutos do petróleo, plantas e perfumes.

    A dermatite atópica é uma condição de pele motivada por alérgenos ambientais

    A dermatite atópica canina (atopia) é uma alergia causada por algo presente no ambiente, como pólen, bolores, ácaros da grama e poeira. Entre os sintomas está a comichão na pele, principalmente em áreas da patas, orelhas, barriga e axilas. Quando o cão coça, lambe ou morde a região sem parar, a pele geralmente fica avermelhada, dolorida e aberta à infecção. Devido à natureza hereditária da doença, várias raças de cães estão predispostas a tê-la, como o Golden Retriever, Labrador e Bulldogue.

    Cuidado: as alergias podem levar o Golden Retriever a desenvolver otite externa

    As infecções de ouvido são comuns em cães, e algumas raças com problemas subjacentes e orelhas grandes – como o Golden Retriever – têm maior risco de apresentar esse tipo de condição médica. Vários fatores diferentes podem contribuir para o desenvolvimento da otite externa, incluindo as alergias alimentares, parasitas, alérgenos ambientais e outros agentes responsáveis por inflamações e coceiras.

    Como evitar alergias de pele nos Goldens Retrievers?

    • Durante os passeios, reduza a exposição do animal aos alérgenos ambientais, como pólen e grama recém-cortada. Ao retornar, limpe o seu cãozinho com um pano úmido, com atenção especial às patas;
    • Para afastar os ácaros, limpe a casa frequentemente, assim como a cama do seu Golden e outros lugares que ele costuma deitar;
    • Se o cachorro for alérgico a mofo, use desumidificadores nos ambientes da casa para reduzir a umidade do ar;
    • Use um shampoo específico para cachorros e prescrito por um veterinário. O produto pode remover muitos dos alergênicos que grudam na pelagem;
    • Faça visitas regulares ao veterinário para que ele identifique os problemas de pele em seu estágio inicial. O profissional também pode orientá-lo sobre os métodos de prevenção de parasitas mais eficazes;

    Golden: cachorro deve ser levado ao veterinário assim que o problema de pele for identificado pelo tutor

    Ao observar que o seu cachorro Golden Retriever está com algum tipo de alteração na pele, marque imediatamente uma consulta com o veterinário de sua confiança. A avaliação precoce dos animais de estimação pode ajudar a evitar problemas mais graves, como infecções secundárias de pele. Muitas doenças alérgicas são tratáveis ??e têm um excelente prognóstico a longo prazo, principalmente se forem diagnosticadas precocemente.

    Redação: Guilherme Segal

    Como aumentar a imunidade do cachorro? Qual o impacto na saúde? Saiba tudo sobre o sistema imunológico canino

    Próxima matéria

    Como aumentar a imunidade do cachorro? Qual o impacto na saúde? Saiba tudo sobre o sistema imunológico canino

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno
    Saúde

    Pug com alergia: saiba quais os tipos mais comuns da raça de cachorro pequeno

    Há quem pense que todos os cães enfrentam o mesmo tipo de problemas ao longo da vida, mas não é bem assim. Algumas raças de cachorro têm detalhes muito característicos na anatomia que favorecem o desenvolvimento de condições específicas. Uma prova disso são os casos de alergias em Pugs: por causa das dobrinhas e rugas que têm pelo corpo, eles acabam tendo uma propensão maior a desenvolver diferentes tipos de dermatites alérgicas. Por isso, ao dar as boas-vindas a um Pug na sua casa, o ideal é que você saiba o que pode causar essas alergias e como reagir caso o seu animalzinho apareça com algo do tipo. Hoje, o Patas da Casa vai ao seu socorro: descubra, aqui embaixo, mais sobre esse problema!

    Tosa de Poodle: quais são os tipos de corte mais comuns na raça?
    Higiene

    Tosa de Poodle: quais são os tipos de corte mais comuns na raça?

    O Poodle é uma das raças mais versáteis quando o assunto é tosa de cachorro! Embora esses cães possam ser de diferentes tamanhos (toy, anão, médio ou standard), todos eles carregam uma característica em comum: a possibilidade de fazer vários penteados com a sua pelagem. A tosa para Poodle pode variar bastante, mas existem algumas que são mais populares, como o corte Kennel, a tosa bebê e a tosa leão, que também é chamada de tosa “pompom”. Geralmente, a escolha por cada uma delas é pura estética, e vai muito do gosto do tutor. Que tal conhecer os principais tipos de tosa de Poodle? A gente te conta tudo que você precisa saber para deixar seu cãozinho bem bonito e pomposo, chega mais!

    Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?
    Alimentação

    Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?

    A alergia alimentar em cães é uma resposta exagerada do sistema imunológico a determinados agentes invasores presentes na ração de cachorro e outros alimentos. O cachorro com alergia alimentar pode se tornar alérgico a diversos tipos de comidas, incluindo aquelas que já fazem parte do consumo do dia a dia há anos. Geralmente, os fatores mais comuns que geram alergia em cachorro são a presença de corantes nas rações e o tamanho da proteína processada. 

    Vermífugo para cachorro: como dar e quais são os tipos de vermes mais comuns em cães
    Verme

    Vermífugo para cachorro: como dar e quais são os tipos de vermes mais comuns em cães

    O vermífugo para cães é o primeiro remédio que os filhotes devem tomar. Geralmente, os recém-nascidos adquirem vermes durante a gestação e através da amamentação. Para prevenir problemas futuros, é importante dar a primeira dose do remédio para o cachorro filhote entre o 15º e 20º dia de vida.

    Ver Todas >

    Castração de gato: quais os cuidados que você deve ter no pós-operatório?
    Saúde animal

    Castração de gato: quais os cuidados que você deve ter no pós-operatório?

    A castração de gato é um procedimento cirúrgico que vai muito além de evitar a gravidez indesejada e o possível abandono de animais: ela também é uma forma de cuidar da saúde do seu amigo de quatro patas. No entanto, é comum que muitos tutores se sintam inseguros com a cirurgia, principalmente porque é necessário ter alguns cuidados antes e depois de castrar gato. 

    Cálculo renal em gatos: como se desenvolve? Tem cura? Veterinária explica tudo sobre o problema
    Saúde animal

    Cálculo renal em gatos: como se desenvolve? Tem cura? Veterinária explica tudo sobre o problema

    Não é mistério que os felinos têm certa dificuldade para beber água no dia a dia. A questão é que muitas vezes isso acaba desencadeando vários problemas na saúde do gato, principalmente no sistema urinário, trazendo grande preocupação para os tutores. O cálculo renal em gatos é uma doença mais comum do que se imagina e precisa de alguns cuidados. Por isso, é essencial saber identificar um gato com problema renal para procurar a ajuda de um especialista o quanto antes. 

    Cardiomiopatia dilatada em cães: veterinária explica como a doença se desenvolve
    Saúde animal

    Cardiomiopatia dilatada em cães: veterinária explica como a doença se desenvolve

    Os cachorros são companheiros incomparáveis e donos de um grande coração. Mas o tutor deve estar sempre atento a saúde deste órgão, pois esses animais também podem sofrer com alguns tipos de cardiopatia em cães. Algumas dessas doenças cardíacas são bastante comuns, como é o caso da cardiomiopatia dilatada em cães. Apesar do nome difícil, é muito importante saber tudo sobre essa doença que atinge o coração dos cachorros.

    Complexo gengivite-estomatite felina: entenda mais sobre a inflamação oral que atinge os gatos
    Saúde animal

    Complexo gengivite-estomatite felina: entenda mais sobre a inflamação oral que atinge os gatos

    Ter um gatinho não é só diversão: é preciso também saber cuidar da saúde do animal. Alguns problemas podem surgir quando menos se espera, e cabe ao tutor saber como identificá-los e o que fazer nesses momentos. É provável que você nunca tenha ouvido falar do complexo gengivite-estomatite felina (também chamado de gengivite-estomatite-faringite felino), não é mesmo?

    Ver Todas >