close
Saúde

Gato mancando: quais as causas e como tratar?

Atualizado · 18 de maio de 2020 · 18h26

Publicado · 18/05/2020 · 18h26

Gato mancando pode indicar uma série de problemas com o animal, fique atento!
Gato mancando pode indicar uma série de problemas com o animal, fique atento!

Perceber um gato mancando é uma situação que preocupa diversos tutores, e não é à toa: este sintoma, geralmente, quer dizer que o seu amigo está com dor e precisando de ajuda. Seja por causa de algum machucado na pata ou porque o animal está com algum problema mais sério, como um traumatismo, é preciso analisar a situação e procurar entender as causas por trás do sintoma. O gato mancando pata dianteira ou traseira pode indicar diferentes problemas e para cada um deles existe um tratamento específico. Por isso, saiba quais são as causas mais comuns para esse quadro e o que fazer ao notar um gato mancando!

Entenda por que gato mancando é motivo para preocupação

Notou que o seu gatinho não está andando normalmente? É preciso redobrar a atenção, pois o gato mancando (pata dianteira ou traseira) quer dizer que seu amigo está com problemas. A pata dos felinos - e principalmente a almofadinha - é uma região muito frágil, e que fica em contato constante com o chão, o que aumenta ainda mais a sua vulnerabilidade. Por isso, não é difícil imaginar por que os gatos têm uma facilidade enorme em machucar as patinhas, não é mesmo?

Às vezes, um espinho ou uma farpa pode acabar “entrando” nas almofadinhas do animal, causando grande incômodo e deixando o gato mancando. Em outros casos, o solo muito quente pode acabar queimando as patas do seu amigo, e por isso ele assume essa postura. Além disso, também existem cenários onde o motivo é mais óbvio, como quando o gato sofre algum tipo de acidente - como um atropelamento ou uma queda, por exemplo.

Mas sabia que além dessas causas, o motivo para o gato mancando pata traseira ou dianteira às vezes pode estar atrelado a alguma doença? Pode ser um problema diretamente relacionado à articulação ou com a coluna do felino, mas também pode se tratar de uma doença mais silenciosa, como o câncer nos ossos. De qualquer forma, é sempre essencial procurar por outros sintomas no seu amigo de quatro patas.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Para ajudar o gato mancando, a melhor alternativa é procurar um médico veterinário
    Para ajudar o gato mancando, a melhor alternativa é procurar um médico veterinário

    Mais Lidas

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!
    Gato

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!

    Gato cinza, branco, preto, laranja, rajado ou com cores misturadas: o que não falta é variedade quando o assunto é a cor do gato. Esse, inclusive, acaba sendo um dos maiores critérios que os tutores usam na hora de adotar um bichano e, acredite se quiser, isso pode ajudar bastante a entender o comportamento do animal no dia a dia. Nem todo mundo sabe, mas é possível definir a personalidade dos gatos pela cor (ou pelo menos chegar muito próximo disso).

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Gato

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Gato

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Gato

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    “Meu gato está mancando”: 9 possíveis causas para o problema

    • Tendinite

    • Fratura

    • Queimadura nas patas

    Unha quebrada

    • Contusão

    • Distensão muscular

    • Espinhos, farpas ou pedaço de vidro na pata

    • Doença articular, como displasia de quadril

    • Doenças sistêmicas, como diabetes ou câncer nos ossos

    Gato mancando: o que fazer ao notar o sintoma?

    Ao perceber o gato mancando, o tutor deve investigar se existe algum objeto na pata do animal que está causando algum incômodo nele, como farpas, espinhos ou até mesmo um pedaço de vidro. Se o motivo não for aparente, o ideal é levar seu pet para uma consulta veterinária o quanto antes. Só com um diagnóstico realizado por um especialista será possível entender a real causa por trás do gato mancando. Desta forma, o médico veterinário também poderá indicar qual é o melhor tratamento para o caso.

    Como as causas podem variar, é importante ter em mente que o tratamento também não vai ser o mesmo para todos os animais. Pode ser que um simples medicamento, como anti-inflamatório, resolva o problema, mas em alguns casos mais complexos, a intervenção cirúrgica também pode ser uma opção. Isso tudo vai depender exclusivamente da análise feita pelo profissional, que vai solicitar radiografias, biópsias e uma série de exames para chegar ao diagnóstico correto e ao melhor tipo de tratamento.

    Como cuidar de um gato mancando?

    Em primeiro lugar, é importante nunca automedicar o pet. Como o tutor não sabe ao certo o motivo pelo qual o animal está mancando, a automedicação pode parecer uma boa ideia à princípio, mas que pode trazer graves consequências para o bichano em vez de ajudá-lo. Portanto, o ideal mesmo é que um veterinário seja consultado para saber o que está acontecendo com o seu amigo de quatro patas. Depois disso, basta seguir as orientações dadas por ele, já que, bem provavelmente, o gatinho vai precisar de alguns medicamentos anti-inflamatórios. Além disso, para ajudar a controlar a dor, tratamentos como acupuntura e fisioterapia também podem ser recomendados, dependendo do caso.

    Redação: Juliana Melo

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida

    Próxima matéria

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida

    Gato com heterocromia: quais as causas, relação com surdez, cuidados e muito mais
    Saúde

    Gato com heterocromia: quais as causas, relação com surdez, cuidados e muito mais

    Todo mundo que vê um gato com heterocromia pela primeira vez se surpreende com o charme e a excentricidade destes bichanos. Mesmo que não seja uma exclusividade dos felinos, já que cães e humanos também podem ter essa condição peculiar, ver um gato com um olho de cada cor é algo que chama a nossa atenção. Nessas horas, muitas dúvidas passam pela cabeça, como, por exemplo, o que causa a heterocromia e como isso se desenvolve ou quais são necessários com um gato com duas cores de olho.

    Gatos: o que é a criação indoor e quais as vantagens?
    Cuidados

    Gatos: o que é a criação indoor e quais as vantagens?

    Ninguém pode negar: os gatos são verdadeiros fãs da voltinhas noturnas. Mas, como bem sabemos, a rua nem sempre é um lugar seguro e criar o seu bichano em casa pode garantir uma vida mais longa. Por isso, a criação indoor tem se tornado cada vez mais popular entre os gateiros de plantão, uma vez que gatos criados dessa forma podem chegar até o dobro da idade em comparação aos que vivem de forma livre. Para saber mais sobre essa modalidade, o Patas da Casa separou as principais vantagens da criação de gatos indoor. Dá uma olhada!

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!
    Saúde

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!

    O plano de saúde para gatos pode ser uma ótima alternativa para quem tem um felino em casa! Os pets fazem parte da família e, como qualquer ente querido, demandam atenção e cuidados especiais. No caso dos gatinhos, essa série de precauções inclui check-ups anuais, vacinas e visitas frequentes ao consultório veterinário. Manter essa rotina saudável não precisa, necessariamente, ser um peso no orçamento.

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar
    Cuidados

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar

    Quem se pergunta como cuidar de um cachorro ou gato por estar dando as boas-vindas a um desses animais em casa em breve vai descobrir que a adaptação do ambiente é mais do que necessária. Buscando a segurança e o conforto do seu novo amigo, é normal instalar telas de proteção e liberar um cantinho para a cama e a ração dele, mas muita gente passa direto pelas plantas: algumas espécies bem comuns em jardins, quintais e vasinhos são tóxicas quando ingeridas e podem até ser fatais.

    Ver Todas >

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?
    Gato

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?

    O pelo de gato exerce uma função importante tanto na proteção do corpo e da pele, como também na linguagem corporal felina. Sim, é isso mesmo: mesmo sem um vocabulário, os bichanos são capazes de expressar sentimentos e vontades com movimentos, posições específicas e até mesmo com o estado da pelagem. Se você já viu um gato arrepiado, deve entender do que estamos falando!

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção
    Gato

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção

    Ao decidir abrir as portas de casa para um bichano, vários tutores se inspiram em nomes de gatos famosos para apelidar o próprio pet. E acredite: existem muitas referências de gatinhos bem populares, principalmente quando entramos no mundo da ficção. Filmes, séries, quadrinhos, gibis, animações: em todos esses cenários é possível encontrar personagens totalmente icônicos.

    Comportamento do gato: aprenda alguns exercícios para estimular a cognição do seu pet
    Gato

    Comportamento do gato: aprenda alguns exercícios para estimular a cognição do seu pet

    Oferecer brinquedos interativos para gatos e investir em exercícios mentais normalmente são uma excelente forma de estimular as habilidades cognitivas do seu amigo de quatro patas. Afinal, mesmo que os felinos não tenham a mesma capacidade de raciocínio dos seres humanos, eles são bem inteligentes e capazes de aprender muita coisa. Além do mais, quando os instintos selvagens dos gatos são instigados, a cognição também é estimulada. 

    Onde colocar a caixa de areia do gato?
    Gato

    Onde colocar a caixa de areia do gato?

    A caixa de areia para gatos é, sem dúvidas, um dos itens mais importantes na hora de receber um felino em casa. Higiênicos por natureza, esses animais recorrem ao acessório por instinto para fazer as suas necessidades fisiológicas. No entanto, também pode acontecer de você flagrar um gato fazendo xixi e cocô no lugar errado, mesmo com a caixinha disponível. Nesses casos, a localização da caixa de areia pode ser um dos motivos que levam o bichano a agir desta forma.

    Ver Todas >