close
Comportamento

Gato e árvore de natal: 8 dicas para montar uma decoração segura para felinos

Atualizado · 15 de dezembro de 2021 · 19h29

Publicado · 15/12/2021 · 19h22

Gato e árvore de Natal é uma relação que pode dar certo com alguns cuidados
Gato e árvore de Natal é uma relação que pode dar certo com alguns cuidados

Gato e árvore de Natal não é uma das melhores combinações do mundo. Os felinos se sentem super instigados com os enfeites natalinos, então as chances de acabarem derrubando a árvore com toda a decoração são altas. Isso acontece porque os gatos têm instintos predadores e eles se sentem verdadeiramente atraídos por tanta “informação” presente na árvore, como bolinhas, pisca-pisca e outros itens decorativos. Tudo isso parece muito divertido para brincar, mas acaba se tornando uma grande preocupação para os tutores.

Por isso, se você tem alguma dúvida de como ter árvore de Natal e gato em casa, chegou a hora de acabar com o problema: o Patas da Casa reuniu 8 dicas que vão te ajudar a manter todos a salvo! É só acompanhar abaixo.

1) O tamanho da árvore de Natal não precisa ser muito grande

Para evitar qualquer problema entre a árvore de Natal e gatos, o primeiro ponto que deve ser considerado é o tamanho da árvore. Dependendo do comportamento do gato e do nível de curiosidade dele, o ideal é procurar por versões menores, como uma árvore de Natal de mesa. Além de ser algo menos chamativo para o animal, mesmo que ele tente atacá-la ou derrubá-la, o estrago vai ser muito menor do que no caso de uma árvore grande e cheia de decorativos.

2) A base da árvore de Natal deve ser sólida e bastante firme

Não pode dar bobeira quando se trata de gatos e árvores de Natal na mesma casa. Por isso, independentemente da personalidade e comportamento do seu bichano, o mais seguro para todos é firmar uma base bem sólida para a árvore. Uma forma de fazer isso é colocando fita crepe ou papel alumínio no pé dela. Os gatos normalmente não gostam desse tipo de material, então eles não vão chegar nem perto da base, evitando derrubá-la por completo.

3) Às vezes é melhor esperar um pouco antes de começar a decorar a árvore

Se você tem um gato extremamente curioso e que gosta de explorar todos os cantinhos da casa, talvez seja melhor esperar o Natal se aproximar antes de montar toda a decoração. Para os gatos, a árvore de Natal é uma novidade cheia de apetrechos e objetos diferentes, então já é algo que, por si só, vai chamar sua atenção. Portanto, uma dica é fazer tudo aos poucos: primeiro coloque a árvore e veja a reação do pet. Depois comece com alguns itens decorativos que não sejam tão chamativos, e vá adicionando a decoração aos poucos até a árvore ficar pronta.

4) Para evitar atrito entre o gato e árvore de Natal, não coloque a decoração na frente do pet

O instinto caçador dos gatos sempre fala alto. Então, para não despertar o lado predador dos felinos, a recomendação é não decorar a árvore na frente deles. A lógica é simples: para os gatos, a árvore de Natal é entretenimento puro e, ao colocar os itens decorativos perto desses animais, eles pensam que isso é um convite para brincar. Eles enxergam os enfeites como presas, e quando eles veem uma bolinha se mexendo ou alguma decoração reluzente, isso logo transforma a árvore de Natal em um objeto intrigante. Na hora da decoração, uma dica é deixar o gatinho preso em algum outro cômodo da casa.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Árvore de Natal e gatos: evite itens decorativos muito chamativos, brilhantes e que se mexam
    Árvore de Natal e gatos: evite itens decorativos muito chamativos, brilhantes e que se mexam

    Mais Lidas

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!
    Comportamento animal

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!

    Gato cinza, branco, preto, laranja, rajado ou com cores misturadas: o que não falta é variedade quando o assunto é a cor do gato. Esse, inclusive, acaba sendo um dos maiores critérios que os tutores usam na hora de adotar um bichano e, acredite se quiser, isso pode ajudar bastante a entender o comportamento do animal no dia a dia. Nem todo mundo sabe, mas é possível definir a personalidade dos gatos pela cor (ou pelo menos chegar muito próximo disso).

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?
    Comportamento animal

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?

    A linguagem corporal canina é tão expressiva que às vezes é possível entender os cães mesmo que eles não falem. Seja qual for a personalidade do cachorro, todos têm um comportamento canino tão revelador que, só de movimentar as orelhas, já dá para perceber o que o pet sente ou quer. Porém, não são apenas os humanos que compreendem a linguagem de cachorro. Já aconteceu de você falar algo com seu cãozinho e ele, imediatamente, virar a cabeça?

    5) Dê preferência para enfeites menos chamativos e atraentes para gatos

    Enfeites que brilham, piscam, balançam ou são reluzentes normalmente deixam a árvore de Natal muito mais bonita, mas o problema é que os gatinhos também acham esse tipo de decoração totalmente irresistível! Então se a ideia é ter uma árvore bem bonita e enfeitada, o melhor a se fazer é investir em itens de decoração mais discretos, foscos e com menos brilho. Prefira também objetos que não giram ou mexam tanto e sejam mais fixos.

    6) Pendure os enfeites mais delicados no topo da árvore

    Se mesmo assim você quer tentar uma experiência diferente de árvore de Natal e gatos, uma boa dica é colocar os objetos decorativos mais delicados e chamativos bem no topo da árvore. Além de ser muito mais seguro para a decoração e para o animal, fica mais difícil do animal prestar atenção e alcançar os enfeites que são colocados na parte superior. Mas atenção: se seu gatinho tem um padrão de comportamento vertical e é daqueles que ama escalar qualquer lugar alto, talvez a melhor solução seja evitar a todo custo qualquer objeto muito delicado e frágil.

    7) Os fios do pisca-pisca devem ficar escondidos da vista do gato

    Uma das dicas mais importantes para manter os gatos e a árvore de Natal seguros é esconder toda a parte elétrica. Os felinos amam mexer com qualquer tipo de fio, mas isso pode ser muito perigoso e ainda corre o risco do pet levar um choque. Para evitar esse tipo de problema, não se pode deixar os fios elétricos do pisca-pisca (e nenhum outro) pendurados na árvore ou à vista do gato. Camufle-os com uma fita isolante e, se possível, cubra os fios expostos com capas protetoras para evitar que o gatinho morda ou roa.

    8) Para garantir a segurança dos gatos e árvore de Natal, você também pode usar tipos de “repelentes” felinos

    Sabia que existem alguns cheiros que gato não gosta? O melhor de tudo é que nem sempre esses cheiros são desagradáveis para o olfato humano, então você pode usar e abusar dessa informação para tentar manter os felinos longe da sua árvore de Natal. Os gatos, por exemplo, não gostam do cheiro de algumas plantas como lavanda, arruda e alecrim. As frutas cítricas, como laranja ou limão, também costumam atuar como um verdadeiro repelente para esses pets. Por isso, talvez seja uma boa ideia borrifar um pouquinho de spray na árvore de Natal para que os gatos não se aproximem tanto dela.

    Redação: Juliana Melo

    Por que cachorro boceja?

    Próxima matéria

    Por que cachorro boceja?

    Meu gato não quer comer, o que devo fazer? Dicas para cuidar da alimentação do felino
    Ração

    Meu gato não quer comer, o que devo fazer? Dicas para cuidar da alimentação do felino

    Um dos sinais mais comuns que os gatos demonstram que alguma coisa não vai bem com a saúde é não querer comer ou comer bem pouco. Os motivos podem ser os mais diversos, desde uma leve indisposição a problemas mais graves. Por isso, conhecer bem o comportamento do seu felino e ficar atento aos demais sinais é essencial para agir corretamente e buscar ajuda veterinária a tempo. Para ajudar, vamos tirar algumas dúvidas e dar dicas de como fazer o seu gato voltar a comer.

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino
    Raças

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino

    O Birmanês, que também é conhecido como gato Sagrado da Birmânia, é um animal super dócil e elegante que tem muita história para contar. O gato da Birmânia é descendente de animais que eram venerados como deuses entre o século XV e XVI nos templos budistas do sudeste asiático. Muito sensível, a raça de gato é conhecida pelo companheirismo, já que se apega facilmente à família humana. O gato Birmanês gosta de explorar e é curioso, mas diferente dos outros gatos, ele gosta da estabilidade do chão e não gosta muito de altura.

    Como dar banho em gato? 7 dicas para fazer a higiene do felino
    Cuidados

    Como dar banho em gato? 7 dicas para fazer a higiene do felino

    Dar banho em gato é um assunto que gera dúvidas e até polêmicas entre os donos do animal. Como muitos sabem, os felinos não gostam de tomar banho mas, em algumas situações, o famoso “banho de gato” pode ser necessário. O próprio gatinho é responsável por sua higiene, já que a sua língua tem filamentos capazes de retirar impurezas e sujeiras que ficam na pelagem.

    Quantas horas um gato dorme por dia? Gatos sonham? Saiba tudo sobre o ciclo do sono dos felinos
    Comportamento

    Quantas horas um gato dorme por dia? Gatos sonham? Saiba tudo sobre o ciclo do sono dos felinos

    Não há nada mais fofo do que ver um gato dormindo. Essa, inclusive, é uma cena bastante comum na vida dos pais de pet, já que os felinos aproveitam boa parte da vida intercalando sonecas. Mas você já parou para pensar quantas horas dorme um gato? Às vezes parece até que esse ciclo dura o dia todo… será que esse é um comportamento normal ou pode ser motivo de preocupação? O que os gatos sonham (se é que ele sonham)? São muitas perguntas que precisam ser respondidas, mas não se preocupe. 

    Ver Todas >

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida
    Comportamento animal

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida

    O Gato-do-deserto é uma raça de gato selvagem que vista de longe parece um filhote fofinho. Mas se engana quem pensa que essa pode ser uma raça de gato indefesa e carinhosa como os felinos que estamos acostumados. O nome científico dele é Felis Margarita (também chamado de Gato-da-areia Árabe): uma raça de gatos que se esconde no intenso calor diurno e extremo frio noturno de desertos do Oriente Médio. 

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?
    Comportamento animal

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?

    O pelo de gato exerce uma função importante tanto na proteção do corpo e da pele, como também na linguagem corporal felina. Sim, é isso mesmo: mesmo sem um vocabulário, os bichanos são capazes de expressar sentimentos e vontades com movimentos, posições específicas e até mesmo com o estado da pelagem. Se você já viu um gato arrepiado, deve entender do que estamos falando!

    Como treinar cachorro para frequentar locais pet friendly?
    Comportamento animal

    Como treinar cachorro para frequentar locais pet friendly?

    O termo “pet friendly” nunca esteve tão em alta quanto agora. Todo mundo sabe que os cães são grandes companheiros dos humanos e carregam até o título de melhores amigos. Mas, mesmo fazendo parte da nossa família há tanto tempo, foi recentemente que esses pets conquistaram um “espaço” definitivo nos momentos de lazer dos tutores. É aqui que entra a ideia de pet friendly: hotéis, pousadas, restaurantes, shoppings, mercados e vários outros estabelecimentos hoje em dia recebem os peludos de braços abertos (em alguns cidades, como no Rio de Janeiro, é lei!).

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção
    Comportamento animal

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção

    Ao decidir abrir as portas de casa para um bichano, vários tutores se inspiram em nomes de gatos famosos para apelidar o próprio pet. E acredite: existem muitas referências de gatinhos bem populares, principalmente quando entramos no mundo da ficção. Filmes, séries, quadrinhos, gibis, animações: em todos esses cenários é possível encontrar personagens totalmente icônicos.

    Ver Todas >