close
Adestramento

É possível adestrar cachorro em casa? Veja algumas dicas para começar!

 Como adestrar seu cachorro: veja algumas dicas para treinar o seu amigo em casa!
Como adestrar seu cachorro: veja algumas dicas para treinar o seu amigo em casa!

O sonho de todo pai ou mãe de pet é, certamente, saber como adestrar um cachorro. Cheios de energia e muito curiosos, os cães não perdem a oportunidade de brincar e, muitas vezes, acabam fazendo travessuras que deixam qualquer tutor de cabelo em pé. Ensinar limites e alguns comandos fazem toda a diferença no comportamento do animal, já que esse tipo de direcionamento faz bem aos animais e, inclusive, melhora a comunicação com eles. Se você não pode pagar um adestrador de cães profissional, saiba que é possível ensinar alguns truques que ajudam a tornar o seu amigo de quatro patas um pouco mais obediente. Pensando nisso, listamos algumas dicas de como adestrar seu cachorro em casa - separe os petiscos, chame o seu bichinho e vamos começar!

Adestrar cachorro em casa: benefícios para o cãozinho e o dono

Adestrar cachorro em casa pode melhorar a comunicação entre o tutor e o animal. Por isso, é uma boa forma de modelar alguns comportamentos indesejáveis, como xixi fora do lugar e puxões durante os passeios, de maneira saudável e amigável. Além disso, o adestramento positivo ajuda a estreitar os laços entre o cãozinho e o seu dono, o que favorece a rotina da família em casa.

Sendo assim, por mais impossível que essa missão possa parecer, vale a pena apostar. Mas, antes de começar, é importante que o tutor saiba que nem todos os truques serão fáceis de serem ensinados. Os comandos básicos, por exemplo, como dar a pata e deitar, não são tão complicados. Já outros, como os treinos para cão de guarda, exigem acompanhamento de um profissional especializado.

Como adestrar cachorro filhote: quanto mais cedo, melhor? 

Os treinos nos primeiros meses de vida do animal são super importantes para que ele cresça mais tranquilo e sabendo seus limites. No entanto, qualquer cachorro pode ser adestrado, seja filhote, adulto ou idoso. O mais importante é entender que não existe uma fórmula mágica para o adestramento e que você precisa adaptar os treinos de acordo com a idade, nível de energia, interesse por comida e até a personalidade do animal. Por isso, é preciso saber as características do seu cãozinho e respeitá-las. Se for um animal mais velhinho, por exemplo, é normal que alguns hábitos fazem parte do temperamento dele, o que pode exigir mais repetições, tempo e paciência por parte do tutor.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Como seu gato reage com a chegada de visitas em casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você está pensando em adotar mais um gatinho. Qual seria a reação do seu felino?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você precisa levar seu gato ao veterinário e na fila ele encontra outro felino. Como ele reage?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato fica incomodado quando as portas de casa ficam fechadas?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta com os outros animais da casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você acabou de chegar em casa depois de muito tempo fora. O seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato deitou em cima da sua cama e dormiu. Qual a sua reação, humano?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta na hora de se alimentar?

Question Header Background

Gato-humano! Seu gato não perde a oportunidade de estar ao seu lado Gato solitário! Seu gato tem uma personalidade mais quieta e reservada Gato-gato!  Seu gato gosta da companhia de outros felinos Gato curioso! Seu gato está sempre em busca de novas aventuras Gato caçador! Seu gato tem os instintos selvagens mais aflorados
     Como adestrar cachorro: o uso de petiscos e clicker pode facilitar o processo para o tutor e o animal
    Como adestrar cachorro: o uso de petiscos e clicker pode facilitar o processo para o tutor e o animal

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    “Como adestrar meu cachorro?” Veja algumas dicas para treinar o seu amigo em casa

    Adestrar cachorro em casa é um processo que requer paciência e técnicas corretas. Nós sabemos que nem sempre é fácil ensinar novos comandos e, principalmente, eliminar hábitos indesejáveis dos nossos amigos. Por isso, separamos algumas dicas de como adestrar um cachorro em casa: 

    1) Estabeleça uma rotina para o cachorro

    É extremamente importante que o seu cãozinho tenha uma rotina. Horários para comer e passear, por exemplo, devem ser previamente estabelecidos. Caso contrário, o seu amigo pode ficar frustrado, ansioso e até mesmo agressivo, dificultando o adestramento. Além disso, é preciso seguir um cronograma de alimentação. Desta forma, você evita que o animal sinta vontade de comer ou fazer as necessidades durante o treino.

    2) Divida o treino em sessões regulares

    Quando se trata de adestrar cachorro em casa, é importante que o treinamento seja dividido em sessões curtas e regulares para que o seu amigo não fique sobrecarregado. Experimente começar com duas sessões diárias de cinco minutos. Conforme o seu cãozinho for se acostumando, você pode fazer apenas uma sessão de 10 minutos por dia. Mas lembre-se: nada de extrapolar o tempo, ok? Dez minutinhos são suficientes.

    3) Não esqueça de repetir os comandos de adestramento

    O adestramento nada mais é do que um treino. Por isso, é importante que os comandos ensinados ao seu cachorro sejam repetidos algumas vezes até que o animal aprenda o que você deseja – seja sentar, dar a pata, deitar ou ficar. Mas nada de forçar a barra, ok? Para atingir o sucesso, o tutor deve ter paciência, respeitar os limites do animal e não cobrar uma perfeição imediata. Faça sempre treinos curtos e dê uma pausa para o seu cãozinho respirar! 

    4) Dê recompensas ao seu amigo durante os treinamentos

    Conforme o seu pet for aprendendo os comandos, você pode (e deve!) recompensá-lo. Nesse caso, o uso de petiscos para cachorro são sempre bem-vindos. Quanto mais vezes ele for recompensado ao acertar um novo truque, mais rápido o animal vai entender o que você deseja. 

    5) Considere o adestramento com clicker

    Além dos petiscos, existe uma outra ferramenta que pode te ajudar no processo de adestramento: o clicker. O acessório é um aparelhinho que lembra um controle remoto de portão automático e emite o som de “click” sempre que o botão é apertado. Como os cachorros costumam perder a atenção com facilidade, o clicker é uma boa forma de reforçar as ações certas que são recompensadas, geralmente, com os biscoitos para cachorro.

    Adestrar cachorro: lembre-se que os limites do seu amigo vêm em primeiro lugar

    Ver um cãozinho obedecendo perfeitamente os comandos básicos é realmente encantador. No entanto, a regra número 1 quando o assunto é como adestrar cachorro é que os limites do seu amigo vêm sempre em primeiro lugar. Por isso, você deve ter paciência e não cobrar um feedback imediato. Caso contrário, o seu cãozinho pode associar o adestramento a algo negativo e ficar estressado. 

    Redação: Úrsula Gomes

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer

    Próxima matéria

    Arranhador para gatos: benefícios, todos os tipos e modelos e como fazer

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa
    xixi

    Seu cachorro só faz necessidades na rua? Veja 5 dicas de um adestrador para o animal fazer xixi e cocô em casa

    Muitos cachorros domésticos são acostumados a fazer suas necessidades apenas na rua. Alguns tutores preferem acostumar os amiguinhos peludos assim por questões de higiene e limpeza e aproveitam para passear com os animais na hora de fazer xixi e cocô. Mas, nesse período de isolamento social e quarentena, pode não ser uma boa ideia levar seu cão para a rua. Uma alternativa para isso é acostumar seu cachorro a fazer as necessidade dentro de casa, em um local selecionado por isso. Para quem não sabe como fazer isso, o Patas da Casa conversou com o Max Pablo, passeador e adestrador de cães, que contou 5 dicas para fazer a adaptação.

    Vai se mudar de casa? Veja algumas dicas para adaptar seu gato ao novo ambiente!
    Comportamento

    Vai se mudar de casa? Veja algumas dicas para adaptar seu gato ao novo ambiente!

    Gatos são conhecidos pela independência e instinto territorialista, mas a verdade é que os felinos também são muito apegados aos seus pertences. Casa, brinquedos, caminha, móveis e humanos, tudo entra nessa lista. Se o seu gato costuma ter um lugar preferido para dormir ou ama ficar na janela observando o movimento da rua, saiba que qualquer mudança na rotina pode deixá-lo estressado, ansioso e até doente.

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa
    Higiene

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa

    Manter o cachorro sempre limpo vai além da questão de deixar seu animal cheiroso, principalmente para quem dorme ou deixa o pet deitar na cama e no sofá. A higiene regular do seu cão impede o surgimento de parasitas e doenças de pele. Mas dar banho em cachorro em casa pode ser uma missão bastante trabalhosa! Com algumas dicas, você pode tirar de letra e ainda deixar seu bichinho limpo para colocar a pata onde quiser. Mesmo que tenha o hábito de levá-lo no pet shop, é bom saber o que fazer para situações de emergência ou até mesmo para economizar uma grana.

    Como fazer o cachorro dormir a noite toda? Veja algumas dicas para colocar em prática!
    Cuidados

    Como fazer o cachorro dormir a noite toda? Veja algumas dicas para colocar em prática!

    Uma dúvida que acomete vários tutores (principalmente os pais de pet de primeira viagem) é como fazer o cachorro dormir a noite toda. Muitas vezes essa parece ser uma missão impossível, ainda mais quando o cãozinho tem energia de sobra ou é um filhote que chora quando fica sozinho. Mas nem tudo está perdido: existem algumas técnicas que são ótimas para melhorar a qualidade de sono dos pets e também servem para combater a insônia. 

    Ver Todas >

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?
    Comportamento animal

    Cachorro que come fezes: quais são as causas da coprofagia canina?

    O cachorro que come fezes é uma situação que pode acontecer por diferentes motivos, mas sempre causa estranhamento entre os tutores. O hábito, também chamado de coprofagia canina, às vezes é encarado como algo engraçadinho, mas precisa de muita atenção. Isso porque a ingestão de fezes a longo prazo pode ser um verdadeiro problema para a saúde do seu amigo de quatro patas, que pode ser facilmente infectado por parasitas, bactérias e outros microrganismos presentes no dejeto.

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?
    Comportamento animal

    Gato Siamês e vira-lata: como identificar cada um?

    O gato Siamês é uma das raças mais populares no Brasil. Já a raça de gato SRD (Sem Raça Definida), o famoso gato vira lata, também não fica para trás. Você com certeza já deve ter se esbarrado por aí com um filhote de gato vira-lata que tem as características do gato Siamês (olhos azuis, pelagem acinzentada e extremidades num tom mais escuro). Esse é um Siamês mestiço, conhecido como Sialata, uma mistura entre os dois. Mas como diferenciar os tipos de gatos siameses e vira-latas? 

    Qual a diferença entre o Pastor Alemão e o Pastor Belga?
    Comportamento animal

    Qual a diferença entre o Pastor Alemão e o Pastor Belga?

    As raças Pastor Alemão e Pastor Belga se parecem tanto que é comum que as pessoas confundam as duas raças de cachorro. Apesar de compartilharem algumas semelhanças, eles são bem diferentes em vários aspectos. Dá até para fazer uma lista de diferenças entre os dois cachorros, mas o ponto principal para conseguir distinguir um do outro é observar os detalhes do corpo de cada um. Tanto as características físicas quanto os aspectos comportamentais desses animais são bastante particulares. 

    Filhote de Pitbull: saiba o que esperar sobre o comportamento da raça
    Comportamento animal

    Filhote de Pitbull: saiba o que esperar sobre o comportamento da raça

    O filhote de Pitbull é um cãozinho que, assim como qualquer outro, precisa ser tratado com afeto. Apesar dos estereótipos que acompanham o American Pitbull Terrier — ou só Pitbull mesmo, como é conhecido por aqui —, as coisas nem sempre são o que parecem e o comportamento do Pitbull pode te surpreender. Além de fortes e super inteligentes, eles são carinhosos e apegados aos donos, principalmente às crianças.

    Ver Todas >