Gato

Cura para a PIF felina? Cientistas têm boas respostas em testes de novo tratamento contra a doença

Publicado - 01 Setembro 2023 - 10h00

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Erica Baffa / Especialista em Medicina Felina

CRMV CRMV-ES: 1124

Graduada em Medicina Veterinária pela Universidade Vila Velha (UVV) em 2007. Pós-graduação em Clínica Médica e Cirúrgica de Felinos pelo Instituto Qualittas (2017). Membra da Academia Brasileira de Clínicos de Felinos (ABFEL), responsável pelo setor de medicina felina do hospital SOS Veterinário.

Laura Furtado / Redatora

Jornalista em formação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. Desde pequena, sempre tive um amor e carinho especial por todos os animais. Quando completei 6 anos, meus pais me presentearam com um cãozinho da raça Bichon Frisé que chamamos de Billy. Foi o dia mais feliz da minha vida, fiquei horas chorando sem acreditar que ele era meu. Billy viveu 14 anos com a gente, mas virou uma estrelinha em 2019 depois de uma história linda ao nosso lado.

Em 2019, ganhei da minha sogra uma Dachshund, o famoso salsichinha, e desde então minha vida voltou a fazer sentido. Pode parecer clichê, mas nada explica o sentimento de amor e carinho que ter um pet proporciona. Nós decidimos chamar ela de Teteia, e não poderia existir nome melhor pra descrever ela. Teteia significa moça atraente, e a minha Teteia salsicha é realmente a coisa mais linda do mundo, além de ser extremamente carinhosa, companheira e engraçada.

Em 2023, participei de uma entrevista e entrei para o time do Patas da Casa. Fiquei muito feliz, porque sempre tive afinidade e carinho pelos animais, e não há nada melhor do que escrever sobre coisas que a gente ama, né. Me identifiquei de cara com os valores do Patas e sempre considerei o projeto de suma importância para tutores que, assim como eu, buscam se informar para garantir o melhor para os pets. Desde então, cada dia tem sido um aprendizado, e sou muito feliz por fazer parte de um projeto tão especial quanto o Patas.

• Filme com animal preferido: “Marley e Eu”
• Uma raça de cachorro: Vira-lata
• Uma raça de gato: Siamês
• A curiosidade favorita sobre cachorros: Os cães de suporte emocional podem agir como 'terapeutas', ajudando pacientes com ansiedade, depressão, autismo e estresse pós-traumático
• A curiosidade favorita sobre gatos: Os gatinhos tem efeitos positivos na sáude mental e física dos humanos
• Sobre o que mais gosta de escrever no universo pet: Comportamento animal
• Um aprendizado: Adotar cachorro ou gato pode mudar a vida das pessoas e dos animais para melhores, trazendo muito amor e felicidade
• Nome de pet favorito: Larica

Garantir a saúde do gato e o bem-estar dos felinos é fundamental para que eles tenham uma vida longa, feliz e confortável, longe de dores e incômodos. Porém, entre os diversos desafios que os tutores enfrentam nesta tarefa, a PIF felina é, com certeza, um de seus maiores pesadelos. Se você não sabe o que é PIF em gatos, ela é considerada uma das doenças de gato mais graves que podem atingir os felinos e pode ser fatal para os gatinhos. 

Para o alívio dos bichanos e também de seus tutores, cientistas têm se empenhado para conseguir tratamentos cada vez mais eficazes contra essa enfermidade que, até então, não tinha cura. Em agosto de 2023, um estudo publicado pela revista de Medicina e Cirurgia Felina acompanhou  durante um ano  18 gatos que haviam realizado o tratamento com um medicamento que já estava sendo prescrito por médicos veterinários, com objetivo de avaliar o resultado a longo prazo desse remédio no organismo do animal. 

Para entender melhor como funciona esse tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Erica Baffa, pós graduada em Clínica Médica e Cirúrgica de Felinos. Confira!

Imagem Quiz:Teste seus conhecimentos sobre a saúde de gato!

Teste seus conhecimentos sobre a saúde de gato!

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

O que é a PIF felina? 

A PIF em gatos, que possui o nome científico de Peritonite Infecciosa Felina, é uma doença viral causada por uma mutação do coronavírus felino (FCoV), um RNA vírus envelopado da família Coronaviridae. Vale dizer que, por mais que o FCoV e a PIF felina estejam relacionados, nem todo gato com o coronavírus felino no organismo é diagnosticado com PIF felino. 

Para entender melhor a relação entre eles, a doutora Erica Baffa explicou o que é a PIF e o que é o FCoV.  “O coronavírus felino é um vírus comum dos gatos que dissemina-se na população por via fecal-oral, a partir de enterócitos contaminados. Gatos podem ser persistentemente infectados e eliminar o vírus nas fezes de forma contínua ou intermitente, apesar de estarem clinicamente normais. Já a PIF felina acontece apenas em uma minoria dos gatos infectados por FCoV. Os gatos que desenvolvem a PIF precisam mutar o coronavírus entérico e serem geneticamente predispostos. E isso também justifica o porquê o coronavírus entérico felino é considerado uma doença infectocontagiosa e a PIF, não.”

Sintomas de PIF em gatos incluem febre alta, perda de peso e diarreia

Uma observação importante que vale a pena ressaltar é que a PIF em felinos e a Covid-19 não tem nada a ver entre si. O coronavírus que acomete os gatinhos faz parte do gênero Alphacoronavirus, da família Coronaviridae, enquanto o da SARS-CoV faz parte de outro gênero. Mas quais são os sintomas de PIF em gatos? O quadro está entre as principais doenças de gato silenciosas e se manifesta de forma bastante variada. Entretanto, quando falamos da PIF felina, sintomas principais incluem:

Gato laranja com olhos estreitos
Os sintomas de PIF em gatos podem ser difíceis de notar 

PIF felina: medicamento promete curar os felinos, aponta estudo

Agora que você já sabe o que é PIF em gatos, sintomas mais comuns que surgem nos bichanos, é importante conhecer o tratamento que tem dado esperanças para os amantes de felinos. Até 2019, a Peritonite Infecciosa Felina não tinha cura, porém, foi desenvolvido um medicamento que atua interrompendo o processo de construção do vírus. Ele é chamado GS-441524, um análogo de nucleosídeo que até pouco tempo era proibido de ser comercializado no Brasil. Agora, ele é liberado, mas ainda é um tratamento muito recente e pouco acessível. 

“Hoje em dia, nós, médicos veterinários, já somos autorizados a prescrever. Nós pedimos para que o tutor entre em contato com o site www.pifentinhos.com.br para encaminhar o resultado dos exames. Após isso, eles recebem um e-mail com as possibilidades de tratamento.“ Explica a veterinária Erica Baffa.

Como é feito o tratamento para PIF felina com o medicamento?

Mas afinal, como funciona o tratamento da doença PIF em gatos? Para responder essa pergunta, Erica Baffa explicou como funciona na prática o tratamento da Peritonite Infecciosa Felina com o GS-441524, um medicamento oral. “São, a princípio, 84 dias de tratamento, todas as doses devem ser dadas no mesmo horário ou o mais próximo possível disso. O tratamento pode necessitar de extensão e ajustes de dosagem conforme os resultados apresentados. Além disso, cada animal tem uma resposta individual, então a observação constante é a melhor forma de assegurar que o tratamento está funcionando.” 

PIF em gatos: acompanhamento a longo prazo mostrou a eficácia do remédio na cura total do bichano

O novo estudo publicado pela revista, que acompanhou 18 gatos doentes pelo período de um ano, mostrou que o tratamento com o GS-441524 é eficaz na cura completa do animal. Ou seja, a PIF felina não teve reincidência em nenhum gatinho durante os 12 meses de experimento. Em contrapartida, alguns bichanos apresentaram efeitos colaterais, como a linfadenomegalia abdominal e hiperestesia felina

A veterinária Erica Bessa ainda ressalta que o início do tratamento contra essa doença de gato viral extremamente perigosa é a parte mais crítica do processo. “Para que o animal responda ao tratamento, precisamos tratar todas as condições paralelas apresentadas, como a anemia, infecção, grande produção de líquido, ausência total de apetite, convulsões ou quaisquer sintomas graves. Esse suporte deve ser fornecido pela equipe veterinária que o atende, mas o tutor é responsável pelos demais cuidados que precisam ser oferecidos até que o animal responda ao tratamento, como medicações complementares, transfusão de sangue em gatos, drenagem de fluidos e alimentação forçada.”

Por mais que a PIF felina seja uma doença muito grave e arriscada para os gatinhos, é um grande alívio saber que hoje existe algo que pode ajudar os bichanos. Com muita paciência, amor e cuidados, é possível finalmente curar seu amigo de quatro patas. 

Gato

O gato Bengal é selvagem, híbrido ou doméstico? Curiosidades sobre os instintos da raça que parece um leopardo

O gato Bengal é uma das raças mais exóticas que existem por uma razão simples: eles são bem parecidos visualmente com o leopardo, um...

Adote um animal

8 características do Sphynx, o gato sem pelo

A aparência única e charmosa do Sphynx gera muita curiosidade. Afinal, não é todo dia que a gente encontra um gato sem pelo por aí, ...

Cachorro

Quais são os tipos da doença do carrapato em cachorro? Conheça as características de cada uma

A doença do carrapato em cachorro é um dos maiores temores dos tutores. O que nem todo mundo sabe é que existem diferentes tipos da ...

Cachorro

Como identificar a doença do carrapato em cachorro? Vets recomendam prestar atenção a esses 8 sinais na rotina do pet

A doença do carrapato em cachorro é uma das enfermidades mais perigosas e traiçoeiras que existem no universo canino. Infelizmente, ...

Gato

O gato Bengal é selvagem, híbrido ou doméstico? Curiosidades sobre os instintos da raça que parece um leopardo

O gato Bengal é uma das raças mais exóticas que existem por uma razão simples: eles são bem parecidos visualmente com o leopardo, um...

Adote um animal

8 características do Sphynx, o gato sem pelo

A aparência única e charmosa do Sphynx gera muita curiosidade. Afinal, não é todo dia que a gente encontra um gato sem pelo por aí, ...

Adote um animal

Qual é o maior cachorro do mundo? Conheça 6 raças gigantes que batem recordes no quesito tamanho

Você já se perguntou qual é o maior cachorro do mundo? Existe uma grande variedade de raças com características físicas diferentes, ...

Cachorro

Qual o significado de sonhar com cachorro atacando?

O significado de sonhar com cachorro é muito variado. Não é possível dizer que isso sempre vai representar algo positivo ou negativo...

Ver todas