close
Cuidados

Conheça 8 plantas que gatos podem comer!

Atualizado · 19 de maio de 2022 · 13h44

Publicado · 19/05/2022 · 13h44

As plantas para gatos mais seguras são aquelas que os bichanos podem comer sem passar mal
As plantas para gatos mais seguras são aquelas que os bichanos podem comer sem passar mal

Os gateiros devem ter um cuidado enorme com a escolha de vegetais para decorar a casa, principalmente porque existem várias plantas tóxicas para gatos, como é o caso da hera, lírio e espada-de-são-jorge. Mas, ao contrário destas espécies “perigosas”, também existem plantas que gatos podem comer e que são completamente seguras, sem chances de provocar mal estar ou intoxicar os felinos.

Até existem opções mais apropriadas de grama para gatos - como alpiste e milho de pipoca -, mas a verdade é que esses animais amam um matinho para mastigar e às vezes acabam abocanhando outras folhagens espalhadas pela casa. Por isso, saber a diferença entre plantas seguras e plantas que gatos não podem comer é fundamental! Confira uma lista abaixo com 8 espécies que não fazem mal.

1) Camomila é uma das plantas para gatos que é liberada

Uma das plantas seguras para gatos que pode ser cultivada em casa sem prejudicar os nossos amigos de quatro patas é a camomila. Essa florzinha, além de dar um charme enorme para a decoração da casa, não representa nenhum perigo se for ingerida. Pelo contrário: a camomila é uma planta que gato pode comer e até traz benefícios, melhorando o funcionamento do fígado e ajudando a reduzir dores e desconfortos estomacais.

2) Valeriana é outra planta que gato pode comer

Existem várias plantas venenosas para gatos, mas não é o caso da valeriana. Por isso, se você deseja ter a espécie em sua casa, pode ir em frente! Os felinos comumente se sentem estimulados a interagir com as folhas e flores, e às vezes até acabam comendo um pouquinho de valeriana, mas não é algo que fará mal a ele. A única atenção é não deixar que ele ingira em grande quantidade. A planta, para gatos, pode causar um efeito semelhante aos sintomas do cio: uma mescla de bem-estar e excitação. 

3) Alecrim não faz mal para a saúde dos gatos

Apesar de não ser uma das plantas tóxicas para gatos, o alecrim dificilmente vai agradar o seu felino. É claro que, dependendo do nível de curiosidade dele, o bichano pode até se aproximar e tentar comer um pedacinho de alecrim, mas essa erva é uma das que mais desagradam os felinos porque tem um cheiro que gato não gosta. Não é à toa que muitos tutores acabam usando a planta para afastar os animais de lugares “proibidos”.

4) Planta para gato comer: hortelã está na lista

Se por um lado os felinos não são muito fãs de alecrim, por outro eles amam o cheirinho de hortelã e, felizmente, essa é uma planta que gato pode comer sem problemas. Ela não é benéfica como a camomila, mas ao mesmo tempo não fará mal ao organismo do seu amigo. Então, apesar de não ser o ideal, você não precisará se preocupar com um gato vomitando caso seu bichinho de estimação não resista aos impulsos de abocanhar a planta.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Existem várias plantas que gatos podem comer, como a camomila
    Existem várias plantas que gatos podem comer, como a camomila

    Mais Lidas

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 12 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente.

    Quanto tempo vive um gato?
    Cuidados dos animais

    Quanto tempo vive um gato?

    Afinal, um gato vive quantos anos? Não é mistério que a companhia de um bichano muda a vida de qualquer pessoa para melhor, e, se dependesse de nós, nossos gatinhos viveriam para sempre. No entanto, isso não é possível e muitos tutores têm dúvidas quando o assunto é a expectativa de vida. Gato, querendo ou não, é como se fosse um filho, e é muito fácil se apegar a esses animais no dia a dia. 

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5) Erva cidreira é uma planta que não é tóxica para os gatos

    A erva cidreira não apenas é uma planta segura, como também é uma das plantas para gatos que são consideradas benéficas para a saúde do pet. Além de ser consumida na sua forma pura, uma outra opção é a infusão da erva, que pode ser oferecida como uma espécie de chá para gatos (mas sem a adição de outros ingredientes, claro). A erva cidreira tem um efeito calmante e pode ajudar um gato estressado e ansioso, desde que com orientação veterinária.

    6) Plantas para gatos: orquídea pode ser cultivada sem problemas

    Muita gente se pergunta se a orquídea é uma planta tóxica para gatos, mas a resposta é não. Várias espécies não são consideradas perigosas, como é o caso da orquídea borboleta e orquídea chave-de-ouro, e por isso não haverá nenhum problema se o seu bichano acabar ingerindo algumas folhas. No entanto, isso também pode depender da sensibilidade de cada organismo, pois alguns gatinhos tendem a ficar enjoados se comerem a planta em quantidades exageradas.

    7) Amor-perfeito é uma das plantas que gatos podem comer

    O amor-perfeito é uma flor de fácil cultivo e pequeno porte, que dá muito charme para as residências e jardins. A boa notícia é que se você convive com um felino, o amor-perfeito não vai oferecer nenhum risco à saúde do animal. Além de ser uma flor comestível, a plantinha também chama a atenção por ter um aroma e paladar diferenciado, então não se surpreenda se seu bichano resolver experimentar o gosto.

    8) Planta para gato comer inclui a capuchinha

    A capuchinha é uma das plantas para gatos que são super seguras e comestíveis. Para se ter uma ideia, absolutamente todas as partes da espécie podem ser ingeridas e aproveitadas tanto pelos felinos, quanto pelos humanos: desde as folhas e flores até as sementes. Por isso, se você sempre quis ter um capuchinha em casa, saiba que não há qualquer restrição para os animais.

    Redação: Juliana Melo

    Comedouro para gatos: 5 dicas para escolher o melhor para o seu bichano

    Próxima matéria

    Comedouro para gatos: 5 dicas para escolher o melhor para o seu bichano

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa
    Raças

    Ragamuffin: características, temperamento, cuidados... conheça essa raça de gato que tem a pelagem longa

    O Ragamuffin é uma raça de gato muito amável e carinhosa. Não muito conhecido no Brasil, o gato ragamuffin se originou a partir do cruzamento com felinos da raça Ragdoll. É considerado um gato gigante e pode chegar até os 9kg. O "Ragamuffin cat" pode ter a pelagem e olhos de diferentes cores. Uma característica marcante é o jeito brincalhão e o fato de amar colo. O Ragamuffin é ideal para famílias com crianças e outros animais.

    Gatos podem comer ração de cachorro? Saiba o que é permitido na alimentação dos felinos
    Ração

    Gatos podem comer ração de cachorro? Saiba o que é permitido na alimentação dos felinos

    Se seu amor por pets não consegue se restringir a apenas gatos ou cachorros e, na sua casa, eles convivem em harmonia, provavelmente a hora da comida é uma das mais aguardadas pelos seus amigos de quatro patas. Num mundo ideal, cada um come a ração no seu potinho: gatos com gatos, cachorros com cachorros. Mas a gente sabe bem que se não ficar de olho, uma troca pode acontecer nesse momento. Afinal de contas, gatos podem comer ração de cachorro? Se sim, essa prática pode trazer algum malefício para a saúde do seu felino? Como fazer para evitar o troca-troca? Descubra mais sobre esse assunto aqui embaixo!

    Conheça o Toyger, raça de gato que se parece com um tigre
    Raças

    Conheça o Toyger, raça de gato que se parece com um tigre

    O Toyger é um gato híbrido que não é tão conhecido como outras raças, mas que chama a atenção principalmente por conta da sua aparência, que lembra um tigre. O que poucas pessoas sabem é que o processo de criação do Toyger foi totalmente proposital, e não por “acaso” como acontece com outras raças híbridas. Considerado um dos animais domésticos mais recentes, o Toyger é muito carinhoso, inteligente e cheio de energia!

    Gato e Cão terapeuta: conheça o Pêlo Próximo, projeto que leva alegria para hospitais do RJ
    Histórias reais

    Gato e Cão terapeuta: conheça o Pêlo Próximo, projeto que leva alegria para hospitais do RJ

    Você já ouviu falar de terapia assistida por animais? Ter um gato ou cão terapeuta é super possível e algumas iniciativas buscam estreitar esse tipo de relação entre humanos e animais. Um exemplo disso é o Pêlo Próximo, um projeto nascido em 2010 que leva ações terapêuticas para hospitais e instituições de saúde do Rio de Janeiro. Projeto 100% voluntário, o Pêlo Próximo envolve animais - seja cachorro ou gato - e tutores em uma iniciativa de amor e solidariedade. Quer saber como o Pêlo Próximo surgiu e como se voluntariar? Conversamos com a Patrícia Calainho, que administra as redes sociais do projeto e é voluntária com a sua vira-latinha, a Penélope.

    Ver Todas >

    Colar elizabetano para gatos: qual o melhor modelo?
    Cuidados dos animais

    Colar elizabetano para gatos: qual o melhor modelo?

    O colar elizabetano para gatos é muito usado depois da cirurgia de castração ou em tratamentos em que o animal não pode conseguir acessar determinadas partes do corpo. O colar para gatos impede que ele mexa em pontos, feridas e curativos, evitando assim quadros de infecção ou piora do quadro. A castração de gato, por exemplo, requer o uso do acessório durante todo o pós-operatório.

    Tudo sobre a areia sílica para gatos
    Cuidados dos animais

    Tudo sobre a areia sílica para gatos

    Quem convive com um felino certamente já ouviu falar da areia sílica para gatos. Esse é um dos vários tipos de substratos que ajudam a preencher a caixinha de areia e auxiliam nas necessidades fisiológicas dos nossos amigos de quatro patas. Mas se antes as pessoas preferiam opções mais econômicas, como a areia de argila, hoje em dia outras opções têm se popularizado entre os gateiros, como o granulado de madeira e a própria areia sílica. 

    Granulado de madeira para gatos: tire todas as dúvidas sobre esse tipo de areia de gato
    Cuidados dos animais

    Granulado de madeira para gatos: tire todas as dúvidas sobre esse tipo de areia de gato

    O granulado de madeira para gatos é um dos vários tipos de areia que existem para preencher a caixinha de areia e cuidar das necessidades dos nossos amigos felinos. O material vem ganhando destaque entre os gateiros de plantão, principalmente porque é uma alternativa mais sustentável e que tem boa durabilidade. Ou seja, em questão de custo benefício, vale totalmente a pena!

    Caixa de transporte para gatos que abre por cima é melhor?
    Cuidados dos animais

    Caixa de transporte para gatos que abre por cima é melhor?

    Se você pretende abrir as portas de casa para um felino, deve saber que um acessório que não pode faltar na sua lista de compras é a caixa de transporte para gatos. Ao contrário dos cães, que têm o hábito de passear nas ruas com mais frequência, a maioria dos bichanos é criada dentro de casa e quase não tem acesso às ruas por questões de segurança. Por isso, qualquer saída deve ser feita com a caixa de transporte. Gato vai usá-la para ir ao veterinário, viagens, passeios e muito mais.

    Ver Todas >