Você já deve ter se perguntado como fazer um gato dormir ou ficar mais relaxado em viagens ou trajetos na caixinha de transporte. Todo mundo sabe que os gatos odeiam ser retirados do seu ambiente e podem ficar bastante estressados com pequenas mudanças na rotina. Eles não gostam de ser transportados, nem mesmo em trajetos curtos. Logo, algumas pessoas buscam alternativas para tornar a viagem menos estressante para o gato e procuram um remédio para gato dormir nessas situações.

Seu gato gosta mais de comida, sonecas ou de você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Mas será que isso é uma boa ideia? Quais são os riscos de apostar em um remédio para gato dormir na viagem? Para tirar essas dúvidas, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária especialista em felinos, Vanessa Zimbres. Dá só uma olhada no que ela nos contou!

É recomendado usar remédio para dopar gato para viagens?

O estresse e incômodo que os felinos apresentam leva os gateiros a pesquisarem como dopar um gato, na intenção de aliviar a inquietação do felino durante a viagem. É preciso ter muita atenção com essa ideia. Segundo a veterinária Vanessa Zimbres, é desaconselhável o uso de qualquer medicação, mesmo que aparentemente simples, sem prescrição de um especialista.

Ainda que o remédio para gato dormir tenha sido receitado por um profissional, o tutor deve ter muito cuidado com o uso. “A especialidade em medicina felina tem uma razão: gatos são diferentes de cães! Mesmo a prescrição de um médico veterinário clínico geral pode ser impróprio para o gato, causando efeito contrário ao esperado. Infelizmente, isso acontece muito, piorando ainda mais o estresse e causando, inclusive, traumas. Por isso, um médico veterinário especialista em gatos deve ser consultado, pois ele pode auxiliar em outros aspectos comportamentais e, muitas vezes, a medicação não vai ser necessária”, alerta Vanessa.

O uso de medicamentos só deve ocorrer em casos extremos, que oferecem riscos de acidente ou de saúde: “Se o intuito é fazer o gato dormir para não nos incomodar na viagem, isso não é indicado. Ao sedar esses animais, os efeitos podem ser desastrosos, levando a efeitos contrários ao esperado. O gato continuará estressado, com medo, mas incapaz de reagir para se proteger.” Logo, o uso de remédio para gatos dormirem é altamente contraindicado na maioria dos casos!

Pode dar remédio para dormir para gato?

Nada de apostar em um sonífero para gatos sem prescrição médica! Mesmo que a ideia seja aprender como sedar um gato para viajar para deixá-lo mais confortável e menos estressado na viagem, nem sempre essa é a melhor saída. Qualquer sedativo para gatos requer muita atenção e cuidado, ainda que seja usado com a melhor das intenções!

Pode dar dramin para gato dormir?

Na tentativa de como fazer um gato dormir rápido, alguns tutores podem pensar que pode dar dramin para gato. No entanto, essa atitude não é recomendada. Vários medicamentos de uso humano podem ser prejudiciais para a saúde dos animais - e isso inclui alguns tipos de calmante para gato dormir. Compostos como ibuprofeno, por exemplo, são altamente tóxicos para os pets. Dessa forma, antes de procurar soníferos para gatos, lembre-se que a automedicação pode ser extremamente perigosa.

 

Remédio para dopar gato pode ter diversos efeitos negativos para o animal

Remédio para dopar gato pode ter diversos efeitos negativos para o animal

 

Como fazer um gato dormir em viagem?

Será que existe alguma forma de fazer o felino dormir sem a medicação? É possível sim fazer o gatinho dormir durante a viagem, mas para isso ele precisa estar acostumado com o transporte. A especialista indica que o ideal é treinar o felino e programar a viagem com antecedência. Então como fazer um gato dormir no trajeto?

“Um gato que não está acostumado a viajar, dificilmente vai dormir porque ele estará sujeito a diversos estímulos diferentes (barulho, cheiro, movimentação) e isso vai deixá-lo em alerta. Não necessariamente ele vai ficar estressado. O gato não vai conseguir relaxar, como de costume, e isso é comum e esperado acontecer. Desde que ele não se agite, vocalize excessivamente e demonstre sinais de pânico, não devemos nos preocupar muito”, explica a profissional.

Por outro lado, a veterinária indica que quando o gatinho está acostumado a viagem pode ser tranquila. “Se o gato está acostumado a ficar dentro da caixa e se sente seguro dentro dela, ele pode miar um pouco no início, mas logo se acalma. Não precisa necessariamente dormir. Dependendo do tempo da viagem, eles podem tirar várias sonecas, assim como fazem normalmente em casa”, conta Vanessa. O ideal para que o gato se sinta relaxado é acostumá-lo na caixa de transporte desde filhote. 

O que fazer quando o gato não dorme?

Sabendo que não é recomendado dar calmante para gatos dormir, muitos tutores podem se sentir no escuro na hora de levar o animal para algum lugar. O que poucos sabem é que nem sempre, necessariamente, você precisa saber como fazer o gato dormir, mas apenas usar recursos para deixá-lo mais tranquilo e menos estressado durante a viagem.

É importante destacar que se o tutor perceber que o ciclo de sono felino está completamente alterado mesmo sem sair de casa, significa que o animal pode estar passando por algum problema. Nesse sentido, é necessário levá-lo ao veterinário para avaliar o estado de saúde do pet e ver se há a necessidade de prescrever um remédio para gato dormir a noite, além de tratar a causa subjacente.

O que o tutor pode fazer para deixar o pet mais tranquilo sem usar remédio para gato dormir?

Apesar de não ser tão fácil fazer um gato dormir para uma viagem ou consulta ao veterinário, o tutor pode fazer algumas coisas para deixar o trajeto mais tranquilo para os felinos. Algumas coisas simples podem fazer diferença no comportamento do gato, mas a principal dica sempre é programar tudo com antecedência.

O que dar para acalmar o gato?

Alguns cuidados que o tutor pode fazer para acalmar o gato são:

  • colocar petiscos dentro da caixa de transporte;
  • colocar uma mantinha ou tolha com o cheiro do gato dentro da caixa;
  • incentivar brincadeiras perto da caixa antes da viagem;
  • utilizar feromônios sintéticos dentro da caixa para acalmar o gato;
  • deixar a caixa de transporte perto de locais de descanso antes da viagem;
  • tampar a caixa de transporte com uma toalha durante a viagem para o felino se sentir seguro.

Publicado originalmente em: 31/01/2022

Atualizado em: 16/11/2023