Saúde

Como aumentar a imunidade do cachorro? Qual o impacto na saúde? Saiba tudo sobre o sistema imunológico canino

Aprenda tudo que você precisa saber sobre a imunidade baixa de cachorro
Aprenda tudo que você precisa saber sobre a imunidade baixa de cachorro

A saúde do cachorro sempre deve estar em primeiro lugar para quem é pai de pet. Os cachorros tem um sistema imunológico que trabalha desde seu nascimento e vai se desenvolvendo conforme o cão é exposto a patógenos. Assim como nos humanos, alguns fatores externos podem prejudicar o sistema imunológico canino. Situações de estresse, má alimentação, mudanças de clima e baixas temperaturas, por exemplo, podem afetar o sistema imunológico do cãozinho. A defesa desabilitada do organismo do cachorro pode resultar em doenças recorrentes, abatimento e cansaço. Lembre-se que é sempre necessário a avaliação de um médico veterinário de confiança caso seu amigo de quatro patas esteja apresentando sintomas de qualquer doença. Se você quer entender mais como aumentar a imunidade baixa do cachorro e entender melhor o funcionamento do sistema imunológico canino, o Patas da Casa reuniu todas as informações sobre o assunto. Vem dar uma olhada!

Como funciona o sistema imunológico canino?

Assim como nos humanos, o sistema imunológico do cachorro funciona impedindo que patógenos se espalhem pelo corpo. Esse mecanismo interno de defesa age contra vírus, bactérias, protozoários e parasitas. Os filhotes recebem os primeiros anticorpos através do leite da mãe. Esses anticorpos protegem o filhote de cachorro nas primeiras semanas de vida, enquanto o sistema imunológico canino ainda se desenvolve. Esse sistema é formado por órgãos, tecidos, células e pequenas moléculas que atuam em conjunto contra os agentes infecciosos. Veja os componentes:

  • Linfa e os gânglios linfáticos: a linfa é responsável por coletar o excesso de fluido intersticial, proteínas, gorduras e células brancas do sangue. Ela circula pelos ductos linfáticos. Já os linfonodos, também chamados de gânglios linfáticos (submandibular, pré-escapular, axilar, inguinal e poplítea em cães), fazem uma purificação para a recirculação nas veias.

  • O baço: ele filtra o sangue, produzindo novas células sanguíneas e destruindo as antigas.

  • Células imunológicas: existem diferentes tipos de células imunológicas, cada uma tem sua tarefa específica. A ação conjunta de todas essas células pode ajudar a combater uma doença.

  • Linfócitos: eles produzem anticorpos e pequenas proteínas que são capazes de se ligar ao agente infeccioso.

  • Macrófagos: essas células produzem substâncias que atraem outras células do sistema imunológico para combater a infecção. Além disso, os macrófagos absorvem o microorganismo invasor e o destroem em seu interior.

  • Células dendríticas: elas expõem parte do microorganismo invasor em sua superfície, para que outras células o destruam.

  • Neutrófilos: são as primeiras células a aparecer no local da infecção, sendo muito abundantes.


Além desses componentes, as células chamadas de basófilos e eosinófilos também fazem parte do sistema imunológico canino, participando dos processos inflamatórios e alérgicos. Entretanto, aparecem em uma porcentagem pequena no organismo do cãozinho.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Existem muitos alimentos naturais que podem aumentar a imunidade do cachorro
    Existem muitos alimentos naturais que podem aumentar a imunidade do cachorro
    A falta de interação com os donos pode deixar o cachorro com baixa imunidade
    A falta de interação com os donos pode deixar o cachorro com baixa imunidade
    Existem muitos alimentos naturais que podem aumentar a imunidade do cachorro
    A falta de interação com os donos pode deixar o cachorro com baixa imunidade

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    Uma das partes mais difíceis de ter um cachorro em casa é o momento em que eles adoecem — e isso piora quando a doença é das mais sérias, como a cinomose. Causada por um vírus, se não for tratada da forma correta, a cinomose em cães pode ser fatal não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele. Para entender um pouco mais sobre o que é cinomose canina, seus sintomas, causa e o tratamento, o Patas da Casa conversou com a veterinária Kelly Andrade, do Paraná. Dê uma olhada, aqui embaixo, nas instruções da profissional!

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!
    Saúde animal

    Doença do carrapato: sintomas, tratamento, tem cura... Tudo sobre o parasita em cachorros!

    A doença do carrapato é uma das mais conhecidas entre os pais de pet e também uma das mais perigosas para os cachorros. Transmitida pelo carrapato marrom, bactérias e protozoários invadem a corrente sanguínea e os sintomas variam de acordo com o grau da doença e podem causar coloração amarela na pele e mucosas, distúrbios de coagulação, manchas vermelhas espalhadas pelo corpo, sangramento nasal e, em casos mais raros, problemas neurológicos e até mesmo a morte do cachorro. Para ajudar a esclarecer dúvidas sobre a doença do carrapato, o Patas da Casa entrevistou a veterinária Paula Ciszewsi, de São Paulo. Confira abaixo!

    Cachorro com baixa imunidade: causas e sintomas mais comuns

    Uma das causas mais comuns para a imunidade baixa de cachorro é o estresse contínuo. Os cachorros que costumam ficar muito tempo presos ou com alguma restrição tem maior tendência de ficarem estressados. Além disso, a falta de atenção dos tutores também é um fator que pode causar o estresse. Por isso, é muito importante que os tutores interajam com os seus peludos. Afinal, todo pet tem suas necessidades emocionais e a falta de atenção pode trazer consequências para a saúde do pet como um todo.

    A má alimentação também é um fator que pode afetar a imunidade canina. É muito importante que os tutores tentem melhorar a qualidade da ração para cães oferecida aos peludos. Se atentar na quantidade e qualidade dos alimentos é essencial para evitar a imunidade baixa de cachorro. Afinal de contas, nutrição é sinônimo de saúde.

    Os sintomas de imunidade baixa em cachorro são cansaço, abatimento e falta de apetite. Caso você observe esses sinais, procure o médico veterinário de confiança para atestar se o cachorro está com baixa imunidade ou algum outro problema de saúde. Não se esqueça também de estar sempre com a vacinação e vermifugação em dia.

    Imunidade baixa de cachorro: como aumentar?

    Ao saber disso tudo você deve estar se perguntando: como aumentar a imunidade do cachorro? Como a interação com os tutores é algo essencial para a saúde do cãozinho, uma rotina de exercícios físicos poderá ajudar muito na imunidade do animal, já que as atividades físicas podem aumentar a imunidade do cachorro naturalmente. Além disso, é importante que seu melhor amigo de quatro patas viva em um ambiente rico em estímulos. Por isso, invista em brinquedos interativos como os quebra-cabeças que liberam comida. Eles podem evitar que seu doguinho sofra com estresse e ansiedade, prevenindo a imunidade baixa de cachorro.

    A alimentação para um cachorro com imunidade baixa

    Atualmente, é fácil encontrar em pet shops rações do tipo premium e super premium, alimentos para cães que costumam ser de qualidade superior. Opte sempre em pedir uma indicação do médico veterinário para saber qual ração é mais indicada para seu amigo de quatro patas. Além da ração de qualidade, oferecer uma vez ou outra um agrado ao seu pet também pode contribuir para um bom funcionamento do sistema imunológico. Óleo de coco, batata doce, beterraba, brócolis, sardinha, iogurte natural e laranja são ótimos alimentos para aumentar a imunidade do cachorro.

    Lembre-se também, que o mal armazenamento da ração pode tirar suas propriedades. Por isso, tenha cuidado com a manutenção do alimento. Além disso, não deixe de considerar a vitamina para aumentar a imunidade do cachorro. Mas lembre-se que a suplementação e complementação da dieta precisam da prescrição de um veterinário. Essa necessidade existe porque o excesso de vitaminas também pode causar sérios problemas de saúde no cão e somente irá servir como um bom remédio caseiro para aumentar a imunidade do cachorro quando ele estiver doente ou necessitando de quantidade extra de vitaminas.

    Redação: Hyago Bandeira

    Veja em infográfico quais são as doenças de cachorro mais perigosas!

    Próxima matéria

    Veja em infográfico quais são as doenças de cachorro mais perigosas!

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante
    Grandes

    Dogue Alemão: origem, porte, saúde, temperamento... saiba tudo sobre a raça de cachorro gigante

    Uma das raças de cachorros gigantes mais famosas é a do Dogue (ou Dog) Alemão, que também é conhecida como cão Dinamarquês. O motivo para isso é simples: trata-se da mesma raça do famoso personagem de desenho animado Scooby Doo. Mas a verdade é que o cão Dogue Alemão vai muito além do seu tamanho e aparência robusta: ele é um amigo de quatro patas extremamente leal, dócil e carinhoso. 

    Chihuahua: personalidade, saúde, cuidados e mais... saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Chihuahua: personalidade, saúde, cuidados e mais... saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequeno

    Quem nunca viu aquele cãozinho simpático de “Legalmente Loira”? Se você não lembra desse filme (ou não é da sua geração), deixou de conhecer uma das mais brilhantes atuações de um Chihuahua, o menor - e mais corajoso - cão do mundo. O cachorro é pequeno, mas sua origem é cercada de teorias e histórias: não se sabe ao certo se ele é descendente do Techichi, um cão selvagem do México pré-colonial, se surgiu na China e foi levado por comerciantes espanhóis para o restante do mundo ou se é resultado de cruzamentos do Techichi com alguma raça minúscula chinesa.

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena
    Pequenos

    Boston Terrier: saiba tudo sobre essa raça de cachorro pequena

    Para quem sempre sonhou em ter um cachorro de raça pequeno, o Boston Terrier é a companhia certa! Embora ele ainda seja muito confundido com o Bulldog Inglês, o cãozinho desta raça tem qualidades únicas e excepcionais. Amigáveis, brincalhões e com muita energia, os cachorros da raça Boston Terrier são muito fáceis de lidar no dia a dia e amam agradar seus tutores. Além disso, eles são super adaptáveis e conseguem conviver bem em praticamente qualquer lugar. 

    Tudo sobre o cachorro Pug: origem, saúde, personalidade, características físicas e muito mais
    Pequenos

    Tudo sobre o cachorro Pug: origem, saúde, personalidade, características físicas e muito mais

    É praticamente impossível não se apaixonar por um cachorro da raça Pug! Com os famosos olhos esbugalhados, focinho achatado e corpo compacto e rechonchudo, o cãozinho é um dos queridinhos dos brasileiros. São tantas características que fazem do Pug um animal único, que fica até difícil saber por onde começar. Pensando nisso, o Patas da Casa preparou uma matéria bem especial para todos os amantes da raça Pug. A seguir, descubra mais sobre a origem, personalidade, cuidados com a saúde e qual é o preço desse doguinho tão carismático!

    Ver Todas >

    Tártaro em gatos: veterinária explica os perigos do problema que parece inofensivo
    Saúde animal

    Tártaro em gatos: veterinária explica os perigos do problema que parece inofensivo

    Se você tem um bichano, certamente já deve ter ouvido falar da necessidade de cuidar da saúde bucal dele. A falta de higiene pode acabar resultando no tártaro em gatos, um problema mais comum do que se imagina. “O tártaro, ou cálculo dentário, são formações calcificadas que surgem na superfície dos dentes dos felinos, abrigando colônias de bactérias e outros microorganismos nocivos”, explica a Dra. Claudia Youle, que é especializada em odontologia veterinária.

    Quando o cachorro tossindo representa um problema grave?
    Saúde animal

    Quando o cachorro tossindo representa um problema grave?

    A tosse de cachorro é algo que pode assustar muitos tutores, principalmente os pais de pet de primeira viagem. As causas do cachorro tossindo são variadas e o mais importante é se atentar ao aspecto da tosse. Uma tosse seca geralmente tem causa diferente de uma tosse com sangue, catarro ou pus, por exemplo. Por isso, ao perceber seu cachorro tossindo, observe o sintoma e veja se ele apresenta algum outro sinal. 

    Castração de cachorra: entenda como é feita a cirurgia de esterilização em fêmeas
    Saúde animal

    Castração de cachorra: entenda como é feita a cirurgia de esterilização em fêmeas

    A castração de cachorro é mais que um procedimento para evitar a gravidez indesejada. Nas fêmeas, por exemplo, a cirurgia está associada a muitos benefícios para a saúde, incluindo a prevenção de doenças como a piometra canina e o câncer de mamas. A castração em cachorra é bem diferente do procedimento feito nos cães machos. Apesar de ser um procedimento muito comum, ainda existem muitos mitos e desinformação sobre a cirurgia.

    Micoplasmose felina: veterinário desvenda tudo sobre a doença causada por pulgas
    Saúde animal

    Micoplasmose felina: veterinário desvenda tudo sobre a doença causada por pulgas

    Quando se trata da saúde do gato, todo cuidado é pouco. Embora a maioria dos pets cresça de forma saudável, não podemos ignorar que o organismo dos felinos também pode desenvolver diversas doenças preocupantes, como é o caso da micoplasmose felina. O nome pode parecer complicado, mas o quadro nada mais é do que um tipo de anemia que pode se agravar com o decorrer do tempo. 

    Ver Todas >