Cuidados dos animais

Colar para cachorro: o que é e quando usar?

Publicado - 04 Novembro 2021 - 17h15

Atualizado - 15 Maio 2024 - 14h04

O colar para cachorro é um acessório de segurança que geralmente é recomendado pelos veterinários após alguma cirurgia ou curativo. Ele vai garantir que o doguinho não lamba ou morda a área do corpo que precisa cicatrizar. No caso de uma cirurgia, por exemplo, o acessório vai evitar que o bichinho nos pontos do procedimento. Existem diversos modelos de colar elizabetano para cachorro, assim como indicações. Também é preciso saber como adaptar seu pet da melhor forma. Para saber mais informações sobre o colar elizabetano para cachorro o Patas da Casa preparou uma matéria explicando as funções do acessório. 

Colar elizabetano: cachorro precisa do acessório para evitar problemas

Mesmo que os veterinários indiquem o uso do colar para cachorro, muitos tutores ainda possuem dúvidas sobre o porquê ele é importante. A utilidade do colar elizabetano está na segurança do próprio animal. O item previne que os germes advindos da saliva do animal se espalhem em alguma região ferida ou não cicatrizada. O colar elizabetano para cachorro impede que o cãozinho coloque a boca em algum local do corpo que precisa de cicatrizar. Geralmente, os médicos veterinários indicam o uso desse item após alguma cirurgia, durante tratamentos tópicos, para proteger algum curativo, infecções de pele ou fratura no pet. Muitas vezes o colar é essencial nos cuidados após a cirurgia da castração de cachorro, por exemplo.

 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Cachorro grande usando roupa pós-cirúrgica perto de pote de ração
Colar para cachorro pode ser substituído por roupa cirúrgica caso cause muito desconforto no pet

 

Colar cirúrgico: cachorro não se adaptou ao acessório, e agora?

É normal que a maioria dos doguinhos fique desconfortável ao usar o colar elizabetano. Mas em alguns casos não tem outro jeito: o acessório é fundamental em processos de cicatrização de machucados e cirurgias. Uma dica para deixar o animal menos estressado é não chegar de surpresa colocando o item em seu pescoço. O mais recomendado é chegar aos poucos e sem fazer muito alarde para não assustar o pet. Dar um petisco ou outra recompensa quando colocar o colar vai fazer que ele associe com algo positivo.

Quando o cachorro já estiver com o colar elizabetano, outro cuidado também é importante: abra espaço para o seu cachorro se movimentar e não sair derrubando tudo que estiver pela frente. Por isso, afaste móveis e retire do alcance coisas quebráveis ou que possam machucar o animal. 

Mas o que fazer quando mesmo tomando todos os cuidados para reduzir o desconforto o tutor percebe que o cachorro não está se adaptando? Alguns animais realmente não lidam bem com o acessório de segurança, mas em alguns casos ele pode ser substituído pela roupa cirúrgica para cachorro. O problema é que a roupa só protege o peitoral, barriga e dorso do cachorro - ou seja, se o tratamento ou cicatriz for nas patas, por exemplo, não adiantará de nada.

Existem alguns tipos de colares elizabetanos com materiais mais maleáveis, como espuma, que pode ser mais confortável para o cachorro deitar e se movimentar. No entanto, esse modelo é bem mais caro do que o colar elizabetano de plástico. 

Redação: Hyago Bandeira

Cachorro

"Hachiko - Para Sempre": novo filme inspirado na comovente história do leal cachorro japonês chega aos cinemas

Se você é uma daquelas pessoas que amam um bom filme de cachorro, temos uma boa notícia: um novo longa-metragem chegou aos cinemas n...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Cachorro

Samoieda: saiba como ter um cachorro da raça russa e outras curiosidades sobre a convivência com esse pet

O Samoieda é um dos cachorros mais bonitos que existem! Com uma pelagem branquinha e uma fisionomia que lembra bastante um lobo, a r...

Cachorro

Dogo Argentino: 10 curiosidades para conhecer o cachorro parecido com Pitbull

O Dogo Argentino é um cachorro grande e imponente. Em um primeiro momento, ele pode até assustar quem não conhece, principalmente po...

Cachorro

"Hachiko - Para Sempre": novo filme inspirado na comovente história do leal cachorro japonês chega aos cinemas

Se você é uma daquelas pessoas que amam um bom filme de cachorro, temos uma boa notícia: um novo longa-metragem chegou aos cinemas n...

Comportamento

Filme para assistir com meu gato: 11 filmes protagonizados por gatinhos para ver acompanhado do seu pet

Quem precisa de uma noite badalada quando você pode aproveitar o momento para assistir filmes do lado do seu bichinho de estimação, ...

Gato

Tipos de gato Savannah: curiosidades sobre a raça híbrida que é uma das mais caras do mundo

Considerado um dos felinos mais caros do mundo, o gato Savannah é cheio de curiosidades e características impressionantes. A raça, q...

Cachorro

O Chow Chow é perigoso e hostil? Saiba o que é mito e o que é verdade sobre a personalidade da raça de cachorro

O Chow Chow é um cachorro de porte médio, super peludo e conhecido por ter a língua azul. A raça, de origem chinesa, conquista muito...

Ver todas