Higiene

5 erros comuns na hora de dar banho em cachorro medroso

Veja como dar banho em cachorro medroso sem deixar ele mais traumatizado ainda
Veja como dar banho em cachorro medroso sem deixar ele mais traumatizado ainda

Os cachorros são os melhores amigos de quatro patas que qualquer pessoa pode ter, mas é importante lembrar que eles precisam de alguns cuidados no dia a dia. Os banhos, por exemplo, são algo que deve fazer parte da rotina de todo animal. No caso de um cachorro medroso, porém, o cuidado deve ser redobrado para que ele não veja a situação como algo negativo e se torne um trauma no futuro. Separamos algumas dicas de como dar banho em cachorro medroso, para que o hábito seja agradável tanto para o tutor quanto para o animal.

1) Temperaturas muito quentes são um erro na hora de dar banho em cachorro

Esse é um erro bastante comum e que afeta totalmente a experiência do banho de cachorro. Como a pele desses animais é bastante sensível, temperaturas muito extremas podem incomodar bastante os pets, provocando até mesmo queimaduras pelo corpo. Por isso, é fundamental se certificar de que a água não está muito quente para dar banho em cachorro medroso - ela deve estar no máximo morna ou então fria.

2) Molhar um cachorro medroso repentinamente deve ser evitado

Algumas pessoas pensam que é uma boa ideia tentar enganar os cães na hora de dar banho, molhando o animal de surpresa quando ele claramente não está preparado para isso. Não é nem preciso dizer porque esse pensamento é totalmente equivocado, né? Ao adotar esse tipo de atitude, o tutor acaba deixando o cachorro ainda com mais medo da água e dos banhos, que são extremamente necessários na rotina. Para evitar que isso aconteça, o ideal é apresentar a água aos poucos para o seu amigo, mostrando que ela não vai fazer nenhum mal para ele. Deixe ele analisar a situação primeiro e, aos poucos, vá molhando o corpo do animal com muita delicadeza, sempre observando como ele reage diante disso.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

question quiz stamp

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

Question Header Background
question quiz stamp

As crises alérgicas costumam acontecer:

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Question Header Background
question quiz stamp

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Question Header Background
question quiz stamp

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

Question Header Background
question quiz stamp

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

Question Header Background

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    Banho de cachorro: se seu doguinho tem medo da água, é importante deixar ele se acostumar com a ideia primeiro
    Banho de cachorro: se seu doguinho tem medo da água, é importante deixar ele se acostumar com a ideia primeiro

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    3) Banho de cachorro: não use a água como forma de punição

    Se você tem um cachorro medroso e que naturalmente não gosta de se molhar, não adianta usar água como punição em nenhuma circunstância. Na verdade, isso só piora a situação e deixa o bichinho com mais motivos para se recusar a tomar banho, que não é o objetivo. O ideal é que você incentive a aproximação do animal com a água de forma natural e que não seja prejudicial para ninguém. Mesmo que em alguns momentos isso pareça muito difícil, converse com o seu pet de forma calma e tranquila, mas nunca o punindo.

    4) O clima na hora do banho em cachorro deve ser leve e descontraído

    Nem sempre dar banho em cachorro é uma tarefa fácil, mas é importante não deixar isso transparecer demais perto do seu amigo de quatro patas. Os cães são animais muito sensitivos, e se ele percebe uma agitação fora do normal, é capaz dele acabar ficando mais agitado também. Portanto, o ideal é transformar o banho de cachorro em algo relaxante e lúdico, com brincadeiras, carinho e muito amor envolvido. Vale até botar uma música ambiente bem calminha e levar o brinquedo preferido do doguinho para deixá-lo mais à vontade. É uma boa hora para fazer uma associação positiva do banho com petiscos e carinho. 

    5) O cachorro medroso precisa de muita paciência

    Não espere que o medo do cãozinho simplesmente vá desaparecer da noite para o dia. Por isso, antes de inserir qualquer novo hábito na rotina de um cachorro medroso, é importante ter em mente que tudo deve acontecer gradativamente e com muita paciência. Qualquer tipo de estresse deve ser evitado nessas horas, de forma que o banho em cachorro seja uma atividade prazerosa para o seu doguinho. Aos poucos, o seu peludinho vai se acostumando com essa ideia.

    Redação: Juliana Melo

    Bolsa ou caixa de transportes para gatos: qual a melhor opção para carregar o seu pet?

    Próxima matéria

    Bolsa ou caixa de transportes para gatos: qual a melhor opção para carregar o seu pet?

    Ração para cachorro: quais os erros mais comuns na hora de alimentar um cãozinho?
    Ração

    Ração para cachorro: quais os erros mais comuns na hora de alimentar um cãozinho?

    É normal cometer alguns erros quando se trata da alimentação do cachorro, principalmente no caso de quem nunca teve um bichinho de estimação antes. Com o tempo e as orientações do veterinário, o tutor geralmente aprende o que o cão pode ou não pode comer, qual melhor ração para cachorro e a quantidade certa de comida que deve ser oferecida para o pet no dia a dia. O perigo é quando esses erros continuam acontecendo, porque isso pode acabar prejudicando a saúde do cachorro futuramente.

    Como dar banho em cachorro medroso? 3 dicas para amenizar o sofrimento dos bichinhos
    Higiene

    Como dar banho em cachorro medroso? 3 dicas para amenizar o sofrimento dos bichinhos

    A hora do banho em cachorro pode ser o momento preferido do seu amigo de quatro patas, mas se ele for medroso e não gostar muito da água (e, eventualmente, do secador), pode se que você tenha um problema. A higiene do animal não pode ser deixada de lado para que a convivência dele com as pessoas da sua casa continue sendo confortável. Mesmo que você possa usar a estratégia do banho seco de vez em quando, a lavagem geral com água e shampoo é a que funciona de forma mais eficiente. Ou seja: em algum momento você vai precisar ajudar o seu cachorro medroso a superar esse trauma e sofrer menos na hora de ficar cheirosinho. Confira, aqui embaixo, algumas dicas para isso!

    Como acostumar cachorro com gato: 5 erros comuns que você deve evitar
    Comportamento

    Como acostumar cachorro com gato: 5 erros comuns que você deve evitar

    Ter mais de um bichinho de estimação é muito comum em muitas famílias, mas e quando os animais são de espécies diferentes, como cachorro e gato? Algumas pessoas acreditam que a relação entre eles é um pouco problemática, mas não precisa ser assim - inclusive, é super possível fazer com que os dois bichinhos sejam grandes amigos. Tudo é uma questão de saber como acostumar gato com cachorro para que eles aprendam a conviver de um jeito mais harmonioso.

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa
    Higiene

    Como dar banho em cachorro: 10 dicas para manter a higiene do seu pet em casa

    Manter o cachorro sempre limpo vai além da questão de deixar seu animal cheiroso, principalmente para quem dorme ou deixa o pet deitar na cama e no sofá. A higiene regular do seu cão impede o surgimento de parasitas e doenças de pele. Mas dar banho em cachorro em casa pode ser uma missão bastante trabalhosa! Com algumas dicas, você pode tirar de letra e ainda deixar seu bichinho limpo para colocar a pata onde quiser. Mesmo que tenha o hábito de levá-lo no pet shop, é bom saber o que fazer para situações de emergência ou até mesmo para economizar uma grana.

    Ver Todas >

    Como descartar fezes de cães corretamente?
    Cuidados dos animais

    Como descartar fezes de cães corretamente?

    Você sabe onde descartar fezes de cachorro? Mesmo tendo experiência com animais, muitos tutores ainda tem dúvidas do que fazer com os dejetos do doguinho e até descartam de forma errada. O cocô do cachorro é considerado lixo sanitário. Por isso, saber como descartar fezes de cães, tanto em casa como na rua, corretamente é uma questão de saúde pública. 

    O que colocar na casinha do cachorro para aquecer? Veja dicas de como manter seu pet longe do frio
    Cuidados dos animais

    O que colocar na casinha do cachorro para aquecer? Veja dicas de como manter seu pet longe do frio

    Com a chegada do inverno, muitos tutores logo se perguntam como aquecer o cachorro no frio. A preocupação faz todo sentido, afinal de contas, os doguinhos sentem frio mesmo possuindo uma fofinha camada de pelos sobre o corpo. Por isso, é natural que os pais de pet comecem a buscar maneiras de diminuir os efeitos das baixas temperaturas nos cães durante a época mais fria do ano.

    Acessórios para gatos idosos: 5 produtos que vão melhorar a vida do bichano na terceira idade
    Cuidados dos animais

    Acessórios para gatos idosos: 5 produtos que vão melhorar a vida do bichano na terceira idade

    Quem é tutor de gato idoso sabe o quanto é importante que alguns cuidados sejam tomados na terceira idade. Tornar a velhice do seu bichano mais confortável fará toda a diferença, garantido mais segurança e bem-estar ao seu pet. A terceira idade felina demanda não só adaptações na rotina do animal, como também adequações no espaço em que ele vive. Por isso, investir em alguns acessórios para gatos idosos é o mais recomendado. Nesse sentido, listamos 5 produtos que podem melhorar a vida do seu bichano durante a velhice. Dá só uma olhada!

    Qual a função do tapete antiderrapante para cachorro e como melhorar a mobilidade do pet?
    Cuidados dos animais

    Qual a função do tapete antiderrapante para cachorro e como melhorar a mobilidade do pet?

    A maioria dos acidentes domésticos com cães envolvem quedas e escorregões. Muitas vezes, a escolha de um piso para cachorro inadequado é a causa. Alguns revestimentos deixam a patinha do animal deslizar demais, deixando ele mais propício a se machucar ou sofrer lesões. Mas caso não seja possível mudar o piso da casa, o uso de um produto antiderrapante para cachorro ajudará a deixar o seu pet mais seguro. O tapete antiderrapante para cachorro é uma solução viável. 

    Ver Todas >